A associação Gaúcha de Engenheiros de Minas – agem promove o Workshop: Conceitos Básicos da Produção Enxuta



Baixar 12.81 Kb.
Encontro04.08.2016
Tamanho12.81 Kb.
A

Associação Gaúcha de Engenheiros de Minas – AGEM promove o Workshop:

Conceitos Básicos da Produção Enxuta



  1. Introdução:

A crescente competição econômica mundial faz com que o domínio tecnológico das empresas não seja, por si só, suficiente para assegurar a sobrevivência das mesmas. É necessário, também, que os métodos de gestão utilizados estejam alinhados com a lógica da competitividade, visando maximizar os resultados econômicos financeiros das organizações como forma de sustentação no cenário globalizado atual.

Neste sentido, os princípios e técnicas de gestão da produção desenvolvidas a partir da segunda metade do século XX como o Sistema Toyota de Produção (STP) no Japão, também conhecido como Lean Manufacturing System ou Sistema de Produção Enxuta, se difundiram, sendo atualmente estudados, copiados e adaptados por organizações de todo o mundo, nos mais diferentes segmentos industriais.

Ao integrar a tecnologia intrínseca de cada organização com tecnologias de gestão oriundas de modernas metodologias de gestão, como o STP, obtém-se, de forma sinérgica, melhores resultados econômicos financeiros através da redução dos custos operacionais e aumento do ganho.

Este Workshop tem por objetivo propiciar aos participantes os conhecimentos básicos que deram origem ao STP, capacitando-os a iniciarem a implementação dos mesmos em sua realidade profissional.





  1. Programa:

Principais tópicos abordados: É fácil fazer uma mudança? Como nascem os paradigmas. O Mecanismo da Função Produção. A Função Processo. A Função Operação. As perdas nos sistemas produtivos. Conceito de perdas segundo Shingo e Ohno. As 7 grandes perdas do Sistema de Produção Enxuta.


  1. Ministrante:

Altair Flamarion Klippel, Doutor em Engenharia UFRGS/PPGEM, Mestre em Engenharia UFRGS/PPGEP, Engenheiro de Minas. Professor em MBAs de Engenharia e Administração da Produção e em cursos “in company”. Consultor em Engenharia Industrial e Gestão da Produção. Sócio-consultor da PRODUTTARE Consultores Associados.


  1. Datas de realização:

17 de setembro de 2011, sábado, das 08:00 às 12:00 e das 13:00 às 17:00.


  1. Valor:

R$ 120,00, com desconto de 50% para sócios da AGEM em dia com a anuidade de 2010.


  1. Local:

Prédio da MÚTUA Caixa de Assistëncia. Rua Dom Pedro II, 864 CEP: 90550-140 - Porto Alegre - RS


  1. Observações:

A AGEM fornecerá apostilas em formato digital e certificados aos inscritos presentes.

Vagas limitadas (45).

Reservas até 07 dias antes do curso.

A AGEM possui mais de 25 anos de atuação, representa a categoria dos engenheiros de minas no CREA-RS e sua documentação possui plena validade jurídico-fiscal. A promoção decorre de convênio com o CREA-RS e possui preço subsidiado por este.




  1. Síntese para divulgação.

Fundamentos de “Conceitos Básicos da Produção Enxuta”.

A globalização da economia e a revolução das relações comerciais com o surgimento da informática possibilitaram às organizações acesso fácil a novos conhecimentos e à inovação tecnológica através do uso de novas técnicas, mas também propiciou o aumento da concorrência, obrigando-as a eliminarem desperdícios e reduzirem os seus custos para a obtenção de uma produção enxuta como forma de assegurar sua sustentabilidade.

Neste sentido, os princípios e técnicas de gestão da produção desenvolvidas a partir da segunda metade do século XX como o Sistema Toyota de Produção (STP) no Japão, também conhecido como Sistema de Produção Enxuta, se difundiram, sendo atualmente estudados, copiados e adaptados por organizações de todo o mundo, nos mais diferentes segmentos industriais, com vistas a manutenção de sua competitividade e sobrevivência.

Neste curso serão apresentados os conceitos básicos relativos à Produção Enxuta a partir da lógica do Mecanismo da Função Produção desenvolvida por Shigeo Shingo e Taiichi Ohno, construtores do Sistema Toyota de Produção, para o mapeamento de processos e a identificação das perdas existentes nos sistemas produtivos, ponto de partida para a implementação da produção enxuta em uma organização.



Maiores informações, reservas e inscrições poderão ser realizadas no site da AGEM: www.agem.org.br


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal