Algumas Notas Gramaticais sobre Cinyungwe



Baixar 440.07 Kb.
Página11/13
Encontro19.07.2016
Tamanho440.07 Kb.
1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   13

4.4 A partícula de relação


“Dois ou mais nomes ligam-se entre si para indicar diversas relações de posse, origem, dependência, etc., esta relação é expressa, em português, geralmente pela preposição de e nas línguas banto por uma partícula que chamamos partícula de relação” (Centis 2000: 223). A forma desta partícula de relação depende da classe do primeiro nome:
Os filhos do régulo traduz-se por wana wa nyakwawa

As bananeiras do régulo resulta em mipfigu ya nyakwawa
No primeiro caso temos a partícula de relação wa, que indica a classe 2 xxwa- homempessoa, e na segunda xxya-, partícula de relação da terceira (fourth?) classe nominal mi- bananeiras. Podemos então dar exemplos de todas as classes, pondo as respectivas partículas de relação, também chamadas2 partículas possessivas:


Classe

exemplo

portugues



mwana wa nyakwawa

filho do régulo



wana wa nyakwawa

filhos do régulo



m’figu wa nyakwawa

bananeira do régulo



mifigu ya nyakwawa

bananeiras do régulo



pfupa la nyakwawa

osso do regulo



mafupa ya nyakwawa

ossos do regulo



cikalango ca nyakwawa

pote do regulo



bzikalango bza nyakwawa

potes do régulo



mbuzi ya nyakwawa

cabrito do régulo



mbuzi za nyakwawa

cabritos do régulo
4.5 O adjectivo verbal


Muitas vezes, cinyungwe utiliza verbos para exprimir conceitos que em português correspondem a adjectivos. Por exemplo:


wakusimbidwa

abençoado

wakuyamba, wakutoma

primeiro

bzakuwanda

em abundância

cirala

seca

Muitas vezes, wa- faz parte do sujeito da frase, não do verbo principal. Assim, é chamado adjectivo verbal porque participa na descrição do nome como se fosse um adjectivo. Noutro lado, tem a sua origem num verbo. A concordância do adjectivo verbal compara-se logo com a concordância do verbo, como disse Gino Centis (2000: 200): “O adjectivo verbal forma-se pelo infinito do verbo precedido pela partícula de relação.”



4.6 O numeral


O numeral serve para contar. Podemos distinguir entre os numerais cardinais como um, dois, três e os numerais ordinais como o primeiro, o segundo, o terceiro.



Classe

Exemplo



Munthu wakuyamba anigwa.

A primeira pessoa vai cair.



Wanthu wakuyamba anigwa.

As primeiras pessoas vão cair.



Mpfigu wa kuyamba anigwa.

A primeira bananeira vai cair.



Mifigu ya kuyamba inigwa.

As primeiras bananeiras vão cair.



Boko la kuyamba linigwa.

O primeiro osso vai cair.



Mabko ya kuyamba yainigwa.

Os primeiros ossos vão cair.



Cikalango ca kuyamba cinigwa.

O primeiro pote vai cair.



Bzikalango bza kuyamba bzinigwa.

Os primeiros potes vão cair.



Mbuzi ya kuyamba inigwa.

O primeiro cabrito vai cair.



Mbuzi za kuyamba zinigwa

Os primeiros cabritos vão cair.


4.6.1 Numerais cardinais

Na formação do numeral cardinal, normalmente aplicam-se os prefixos do adjectivo:







Prefixo

Um(a)

Dois/Duas

Três




  1. 11

mu-/m’-

munthu m’bodzi







pessoa



a-




wanthu awiri

wanthu atatu

pessoas



u-

mulambe ubodzi







embondeiro



mi-




mirambe miwiri

mirambe mitatu

embondeiros



li-

pfupa libodzi







osso



ma-




mafupa mawiri

mafupa matatu

ossos



ci-

cikalango cibodzi







pote



bzi-




bzikalango bziwiri

bzikalango bzitatu

potes



i-

mbuzi ibodzi







cabrito



zi-




mbuzi ziwiri

mbuzi zitatu

cabritos



4.6.2 Numerais ordinais





Primeira/o

Segunda/o*

Terceira/o*






munthu wakuyamba

munthu waciwiri

munthu wacitatu

pessoa



wanthu wakuyamba







pessoas



mulambe wakuyamba

mulambe waciwiri

mulambe wacitatu

embondeiro



mirambe yakuyamba







embondeiros



pfupa lakuyamba

pfupa laciwiri

pfupa lacitatu

osso



mafupa yakuyamba







ossos



cikalango cakuyamba

cikalango caciwiri

cikalango cacitatu

pote



bzikalango bzakuyamba







potes



mbuzi yakuyamba

mbuzi yaciwiri

mbuzi yacitatu

cabrito



mbuzi zakuyamba







cabritos
1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   13


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal