Comissão permanente de licitaçÃo cpl/sgpf/ses/go edital concorrência pública nº 003/2014 – ses/GO


Implantação Estadual do SIGA Saúde



Baixar 1.51 Mb.
Página9/33
Encontro29.07.2016
Tamanho1.51 Mb.
1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   ...   33

Implantação Estadual do SIGA Saúde


Atualmente o SIGA-Saúde suporta uma estrutura municipal de estabelecimentos de saúde na qual o Gabinete da Secretaria Municipal de Saúde desempenha a função de órgão centralizador único, agregando a visão e gestão de todo o município.

Para a implantação do SIGA-Saúde como previsto neste Termo de Referência, é necessária a operacionalização dos processos de saúde através de múltiplas óticas, tais como geográfica com segmentação municipal, regional ou estadual, e política com segmentação por esferas de poder ou estrutura de distribuição de recursos / pactuação, proporcionando gestão hierarquizada, possibilitando que um órgão aglutinador (na figura do estado, e/ou das regionais de saúde, além do município) obtenham as informações dos estabelecimentos de saúde pertencentes à sua esfera.

Desta forma, a Contratada deverá customizar e implementar a funcionalidade de Regionalização na versão mais recente disponível do SIGA-Saúde possibilitando a coexistência de múltiplos órgãos aglutinadores, cada um consolidando e visualizando informações e processos da sua segmentação específica.

A contratada deverá instalar o SIGA-Saúde em sua versão regionalizada em Datacenter a ser definido pela GTI/SES/GO o qual será disponibilizado para utilização nas Unidades de Saúde.


      1. Manutenção das Customizações do SIGA Saúde


A CONTRATADA deverá realizar manutenção das customizações do SIGA Saúde para que possa utilizar uma única implantação física para múltiplas instâncias municipais. Deverá também implantar mecanismos que garantam o fluxo regionalizado de informações para implantação por Regional de Saúde do Estado.

A CONTRATADA deverá implantar os módulos do sistema SIGA-Saúde no atual Datacenter definido pela Gerência de TI da SES-GO, possibilitando sua utilização pelas Unidades de Saúde tanto sob gestão dos municípios como sob gestão do estado.



A CONTRATADA deverá orientar na configuração e parametrização dos módulos básicos de Atenção Primária e das Centrais de Regulação de Consultas Especializadas e Internação Hospitalar contemplando:

  • Cadastro de Usuários (CNS);

  • Cadastro de Estabelecimentos e Profissionais (CMES / CNES);

  • Agenda Local e Regulada;

  • Central de Marcação de Consultas;

  • Central de Internação Hospitalar;

  • Controle e Emissão de APAC;

  • Configuração do fluxo de solicitação de exames com hierarquização e regionalização;

  • Registro de Atendimento (Registro Eletrônico de Saúde);

  • Parametrização da Central de Regulação;

  • Definição da Abrangência Clínica da Central;

  • Definição da(s) Unidade(s) Reguladora(s);

  • Definição das Unidades Executantes;

  • Definição das Unidades Solicitantes;

  • Definição dos Médicos Reguladores;

  • Definição da PPI e da Pactuação de diferentes Programas Assistenciais;

  • Definição das FPOs;

  • Definição dos limites de execução;

  • Definição dos Limites de Solicitação;

  • Configuração da Numeração de AIH;

  • Definição das Escalas de Profissionais e Equipamentos;

  • Definição de Impedimentos de Profissionais e Equipamentos;

  • Operação da Central;

  • Definição e configuração, em conjunto com a equipe técnica da SES/GO e das Secretarias Municipais de Saúde, dos perfis e permissões de acesso ao sistema.

A CONTRATADA deverá realizar as manutenções, parametrizações e customizações de forma a possibilitar a implantação do SIGA-Saúde conforme disponibilizada pela Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo, com a carga de dados e personalizações no sistema para atender a regionalização necessária no Projeto Piloto.
      1. Implantação do SIGA Saúde em Datacenter Estadual


Para implantar o SIGA-Saúde no Datacenter a CONTRATADA deverá executar as seguintes atividades:

  • Preparação do Datacenter Estadual

  • Os equipamentos e softwares do Banco de Dados do Datacenter deverão ser disponibilizados pelo Estado de Goiás em 03 ambientes, sendo um de homologação, o outro para operação efetiva do sistema SIGA-Saúde e um terceiro para capacitação de usuários.

  • A Contratada deverá configurar e parametrizar os servidores de Aplicação e de Banco de Dados para receber e suportar a instalação e operação do sistema.

  • Carga Inicial dos Dados Cadastrais

  • A Contratada deverá carregar no sistema instalado no Datacenter do Estado, os dados de cadastro dos Profissionais, Estabelecimentos e Equipamentos de Saúde que operam em cada unidade envolvida no Projeto. Esses dados deverão ser obtidos pelos sistemas atuais do DATASUS e serão compatibilizados com a estrutura de dados nativa do SIGA-Saúde.

  • O Sistema SIGA-Saúde deverá ser parametrizado de forma a ser compatível com a estrutura e com as peculiaridades do Estado de Goiás.

  • Testes de Homologação do SIGA-Saúde

  • Depois de finalizadas as parametrizações e carga inicial de dados pela contratada, o sistema deverá ser testado e homologado em conjunto com a equipe da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás.
      1. Execução e manutenção da Política de Divulgação e Comunicação


A CONTRATADA deverá organizar as atividades de apresentação e divulgação do SIGA Saúde, definidos na “Política de Divulgação e Comunicação do SIGA Saúde” na Regionais de Saúde Sudoeste I assim como de um Workshop Estadual na cidade de Goiânia para apresentação dos resultados alcançados.
Para a realização dos workshops caberá a CONTRATADA fornecer os Instrutores e/ou palestrantes e todo o material de apoio.

O local e a infraestrutura necessária para a recepção de prefeitos, Secretários Municipais de Saúde e instâncias do Controle Social dos municípios pertencentes a Regional de Saúde correrá por conta da SES/GO.

As atividades deverão ter a duração prevista de um dia com horário previsto de 9:00 às 12:00 e das 14:00 às 18:00. De acordo com as necessidades de cada Regional de Saúde estes horários poderão ser adequados mediante acordo entre as partes envolvidas.

A programação das atividades deverá ser previamente aprovada pela SES/GO.

As despesas referentes a passagens, diárias ou remuneração de palestrantes ou instrutores correrão exclusivamente por conta da CONTRATADA.

      1. Manutenção corretiva do SIGA Saúde


Entendem-se como serviços de manutenção, aqueles destinados em manter os sistemas em perfeito funcionamento das funcionalidades existentes, aptos à realização das atividades que forem destinadas, executando todos os ajustes e reparos nos termos e tempos estabelecidos nas respectivas Ordens de Serviço.

A contratada obriga-se a fornecer, durante a vigência do contrato, as correções de “bugs” e falhas de segurança que forem detectados (as) nas manutenções e integrações realizados pela CONTRATADA.

O prazo de solução das manutenções corretivas será computado conforme tabela a seguir.

Tabela - Classificação dos prazos de manutenção corretiva


Severidade

Tempo de Reação

Tempo de Resposta

Tempo de Entrega da Solução

Extremamente crítica

3 horas úteis

6 horas úteis

Melhor tempo <3 dias úteis

Critica

6 horas úteis

1 dia útil

Melhor Tempo < 4 dias úteis

Grave

1 dia útil

2 dias úteis

Melhor Tempo

(< 1 semana)



Média

3 dias úteis

N/A

Melhor Tempo (< 3 semanas)

Baixa

3 dias úteis

N/A

Melhor Tempo (< 6 semanas)



      1. Atualizações do SIGA Saúde


As atualizações do SIGA Saúde realizadas pela Prefeitura Municipal de São Paulo ou por outras instituições deverão ser objeto de avaliação pela SES/GO para sua implantação no Estado. Para tanto, a CONTRATADA deverá elaborar uma análise de risco e impactos para cada atualização que será objeto de apreciação pela equipe técnica da SES/GO.

No caso de haver concordância a respeito da implantação da Atualização caberá a CONTRATADA elaborar e executar um Plano de Mudança de forma a mitigar os riscos da atualização e manter o máximo de disponibilidade dos serviços do SIGA Saúde.

A CONTRATADA fica limitada a executar 02 (duas) atualizações durante todo o período de contrato.

      1. Operação da Central de Suporte aos usuários do SIGA Saúde


A Central de Suporte aos usuários do SIGA Saúde deverá ser disponibilizada nos dias de semana em horário comercial durante todo o período de vigência do contrato.

A Central de Suporte ao Usuário do SIGA Saúde deverá ser capaz de dar suporte aos profissionais de saúde e usuários para operação do SIGA Saúde.

A SES/GO deverá demandar, por meio de Ordem de Serviço, o acesso a Central de Suporte aos usuários de cada município onde o SIGA Saúde foi implantado.

A Central de Suporte ao SIGA Saúde deverá estar disponível em dias úteis pelo período contínuo de 10 horas e terá como funções:



  • Recepcionar ligações telefônicas e registrar chamados abertos por telefone. Registrar chamados abertos diretamente pelos usuários utilizando a interface Web do sistema de atendimento ou e-mail.

  • Efetuar triagem e classificação das solicitações de acordo com procedimento documentado na base de conhecimento;

  • Consultar base de conhecimento e executar procedimentos de atendimento de primeiro nível.

  • Encaminhar o chamado para atendimento de 2º ou 3º nível quando da impossibilidade de resolução em primeiro nível.

  • Reabrir subchamados para origem quando foram fechados inadequadamente.

  • Atualizar ou incluir, quando inexistente, na Base de Conhecimento a documentação do procedimento utilizado para prestar o atendimento.

  • Concluir e fechar o chamado, confirmando com o usuário o restabelecimento das funcionalidades reclamadas.
      1. Monitoração Remota do Ambiente de infraestrutura do SIGA Saúde


Tem por objetivo garantir o funcionamento ininterrupto do SIGA Saúde contemplando a prestação de serviços de suporte técnico remoto. O atendimento remoto deverá ser realizado em regime de 24 horas por dia, 7 dias por semana e 365 dias por ano.

As ações de Monitoração Remota do Ambiente incluem:




  • Monitorações remota e ininterruptas, de Servidores e Serviços, diariamente, em tempo integral, inclusive aos sábados, domingos e feriados, por meio de acompanhamento de ferramenta de monitoração, testes de comunicações e outras ferramentas que fizerem necessárias para execução da atividade.

  • Preenchimento de relatório com eventos de monitoração ocorridos no período e análise de urgência, impacto e frequência dos mesmos.

  • Evolução do checklist executado diariamente, pela manhã e à noite e da documentação das atividades operacionais correlacionadas com o serviço.

O prazo para atendimento dos chamados deverá atender ao disposto no quadro a seguir.
Tabela - Prazos para Monitoração remota

Severidade

Tempo de Reação

Tempo de Resposta

Tempo de Entrega da Solução

Extremamente crítica

3 horas úteis

6 horas úteis

Melhor tempo <3 dias úteis

Critica

6 horas úteis

1 dia útil

Melhor Tempo < 4 dias úteis

Grave

1 dia útil

2 dias úteis

Melhor Tempo(< 1 semana)

Média

3 dias úteis

N/A

Melhor Tempo (< 3 semanas)

Baixa

3 dias úteis

N/A

Melhor Tempo (< 6 semanas)

A SES/GO deverá demandar, por meio de Ordem de Serviço, os serviços de Monitoração Remota do Ambiente do Datacenter Estadual.
      1. Suporte presencial aos servidores localizados no Datacenter do SIGA Saúde


Suporte à equipe técnica de Suporte ao Ambiente do Data Center Estadual do SIGA Saúde implementada com base em uma equipe de campo alocada conforme a necessidade de cada chamado específico para prestação de suporte presencial, compreendendo os serviços e atividades inerentes aos sistemas operacionais adotados pela CONTRATANTE, pacotes de serviços para servidores, ferramentas de acesso e comunicação e aplicações de sistemas específicos.
A SES/GO deverá demandar, por meio de Ordem de Serviço, os serviços de Monitoração do Ambiente do Datacenter Estadual.



    1. Compartilhe com seus amigos:
1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   ...   33


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal