Caso Megabenfica com: não é bem assim



Baixar 9.22 Kb.
Encontro01.08.2016
Tamanho9.22 Kb.
Caso Megabenfica.com: não é bem assim

2001/03/19 17:34:42 | No marasmo da web portuguesa, a questão do endereço megabenfica.com tornou-se num caso interessante. Mas as coisas não são bem como as conta o auto-intitulado autor do site.

Leonardo Xavier conta a sua versão desta triste história em www.geocities.com/megabenfica. Segundo ele, o nome www.megabenfica.com é da sua autoria tendo sido registado em nome da empresa.

«Na altura, eu com 15 anos, nem me foi perguntado se eu concordava com o facto de eles ficarem com os direitos do registo...», relata. «Foi estabelecido verbalmente que eu ficava com 45% do site e a OberonSis com 55%».

No passado dia 12 de Março os seus acessos ao site foram eliminados. Lamenta-se: «fiquei sem o meu trabalho de três anos, de três milhões de page-views, fiquei sem nada, sem as duas horas diárias que passava no site, sem as no mínimo milhares horas que passei a programar o site em minha casa no meu computador, sem o MegaJogo, sem a Pergunta do Dia, e sem todas as outras ideias excelentes que tive, eu sozinho na grande maioria, neste site. Fiquei sem nada. Três anos foram para o lixo. Ou melhor.. foram para a "OberonSis Lda" que agora gere o site sozinha. Através da área de administração que eu mesmo programei».

Leonardo, hoje com 17 anos, foi na passada sexta-feira ao Palácio de S. Bento, de onde saiu com a ideia de apresentar uma petição para a Comissão de Direitos de Liberdade e Garantias.

Por seu turno a empresa visada, a OberonSis, diz «estar a estudar com os advogados» um eventual processo criminal. O administrador Miguel Vigário contou a Recortes uma versão diferente - e sem dúvida muito menos melodramática - desta história.

Segundo Miguel Vigário o projecto Megabenfica.com «não é um one-man show, há aqui uma equipa. Da qual o Leonardo fazia parte ». Há uns dias decidiram prescindir dos seus serviços por «quebra de confiança» - mas o projecto manteve-se.

Para a OberonSis Leonardo - que é menor - recebeu justamente em troca da sua sem dúvida avultada participação no projecto: «recebeu formação e material informático da empresa, agora o que ele fez na empresa fica na empresa».

O caso pode eventualmente subir aos tribunais. O problema vai ser arranjar provas sobre a responsabilidade do domínio, uma vez que não existia um vínculo laboral entre as duas partes.

O registo do domínio www.megabenfica.com foi renovado hoje mesmo, dia 19 de Março, pela OberonSys, tendo sido originalmente criado em 10 de Fevereiro de 1999 sob a responsabilidade da empresa. Expira em 10 de Fevereiro de 2003.

A OberonSys esteve envolvida num outro caso de domínios, quando tentou adquirir o ptmultimedia.com, pertença de Pedro Oliveira. Fez uma licitação de mil contos no site onde o domínio fora colocado em leilão. E após algumas peripécias alheias acabou por chegar a acordo com Pedro Oliveira.

«acabamos por adquirir o domínio em questão por 1 milhão de escudos mas em que o Sr. Pedro Oliveira mantem uma percentagem de uma eventual venda do site e/ou domínio, valor esse que não será revelado. O Snr. Pedro Oliveira mantem igualmente uma opção de compra sobre o domínio», informa a empresa.

Criado em 14 de Setembro de 1999 o domínio ptmultimedia.com sofreu um update no passado dia 13 de Fevereiro, passando a figurar na sua lista de domain servers o endereço IP da OberonSis.



http://www.recortes.org/193/193220.php

2001/03/19 17:34:42

Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal