Colégio estadual lourdes alves melo – efm


– HISTÓRICO DO ESTABELECIMENTO ENSINO



Baixar 385.67 Kb.
Página3/7
Encontro29.07.2016
Tamanho385.67 Kb.
1   2   3   4   5   6   7

2.2.1 – HISTÓRICO DO ESTABELECIMENTO ENSINO.


Em 1963 foi criado o Ginásio Estadual de Itaguajé, no município de Itaguajé.

Seu primeiro diretor foi o Padre João Balestieri e Secretário Júlio Watanabi. Funcionava somente no período noturno, nas dependências do Grupo Escolar Presidente Vargas. Em 1964, pelo falecimento do Pe. João, assumiu o cargo de Diretor Dr. Nelson Teixeira de Barros, tendo como Secretária a professora Mathilde Ferreira Zuniga.

Em 1967, foi construído, pelo Governo do Estado do Paraná, o prédio para funcionar o Ginásio de Itaguajé, situado à Rua Agamenon Magalhães, s/n, passando então a funcionar em dois turnos, vespertino e noturno, regido pela Lei nº 4.024/61.

Em 1968, assumiu a direção, por um ano, o Padre Germano Bozzobon, Logo após retornou o Dr. Nelson Teixeira de Barros, tendo como Secretária a professora Walkiria Manzi Bertazzo.

Em 1968, foi criada em Itaguajé a Escola Normal Colegial Estadual Nossa Senhora de Loreto, tendo como primeira Diretora a professora Ivone de Aguiar Alia, e como Secretária Walderez Manzi. Após esta gestão, assumiu como Diretora a senhora Zélia Maria de Lima. Funcionava no período matutino no prédio do Ginásio Estadual de Itaguajé. Até 1970, exerceu a direção o Dr. Nelson Teixeira de Barros, sendo que em 1973, ele foi substituído pela professora Walkiria Manzi Bertazzo.

Em 1972, a diretora da Escola Normal Colegial, passou para a professora Maria de Lourdes Freire de Barros, tendo como secretária Leonilda Francisca de Jesus. Em 1973, passou para a professora Maria Stella Victorino, um ano depois, para o professor Luiz Sérgio Victor de Souza, e dois anos após para Selma Coimbra Pepece.

Em 1980 pelo Parecer 199/80, foi aprovado o Projeto de Implantação do Ensino de 2º Grau – Habilitação Magistério (antigo Normal) e Contabilidade. Nesse momento houve a junção da Escola Normal Nossa Senhora de Loreto com o Ginásio Estadual de Itaguajé.

A partir desse ano o Curso de Magistério passou a funcionar no período vespertino e o curso de contabilidade no período noturno.

Com a implantação da Lei nº 5.692/71, o estabelecimento de ensino passou a denominar-se Colégio Estadual Lourdes Alves Melo- Ensino de 1º e 2º graus.

Em 1981 pela Resolução nº 1259/81, passou a denominar-se Colégio Estadual Lourdes Alves Melo–Ensino 1º e 2º grau, e no ano de 1983, com a Resolução nº 4300/83, houve o reconhecimento do Curso de 2º Grau Regular com Habilitações Plenas em Magistério e Contabilidade.

A Direção passou a ser geral, tendo como primeira Diretora Walkiria Manzi Bertazzo, e a seguir Selma Coimbra Pepece, José Pereira Neto, Miguel Adauto de Lima, tendo em todo o período como secretária Zélia Rodolfo Machado.

Em 1992, houve a Municipalização de 1ª a 4ª séries do 1ª Grau no município de Itaguajé, com a criação da Escola Municipal Fábio Dias da Silva.

A Resolução nº 95/99 e Parecer nº 2989/98 – veio cessar as atividades escolares de Habilitação Auxiliar Técnico em Contabilidade no Colégio Estadual Lourdes Alves Melo- Ensino Fundamental e Médio do Município de Itaguajé, obedecendo o seguinte cronograma de cessação: 1998 – 1ª série, 1999 – 1ª e 2ª séries, 2000 – 1ª , 2ª e 3ª séries, 2001 – 1ª, 2ª, 3ª e 4ª séries. Tendo como Diretora neste período a senhora Ednalva Silva Afro, logo após assumiu a gestão do colégio senhor Adauto Miguel de Lima, que permaneceu na função até o ano de2003.

A Resolução nº 1471/99 e Parecer nº 1049/99 – veio cessar de forma gradativa as atividades escolares da Habilitação em Magistério no Colégio Estadual Lourdes Alves Melo – Ensino Fundamental e Médio.

De 2004 até 2005, foi eleito através Concurso Público, o senhor Celito Rasvailer. A partir de 2006, foi eleita a senhora Estelita Brandão da Silva Soares, através da Resolução nº 58/06 – DOE 16/01/06, Tendo como diretora auxiliar Nadir Rodrigues Ono. No ano de 2008, foi eleito o Senhor Miguel Adauto de Lima, Resolução nº 5909/08, e diretora auxiliar Estelita Brandão da Silva Soares sendo que o mesmo aposentou – se em 27 /06/2011, consequentemente a senhora Estelita Brandão de Silva Soares, 11/08/2011- Resolução 3290/11 – DOE.

A Resolução nº 1471/99 e Parecer nº 1049/99 – veio cessar de forma gradativa as atividades escolares da habilitação em Magistério no Colégio Estadual Lourdes Alves Melo – Ensino Fundamental e Médio.

Em 2012 ofertará o Ensino Fundamental de 09 anos com implantação simultânea.

2. 2.2 – ORGANIZAÇÃO DO ESPAÇO FÍSICO
Quanto ao espaço físico, o Colégio Estadual Lourdes Alves Melo, possui o seguinte espaço:


  • Salas de aula - 10

  • Banheiros - 04 para uso geral dos alunos + 01 adaptado para uso dos deficientes físicos

  • Sala de multiuso - 01

  • Laboratório ciências - 01

  • Laboratório de Informática - 01

  • Biblioteca - 01

  • Cozinha - 01

  • Almoxarifado - 02

  • Secretaria - 01 (adaptada)

  • Sala Direção - 01

  • Área coberta - 159 m2

  • Pátio coberto - 211 m2

  • Sala de professores - 01

  • Sala da Equipe Pedagógica - 01(adaptada)

  • Quadra de esportes coberta – 970 m2

  • Bebedouro cap. p / 500l. – 01

  • Sala para merendeiras

  • Sala de serviços técnicos pedagógicos -01

  • Sala de Apoio à Aprendizagem

  • Sala de Recursos Multifuncional – Tipo I

  • Deposito de merenda escolar.


2.2.3 – MATERIAL DIDÁTICO PEDAGÓGICO

O colégio recebeu da Secretaria do Estado da Educação (Seed), vários materiais como recursos para enriquecimento do ensino aprendizagem de todos. Todas as disciplinas foram contempladas com alguma coleção, Língua portuguesa e Matemática e Sala de Apoio à Aprendizagem foi que mais recebeu material como: Banco de Questões – Olimpíadas de Matemática, OBMEP 2008, Prova Brasil – Cadernos de Atividades para as séries iniciais – Matemática e Português, Prova Brasil – Cadernos de Atividades para séries finais – Matemática e Português, Fantoches de mão, Jogos de Memória, Conjuntos de barras e medidas, Conjuntos de blocos lógicos, Conjuntos de números e sinais, Jogo de dominó de subtração, Jogo de domino de multiplicação, Conjunto dourado, Conjunto de réguas numéricas, Relógio didático, Conjuntos de sólidos geométricos em madeira, Conjunto de tangram, Torre de Hanói, Jogo de alfabeto silábico, Jogo dominó associação de idéias, jogo Vamos Formar Palavras, Jogo de Sequências lógicas – trânsito, Cadernos Temáticos da Diversidade Seed.2009,Cadernos Temáticos Desafios Educacionais Contemporâneos, 2008, Cadernos Temáticos Educando para as relações étnico – raciais 2006, Literatura Infanto Juvenil, acervo bibliográficos disponibilizado para pesquisa de alunos, professores e equipe pedagógica. A seleção destes recursos materiais é feita pelo grupo de professores da escola e pelos seus responsáveis, que dentre a variada gama desses recursos criam a oportunidade de utilizá–los conforme a necessidade da proposta de trabalho. Os livros didáticos são materiais de grande utilização em sala de aula, tanto no Ensino Fundamental, quando no Ensino Médio. Material didático pedagógico como: mapas, globos terrestres, jornais (Folha de Londrina) revistas ( Revista Veja, Família Cristã, Nova Escola, Revista Educação, Revista Carta –Escola, Revista Pátio), dicionários de Inglês e Português; contribuindo para que o aluno tenha uma visão ampla do conhecimento.


2.2.4 - MATERIAL PERMANENTE
Mobiliário, computadores, aparelhos de TV, TVs Pendrive, caixa de som acústico, Data show, murais, vídeos, som, máquina fotográfica, material para educação física, material pedagógico para Salas de Apoio e Recursos.

2.2.5 - OFERTA DE CURSOS E MODALIDADES
O Colégio Estadual Lourdes Alves Melo, oferta as modalidades de ensino: Fundamental - séries finais de 5ª a 8º série e Ensino Médio. O Estabelecimento adota o regime de seriação anual, considerando período letivo, cuja duração não seja inferior ao previsto na legislação. A partir de 2012 haverá implantação da séries finais do Ensino Fundamental do 6º ao 9º ano, de forma simultânea para os Estabelecimentos de Ensino que compõem o Sistema Estadual do Paraná, considerando:

  • Que as séries finais do Ensino Fundamental de 8 anos correspondem aos anos finais do Ensino Fundamental de 9 anos, quanto a idade/série/ano;

  • Que não haverá alterações significativas na Proposta Pedagógica, no que diz respeito a conteúdos e Matriz Curricular, Ressalvando – se que os encaminhamentos metodológicos serão revistos na perspectiva das necessidades dos sujeitos no processo de ensino aprendizagem;

  • A transferência de alunos de outros Estados da Federação, onde a implantação

  • As implicações na manutenção concomitante de turmas do Ensino Fundamental de 8 anos e de 9 anos.

No período Matutino são 05 turmas de Ensino Fundamental, num total de 155 alunos e 03 turmas de Ensino Médio com 84 alunos .

1 Sala de Apoio á Aprendizagem – Língua Portuguesa e Matemática, para os alunos de 6º/7º e 8º/9º - com carga 16horas aulas, atendendo os 20 alunos por cada disciplina, funcionando nas segundas feiras e quartas feiras. contraturno visando à melhoria da qualidade do ensino por meio da ampliação de tempos, espaços e oportunidades educativas realizada na escola, a fim de atender às necessidades socioeducacionais dos alunos.

1 Sala de Recursos multifuncional – tipo I

Sala de Recursos Multifuncional Tipo I, anos finais do Ensino Fundamental na Educação Básica , com carga 20horas aulas semanais no período da matutino, funcionando às segundas feiras, terças feiras, quintas feiras. Atendendo a área da deficiência Intelectual, deficiências físicas, neuromotora, transtornos globais do desenvolvimento e transtornos funcionais específicos, com o número máximo de 20 alunos com atendimento por cronograma.

2 . Salas de Cursos do Celem

Sendo uma sala p1 e p2 num total de 60 alunos, funcionando no período noturno, nas segundas feiras e quintas feiras.

1 Turma de Atividades Complementares Curriculares em Contraturno – futsal , Cursos Preparatório para o Vestibular, no período intermediário das 5h às 7h, segundas feiras e quintas feiras, 4 horas aulas, atendendo no máximo 20 alunos por projeto.

A Resolução da Secretaria nº 1.690/2011 de 24/042011, que institui o Programa de Atividades Complementares Curriculares em Contraturno na Educação Básica na Rede Estadual de Ensino:



  • A necessidade de assumir as Atividades Complementares Curriculares em Contraturno como política pública;

  • A necessidade de garantir a permanência do aluno do Ensino Médio na escola;

  • A necessidade de ações pedagógicas que garantam a qualidade de ensino, pela Instrução nº 004/2011- SUED/SEED.


PERÍODO MATUTINO:

Ensino Fundamental

ANOS

Turmas

Nº de Alunos

6º A

01

22

7º A

01

35

8º A

01

38

9º A /9ºB

02

52

SALA DE RECURSOS

01

08

TOTAL:

06

155


Ensino Médio

Séries

Turmas

Nº de Alunos

1ºA

01

40

2ºA

01

24

3ºA

01

16

TOTAL

03

80

PERÍODO VESPERTINO

Ensino Fundamental

Séries

Turmas

Nº de Alunos

6º B/6ºC

02

52

7ºB/C

02

56

8º/C

01

36

8ª B /8ºC

02

49

Total:

07

173


Ensino Médio

Séries

Turmas

Nº de Alunos

1º B

01

31

2ºB

01

16

3º B

02

21

TOTAL

04

7 8


PERÍODO NOTURNO:

Ensino Fundamental

Series

Turmas

Nº de Alunos

5ªD

01

15

TOTAL

01

15


Ensino Médio

Séries:

Turmas

Nº de Alunos

1º C

01

18

2º C

01

23

3ºC

01

24

TOTAL

03

6 5

CELEM – Espanhol – 50 alunos

Series:

Turmas

Nº de Alunos

1º A

01

38

2º A

01

20

Total

02

58



Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal