Alinhamento estratégico da tecnologia da informaçÃo ao business plan: contribuiçÃo para a inteligência empresarial das organizaçÕes rezende, Denis Alcides



Baixar 22.51 Kb.
Encontro18.07.2016
Tamanho22.51 Kb.
ALINHAMENTO ESTRATÉGICO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO AO BUSINESS PLAN: CONTRIBUIÇÃO PARA A INTELIGÊNCIA EMPRESARIAL DAS ORGANIZAÇÕES



Rezende, Denis Alcides

Universidade Tuiuti do Paraná - UTP

Administrador, Mestre em Informática (UFPR)
Doutor em Gestão da Tecnologia da Informação (EPS-UFSC)

RESUMO
O objetivo desse artigo é apresentar um modelo e uma pesquisa realizado em 78 grandes empresas brasileiras para identificar os principais recursos sustentadores e variáveis do alinhamento do Planejamento Estratégico da Tecnologia da Informação (PETI) ao Business Plan (BP), visando contribuir com a Inteligência Empresarial (IE) das organizações.
Business Plan (BP)
O BP é um processo dinâmico e interativo para determinação de objetivos, políticas e estratégias das funções empresariais e dos procedimentos de uma organização. É elaborado por meio de uma técnica administrativa de análise do ambiente - interno e externo - das ameaças e oportunidades, dos seus pontos fortes e fracos, que possibilita os executivos estabelecerem um rumo para a organização, buscando certo nível de otimização no relacionamento entre empresa, ambiente e mercado, formalizado para produzir e articular resultados, na forma de integração sinergética de decisões e ações organizacionais (BOAR, 1993; VASCONCELOS; PAGNONCELLI, 2001; MINTZBERG; QUINN, 2001).


Planejamento Estratégico da Tecnologia da Informação (PETI)

O PETI é um processo dinâmico e interativo para estruturar estratégica, tática e operacionalmente as informações organizacionais, a TI (e seus recursos: hardware, software, sistemas de telecomunicações, gestão de dados e informações), os sistemas de informação (estratégicos, gerenciais e operacionais), as pessoas envolvidas e a infra-estrutura necessária para o atendimento de todas as decisões, ações e respectivos processos da organização (PREMKUMAR; KING, 1992; BOAR, 1993; KEARNS; LEDERER, 1997).



Alinhamento do PETI ao BP

As aplicações da TI e de seus recursos geram uma grande expectativa quanto ao seu uso estratégico para que efetivamente possibilitem alternativas para suportar os negócios das organizações, sem que impactem demasiadamente e desorganizadamente o orçamento da empresa. A partir dessa necessidade, pesquisadores criaram vários modelos de estratégias empresariais com suporte de TI e vários modelos de alinhamento de estratégias de negócios e de TI, contemplando inclusive o alinhamento do PETI ao BP para adequar as organizações no exigente mercado dos negócios. A integração do PETI ao BP envolve humanos e não-humanos (BOYNTON; JACOBS; ZMUD, 1992).



Inteligência Empresarial (IE)

A IE tem relevante papel na elaboração das estratégias organizacionais e do BP, como um sistema de monitoramento do ambiente interno e externo da empresa onde apresenta uma maneira organizada juntamente com o BP e o PETI, de coletar ou visualizar, analisar ou selecionar e disseminar ou transmitir informações estratégicas. A inteligência competitiva é parte do processo de inteligência organizacional, para garantir a competitividade da organização. O objetivo da IE é levar a informação para um número bem maior de usuários dentro da organização.



Modelo de Alinhamento Estratégico do PETI ao BP

De acordo com a revisão da literatura e com a reestruturação e documentação das vivências profissionais do pesquisador de 15 anos em atividades empresariais e acadêmicas, o modelo proposto pode ser sustentado principalmente por quatro grandes grupos de fatores ou recursos sustentadores: tecnologia da informação (TI); sistemas de informação e do conhecimento (SI); pessoas ou recursos humanos (RH); e contexto organizacional (CO).



Metodologia da Pesquisa

A análise dos dados da pesquisa envolveu técnicas quantitativas e qualitativas, oriundas das variáveis contempladas pelo modelo proposto de alinhamento e das atividades trabalhadas na coleta de dados.



Dimensões, construtos e variáveis

O modelo proposto possui três dimensões: PETI e de seus recursos e ferramentas; BP e de seus negócios; e recursos sustentadores do alinhamento PETI ao BP.

A dimensão do PETI fornece uma visão geral de conceitos, modelos, métodos e ferramentas de TI necessárias para facilitar a estratégia de negócios e suportar as decisões, as ações empresariais e os respectivos processos da organização. A dimensão do BP fornece uma visão geral de conceitos, modelos, métodos e instrumentos de como fazer acontecer à estratégia de negócios empresariais. A dimensão dos recursos sustentadores do alinhamento PETI ao BP fornece uma visão geral das atividades, variáveis e fatores que facilitam o referido alinhamento. Essa dimensão é composta pelos construtos: TI, SI, RH e CO.

O construto TI envolve as variáveis: hardware; software; sistemas de telecomunicação; e gestão de dados e informação. O construto SI envolve as variáveis: SI estratégicos; SI gerenciais; SI operacionais; e sistemas do conhecimento. O construto RH envolve as variáveis: valores e comportamentos; perfil profissional; competências e capacitação; plano de trabalho; comunicação e relação; equipe multidisciplinar e parcerias; clima, ambiente e motivação; e vontade e comprometimento. E finalmente o construto CO envolve as variáveis: imagem institucional; missão, visão e estratégias; modelos decisórios; processos e procedimentos; cultura, filosofia e políticas empresariais; estrutura organizacional departamental; investimento e custos; e infra-estrutura organizacional.



Análise da Prática das Empresas

Foram elaboradas perguntas fechadas as quais correspondem as variáveis dos construtos propostos.

O conjunto de todas as variáveis da TI, a partir das respostas obtidas na pesquisa junto às organizações, reitera a necessidade de que a TI e seus recursos descritos, estejam adequados e planejados para apoiar o alinhamento do PETI ao BP. A adequação e o planejamento da TI devem ser elaborados com criteriosa viabilidade entre custos e benefícios, apoiada por um competente plano de contingência da TI para situações emergenciais da organização. Esses critérios estabelecidos facilitam a integração dos processos para apoiar as estratégias das funções empresariais da organização.

Quanto aos SI do Conhecimento, esses sistemas se constituem num grande desafio para a realidade cotidiana das organizações. A constante capacitação de todos os profissionais envolvidos nas atividades de planejamento da organização e dos CEOs e CIOs é relevante para o sucesso do PETI e do BP.

A capacitação e a competência nas atividades de planejamento pressupõe o conhecimento dos recursos estratégicos da TI pelos CEOs e do conhecimento do negócio da organização pelos CIOs, para atuarem em parceria no BP e no PETI, estabelecendo planejamento informal ou planos de trabalho participativos, integrados e realizáveis para suas respectivas equipes. Essas respostas que complementaram as da TI e as de SI, também corroboraram com o modelo proposto, evidenciando o papel fundamental dos RH nas organizações, constituindo-se fator ímpar para o alinhamento entre PETI e BP. Esse alinhamento é facilitado quando as pessoas da organização são respeitadas, valorizadas, capacitadas, motivadas e envolvidas nas atividades e nas ações empresariais.

Essas variáveis devem ser complementadas pela previsão e quantificação precisa dos investimentos em TI, em SI, em RH e em infra-estrutura organizacional, pela previsão e definição das despesas, dos custos, dos benefícios - mensuráveis e não mensuráveis - e dos investimentos em TI e pela descrição formal dos resultados a serem alcançados pela TI na organização. Tais complementações requerem que sejam disponibilizadas de forma adequada, as infra-estruturas tecnológica e organizacional para facilitar as atividades de planejamento do BP e do PETI.


Conceitos e aplicações da inteligência empresarial (IE)

A análise das variáveis relacionadas com a IE do modelo proposto de alinhamento está enquadrada com os níveis de mensuração das palavras-chave estabelecida adequação ou planejamento ou exigência. Todas as organizações participantes afirmaram que o modelo de alinhamento proposto pode contribuir com a IE das organizações.



Estágios de alinhamento do PETI ao BP propostos

Os estágios de alinhamento do PETI ao BP expressam o desejo de enquadrar as empresas num respectivo nível de crescimento da organização no que diz respeito ao modelo proposto de alinhamento do PETI ao BP, visando a contribuição da IE das organizações participantes. Essa idéia está relacionada ao critério de administração da evolução dos SI nas organizações, descrito na literatura clássica de TI onde a evolução da informação e da informática nas empresas é apresentada em estágios crescentes, tais como, iniciação, contágio, controle, integração, administração de dados e maturidade (NOLAN, 1993).



  • 1º estágio: A empresa possui os SI das funções empresariais no nível operacional e são processados de forma bastante precária, ou seja, os SI operacionais são insuficientes para o pleno atendimento da sinergia de todas funções empresariais (FE). A TI também é precária na empresa, ou seja, insuficiente para suportar o funcionamento e adequação das FE.

  • 2º estágio: A empresa possui os SI das funções empresariais no nível operacional e estão destinados aos controles das FE. A TI da empresa é elementar, ou seja, suporta o funcionamento e adequação das FE de forma regular ou incompleta.

  • 3º estágio: A empresa possui os SI Operacionais e os SI Gerenciais integrando as FE. A TI da empresa é adequada e suficiente, ou seja, suporta o funcionamento e adequação das FE de forma apropriada, conveniente, ajustada, satisfazendo a empresa suficientemente.

  • 4º estágio: A empresa possui os SI Operacionais e os SI Gerenciais integrando as FE e os SI Estratégicos e do Conhecimento auxiliando os gestores nos processos decisórios estratégicos. A TI da empresa além de suficiente, é adequada para suporte estratégico, tal como os SI.

A partir do estabelecimento dos estágios, pôde-se distribuir as empresas nos estágios de alinhamento do PETI ao BP, onde a maior freqüência foi no terceiro estágio. Sob ótica dos estágios de alinhamento, em 23 organizações (29,48%) os conceitos e aplicações de IE estão presentes.



Conclusão Final


A conclusão desse trabalho reitera a importância do alinhamento do PETI ao BP, se constituindo numa essencial ferramenta para auxiliar na gestão e para contribuir com a IE das organizações. Essa contribuição resgata a visão moderna do planejamento da TI alinhada ao negócio empresarial que contempla a organização como um todo.


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal