A transfiguraçÃo de jesus



Baixar 8.47 Kb.
Encontro04.08.2016
Tamanho8.47 Kb.
A TRANSFIGURAÇÃO DE JESUS

NARRADOR: A nossa história de hoje se passa num jardim, um pequeno jardim. Lá moravam inúmeros animaizinhos e entre eles, havia uma lagartinha!


Vocês conhecem uma lagarta, não é? É um bichinho comprido e enrugado, mais pra feio, que pra bonito. Acontece que essa lagartinha era especial, era amada pela maioria dos bichinhos do jardim, pois era doce e amiga de todo mundo!
LAGARTA: Deus me ama como sou, do jeito que eu sou, Deus me ama como sou, do jeito que eu sou!

Olá crianças, tudo bem com vocês? Comigo também.

Sabe amiginhos, eu sou tão feliz! Hoje é Domingo, dia do Senhor e eu tenho muitos amigos que eu amo muito: tenho a amiga formiga, a amiga, joaninha, os pássaros e muitos outros...

NARRADOR: Outro dia, a Dona Joaninha quebrou uma das suas anteninhas. Ah, mas foi uma choradeira só, eram lágrimas pulando igual pipoca na panela. A bondosa lagarta, vendo o desespero da amiguinha logo quis ajudá-la... Colocou a anteninha no lugar, rezou e ela logo ficou boa e se pôs a bailar. Assim era a vida da lagartinha, ajudar e amar seus amiguinhos. Mas porque ela era muito boa, havia ali no jardim um bichinho que tinha inveja da lagarta e dela viviam criticando. Achavam que tudo o que ela falava era só bobagem e mentira. Não acreditava no bem que ela fazia e a desprezava com risinhos e críticas.

RATO: Olá lagarta, já curou hoje? Já salvou alguém? Já pregou suas palavrinhas de amor e de perdão? Por que você não faz como as outras lagartas, vai cuidar das suas obrigações? Só quer saber de rezar, ajudar os outros!

É isso mesmo! Vai comer folhinha que pra isso que você serve!

NARRADOR: Mas a lagartinha nem ligava e ainda o chamava de irmão, dizia assim para ele:

LAGARTA: Querido irmãozinho, você precisa mudar seu coração!

RATO: Ora, vejam! Uma lagarta quer me ensinar a mudar... Pois me mostre seu poder de mudança, pra eu poder acreditar.

NARRADOR: Mas a lagartinha não desistia e lhe falava:

LAGARTA: Você precisa acreditar que todo mundo, possui dentro de si uma nova alma, como se fosse um novo bichinho, que pode ser bom e saber amar!
É preciso transfigurar, mudar, deixar o nosso avesso transparecer!

NARRADOR: Mas suas amigas não entendiam muito bem o que ela dizia então a lagartinha convidou a todos, até aquele que não gostava dela para subirem até o alto de uma árvore lá do jardim. Falou a todos, sem distinção, para abrirem seu coração deixarem o amor do céu entrar e para sempre nele morar.


A lagartinha falou muitas coisas bonitas que tocaram o coração até daquele que não gostava dela e quase como que num encanto, a lagarta ia mudando e de uma lagarta feinha e sem graça ia se transformando numa linda borboleta com asas grandes e coloridas.
Todos ficaram e admirados, espantados diante daquela mudança... Mas ao mesmo tempo estavam muito felizes, sorrindo, alegres... Todos juntos ali no jardim, impressionados com aquela beleza que existia na lagartinha e assim não só a lagarta se transfigurou, mas também aqueles animaizinhos que agora se entendiam se amavam e davam valor aos ensinamentos da lagartinha e passaram a acreditar que o amor era capaz de transformar a vida de cada um deles.
Assim, também pode acontecer conosco: se abrirmos o coração para Jesus a nossa vida, a nossa casa, a nossa família pode ser toda transformada!!!

LAGARTA: Crianças, vocês sabem o que nós comemoramos hoje?

O dia do Padre!

Será que tem algum Padre aqui?

Vamos chamar o padre? Padre Márlon! (substituir pelo nome do padre de sua paróquia)

Olá Padre nós sabemos que hoje na Igreja, se comemora o dia do Padre, então nós queremos agradecer á Deus por nos ter dado esse presente maravilhoso que é ter o senhor conosco.

Louvamos e bendizemos á Deus pelo dom da sua vida.

Agradecemos ao senhor padre, por ser nosso pai espiritual, nosso pastor e nosso amigo de todas as horas.



Obrigada por tudo! Que Deus o abençoe!


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal