Centro Tecnológico da ulbra instituído pelo parecer ceed nº 420/99 Comunidade Evangélica Luterana “São Paulo” colégio ulbra são joãO



Baixar 38.81 Kb.
Encontro29.07.2016
Tamanho38.81 Kb.


Centro Tecnológico da ULBRA

Instituído pelo parecer CEED nº 420/99

Comunidade Evangélica Luterana “São Paulo”

COLÉGIO ULBRA SÃO JOÃO


Documento elaborado por : Eduardo Chueiry Ferreira


MONOGRAFIAS: INSTRUÇÕES PARA FORMATAÇÃO GRÁFICA
Com o objetivo de obter padronização estrutura das monografias apresentamos a seguir um roteiro para a digitação dos trabalhos. Neste documento estão sugerido: tipo e tamanho de fonte, posição e formato de títulos e sequência das partes integrantes do trabalho. Cabe ressaltar que, conforme NBR 14724:2002, “ O projeto gráfico é responsabilidade do autor do trabalho”. Todavia, os elementos que são normatizados deverão ser atendidos.
NORMAS ABNT
Impressão do Documento: A impressão deve ser feita exclusivamente em papel branco formato A4, de boa qualidade, que permita a impressão e leitura.
Margens do Documento: As margens devem permitir encadernação e reprodução corretas, para isso deve seguir as seguintes medidas:
Margem esquerda: 3.0 cm

Margem direita : 2.0 cm

Margem superior : 3.0 cm

Margem inferior : 2.0 cm


Estrutura do Trabalho: A estrutura do trabalho acadêmico – dissertação, tese, monografia, trabalho de conclusão de curso e similares – definida na NBR-14724:2002, deve contemplar os elementos pré-textuais, elementos textuais e elementos pós-textuais, conforme indicado na tabela a seguir:


Estrutura

Elemento

Condição

Pré-textuais

Capa

Folha de Rosto

Resumo

Sumário


Obrigatório

Obrigatório

Obrigatório

Obrigatório



Textuais

Introdução

Desenvolvimento

Conclusão


Obrigatório

Obrigatório

Obrigatório


Pós-textuais

Referências

Anexos


Obrigatório

Opcional



Digitação do Documento (parte textual): Os trabalhos devem ser apresentados de modo legível, através de documento digitado em espaço de um e meio (1,5), correspondendo à cerca de 1,2 cm entre as linhas (exceto as referências bibliográficas, que devem ter espaço um (1) ). Recomenda-se a utilização da fonte arial ou times new roman, tamanho 12. Tipos itálicos são usados para nomes científicos e expressões estrangeiras.
Alinhamento do Documento: Para efeito de alinhamento, não devem ser usados barras, travessões, hífens, asteriscos e outros sinais gráficos na margem lateral direita do texto, que não deve apresentar saliência e reentrâncias (diferença de espaço no final da linha).
Parágrafo: O início do texto de cada parágrafo deve ficar 1,5cm, a partir da margem esquerda. Pode-se optar em definir o reuo especial para a primeira linha utilizando os recursos do editor de textos.

É usual que o espaçamento entre parágrafos (de uma linha para outra) deve ser o dobro do existente entre as linhas. No caso de utilização de editor de textos (Word), no menu Formatar/Parágrafo/Recuos e Espaçamentos, definir a medida 12 pontos DEPOIS.



Títulos: Os títulos das divisões principais ou seções primárias devem ser digitadas em letras maiúscula e negrito ( ex.: 1. INTRODUÇÃO), centralizados, numerados em arábico, sem pontuação, iniciando-se o texto após dois espaços. Os títulos das seções secundárias (1.1) e terciárias (1.1.1) devem ser digitados em negrito, com letras maiúsculas apenas nas iniciais para as primeira (1.1 Seção Secundária). Não há necessidade de usar espaçamentos diferenciados entre essas seções (subtítulos), devendo-se apenas usar pelo menos um espaço entre o final de um parágrafo de texto e o início de uma nova seção.

Numeração das Páginas do Documento: Todas as folhas do trabalho, a partir da folha de rosto, devem ser contadas seqüencialmente, mas não são numeradas. A numeração é colocada, a partir da primeira folha da parte textual – Introdução, em algarismos arábicos (1, 2, 3...), no canto superior direito, sem traços, pontos ou parênteses. Havendo anexos, suas páginas devem ser numeradas de maneira contínua e sua paginação deve dar seguimento a do texto principal.
PARTES DOS TRABALHOS:
CAPA: Segundo a NBR 14724, a elaboração de capa é obrigatória, para proteção externa e sobre o qual se imprimem informações que ajudam na identificação e utilização do trabalho. Na capa deve constar:

Nome da Instituição – centralizado, caixa alta, com tipo de letra times new roman ou arial, tamanho 14 em negrito;

Título – centralizado, caixa alta, abaixo do nome da Instituição e distribuído de forma que não fique amontoado as informações na folha, com tipo de letra times new Roman ou arial, tamanho 14 em negrito;

Subtítulo – se houver – caixa baixa;

Autor – centralizado, no centro da folha, com tipo de letra times new Roman ou arial, tamanho 14 em negrito.

Local – (cidade) – Local da instituição onde deve ser apresentado; centralizado, caixa alta; com tipo de letra times new Roman ou arial, tamanho 14 em negrito.

Data de entrega – centralizado na parte inferior da folha, abaixo do local, com o mês por extenso e o ano.

COLÉGIO ULBRA SÃO JOÃO

HISTÓRIA DO EGITO ANTIGO

JOÃO ALFREDO DA SILVA


CANOAS/RS


ABRIL DE 2010

FIGURA 1 - Capa

FOLHA DE ROSTO: nome completo do autor; título do trabalho e subtítulo quando houver, separado do título por dois pontos (quando for explicativo) ou ponto e vírgula (quando se tratar de subtítulo complementar); nome da instituição e departamento; indicação da disciplina ou área de concentração (dissertações de mestrado, teses de doutorado ou livre docência, etc.); nome do orientador (monografias, dissertações e teses); local e data.




Logotipo da escola

Autor

Título

Trabalho referente à disciplina


de História do 3º Módulo do Ensino Médio.

Orientado pelo (a) professor(a): Eduardo Chueiry Ferreira

Realizado pelo(s) aluno(s)___________


Local

Data


FIGURA 2 - Página de rosto

RESUMO: Deve ser precedido de referência bibliográfica do autor e elaborado de acordo com a Norma ABNT/NBR-6028. Redigido pelo próprio autor do trabalho, o resumo deve ser a síntese dos pontos relevantes do texto, em linguagem clara, concisa e direta. Deve ressaltar o objetivo, o resultado e as conclusões do trabalho, assim como o método e a técnica empregada em sua elaboração.


ALMEIDA, E. L. Reconstrução do esôfago cervical
de cães. [Cervical esophagus reconstruction

in dogs]. São Paulo, 1996. 71 p. Tese (Doutorado

em Medicina Veterinária) - Departamento de

Cirurgia, Faculdade de Medicina Veterinária e

Zootecnia, Universidade de São Paulo.

TEXTO DO RESUMO

FIGURA 3 - Resumo em português
SUMÁRIO: Consiste na enumeração dos capítulos do trabalho, na ordem em que aparecem no texto, com a página inicial de cada capítulo. Deve ser elaborado de acordo com a Norma ABNT/NBR-6027. Os capítulos devem ser numerados em algarismos arábicos, a partir da Introdução até as Referências Bibliográficas. Havendo subdivisão nos capítulos, deve ser adotada a numeração progressiva, sempre em número arábico, de acordo com a Norma ABNT/NBR-6024. Não deve ser usado algarismo romano, nem letra.

SUMÁRIO

RESUMO ................................................................ iv

1 INTRODUÇÃO ................................................... 5

2 REVISÃO DE LITERATURA............................. 7

3 MATERIAL E MÉTODO.................................... 8

3.1 Material ............................................................. 8

4 RESULTADOS ................................................... 9

4.1 Psicológicos ...................................................... 10

4.2 Pedagógicos ...................................................... 11

5 DISCUSSÃO ....................................................... 12

6 CONCLUSÕES ................................................... 12

7 ANEXOS E APÊNDICES .................................. 13

8 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS ................ 15


FIGURA 4 - Sumário

INTRODUÇÃO: apresentação geral do assunto do trabalho; definição sucinta e objetivo do tema abordado; justificativa sobre a escolha do tema e métodos empregados; delimitação precisa das fronteiras da pesquisa em relação ao campo e períodos abrangidos; esclarecimentos sobre o ponto de vista sob o qual o assunto será tratado; relacionamento do trabalho com outros da mesma área; objetivos e finalidades da pesquisa, com especificação dos aspectos que serão ou não abordados.
DESENVOLVIMENTO: É a apresentação do histórico e evolução científica do aspecto do trabalho, através da citação e de comentários sobre a literatura considerada relevante e que serviu de base à investigação. Descrição precisa dos métodos, materiais e equipamentos utilizados, de modo a permitir a repetição dos ensaios por outros pesquisadores. Técnicas e equipamentos novos devem ser descritos com detalhes; entretanto, se os métodos empregados já forem conhecidos, será suficiente a citação de seu autor. A especificação e origem do material utilizado poderá ser feita no próprio texto ou em nota de rodapé. Os testes estatísticos empregados e o nível de significância adotado também devem ser referidos neste capítulo.

Apresentação, em ordem lógica, dos resultados obtidos, sem interpretações pessoais. Podem ser acompanhados por gráficos, tabelas, mapas e figuras. Os resultados da pesquisa são analisados e comparados com os já existentes sobre o assunto na literatura citada. São discutidas suas possíveis implicações, significados e razões para concordância ou discordância com outros autores. A discussão deve fornecer elementos para as conclusões.


CONCLUSÕES: Devem ser fundamentadas nos resultados e na discussão, contendo deduções lógicas e correspondentes, em número igual ou superior aos objetivos propostos. Refere-se à introdução, fechando-se sobre o início do trabalho.
REFERÊNCIAS: São em geral utilizadas para indicar fontes bibliográficas permitindo comprovação ou ampliação de conhecimento do leitor; para indicar textos relacionados com as afirmações contidas no trabalho, remeter o leitor a outras partes do mesmo trabalho ou outros trabalhos para comparação de resultados e para incluir a tradução de citações feitas em língua estrangeira ou indicar a língua original de citações traduzidas.

Importante: nome do autor em letras maiúsculas e sobrenome na frente. Título da obra em negrito ou itálico. Colocar local de publicação da obra, editora e ano de publicação. Veja o exemplo abaixo:





ANEXOS: Anexas são partes integrantes do texto, mas destacados deste para evitar descontinuidade na seqüência lógica das idéias. Constituem suportes elucidativos e ilustrativos para a compreensão do texto. Apêndices constituem suportes elucidativos e ilustrativos, porém não essenciais à compreensão do texto. Quando existe a necessidade, no trabalho, de vários anexos ou apêndices, cada um deles deve ter no alto da página a indicação em letras maiúsculas, seguido do número correspondente em algarismo arábico. No texto devem ser citados entre parênteses.
ORIENTAÇÕES TÉCNICAS
Citações: É a menção no texto de uma informação colhida de outra fonte. Pode ser direta, indireta e citação de citação.

Citação Direta: É a cópia exata ou transcrição literal de outro texto (leis, decretos, regulamentos, fórmulas científicas, palavras ou trechos de outro autor). O tamanho de uma citação determina sua localização no texto da seguinte forma:

a). até três linhas deve ser incorporada ao parágrafo, entre aspas duplas.




De acordo com as conclusões de SINHORINI (1983), "O BCG induz à formação de lesão granulomatosa, quer na ausência, quer na presença da hipersensibilidade específica detectada pelo PPD"

b). citação mais longa deve figurar abaixo do texto, em bloco recuado das margens laterais, em tamanho 10 de fonte.

Valendo-se de várias hipóteses, SINHORINI (1983) constata que

"...o granuloma tuberculoso é constituído por dois sistemas

independentes: o macrofágico que controlaria tanto o escape

do antígeno da lesão, quanto o crescimento bacteriano na mesma,

e o imunocompetente, representado pela hipersensibilidade e

expresso morfologicamente pelo halo de células jovens...".


Observação: A indicação da fonte entre parênteses pode suceder a citação, para evitar interrupção na seqüência do texto.




Após esse primeiro isolamento, na Inglaterra, vários casos têm sido descritos em países como Canadá, Noruega, Holanda, Dinamarca e Finlândia (GLAZEBROOK et al, 1973, JONES, 1981).


BIBLIOGRAFIA CONSULTADA




Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal