Apostasia texto: 1 Timóteo 4: 1,2 a palavra apostasia no grego “apóstasis”, significa “estar longe de”. Esta é a idéia que o apóstolo Paulo passa para seu discípulo Timóteo sobre os acontecimentos a curto



Baixar 10.52 Kb.
Encontro06.08.2016
Tamanho10.52 Kb.
APOSTASIA

Texto: 1 Timóteo 4:1,2


A palavra apostasia no grego “apóstasis”, significa “estar longe de”. Esta é a idéia que o apóstolo Paulo passa para seu discípulo Timóteo sobre os acontecimentos a curto, médio e longo prazo daquilo que estava por acontecer.

Paulo tinha o hábito de identificar a fonte de suas palavras. Por exemplo, aos coríntios em certo trecho de sua carta ele diz: “digo eu, não o Senhor”. Quando escreve ao companheiro Timóteo o termo é modificado: Mas o Espírito expressamente diz que em tempos posteriores alguns apostatarão da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios, pela hipocrisia de homens que falam mentiras e têm a sua própria consciência cauterizada” – (1 Timóteo 4:1,2).


Entendemos que todas escritas de Paulo contribuem para o fortalecimento espiritual daqueles que não se conformam com a mediocridade. Entretanto, quando o leitor se vê frente a um texto que dá ênfase a revelação do Espírito (com “E” maiúsculo), ele necessita atenção redobrada para não deixar passar despercebido ensinamentos de suma importância.
Neste contexto o Espírito Santo revela que chegaria um dia (e este dia já chegou), quando “cristãos” se afastariam da fé, por dar ouvidos a ensinamentos heréticos. Paulo não poupa seu vocabulário e vai direto ao ponto dizendo: “doutrinas de demônios”.
O apóstolo não está necessariamente sugerindo que os cristãos se afastem dos templos que declaradamente têm suas placas demoníacas. Mesmo porque, neste caso o cristão por menos conhecimento que tenha sobre teologia, não vai querer se curvar diretamente diante de um demônio. Assim espero! Todavia, o apóstolo recomenda o cuidado para não cair nas ciladas do diabo.
Paulo, por conhecer e praticar o evangelho genuíno de Cristo Jesus, as táticas usadas pelo inferno não eram suficientes para induzi-lo ao afastamento da fé. Sendo assim, ele se preocupa com os cristãos acomodados e desinteressados em conhecer as Escrituras, alertando-os do perigo que há no amplo “mercado” espiritual espalhado pelo mundo.
Paulo oferece algumas características dos enganadores que estão tendo acesso aos corações de muitas pessoas. Confira:
Espíritos enganadores. A palavra de Deus recomenda ao cristão provar o espírito. Confira: Amados, não creiais a todo o espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo. Nisto conhecereis o Espírito de Deus: Todo o espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne é de Deus” – (I João 4:1,2).
Doutrina de demônio. Qual o significado de doutrina? Você sabe, são ensinamentos, princípios. Assim sendo, o cristão precisa conhecer a verdade para poder refutar o falso. Você já teve alguma vez dificuldade de avaliar se um produto é falsificado? Eu já enfrentei esta situação, por não ter intimidade com o produto. A Bíblia diz: “O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento; porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; e, visto que te esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos”.
Pregadores mentirosos. Esta característica demonstra quem está por trás do líder. A Bíblia diz que o diabo é o pai da mentira e por conseqüência tem gerado filhos que se comprometem com seus princípios desastrosos – (João 8.44). Estes hipócritas e mentirosos têm por meta convencer o homem que a verdade de Deus não é absoluta e que pode perfeitamente ser alterada ou interpretada de forma diferente, dependendo de cada situação.
Consciência cauterizada. O ser humano foi criado para discernir valores e princípios moraes, afim de usá-los adequadamente e evitar surpresas desagradáveis no dia-a-dia. Isto se chama consciência. Por outro lado o termo cautério significa uma ferramenta metálica aquecida que é usada para queimar um determinado lugar a critério do profissional. Desta forma, entendemos que o diabo tem usado seus cautérios super aquecidos pelo fogo do inferno para queimar as mentes das pessoas, tirando delas a sensibilidade de discernir o certo do errado.
Não sei qual é sua situação hoje diante de Deus e como você tem interpretado a Palavra de Deus que também se identifica como Bíblia! Infelizmente, com grande pesar no coração, tenho encontrado muitas pessoas que se identificam como ex-cristãos que não resistiram o assédio do inferno e apostataram da fé. Dentre eles, para alegria do inferno e tristeza de Deus, vamos encontrar filhos de pastores, ex-pastores, ex-diáconos, ex-professores de EBD, ex-esposas de pastores, e outros que você pode corretamente identificar.
Sabe qual é o segredo do sucesso do diabo sobre estes grupos de ex-cristãos? É ter conseguido (pela mentira), convencê-los que não há diferença nenhuma em estar dentro da igreja ou fora dela. Estou “cansado” de ouvir os discurso dos apóstatas: “Estou fora da igreja, contudo estou bem com Deus”. Pois digo eu e não o Senhor, plagiando Paulo meu professor: “É impossível estar bem com Deus, quando o “cristão” está afastado da igreja que se denomina como – Noiva de Jesus Cristo. Quem tem ouvidos para ouvir, ouça – (Mt 13:9).
________________________________________________________Plínio Cavalheiro.

Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal