Clube de golfe parlamentar



Baixar 15.88 Kb.
Encontro02.08.2016
Tamanho15.88 Kb.

CLUBE DE GOLFE PARLAMENTAR
Regulamento
CAPITULO I

NATUREZA, DURAÇÃO E OBJECTO



Artigo 1º

(Natureza)


1. A Secção de Golfe do Grupo Desportivo Parlamentar, adiante designada por Clube de Golfe Parlamentar, é uma secção desportiva, organizada ao abrigo do n.º 1 do artigo 2º dos Estatutos do Grupo Desportivo Parlamentar e que durará por tempo indeterminado.
2. O Clube de Golfe Parlamentar funciona na sede e instalações do Grupo Desportivo Parlamentar, na Assembleia da República.
Artigo 2º

(Objecto)


1. O Clube de Golfe Parlamentar tem por objecto fomentar e facultar aos sócios do Grupo Desportivo Parlamentar o exercício de actividades desportivas, recreativas e culturais no âmbito do Golfe.
CAPITULO II

ATRIBUIÇÕES E PRINCÍPIOS



Artigo 3º

(Atribuições)


São atribuições do Clube de Golfe Parlamentar:
a) Divulgar e fomentar entre os sócios do Grupo Desportivo Parlamentar, a cultura, a prática, o lazer e o desporto relacionados com o golfe;

b) Proporcionar o ensino básico do jogo do golfe através de lições teóricas e práticas para desenvolver o aperfeiçoamento das técnicas do golfe de modo a melhorar o seu nível de jogo;

c) Estudar e difundir a história e a evolução do golfe e dos sectores com ele relacionados, em Portugal e no estrangeiro;

d) Promover, organizar, patrocinar ou supervisionar todo o tipo de eventos designadamente torneios e competições (nacionais e internacionais), conferências, palestras, demonstrações, convívios, deslocações, viagens, circuitos, ensino de regras e etiqueta, relacionados com o golfe;

e) Constituir bibliotecas, centros de documentação e bases de dados relativos ao golfe, pondo-os à disposição de todos os sócios do GDP;

f) Promover, sempre que possível, acordos de utilização com Campos Nacionais e Estrangeiros;

g) Proporcionar aos sócios a aquisição de material e equipamentos relacionados com o golfe, em condições vantajosas;

j) Reforçar o espírito desportivo e cultural, bem como as relações pessoais e de estima mútua entre os seus membros;

k) Divulgar através da Newsletter mensal do Grupo Desportivo Parlamentar as suas actividades, bem como editar e distribuir, publicações periódicas ou não periódicas relacionadas com o golfe;

l) Estabelecer relações de intercâmbio com entidades congéneres nacionais e estrangeiras, filiando os seus membros na Federação Portuguesa de Golfe e, através desta, nas estruturas federativas internacionais.


Artigo 4º.

(Princípios)


1. O Clube de Golfe Parlamentar organiza-se e prossegue a sua actividade em rigoroso respeito pelos estatutos do Grupo Desportivo Parlamentar (GDP), pela legislação relativa à actividade do golfe e pela regulamentação emanada da Federação Portuguesa de Golfe.

2. O Clube de Golfe Parlamentar rege-se em especial pelos princípios da Ética do GDP e da Federação Portuguesa de Golfe.

3. O Clube de Golfe Parlamentar adopta as regras e etiqueta do golfe, particularmente as do Royal and Ancien Golf Club of St.Andrews e da U.S.Golf Association prosseguidas pela Federação Portuguesa de Golfe.
Artigo 5.º

(Direitos dos associados do GDP)


São direitos dos associados:
a) Participar na estrutura organizativa do Clube de Golfe Parlamentar e desempenhar todas as actividades inerentes quando para tal forem convidados;

b) Ter acesso às instalações do Clube de Golfe Parlamentar e aos campos de golfe em relação aos quais existam acordos, bem como a todos os locais onde se realizem iniciativas do o Clube de Golfe Parlamentar;

c) Participar em todas as iniciativas culturais e desportivas do Clube de Golfe Parlamentar;

d) Usar os emblemas e distintivos do Clube de Golfe Parlamentar que vierem a ser instituídos;

e) Receber gratuitamente toda a informação disponibilizada pelo Clube de Golfe Parlamentar.
Artigo 6.º

(Deveres dos associados do GDP)


São deveres dos associados:
a) Respeitar os estatutos do GDP, o presente regulamento, a ética desportiva e cultural, nomeadamente, as regras e etiqueta do golfe e os princípios tradicionais do GDP, da Federação Portuguesa Golfe e do Royal and Ancient Golf Club o St.Andrews;

b) Usar do maior civismo e delicadeza em todas as circunstâncias culturais e desportivas;

c) Desempenhar com eficácia, isenção e total seriedade os cargos para que sejam convidados.
Artigo 7.º

(Elementos da Secção)


1. A promoção das atribuições da Secção incumbe, sem prejuízo das competências próprias da Direcção do GDP, a três representantes.
2. Esses representantes, dos quais um preside, são nomeados pela Direcção do GDP.
3. A referida nomeação mantêm-se durante o mandato dos Corpos Gerentes do GDP.






©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal