A voz da profecia buscando a ovelha perdida



Baixar 14.59 Kb.
Encontro29.07.2016
Tamanho14.59 Kb.


BUSCANDO A OVELHA PERDIDA 

Pr. Neumoel Stina

Você já se viu perdido? Sem saber o que fazer? Já se sentiu desespero ao ver sua desorientação? Qual é a sensação de estar perdido? Como é sentir que Deus está longe?

 

O título da palestra de hoje é: BUSCANDO A OVELHA PERDIDA.



 

Uma das grandes parábolas da Bíblia é o da ovelha errante, ou seja, a da ovelha perdida. Ela representa pessoas que estando nos braços de Deus, mas por uma curiosidade ou descuido qualquer, deixam o aconchego do Pai para descobrir novos caminhos.

Esta parábola está registrada no livro de Lucas no capítulo 15. Jesus tinha uma maneira muito peculiar de mostrar os erros e de responder as perguntas das pessoas. Ele respondia as perguntas de um jeito amoroso, que fazia com que seus ouvintes ficassem com os olhos fixos nEle.

Jesus era muito criticado, porque era cercado continuamente por todos os tipos de pessoas. As pessoas eram de todo o tipo: pobres, ricas, doentes, pecadoras. Os fariseus e escribas se consideravam santos e de certo modo se achavam no direito de julgar a todos, inclusive a Jesus.

Jesus sabia que estava sendo criticado. E num dia em que estava rodeado por uma grande multidão foi que Jesus contou várias histórias. E dentre elas, a historia da ovelha errante, a história da “ovelha perdida”.

Ele começou falando: “Que homem entre vós, tendo cem ovelhas, e perdendo uma delas, não deixa no deserto as noventa e nove, e não vai após a perdida até que venha a achá-la? E achando-a, a põe sobre os seus ombros, feliz; E, chegando a casa, convoca os amigos e vizinhos, dizendo-lhes: Alegrai-vos comigo, porque já achei a minha ovelha perdida. Digo-vos que assim haverá alegria no céu por um pecador que se arrepende, mais do que por noventa e nove justos que não necessitam de arrependimento”.Lucas 15: 4-7.

Jesus é maravilhoso. Ele contou esta história para motivar as pessoas que Ele sabia que um dia se sentiriam longe de Deus e tentariam voltar para Ele e não teriam forças. Não teriam forças talvez por vergonha, ou por medo ou mesmo covardia.

Nossa vida é cheia de situações que muitas vezes nos levam a errar, mesmo sabendo que não deveríamos agir de maneira errada, não temos forças para resistir o mal.

Talvez neste exato momento você esteja enfrentando uma situação assim: talvez você esteja agora longe de Deus. Você sabe que está longe. De noite com a cabeça no travesseiro você começa a pensar de como sua vida esta indo de mal para pior, e que tolice você cometeu ao se afastar de Deus.

Mas onde adquirir forças para voltar para os braços de Deus? Sua dor é muito grande e tem vergonha de admitir que comete erros sucessivos e não é forte o suficiente para deixar de errar.

A verdade é que a solução não está em você. O problema é de Deus. Somente Deus pode resolver os seus problemas e ajudar você a sair do fundo do poço em que se encontra.

Como na parábola da ovelha perdida o bom pastor vai atrás da ovelha, Deus está chamando você a voltar para Seus braços dizendo que só Ele pode curar a ferida profunda que está dentro do seu coração.

O que você precisa fazer é escutar a voz do Bom Pastor chamando pelo seu nome. Quando se admite o erro é sinal de que o Espírito Santo de Deus está tocando seu coração.

O ser humano por natureza não tem forças para lutar contra o mal que assola nosso mundo. O mundo está repleto de pecado. O pecado impregnou o mundo de tal maneira que muitas vezes nos cega e nos deixa surdos para que não conseguimos sair do buraco que nos encontramos.

Pecar é natural, errar é natural. Antinatural é escutar a voz de Deus. Mas pelo Espírito de Deus, o Espírito Santo, é possível ouvir a voz de Deus. Como a ovelha errante da parábola que saiu de perto do pastor. No aprisco a ovelha tinha segurança, alimento e o cuidado dia e noite do pastor.

Raciocinando bem ela foi ingênua ao sair da área segurança. Assim acontece também ao ser humano. Como a ovelha quis conhecer as coisas que lhe atraía os olhos, o homem quer sentir prazeres e sensações que o afastam de Deus.

O homem nasce com tendência para o mal. Como a ovelha que curiosamente deixou seu pastor.

Porém ela se arrependeu. Sentiu medo. Imagine quando ela se viu sozinha sem segurança, talvez estivesse presa entre espinhos. Que medo terrível ela sentiu.

Você já sentiu um medo terrível de estar irremediavelmente perdido? Para sempre perdido?

 

A boa notícia é: perca o medo. Pense no que Jesus disse: “Haverá mais alegria no céu por um pecador que se arrepende, mais do que por noventa e nove justos que não necessitam de arrependimento”.



Só fato de você estar sentindo medo e arrependimento é sinal de que o Espírito Santo tocou seu coração e o está impulsionando a mudar de vida e de pensamentos.

 

Deus não erra. E Ele não errou ao criar o ser humano à Sua imagem. A única coisa que separa o homem de Deus é o pecado. E o pecado foi vencido na cruz do Calvário, quando Cristo deu Sua própria vida em favor de Seus amados filhos.



Na parábola, o pastor sai em busca de uma ovelha, o mínimo que pode enumerar. Assim, se houvesse apenas uma pessoa perdida, você, Cristo teria dado a vida para que você pudesse voltar para os braços de Deus.

 

Então não há o que temer. O amor de Cristo acalma qualquer coração angustiado por causa do pecado. Ele está de braços abertos esperando você, e está chamando pelo seu nome.



Talvez neste exato momento você não tem forças para continuar. Preste bem atenção, Deus está correndo ao seu encontro para resgatar você.

 

Volte hoje mesmo para os braços de Deus. Não deixe para amanhã. Deixe o amor de Deus acalmar seu coração e você finalmente sentirá segurança, paz e felicidade.





www.4tons.com

Pr. Marcelo Augusto de Carvalho


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal