1 arquivo Progresso



Baixar 5.92 Kb.
Encontro29.07.2016
Tamanho5.92 Kb.
Em 2005 foi criado o Memorial do Colégio Progresso com o objetivo de abrigar o riquíssimo patrimônio histórico produzido desde a sua fundação em 1900.

O novo espaço foi criado na casa onde residiam as antigas mantenedoras, nas dependências do Colégio. Dessa maneira foi possível a concretização de vários projetos para abrigar os documentos em uma estrutura adequada, realizar pesquisas cientificas, ações educativas e ainda abrir para visitação.

No início, a organização do acervo contou com a parceria do Centro de Memória da Educação da Unicamp, através de um projeto financiado pelo CNPq.
A difusão desses conteúdos é fundamental para a fixação da memória cultural e o trabalho foi dividido em quatro grandes áreas:
1) arquivo Progresso;

2) banco de história oral;

3) divulgação presencial e via Internet do acervo ;

4) parcerias.


1- ARQUIVO

O arquivo fundamental inclui uma grande diversidade de materiais, tais como documentos iconográficos, álbuns, mapas, desenhos, folhas avulsas ilustradas, e muitos outros objetos, e relíquias que poderão auxiliar na realização de pesquisas históricas, artísticas e documentais.


2- BANCO DE HISTÓRIA ORAL

Voz da escola – Os depoimentos orais constituem-se como importantes recursos para a reconstrução da história (a voz da escola), registrando memórias individuais construídas ao longo de vidas – que hoje se apresentam em forma de saborosos relatos que nos remetem ao passado, mas ao mesmo tempo nos proporciona uma série de questionamentos pertinentes e extremamente atuais.

3- DIVULGAÇÃO

Divulgação do acervo e da história do colégio, através da realização de diversas atividades, entre elas, campanhas publicitárias, promoções culturais, exposições temáticas, palestras, oficinas culturais, eventos, festas literárias, entre outros.

4- PARCERIAS

O acervo vem ganhando forma, procurando manter viva a história do Colégio e da sociedade campineira através de parcerias, que permitam ao Memorial atingir seus objetivos.



O trabalho aqui realizado é apenas o começo de uma obra cuja continuidade se mostra essencial à preservação do patrimônio histórico do Colégio Progresso e da cidade de Campinas, contando com a participação da diretoria, dos professores, dos ex-alunos, alunos, familiares, amigos e da sociedade em geral.


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal