1. missãO 8 visão de futuro “turismo e lazer odivelas 2010” 9



Baixar 470.51 Kb.
Página13/13
Encontro29.07.2016
Tamanho470.51 Kb.
1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   13



Projecto

(P 3.1.1)

Playcenter



Descrição

Um conceito a desenvolver para aproveitamento de um edifício inteiro com espaços de diversões para o segmento jovem, compreendendo diferentes atracções.

Localização

A estudar.

Eventualmente na reconversão de alguns armazéns junto ao Senhor Roubado.

Poderá também ser na Póvoa de Santo Adrião.

Enquadramento Estratégico

Eixo 3 – Criação de espaços de lazer – Equipamentos de lazer multifuncional em contexto urbano.

Objectivos/Justificação

Ocupação dos tempos livres dos jovens.

Atracção para recreio de fim-de-semana da população jovem dos concelhos limítrofes.



Segmento-alvo

Jovens.

Promotor

Privado.

Estimativa de Investimento

Variável.

Provavelmente 1.000.000 €



Condições de Viabilidade

Empreendimento com rentabilidade económica.

Horizonte Temporal

2005

Articulação com outros projectos/acções

Eventualmente com o Parque de Lazer e/ou o Playground.




Projecto

(P 3.1.2)

Parque de Lazer



Descrição

Um conceito a desenvolver para reconversão de uma zona de armazéns (como acontece na Fábrica do Inglês) onde se possa implantar um programa que associe uma série de equipamentos de lazer para o segmento familiar. Por exemplo ter pistas de bowling, pista para competições de carros telecomandados, zona para crianças com equipamentos do género dos do Parque do Gil (Parque das Nações), bares, restaurantes, half pipes, discoteca, palco para espectáculos, etc.

Localização

A estudar.

Eventualmente na reconversão de alguns armazéns junto ao Senhor Roubado.



Enquadramento Estratégico

Eixo 3 – Criação de espaços de lazer – Equipamentos de lazer multifuncional em contexto urbano.

Objectivos/Justificação

Ocupação dos tempos livres dos jovens e famílias.

Atracção para recreio de fim-de-semana da população dos concelhos limítrofes.



Segmento-alvo

Jovens e famílias.

Promotor

Privado, podendo associar diversas empresas e empreendimentos com uma gestão unificada dos espaços comuns.

Estimativa de Investimento

Variável.

Provavelmente 2.500.000 €



Condições de Viabilidade

Empreendimento com rentabilidade económica.

Horizonte Temporal

2010

Articulação com outros projectos/acções

Eventualmente com o Playcenter e/ou o Playground.




Projecto

(P 3.1.3)

Playground



Descrição

Um conceito a desenvolver para o segmento infantil com equipamentos - construções de insufláveis, labirintos, piscinas de bolas, etc. - que permitam que as crianças passem algum tempo com os amigos e onde possam realizar festas de aniversário. A área necessária parte dos 500m e não seria demais construir 2 ou 3 espaços destes no concelho.

Localização

A estudar.

Pode ser integrado num parque urbano ou fazer conjunto com outros equipamentos.



Enquadramento Estratégico

Eixo 3 – Criação de espaços de lazer – Equipamentos de lazer multifuncional em contexto urbano.

Objectivos/Justificação

Ocupação dos tempos livres das crianças e realização de festas.

Segmento-alvo

Crianças e famílias.

Promotor

Microempresa privada ou associação.

Estimativa de Investimento

Variável.

Provavelmente 100.000 €. Se forem 3, o investimento total será de 300.000 €.



Condições de Viabilidade

Empreendimento com rentabilidade económica.

Horizonte Temporal

2005

Articulação com outros projectos/acções

Eventualmente com o Playcenter e/ou o Parque de Lazer.




Projecto

(P 3.2.1)

Parque de Diversões



Descrição
Conceito e programa base a desenvolver podendo variar desde a versão “Luna Park” ou Feira Popular até versões mais sofisticadas ou menos massificadas.

Poderá ser uma hipótese para a deslocalização da actual Feira Popular de Lisboa, eventualmente com um upgrade que melhore as suas condições de divertimento e segurança.

Localização

Antevê-se uma localização possível para este parque na zona do Alvito – Arroja, onde existe terreno disponível e bons acessos.

Uma localização deste tipo é compatível com equipamentos de uso massificado, geradores de ruído e de volumes de tráfego potencialmente elevados.



Enquadramento Estratégico

Eixo 3 – Criação de espaços de lazer – Equipamentos de lazer periféricos.

Objectivos/Justificação

Valorização da imagem interna e externa do concelho.

Criação de condições de atractividade para grande número de visitantes.

Criação de empregos e rendimentos no concelho.

Ocupação dos tempos livres das famílias.



Segmento-alvo

Famílias.

Promotor

Privado, podendo associar diversas empresas e empreendimentos com uma gestão unificada dos espaços comuns.

Estimativa de Investimento

Pode atingir 50.000.000 €

Condições de Viabilidade

Obtenção de terreno com preço razoável.

O conjunto tem rentabilidade económica assegurada.



Horizonte Temporal

2010

Articulação com outros projectos/acções

Qualificação da gastronomia e restaurantes.

Criação de infraestruturas turísticas.






Projecto

(P 3.2.2)
Campo de treino de golfe

Descrição

Driving Range - campo de treino com 3 buracos para lições e/ou prática de pancadas.

Localização

A estudar. Possivelmente na freguesia de Caneças, aproveitando a imagem criada pelo Belas Clube de Campo e por Vale de Lobo.

Enquadramento Estratégico

Eixo 3 – Criação de espaços de lazer – Equipamentos de lazer periféricos.

Objectivos/Justificação

Valorização da imagem interna e externa do concelho.

Qualificação das propostas de lazer.

Valorização de Caneças como espaço de turismo e lazer associado às quintas e aos espaços florestais.

Segmento-alvo

Jovens e famílias.

Promotor

Privado, podendo ser o proprietário de uma Quinta onde se possa implantar este equipamento, eventualmente associado à construção de uma estalagem que indicamos como oportunidade para esta zona.

Estimativa de Investimento

300.000 €

Condições de Viabilidade

O empreendimento terá viabilidade económica principalmente se for associado a um equipamento hoteleiro ou a um empreendimento imobiliário de alta qualidade.

Horizonte Temporal

2010

Articulação com outros projectos/acções

Criação de infraestruturas turísticas.





Projecto

(P 3.2.3)
Campo Aventura

Descrição

Campo de multiactividades, tais como paintball, tiro com arco, paredes de escalada, circuito de BTTrail, pista de motocross e de moto quatro, etc.

Localização

Este projecto tem como hipótese de local de implantação o Sítio das Canoas, ao lado do Pinhal da Paiã integrando-se em conjunto com este.

Enquadramento Estratégico

Eixo 3 – Criação de espaços de lazer – Equipamentos de lazer periféricos.

Objectivos/Justificação

Ocupação dos tempos livres dos jovens e de alguns adultos, respondendo à procura crescente de actividades do tipo radical em ar livre.

Pode também ser utilizado para formação de monitores de turismo de aventura e desportos radicais.



Segmento-alvo

Jovens.

Promotor

Município e/ou associado a empresa privada.

Estimativa de Investimento

250.000 € (não contando com o terreno)

Condições de Viabilidade

Tem rentabilidade económica.

Horizonte Temporal

2005

Articulação com outros projectos/acções

Centro Equestre.

Criação de infraestruturas turísticas.






Projecto

(P 4.1)
Quinta Pedagógica

Descrição

Espaço que simula a variedade de uma exploração agrícola e pecuária organizado por forma a receber visitantes com sinalização interpretativa e com oferta de actividades de participação em tarefas do campo – fabrico do pão, ordenha das vacas, fabrico de queijo e manteiga, etc.

Localização

Junto à Escola Profissional Agrícola da Paiã, com várias alternativas de implantação em associação com o Labirinto de Milho e eventualmente com o Campo Aventura e o Centro Equestre.

Enquadramento Estratégico

Eixo 4 – Valorização e aproveitamento de zonas rurais e naturais.

Objectivos/Justificação

Valorizar como posicionamento diferenciado as memórias rurais do concelho acrescentando-lhes uma dimensão lúdica que seja atractiva principalmente para as crianças.

Combina muito bem com actividades de educação ambiental e com actividades escolares no âmbito da disciplina de Estudo do Meio.



Segmento-alvo

Crianças em idade escolar.

Promotor

Município.

Estimativa de Investimento

200.000 €

Condições de Viabilidade

Sendo um equipamento de interesse público as entradas não serão pagas.

Horizonte Temporal

2005

Articulação com outros projectos/acções

Labirinto de Milho.

Campo Aventura.

Centro Equestre.

Playcenter.






Projecto

(P 4.2)
Labirinto de Milho

Descrição

Parque vegetal recreativo com um labirinto desenhado no terreno e formado pelo milho quando cresce, onde as crianças entram em grupo para se divertirem em contacto com a natureza, podendo combinar-se com diversas actividades de animação e de educação ambiental.

Localização

Para este projecto poder-se-á eventualmente explorar a complementaridade com a Escola Agrícola da Paiã, existindo várias alternativas de implantação em associação com a Quinta Pedagógica e eventualmente com o Campo Aventura e o Centro Equestre.

Junto à Quinta Pedagógica e à Escola Profissional Agrícola da Paiã, integrado em programas de educação ambiental.



Enquadramento Estratégico

Eixo 4 – Valorização e aproveitamento de zonas rurais e naturais.

Objectivos/Justificação

Valorizar como posicionamento diferenciado as memórias rurais do concelho acrescentando-lhes uma dimensão lúdica que seja atractiva principalmente para as crianças.

Combina muito bem com actividades de educação ambiental e com actividades escolares no âmbito da disciplina de Estudo do Meio.



Segmento-alvo

Crianças em idade escolar.

Promotor

Empresa privada.

Estimativa de Investimento

200.000 €

Condições de Viabilidade

É um empreendimento com rentabilidade económica comprovável pelo funcionamento do Milhorinto em Ílhavo.

Horizonte Temporal

2005

Articulação com outros projectos/acções

Quinta Pedagógica.

Campo Aventura.

Centro Equestre.

Playcenter.







Projecto

(P 4.3)
Centro Equestre

Descrição

Centro de ensino equestre com uma valência dupla de recreio e de formação e que pode surgir associado geograficamente e com sinergias com a Escola Agrícola Profissional da Paiã e com os equipamentos já referidos - Quinta Pedagógica e Campo Aventura.

Localização

Este projecto tem como hipótese de local de implantação o Sítio das Canoas, ao lado do Pinhal da Paiã integrando-se em conjunto com este.

Enquadramento Estratégico

Eixo 4 – Valorização e aproveitamento de zonas rurais e naturais.

Objectivos/Justificação

Valorizar como posicionamento diferenciado a zona rural do concelho, valorizando-a e acrescentando-lhe uma dimensão lúdica.

Valorização da imagem interna e externa do concelho.

Qualificação das propostas de lazer.

Segmento-alvo

Crianças e jovens.

Promotor

Município e/ou privado.

Estimativa de Investimento

1.000.000 €

Condições de Viabilidade

É um empreendimento com rentabilidade económica.

Horizonte Temporal

2005

Articulação com outros projectos/acções

Campo Aventura.

Criação de infraestruturas turísticas.







Projecto

(P 5.1)
Hotel em Odivelas

Descrição

Hotel Residencial com 3 ou 4 estrelas (podendo ser Albergaria) com 30 ou 40 quartos.

Localização

Localização com uma boa acessibilidade ao centro da cidade de Odivelas, apontando-se como hipótese um terreno junto ao Nó das Patameiras ao lado do Odivelas Park.

Enquadramento Estratégico

Eixo 5 – Criação de infraestruturas turísticas.

Objectivos/Justificação

Valorização da imagem externa do concelho.

Criação de empregos e de rendimentos.



Segmento-alvo

Empresas e congressos/reuniões.

Promotor

Privado.

Estimativa de Investimento

3.000.000 €

Condições de Viabilidade

Virá a ter uma posição sem concorrência e responder a uma necessidade emergente, o que lhe permitirá atingir taxas de ocupação interessantes e acolher actividades do tipo reuniões de empresa e apresentações de produtos, o que rentabiliza a exploração (semelhança com o Lezíria Parque em Vila Franca de Xira).

Investimento elegível para apoio pelo SIME.



Horizonte Temporal

2010

Articulação com outros projectos/acções

Qualificação da cidade e valorização da sua imagem externa.

Melhoria das acessibilidades ao centro de Lisboa.



CAELO – Centro de Actividades Económicas de Loures e Odivelas.



1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   13


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal