4cchladlcvpxt05-p saberes e sabores: lendo história e formando leitores



Baixar 6.93 Kb.
Encontro31.07.2016
Tamanho6.93 Kb.
4CCHLADLCVPXT05-P

SABERES E SABORES: LENDO HISTÓRIA E FORMANDO LEITORES

ALEX LUIS ROQUE DOS SANTOS(1); KÁTIA SALVINO DE SOUZA(1); LUANNA EMANUELLE FELIX DA SILVA(1); WILLIAM MASKET SILVA DE SOUSA(1); MARIA ESTER VIEIRA DE SOUSA(3)

Centro de Ciências Humanas Letras e Artes / Departamento de Línguas Clássicas e Vernáculas / PROEXT
INTRODUÇAO

Esse programa de extensão tem como objetivo geral contribuir para a formação de leitores que sejam não apenas competentes, mas que tenham prazer em ler e que reconheçam na leitura um modo de acesso à cultura e à cidadania. Como se trata de uma ação que privilegia a leitura e a escrita, acreditamos, também, contribuir para a interdisciplinaridade entre os diversos conteúdos formais de ensino, ao privilegiar temáticas que perpassem diferentes áreas do cotidiano do aluno.


AREA DE ATUAÇAO DO PROGRAMA E PÚBLICO ALVO
Esse programa teve inicio em março de 2011 e consiste em realizar atividades de leitura e de empréstimos de livros da Literatura Infantil e Juvenil em vinte escolas e três creches da área rural do município do Conde-PB. Tem como público alvo 2.750 crianças e adolescentes de escolas do campo desse município. Os docentes dessas escolas também são beneficiados por esse projeto com a realização de seminários de leituras, que contam com palestras e oficinas.
METODOLOGIA DE TRABALHO

Essas atividades ocorrem semanalmente e são desenvolvidas em parceria com a Associação Educativa Livro em Roda (AELER). As escolas atendidas são contempladas com empréstimos de livros do acervo, mais de 4.000 títulos que a AELER em Roda disponibiliza. Cada escola é visitada por um(a) promotor(a) de leitura que, ao chegar à escola, ler em cada sala de aula uma história, previamente escolhida, e em seguida procede ao empréstimo de livros aos alunos. Além dessas atividades, também promove atividades de incentivo à produção escrita com os alunos, visando à publicação desses textos no jornal criado pela associação. Desse modo, no interior das escolas visitadas, os alunos bolsistas (10 no total) assumem a função de mediadores de leitura. Esse é um momento ímpar para os bolsistas empenhados nesse programa, pois é extrema a troca de conhecimento com essas comunidades escolares.


RESULTADOS

Semanalmente, com a participação efetiva dos bolsistas, a AELER empresta cerca de 1.600 livros. Acreditamos que esses números revelam o quão significativa tem sido a contribuição desse programa para a formação de leitores. Além disso, iremos publicar em breve um número do Jornal Gira-Gira com textos produzidos pelos alunos a partir de atividades desenvolvidas pelos bolsistas desse programa; também está previsto a produção de texto pelos bolsistas, refletindo acerca dessa prática, para a publicação de um livro.


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal