Carta da fepec em defesa da politica cultural de pernambuco e da fundarpe



Baixar 9.03 Kb.
Encontro29.07.2016
Tamanho9.03 Kb.
CARTA DA FEPEC EM DEFESA DA POLITICA CULTURAL DE PERNAMBUCO E DA FUNDARPE
È por um honesto dever, e por uma questão de merecimento, que a FEPEC divulga esta carta em defesa da política publica de cultura de Pernambuco e da FUNDARPE. È inegável os avanços que esta instituição, sob a presidência de Luciana Azevedo, trouxe para Pernambuco. Poderíamos listar inúmeras conquistas que tiveram relevância para o estado e para o país, no entanto, faremos uma defesa focada nos avanços relativos ao movimento cineclubista em Pernambuco.

Desde a fundação da FEPEC – Federação Pernambucana de Cineclubes, no I Encontro de Cineclubes de Pernambuco, evento organizado pela FUNDARPE após ouvir diversos cineclubistas da região metropolitana do Recife e do interior do estado, a Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco vem tendo destaque no território nacional. Como presidente da FEPEC, participei de diversos encontros e eventos que reúnem cineclubistas de todos os cantos do país e do mundo. Em todos eles, sempre que falava sobre as conquistas do cineclubismo em Pernambuco obtinha uma resposta behaviorista: Que inveja! Vou me mudar para Pernambuco! Como vocês conseguem isso?

Minha resposta era sempre a mesma: Temos a FUNDARPE como parceira e participamos como entidade, de todos os processos relativos ao audiovisual em Pernambuco. E de fato, tudo isso ocorria, e é tão novo, mas tão novo, que os amigos cineclubistas de alguns estados não acreditavam. Duvidavam. Ao contrario de ignorá-los, eu ia além e me aprofundava nos ocorridos em nosso estado. Certa vez, durante a exposição verbal de uma integrante da FUNDARPE, no Festival Internacional de Atibaia, uma cineclubista do Maranhão levantou-se e, incrédula, perguntou se havia alguém ali, e que não fosse do governo, para confirmar o que estava sendo dito na mesa. Prontamente eu levantei e disse: Eu não sou do governo, sou cineclubista e presidente da FEPEC. Sou inquieto e exigente e também rigoroso. Quando mais novo, não acreditava que se mudaria algo com a política, hoje eu sei que é possível e tudo que foi dito é verdade. A amiga cineclubista reforçou; Você confirma tudo que foi dito? E eu balancei a cabeça positivamente num silencio seguro e inabalável.

É notório que o Brasil está engatinhando no processo de co-gestão, é notório que este modelo precisa de ajustes e aperfeiçoamentos, mas hoje, Pernambuco é um marco deste novo modelo. Historicamente, somos um estado de vanguarda, que a muito tempo (desde a o inicio da década de 90, com o manguebeat) estávamos “amarelados” e sem verve cultural. A Presidente da FUNDARPE Luciana Azevedo, juntamente com sua equipe banhada de eficiência, comprometimento, sensibilidade e honestidade trouxe-nos e envolveu-nos na mais recente revolução do estado e do país. Diríamos que em 2006 iniciou-se a retomada do processo vanguardista que sempre habitou os artistas, os produtores e cineclubistas residentes e ativos em Pernambuco. Nunca houve em Pernambuco um momento tão importante para o cineclubismo. Nunca, em toda a história cineclubista em Pernambuco, (que iniciou na década de 30) houve um momento de organização, por menor que seja. Isso só foi possível graças ao empenho dos atuais cineclubistas em parceria fundamental com a FUNDARPE.

Sabemos sim, que ainda há muito que amadurecer no processo de co-gestão implantado pela FUNDARPE, mas apontar e difamar aqueles que lideram com a coragem e o coração de um vanguardista é uma atitude no mínimo reacionária, pertinente aos que não entendem e não colaboram com o processo de co-gestão. Pertinente àqueles que não querem ouvir o povo e suas representatividades civis. Finalizamos dando nosso apoio irrestrito ao trabalho de Luciana Azevedo e toda sua equipe.
Assinam esta Carta,

Carvalho

Presidente/FEPEC
E os cineclubes

Cineclube Florestano – da cidade de Floresta

Cineclube Macaíba – da cidade de Olinda

Nascedouro Cineclube - da cidade de Olinda

IAPÔI Cineclube - da cidade de Goiana

Cine Debate – da cidade do Recife

Cineclube São José - da cidade de Afogados da Ingazeira

Cineclube Dissenso – da cidade de Recife

Cineclube AZouganda – da cidade de Nazaré da Mata

Locomotivo Cineclube – da cidade de Arcoverde

Cine + Alto do Moura – da cidade de Caruaru

Cineclube da Laia – da cidade de Camaragibe



Cine Califórnia – da cidade de Recife
Catálogo: groups
groups -> Tae 06 – Financiamento da Seguridade Social
groups -> 14-1 Ciclo de conversão de caixa
groups -> Gerência 5 recursos humanos 7 comercial 9 contábil/fiscal/financeira 20 tele(marketing) 27 atendente 29 design/publicidade/comunicaçÃO 30 informática 31 comércio exterior 36 logística / almoxarifado / expediçÃO 36 engenharia 41 projetos
groups -> Formado ou cursando Contábeis, Administração, Economia, Direito. Rotinas e experiência de constituição de Empresas, conhecimento de órgãos públicos. Salário à combinar + vr +VT, horário comercial. Bairro São Francisco
groups -> 1 Para o trabalhador avulso, pode ser considerado como salário de contribuição: a as gorjetas
groups -> Logo correta é a letra "C"
groups -> Pedagogia waldorf (Diversos textos retirados de sites diferentes) Introdução V. W. Setzer
groups -> Introdução
groups -> O conceito, a doutrina e as origens do cooperativismo
groups -> Marshall berman tudo que é SÓlido desmancha no ar a aventura da modernidade


Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal