Apostila de evangelizaçÃo espírita infantil segundo e Terceiro Ciclos



Baixar 1.21 Mb.
Página1/28
Encontro29.07.2016
Tamanho1.21 Mb.
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   28






APOSTILA DE EVANGELIZAÇÃO ESPÍRITA INFANTIL

Segundo e Terceiro Ciclos

Esta apostila contém sugestões de aulas para o 2º e 3º Ciclos, conforme o Currículo de Evangelização Infantil da Federação Espírita Brasileira - FEB (mas que podem ser adaptadas para outros Ciclos) e temas extracurriculares, que foram utilizados com êxito na Evangelização Infantil.



http://www.searadomestre.com.br/evangelizacao

Responsabilidade: Grupo Espírita Seara do Mestre – Santo Ângelo/RS

Organização/correção: Claudia Schmidt

Preserve os direitos autorais

Amizades e afeições

         Prece Inicial

         Obs.: o evangelizador deverá levar um pote contendo algodão com vinagre e outro com algodão com perfume.

         Primeiro momento: pedir que os evangelizandos coloquem a mão esquerda dentro do pote, tocando o algodão e aguardem. Depois que todos colocaram a mão, solicitar que cheirem a própria mão. Perceberão que o cheiro é ruim (vinagre).

         Segundo momento: pedir que os evangelizandos coloquem a mão direita dentro do pote, tocando o algodão e aguardem. Depois que todos colocaram a mão, solicitar que cheirem a própria mão. Perceberão que o cheiro é bom (perfume).

         Terceiro momento: conversar com os evangelizandos sobre nossos relacionamentos, questionando como agimos. Somos perfume ou vinagre?

         * O que é ser vinagre? Com os amigos, familiares e relacionamentos amorosos (namoro)?

         * O que é ser perfume? Com os amigos, familiares e relacionamentos amorosos (namoro)?

         Quarto momento: concluir que sempre podemos escolher como nos relacionar com os outros e conosco. A isso chamamos livre-arbítrio. Todos os relacionamentos/experiências afetivas (namoro, amizade, família) são importantes, deixando marcas no perispírito, por isso devem ser conduzidos com respeito, responsabilidade, utilizando a máxima “fazer aos outros o que gostaríamos que fizessem a nós.”

         Quinto momento - atividade: entregar um recorte de papel (cartolina), no formato de um marcador de livros. Solicitar que cada evangelizador escreva seu nome e façam um desenho no marcador (determinar tempo para ser realizada a tarefa). Na seqüência, o evangelizando deverá passar o marcador para o colega da direita, que escreverá uma qualidade do dono do marcador. Assim, sucessivamente, até que o marcador retorne ao dono.

         Concluir que todos nós temos virtudes que devemos usar em nossos relacionamentos e as que ainda não possuímos devemos nos esforçar para desenvolve-las. Exemplo: paciência, respeito, fidelidade, fraternidade, carinho.

         Prece de encerramento



Amor a Deus II

Prece inicial

         Obs.: o evangelizador deve preparar previamente a técnica “Caminhos de Deus”, colocando os caminhos em um local que não seja utilizado pelos evangelizandos antes do início da aula. Deve trazer para aula, além de muitas balas e pirulitos, uma caixa com as perguntas sobre o tema da aula.

         Primeiro momento: dividir a turma em dois grupos, para realização da técnica Caminhos de Deus:


  • A técnica consiste em organizar dois caminhos (que podem ser feitos de papel pardo, jornal ou TNT) que deverão ser transpostos pelos evangelizandos organizados em duas filas.

  • O evangelizador deverá dizer que eles deverão se dividir em duas filhas, escolhendo o caminho que querem percorrer, de modo que as filas fiquem com quantidade semelhante de evangelizandos.

  • Nos caminhos devem ser desenhadas muitas pedras, que devem ser, obrigatoriamente, pisadas para se passar pelos caminhos.

  • Os caminhos podem ser enfeitados com flores, borboletas, árvores.

  • Embaixo da maioria (não em todas) das pedras devem ser fixados “estalinhos”. Cada vez que um evangelizando pisar em um deles, e fizer barulho, deve sair do caminho e retirar uma das perguntas colocadas em uma caixa e respondê-la.

  • Após responder a pergunta, o evangelizando ganha um pirulito ou bala.

  • Aquele que conseguir fazer todo o caminho sem pisar em nenhum “estalinho”, não responde a pergunta e também ganha um pirulito ou bala.

  • Se o evangelizando não souber a resposta, poderá pedir ajuda a um colega, escolhido por ele. Ambos ganharão um pirulito se responderem certo.

  Sugestões de perguntas que compõem a técnica.

         1 - Que é Deus?

         2 - Como podemos demonstrar nosso amor a Deus?

         3 - Deus e Jesus são um só?

         4 - Como Deus demonstra seu amor por nós?

         5 - Cite três coisas que Deus criou?

         6 - Deus é justo? Por quê?

         7 - Deus é sábio? Por quê?

         8 - Deus é responsável pelas coisas negativas que nos acontecem? Por quê?

         9 - Como podemos sentir o amor de Deus?

         10 - Podemos ver Deus? Por quê?

         11 - Como podemos entrar em contato com Deus?

         12 - Como podemos nos aproximar de Deus?

         13 - Deus nos criou todos iguais? Por quê?

         14 - Deus gosta de todos igualmente? Por quê?

         15 - Quando estamos em dificuldades, é sinal de que Deus nos abandonou? Por quê?

         Segundo momento: o evangelizador deve lembrar que em cada existência Deus nos dá uma nova oportunidade de evolução espiritual. Sempre teremos diferentes caminhos para escolher e cabe a cada um a responsabilidade por suas escolhas. Esses caminhos poderão nos levar a verdadeira felicidade, nos aproximando mais de Deus, na medida do nosso esforço em nos tornarmos seres humanos melhores, fazendo todo o bem ao nosso alcance. Sempre precisaremos uns dos outros para desenvolvermos nossas virtudes. Exemplos: caridade, perdão, resignação, paciência, amizade, amor, tolerância.

         Terceiro momento: distribuir pequeno texto aos evangelizandos, oportunizando a reflexão. O texto pode ser colado no caderno.



Nossos pensamentos se transformam em palavras; nossas palavras se tornam ações; nossas ações viram hábitos. Deus nos deu o livre-arbítrio, para que possamos escolher nossos pensamentos, palavras e ações. Depende de nós escolhermos o caminho do bem e do amor, nos aproximando mais de Deus e da verdadeira felicidade.

         Prece de encerramento



Amor ao próximo III

         Prece inicial

         Primeiro momento: distribuir as quatro perguntas seguintes entre os evangelizandos, de modo que cada um receba apenas uma das perguntas, dando alguns minutos para que eles respondam.

         * Qual o momento mais importante do mundo?

         * Qual o lugar mais importante do mundo?

         * Qual a tarefa mais importante do mundo?

         * Qual o ser humano mais importante do mundo?

         Segundo momento: contar a história O ser humano mais importante do mundo.



O ser humano mais importante do mundo

         O desafio anual da escola era a seguinte pergunta: “Qual o ser humano mais importante do mundo?” A melhor resposta valia uma bolsa de estudos para o ano seguinte. Tita queria muito ganhar o desafio, porque sua família passava por dificuldades financeiras e o prêmio ajudaria bastante.

         Ela, decidida a brigar pelo primeiro lugar, foi a luta! A primeira parada foi a Biblioteca Municipal, porém lá havia centenas de biografias de homens e mulheres que foram e são importantes para a humanidade. Tita fez algumas anotações, mas não encontrou uma resposta.

         Em seguida a garota foi pesquisar na Internet. Procurou em vários sites, sem encontrar a informação que desejava.

         Tita foi, então, perguntar a sua mãe:

         - Jesus! – foi a resposta que ouviu. Ele mudou o mundo. A história e a contagem do tempo se dividem entre antes e depois da sua presença na Terra. Seus ensinamentos são muito importantes para a humanidade.

         Era, sem dúvida, uma resposta muito interessante. Porém, logo em seguida, Tita lembrou que Jesus jamais se consideraria o ser humano mais importante do mundo. Embora ele seja o modelo e guia, o ser mais perfeito que já encarnou na Terra, Jesus é humilde. Ele disse que tudo o que ele fez e faz nós também podemos fazer, pois somos todos irmãos, filhos de Deus, um Pai bondoso e sábio.

         Ela se lembrou, então, de diversos outros indivíduos que dedicaram sua vida em auxiliar as pessoas: Madre Teresa de Calcutá, Gandhi, Martin Luther King, Allan Kardec, Chico Xavier, Divaldo Franco, todos eles são exemplos de amor ao próximo.

         - É isso!- disse Tita bem alto. Descobri quem é o ser humano mais importante do mundo!

         E ela elaborou a resposta que ganhou o primeiro prêmio e a bolsa de estudos:

         "Conforme ensinado por Jesus, o ser humano mais importante do mundo é o meu próximo, aquele que precisa de mim e me oportuniza realizar a caridade através de pensamentos, palavras e ações. Assim, considerando o meu próximo o ser humano mais importante do mundo, a quem devo respeitar, amar e fazer o bem, caminho na direção de Deus, nosso Pai."

Claudia Schmidt

         Terceiro momento: conversar sobre as respostas dadas pelos evangelizandos às perguntas distribuídas no início da aula, relacionando com a história.

         Quarto momento: através da conversa, concluir que:

         * O momento mais importante do mundo é o momento presente, aquele que estamos vivenciando. Por isso, a importância de prestar atenção ao que estamos fazendo, valorizando cada momento de nossa existência. Cada segundo vivido não volta mais, nunca será igual. Ex.: para os evangelizandos, neste momento, o mais importante é a aula de evangelização, por isso devem aproveitar ao máximo para aprender e entender os conceitos ensinados.

         * O lugar mais importante do mundo é o que estamos no presente, pois estamos no lugar certo para nosso aprendizado. Assim é na escola, com os amigos, na evangelização, em família.

         * A tarefa mais importante do mundo é a que nos cabe realizar, e que deve ser sempre feita com amor e dedicação. Lembrar que “tudo que deve ser feito merece ser bem feito”, porém, nem sempre temos a oportunidade de fazer somente o que gostamos ou que queremos, porque muitas coisas devem ser realizadas, com a colaboração de todos, para a harmonia da sociedade. Ex.: não gosto de separar o lixo seco do úmido, mas deve ser realizado para o bem de todos.

         * O ser humano mais importante do mundo é o meu próximo, aquele que posso auxiliar com uma oração, um pensamento, uma palavra, um gesto, uma atitude.

         Quinto momento - atividade: Criptograma.

Monte a frase e descubra o ensinamento da aula.



11= SER

21= QUE


31= RE

12= MUN


22= XI

32= DA


3= E

13= MA

10= TAN


20= MEU

30= LE


40= VRAS

23= LI


33= PEN

4= IM

14= O


24= ZA

34= LA


1= NO

2= NI


28= TOS

38= É

9= PRO


19= RI

29= TU


39= PA

5= MO


15= DO

25= DE

35= SA


6= A

16= CA


26= ME

36= ÇÕES


7= POR

17= ZAR


27= MAIS

37= MEN


8= HU

18= TE


__ ___ _________ ___ ____ ____ ________ ____

14 20 9 22 5 38 14 11 8 13 1 27

___________ ____ _______, __________ ___ ____

4 7 10 18 15 12 15 6 21 30 21 26

________________ _____________ ___ ______________ ____

14 7 29 2 24 31 6 23 17 6 16 19 32 25 7

_____________, __________ __ _____.

33 35 37 28 39 34 40 3 6 36

         Resposta do criptograma: O meu próximo é o ser humano mais importante do mundo, aquele que me oportuniza realizar a caridade por pensamentos, palavras e ações.

         Prece de encerramento



Amor, sabedoria e justiça Divina

         Prece inicial

         Primeiro momento: contar a história A Ação de Deus, retirada do site www.momento.com.br.




Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   28


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal