ANÁlises dos setores e cadeias produtivas



Baixar 12.91 Kb.
Encontro22.07.2016
Tamanho12.91 Kb.

ANÁLISES DOS SETORES E CADEIAS PRODUTIVAS


SETORES CULTURAIS


Roteiro para o levantamento de informações que serão obtidas de diferentes maneiras: (trabalho anterior: o por onde começar)

  • o grupo tem um âncora como um dos componentes ou tem algum tipo de contato direto ou indireto com o setor

  • matérias publicadas na grande imprensa

  • agendamento de entrevistas (profissionais, professores, colegas etc)


    1. Panoramas diversos (RJ, Br, exterior)


(Apresentação do setor, supondo estar informando pessoas que não conhecem a área, não sabem avaliar a sua importância, não conhecem os seus números, o que está acontecendo ou o que está movimentando este setor, quais os números, a movimentação econômica em relação ao PIB nacional, quantos profissionais realizam atividades parecidas)
    1. Perspectivas do setor


(O que promete o setor, para onde apontam as suas tendências pelo que se vêm observando, ou pelas inferências de pessoas entrevistadas, o que os indicadores do setor mostraram de oportunidades que possam ser aproveitadas)
    1. Entraves (fatores críticos de sucesso)


(O que pode prejudicar a iniciativa de se empreender nessa área? Quais são as barreiras? Por que é difícil se obter êxito? O que diz respeito aos cuidados externos (local / contexto/época onde nos encontramos) e aos cuidados internos/pessoais (exigências para aqueles que pretendem se aventurar) “Avisos aos marinheiros de primeira viagem”)
    1. Principais agentes e cadeias produtivas


(Quais as modalidades de inserção profissional nessa área? Elencar os profissionais (categorias) que podem se envolver com essa atividade. Se pretendo criar uma revista, quais os profissionais envolvidos? (repórter, editor, fotógrafo, ilustrador, secretário gráfico). O que vem antes e o que vem depois, ou seja, qual o funcionamento se formos pensar numa cadeia produtiva?
    1. Instituições de classe


(O setor está organizado no sentido de representatividade? Sindicatos, órgãos, clubes, núcleos etc)
    1. Principais expressões, movimentos, projetos, profissionais de relevância em termos de inovação.


(Quem ou o quê está tendo destaque nessa área? Quem está dominando o mercado? Quem está saindo e quem está entrando? Quem tem tradição? Aqui não se repetem as informações já fornecidas no primeiro item (Panoramas diversos) porque foca muito mais. Levantamento de informações específicas para que possamos ter idéia de quem serão os nossos possíveis concorrentes, entrantes ou substitutos. Essas informações serão preciosas no delineamento de um projeto que objetive alguma inovação).


ALGUMAS FONTES PARA AS PESQUISAS




  • Sindicatos de trabalhadores das áreas específicas; sindicatos patronais;

  • FUNARJ, FUNARTE, RIOARTE,

  • Secretarias Estaduais e Municipais de Cultura,

  • CIDE, Secretarias do Planejamento do Estado e Município,

  • Centros Culturais, ONG'S especializadas nas áreas culturais (ver ABONG);



ALGUNS SITES

  • Funart - Fundação Nacional de Artes – www.funarte.gov.br

  • Secretaria Municipal das Culturas - www.rio.rj.gov.br/culturas/index.html

  • RioArte - Municipal de Arte e Cultura - www.rio.rj.gov.br/rioarte/

  • Funarj - A Fundação Anita Mantuano de Artes do Estado do Rio de Janeiro.

  • CIDE - Centro de Informações e Dados do Rio de Janeiro - www.cide.rj.gov.br

  • TurisRio - Companhia de Turismo do Estado do Rio de Janeiro – www.turisrio.rj.gov.br

  • Mercosulcultural – Busca a integração econômica das nações do cone sul do continente americano www.rio.rj.gov.br/mercosulcultural/

  •  RIOARTE - www.rio.rj.gov.br/rioarte





©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal