Caso clínico



Baixar 6.5 Kb.
Encontro29.07.2016
Tamanho6.5 Kb.
CASO CLÍNICO
J.P.S., masculino, 40 anos, branco, motorista, natural de Minas Gerais, residente em Curitiba há 23 anos. Queixa principal: tosse. O paciente iniciou com tosse há 8 meses, inicialmente seca, após produtiva, ora com secreção branca, ora com secreção amarela (com estrias de sangue). Foi tratado com penicilina sem melhora dos sintomas. Há 40 dias apresentou hemoptise franca. Nesta ocasião procurou o serviço do Hospital Universitário Cajuru. Queixava-se de dispnéia de pequenos esforços, emagrecimento de 10 Kg em 40 dias e febre esporádica. Havia sido tratado de esquistossomose mansônica há 1 mês (fez uso de mansil). Nega outras patologias, tratamentos ou internamentos anteriores. História familiar sem fatos relevantes. Morou em sítio na infância, mudando-se para cidade de interior trabalhando com comércio e depois como motorista, que é a sua profissão até hoje. Nega etilismo. Foi tabagista dos 20 aos 38 anos de ½ carteira por dia. Nega drogadição.

RS: N.D.N.


AO EXAME FÍSICO:

BEG, febril no internamento, dados vitais estáveis. Exame pulmonar sem nada que chama-se atenção, ausência de linfonodomegalias.


EXAMES COMPLEMETARES:

  1. Hemograma: Nada digno de nota.

  2. VHS: 43 e 86 de primeira e segunda hora.

  3. Escarro: Negativo para BK nas 3 amostras na pesquisa e na cultura.

  4. Broncoscopia: Traqueíte granulomatosa hemorrágica sugestiva de processo específico.

  5. PPD: Negativo.

  6. Rx: Infiltrado pulmonar intersticial retículo-nodular, com predomínio à esquerda e nos lobos superiores. Vascularização e área cardíaca normal.

  7. TAC:

  8. LBA: Negativo para malignidade e para BK. Leucócitos ++; com 2% de eosinófilos, 88% de neutrófilos e 10% de linfócitos. Presença de moderada quantidade de estruturas leveduriformes com mútiplos brotamentos sugestivo de paracoccidioidis brasiliensis.

  9. FALTA A FOTO DA BRONCO QUE DEVE ESTAR NO PRONTUÁRIO. FOI PEDIDO AO AUGUSTO.

CONDUTA:


  1. Iniciamos tratamento com bactrim, porém o paciente desenvolveu urticária, substituímos por itraconazol fazendo tratamento por----- meses com remissão completa do quadro. Falta entrar em contato com ele para saber como ele está hoje.

  2. Ver com o paciente como ele seguiu no HC para poder relatar o caso.

  3. Fazer revisão bibliográfica.

  4. Fotografar RX e TAC.

  5. Infelizmente a foto da broncoscopia que era bonita sumiu e lels apagaram da máquina.

Catálogo: saude -> temp -> laboratorios -> pneumologia -> trabalhos
saude -> Programa de Melhoria da Qualidade de Vida dos Idosos Institucionalizados
saude -> Departamento de recursos humanos
saude -> I reunião de Ministros da Saúde da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa Praia, 11 e 12 de Abril de 2008
saude -> Comissão estadual de políticas para o controle do câncer – cepcc
saude -> Secretaria municipal de saúde de colatina centro de referência regional em saúde do trabalhador cerest/ macrorregião norte do espírito santo programa do I workshop
saude -> Roteiro para apresentação de propostas para o Instituto Avon
saude -> Anais do 2º Congresso Brasileiro de Extensão Universitária Belo Horizonte 12 a 15 de setembro de 2004
trabalhos -> Derrame pleural
trabalhos -> Doença pulmonar intersticial(dpi)
laboratorios -> Sistema hemolinfopoiético – conceitos gerais


Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal