Contacto: Dir. Marketing e Comunicação de Automóveis Tel.: 21 925 71 92



Baixar 83.7 Kb.
Encontro30.07.2016
Tamanho83.7 Kb.




Informação de Imprensa

Maio de 2013








Contacto:

Dir. Marketing e Comunicação de Automóveis - Tel.: 21 925 71 92
O novo Mercedes-Benz Classe S - Ambição: o melhor automóvel do mundo

Estugarda/Hamburgo. Desenvolvido a partir de três pilares de engenharia – “Condução Inteligente” (Intelligent Drive), “Tecnologia Eficiente” (Efficient Technology) e “A Essência do Luxo” (Essence of Luxury) - o novo Classe S cria novos limites em diversos parâmetros da tecnologia ao serviço do automóvel e do condutor. O Classe S não representa um novo expoente tecnológico apenas para a Mercedes-Benz, mas também um enorme desenvolvimento no âmbito de toda a indústria automóvel.

Tal como em todas as gerações anteriores, os clientes esperam que o novo Classe S defina novos padrões, de forma a continuar a ser aclamado como “o melhor automóvel do mundo”. Segundo o Presidente do Conselho de Administração da Daimler AG e responsável máximo pelo Departamento de Automóveis da Mercedes-Benz, Dr. Dieter Zetsche:

"Em vez de nos concentrarmos apenas em segurança ou estética, potência ou eficiência, conforto ou dinamismo, as nossas aspirações foram no sentido de obtermos os melhores padrões possíveis em todos os aspetos. Nenhum outro modelo representa melhor os padrões da Mercedes-Benz do que o Classe S".

A perfeição nos mais ínfimos detalhes resulta no conceito "A Essência do Luxo". Esta busca constante pelos melhores padrões possíveis é particularmente notória no habitáculo: sejam os bancos ou o ar condicionado, os comandos ou o design, os sistemas de infotainment (informação e entretenimento) e de segurança nos lugares traseiros, trata-se de um novo conjunto de ideias e conceitos, cuja realização e elevada qualidade perceptível sublinham os mais elevados padrões adotados pelos engenheiros para o modelo topo-de-gama da Mercedes-Benz – e para eles mesmos.

O mesmo se aplica à segurança. O conceito iniciado há dez anos pelo sistema PRE-SAFE®, que depois evoluiu para o DISTRONIC PLUS, resultou agora numa dimensão de condução totalmente nova: o conforto e a segurança estão unidos num único conceito a que a Mercedes-Benz chama de "Condução Inteligente" (Intelligent Drive). Uma série de inovadores sistemas tornam o novo Classe S ainda mais confortável e seguro.

A eficiência do Classe S é tão elevada que quase se torna utópica: por exemplo, em apenas dez anos, a Mercedes-Benz conseguiu, graças à adoção da "Tecnologia Eficiente", diminuir quase para metade o consumo de combustível na classe dos 204 cv (150 kW), com 4,4 litros por 100 km; por sua vez, o coeficiente aerodinâmico do novo Classe S (cd=0.24) reduz claramente os números do modelo anterior, e passa a constituir uma nova referência no seu segmento. O S 300 BlueTEC HYBRID apresenta um valor ainda mais baixo (cd=0.23) graças às medidas que levaram a uma otimização ainda maior da aerodinâmica. Além disso, o novo modelo é o primeiro automóvel do mundo a dispensar totalmente a utilização de lâmpadas a favor dos LEDs, definindo, mais uma vez, a tendência que a indústria vai seguir.



Design: um novo sentido de estatuto e linhas sensuais

Um modelo Mercedes-Benz é facilmente reconhecível por qualquer pessoa em qualquer parte do mundo. A tradicional face da Mercedes-Benz constitui uma referência sempre presente ao longo da história da Marca. Segundo o Diretor de Design, Gorden Wagener, “O design sofisticado do Classe S constituiu sempre uma expressão de luxo e grandiosidade automóvel para a respetiva época. Agora, o novo Classe S continua esta tradição. Com a sua arquitetura clássica e uma silhueta fluida, representa uma interpretação moderna de clara sensualidade. O design apela às linhas sofisticadas e progressivas reveladas na linguagem de design dos nossos modelos dos anos 30 – conceitos inteligentes com apelo emocional. O estilo desportivo e as linhas sensuais, combinados com a clareza intemporal das suas formas e um sentido natural de superioridade, fazem do Classe S um verdadeiro ícone do design”.

De forma a sublinhar a natural superioridade do novo Classe S, bem como as suas ambições de liderança, a grelha do radiador é agora maior, mais direita, e claramente tridimensional em termos visuais. Graças ao longo capô, ao tejadilho fluido e abaulado, e à traseira suavemente inclinada, o novo Classe S apresenta as proporções clássicas de um grande familiar de três volumes. As dimensões e os espaços foram concebidos de forma a conferir ainda mais prestígio ao Classe S, enquanto a robusta linha do tejadilho contribui para uma aparência desportiva semelhante à de um coupé.

Uma linha marcante, que desce discretamente da frente para a traseira (a característica Dropping Line da Marca), estrutura elegantemente a secção lateral e gera ainda mais dinamismo, mesmo com o veículo imobilizado. O efeito convexo-côncavo, subtilmente criado em todo o flanco, dão uma imagem de robustez e grandeza à carroçaria, transmitindo, simultaneamente, agressividade e suavidade. O pronunciado ombro por cima da roda traseira reforça o caráter atlético do modelo.

As superfícies e linhas propositadamente exageradas dos painéis laterais do novo Classe S geram uma dinâmica muito especial, à medida que fluem até à traseira do veículo. Além da elegância, as formas ligeiramente inclinadas trazem grandes vantagens para a aerodinâmica. As linhas horizontais que vão da tampa da bagageira ao pára-choques reforçam a largura do automóvel, quando este é observado de trás. A assinatura distintiva dos designers da Mercedes-Benz está também patente no óculo traseiro, que se inscreve nos pilares “C”. A zona superior desta superfície vidrada é arredondada, emprestando um visual semelhante ao de um coupé. O grande destaque, porém, vai para as novas óticas traseiras, totalmente envolvidas na carroçaria do veículo; graças ao seu estilo específico e meticuloso, as óticas traseiras completam o design até ao mais ínfimo pormenor.

Tecnologia LED: pela primeira vez, um automóvel sem uma única lâmpada

Cerca de 100 anos depois da introdução da iluminação elétrica nos veículos a motor, a Mercedes-Benz protagoniza a mudança definitiva para a tecnologia LED (Diodo Emissor de Luz): o novo Classe S é o primeiro veículo do mundo a não ter uma única lâmpada nos seus sistemas de iluminação interior e exterior, e coloca a Mercedes-Benz na vanguarda das tecnologias de iluminação. As múltiplas funcionalidades da iluminação constituem outra estreia mundial. Por exemplo: em consideração aos condutores que seguem atrás do novo Classe S, a intensidade das luzes de travagem é reduzida à noite ou quando o veículo está imobilizado num semáforo. Para iluminar a estrada, o veículo, o habitáculo e a bagageira, são utilizados quase 500 LEDs. Dependendo do nível de equipamento, os LEDs são utilizados para as seguintes funções:



  • Óticas dianteiras: até 56 LEDs em cada uma

  • Óticas traseiras: até 35 LEDs em cada uma (mais 4 para as luzes de nevoeiro traseiras)

  • Interior (incluindo a iluminação ambiente): aproximadamente 300 LEDs

A visibilidade é reforçada por dois sistemas de assistência que foram alvo de melhoramentos substanciais: Assistência Adaptativa de Luzes de Máximos Plus (Adaptive Highbeam Assist Plus) e Assistência de Visão Noturna Plus (Night View Assist Plus). Graças a uma nova câmara estereofónica e a sensores de radar multifaseados, o Classe S possui uma visão total de 360º e deteta mais eficazmente quaisquer potenciais perigos na estrada.

Sistemas propulsores: a melhor eficiência do segmento em todas as classes de potência

Durante o primeiro ano de comercialização, a gama do novo Classe S conta com duas versões híbridas, uma versão a gasolina e uma versão Diesel: S 400 HYBRID, S 500, S 350 BlueTEC e S 300 BlueTEC HYBRID. Todas as versões apresentam os melhores níveis de eficiência do segmento, com reduções de consumo até 20% face ao modelo anterior. Todas as motorizações cumprem os requisitos da norma Euro 6 de controlo de emissões. Além disso, o S 400 HYBRID e o S 350 BlueTEC cumprem as rígidas normas de eficiência energética classe A, sendo que o S 300 BlueTEC HYBRID consegue mesmo uma classificação A+.

Como refere o Prof. Thomas Weber, membro do Conselho Diretivo da Daimler responsável pela Investigação do Grupo e Diretor-geral de Desenvolvimento dos automóveis Mercedes-Benz, "o novo Classe S obtém valores de consumo e de emissões que, apenas há alguns anos atrás, não passavam de pura utopia, mesmo em modelos da classe executiva”. Weber reforça a sua opinião: “Trata-se apenas do início da nossa iniciativa 'Green Leadership' (Liderança Verde): brevemente, seguir-se-á o S 500 Plug-In HYBRID, o primeiro Classe S com um consumo de combustível abaixo dos 4 litros por cada 100 quilómetros." Por conseguinte, a gama Classe S compreende, pela primeira vez, uma oferta completa de modelos a gasolina, Diesel e híbridos plug-in.

Resumo das características de cada versão:



Versão

S 400 HYBRID

S 500

S 350 BlueTEC

S 300 BlueTEC HYBRID

Número de cilindros/arquitetura

6/V

8/V

6/V

4/em linha

Cilindrada (cc)

3498

4663

2987

2143

Potência (cv/kW/rpm)

306/225 às 6500

455/335 às 5250

258/190 às 3600

204/150 às 4200

Potência do motor elétrico (kW)

20

-

-

20

Binário (Nm/rpm)

370 às 3500-5250

700 às 1800-3500

620 às 1600-2400

500 às 1600-1800

Binário do motor elétrico (Nm)

250

-

-

250

Consumo combinado desde (l/100 km)

6.3

8.6

5.5/5.61

4.4

Emissões combinadas de CO2 desde (g/km)

147

199

146/1481

115

Classe de eficiência energética

A

D

A

A+

Aceleração 0-100 km/h (s)

6.8

4.8

6.8

7.6

Velocidade maxima (km/h)

250

250

250

240

1 Valores para as versões com distância entre eixos normal/longa
Suspensão: a primeira suspensão do mundo capaz de “ver”

O novo Classe S é o primeiro automóvel do mundo capaz de detetar lombas e irregularidades na estrada à sua frente. Se o sistema ROAD SURFACE SCAN (“Varrimento da Superfície da Estrada”) detetar esse tipo de irregularidades através da câmara estereofónica, o dispositivo MAGIC BODY CONTROL (“Controlo da Carroçaria”) prepara imediatamente a suspensão para lidar com a nova situação. Este inovador sistema de suspensão está disponível em opção para os modelos com motor de oito cilindros. O equipamento de série do novo Classe S inclui o sistema ativo de regulação do amortecimento Adaptive Damping System ADS PLUS, bem como uma versão melhorada da suspensão totalmente pneumática AIRMATIC.



Interior: amplitude visual e tranquilidade na solidez

Graças à sua arquitetura bem definida, o design interior do Classe S encarna todas as características de uma Limousine clássica, de elevado estatuto e com toda a tecnologia de ponta atualmente disponível. O expressivo caráter do habitáculo deriva de um único conceito de estilo fluido e elegantemente sensual. Os elementos e as linhas horizontais criam um cenário caracterizado pela amplitude visual e pela tranquilidade da solidez. A elevada qualidade e a elegância estão em harmonia com a clareza e a funcionalidade: o design interior do Classe S combina conforto em andamento, abundância de espaço e os melhores padrões de facilidade de utilização.

A criteriosa utilização de materiais e cores resulta num habitáculo exclusivo que aparenta ter saído de um único molde. Destaque para o amplo recurso a revestimentos em madeira, principalmente no tablier e na consola central. As superfícies metalizadas dos botões, com pintura em acabamento em três tonalidades de efeito pérola, combinam com as cores do habitáculo e reforçam a perceção da elevada qualidade de construção.

Os ocupantes dos bancos traseiros também viajam em primeira classe: a conceção e a exclusividade dos bancos, dos painéis das portas e de todos os comandos, apresentam os mesmos padrões elevados dos lugares traseiros. Reforçando as características de personalização, os lugares traseiros de “Primeira Classe” (First Class Rear) dispõem de uma consola central (Business) que combina conforto e conveniência (telefone integrado, compartimentos de arrumação, mesa retrátil, etc.).



Conceito: o melhor de dois mundos

Pela primeira vez na história do Classe S, o foco de desenvolvimento concentrou-se na versão “longa” (com mais distância entre eixos). Contrariamente ao habitual, a versão “curta” (menor distância entre eixos) deriva da versão “longa”. Esta mudança de estratégia tem a ver com as exigências dos principais mercados de exportação do Classe S, ou seja, os EUA, a China e o Japão. Enquanto na Europa e na América do Norte os proprietários de Classe S optam, frequentemente, por estarem eles próprios ao volante, nos mercados da Ásia a tendência é diferente, com maior recurso a motoristas. Em linha com esta tendência, a Mercedes-Benz opta, cada vez mais, por privilegiar a conceção dos lugares traseiros, introduzindo novas soluções de conforto e de segurança. No Classe S, não restam dúvidas de que os ocupantes dos lugares traseiros também viajam em primeira classe.

Os ocupantes do novo Classe S beneficiam do ligeiro aumento de dimensões exteriores do modelo (1), pois o espaço interior sofreu melhoramentos substanciais em todas as dimensões: no lugar do condutor, o espaço ao nível da cabeça aumentou 12 mm; nos lugares dianteiros, o espaço ao nível dos ombros aumentou 14 mm e 10 mm ao nível dos cotovelos. Nos lugares traseiros, graças ao aumento de 14 mm ao nível dos joelhos e de 9 mm ao nível dos ombros, o Classe S oferece ainda mais conforto aos passageiros que viajam atrás.

Comandos e ecrãs: um novo centro de informação

O centro de informação do novo Classe S é formado por dois ecrãs/monitores TFT a cores, com 30,7 cm e formato 8:3. O ecrã do lado direito executa as funções do centro de comando do modelo anterior, fornecendo ao condutor toda as informações relevantes. O ecrã do lado direito permite o controlo das funções de informação e entretenimento (infotainment) e de conforto. No Classe S, a constante necessidade de integrar mais funções no veículo levou ao profundo desenvolvimento de toda a lógica de operacionalidade.


Neste caso, as principais preocupações foram para a ergonomia, a conveniência e a segurança, juntamente com o design atrativo e a estética.

Durante o desenvolvimento das características dos comandos e ecrãs, o objetivo foi agrupar estas funções e controlos de forma coerente, tanto em termos de design como de funcionalidade. Além dos novos ecrãs, as superfícies metalizadas dos botões e os comandos em alumínio sólido destacam-se esteticamente e reforçam a perceção de qualidade. Graças à rigorosa construção das superfícies em metal, cada comando individual possui o som, o tato e o requinte que tornam um Mercedes-Benz um automóvel tão especial.

As novas características dos comandos incluem um telefone com teclado sensível ao toque e função adicional para números favoritos com doze posições de memória livres. O principal elemento de controlo é um botão rotativo e de premir, com as habituais teclas de acesso direto na consola central para aceder às funções mais importantes e uma barra de ferramentas para os sistemas de assistência à condução.

Através do Speech Dialog System, o sistema LINGUATRONIC permite executar funções por voz, como, por exemplo, pedidos de endereços completos e sem pausas na fala. Tanto o telefone como o sistema áudio podem ser comandados por voz. Uma novidade é a possibilidade de as mensagens de texto (SMS) ou os emails serem lidos em voz alta pelo sistema.



Climatização: novas funções para o melhor ambiente a bordo

Durante a fase mais avançada do desenvolvimento do sistema de controlo da climatização, foi dada particular atenção a diversos objetivos específicos, como desempenho, qualidade do ar, precisão de regulação, nível de ruído e eficiência.


Constituindo uma novidade no sistema, o conjunto AIR-BALANCE inclui a atomização de perfume, ionização e uma filtragem ainda mais eficaz do que na climatização de série. A climatização automática THERMOTRONIC dos lugares traseiros possui duas zonas adicionais de forma a melhorar o conforto térmico. O aquecimento elétrico dos apoios de braço é uma novidade absoluta.

Em estreia mundial, o novo Classe S possui a funcionalidade “sistema ativo de perfume” (active perfuming system) integrada no pack opcional AIR-BALANCE. A designação 'Ativo' significa que o sistema de emissão de perfume é ativado e desativado manualmente, com regulação manual da intensidade. O sistema de atomização de perfume permite personalizar o aroma no interior do veículo.


Não altera permanentemente o odor interior nem deposita moléculas de perfume nas superfícies em tecido ou no vestuário. A fragrância é discreta e suave, dissipando-se rapidamente.

Bancos: escritório móvel e centro de bem-estar

Sendo já detentora de diversas estreias mundiais, tais como a função de massagem ENERGIZING, que funciona com base no princípio das pedras quentes, ou a ventilação ativa dos bancos com ventoinhas reversíveis, a Mercedes-Benz elevou a um novo nível os padrões de qualidade e conforto tanto nos bancos como na climatização. Os técnicos responsáveis pelo desenvolvimento dos bancos prestaram particular atenção aos bancos traseiros. Estão disponíveis cinco variantes diferentes de bancos traseiros, incluindo uma versão Executive com regulação das costas até 43,5º, o que permite que os seus ocupantes se concentrem no trabalho ou repousem em total conforto.

A função ENERGIZING massage (massagem energética), concebida a partir do princípio das pedras quentes, constitui uma estreia mundial. Os especialistas em bancos da Mercedes-Benz desenvolveram uma função de massagem totalmente inovadora, com 14 almofadas de ar, ativadas separadamente, nas costas dos bancos, bem como uma função de aquecimento integrada. Estão disponíveis seis programas de massagens, dois dos quais com recurso à função de aquecimento. Esta função também está disponível para os bancos traseiros.

Pela primeira vez são utilizadas as chamadas ventoinhas reversíveis no sistema de ventilação ativa dos bancos. Quando é ativada a função de ventilação, a superfície do banco é refrigerada com o ar fresco circundante. Isto permite que a superfície aquecida do banco seja refrigerada muito mais depressa do que nos anteriores sistemas ativos de refrigeração. Após quatro minutos, as ventoinhas mudam automaticamente para o modo de ventilação para reduzir as correntes de ar.

No Classe S “curto” (distância entre eixos normal), estão disponíveis duas opções de bancos traseiros (costas fixas ou bancos individuais com regulação da inclinação até 37º); no Classe S “longo” (maior distância entre eixos), estão disponíveis cinco opções de bancos traseiros. Nas versões mais luxuosas, com reclinação das costas, a cinemática das regulações foi alterada. Ao contrário dos sistemas convencionais, as costas são ajustadas separadamente de modo a que o espaço para as pernas e o ponto de referência do banco não sofram alterações. O assento pode ser regulado separadamente em inclinação e horizontalmente.

O ângulo máximo de inclinação do banco Executive (bancos reclináveis) atrás do passageiro da frente foi aumentado de 37 para 43,5º, oferecendo a máxima inclinação de costas no segmento dos modelos de luxo. O banco reclinável possui um apoio para a barriga das pernas com regulação independente do ângulo e do comprimento. Juntamente com o apoio para os pés, reclinável e integrado no banco do condutor, e com o reforço do conforto no assento, este apoio para a barriga das pernas proporciona uma posição reclinada que define novos padrões na indústria automóvel, permitindo um grande conforto tanto para descansar como para dormir.

No caso de o cliente optar pelos bancos traseiros “Primeira Classe” (First Class Rear), com consola central traseira, a consola dianteira integrada no túnel da transmissão possui uma continuação visual até à traseira. Esta consola está equipada com um inovador sistema de apoio térmico para copos que utiliza a tecnologia Peltier para arrefecer ou aquecer as bebidas durante um longo período de tempo. Tal como num banco de avião, a consola central conta com duas mesas que podem ser facilmente abertas ou recolhidas apenas com uma mão.

Características multimédia: uma sala de concertos em movimento

O Classe S estreia uma totalmente nova geração de sistemas multimédia, extremamente intuitiva e com funções particularmente tangíveis graças à visualização e animações. As inovações incluem, ainda, o sistema multi-utilizador, que permite o acesso independente às diversas funções de entretenimento a partir de qualquer lugar.

O inovador sistema Frontbass desenvolvido pela Mercedes-Benz – e pela primeira vez montado numa Limousine – faz parte do equipamento de série e inclui todos os sistemas áudio disponíveis: os altifalantes woofers (baixa frequência) estão alojados no revestimento de isolamento dianteiro e utilizam os quase 40 litros de espaço como câmara de ressonância, tornando desnecessária a utilização de woofers convencionais nas portas. Os altifalantes de média frequência foram reposicionados mais acima, o que incrementa o ambiente sonoro e permite criar mais espaços de arrumação nas portas.

Em alternativa ao sistema de áudio de série com dez altifalantes, estão disponíveis dois conjuntos áudio de elevada qualidade concebidos pelos especialistas da Burmester: o Sistema de Som Burmester® e o Sistema de Som Burmester® Topo de Gama 3D Surround.

A apresentação interativa de conteúdos é uma das maiores novidades da função de navegação. As novas funções de navegação e entretenimento (navitainment) incluem uma bússola animada, o sistema Driveshow para informação e entretenimento dos passageiros como num avião, e a visualização do Google Maps no ecrã superior e nos lugares traseiros. As informações de trânsito são mostradas através de linhas sombreadas (em vez das silhuetas de veículos anteriormente utilizada). Graças ao novo serviço de Informação de Trânsito em Direto (Live Traffic Information), todas as informações de trânsito são transmitidas em tempo real (em direto). Em resultado disso, o sistema de navegação conta com um nível de informação mais fiável em relação às condições de circulação na estrada.

Carroçaria: estabilidade máxima e construção leve de grande qualidade

A conceção e o desenvolvimento da carroçaria do novo Classe S obedeceram a rigorosos critérios, tendo como objetivo o mais elevado nível de segurança em caso de colisão e um elevado grau de rigidez estrutural, de forma a obter o melhor comportamento dinâmico e a reduzir ao máximo os ruídos e vibrações. O resultado traduz-se numa carroçaria híbrida em alumínio de terceira geração. O índice relativo à construção de baixo peso (ou construção leve) – a rigidez de torção em relação ao peso e dimensões do veículo – foi incrementado em 50% em comparação com o modelo anterior.

Tudo começou durante o desenvolvimento da geração W220 do Classe S, em meados dos anos 90. Desde então que a Mercedes-Benz vem desenvolvendo um conceito de carroçaria leve com recurso a uma combinação otimizada de materiais, resultando num tipo de carroçaria híbrida em alumínio. Ao longo deste período, a parcela de utilização do alumínio aumentou em mais de 50%. Nesse sentido, tem sido possível manter o peso da carroçaria praticamente inalterável durante os últimos 20 anos, tendo mesmo sido ligeiramente reduzido, apesar do sucessivo aumento dos níveis de conforto e de segurança, bem como de funções adicionais. Além disso, no novo modelo são utilizadas espumas estruturais em pontos específicos das zonas de junção. Todas as superfícies exteriores do Classe S, incluindo o tejadilho e a zona frontal da carroçaria, são em alumínio. A elevada percentagem de alumínio tornou-se possível graças à utilização de uma ampla gama de produtos semi-acabados (fundição, extrusão, chapas de metal). A célula de segurança dos passageiros é construída com recurso a uma elevada percentagem de aço de alta resistência.

Esta construção de baixo peso, conjugando a otimização dos materiais e da geometria e um complexo processo de junção das peças, permite ao Classe S, mais uma vez, elevar a fasquia no exigente segmento das Limousines de luxo – e sem adicionar peso. Com uma rigidez de torção de 40.5 kN/grau (modelo anterior: 27.5 kN/grau), o Classe S obtém um novo recorde na sua classe.



Sistema PRE-SAFE® com extensão de proteção: prevenir é melhor do remediar

Há dez anos, a Mercedes-Benz apresentou um inovador conceito de segurança no Classe S; tratou-se do sistema PRE-SAFE®, capaz de antecipar a ativação dos sistemas de proteção dos ocupantes, e que, desde então, tem sido alvo de constantes evoluções. Agora, os pioneiros da segurança incrementam, mais uma vez, os níveis de proteção e segurança.

Criadas para um ambiente de circulação em cidade, as novas funções do PRE-SAFE® podem ajudar a evitar colisões com peões e veículos que sigam à frente do Classe S, e eliminar situações perigosas causadas pelo trânsito na retaguarda, melhorando a proteção oferecida pelos cintos de segurança.


  • A Travagem PRE-SAFE® também consegue detetar peões e ativar autonomamente os travões de modo a evitar a colisão, até aos 50 km/h.

  • O PRE-SAFE® PLUS é capaz de reconhecer uma colisão iminente e alertar os veículos precedentes ativando as luzes de emergência traseiras numa alta frequência de intermitência. Se o perigo de uma colisão persistir, o veículo consegue também aplicar firmemente os travões de estacionamento e, assim, minimizar o risco de lesões por efeito de chicote ao reduzir o impulso para a frente causado pelo impacto. Esta função reduz também o risco de acidentes secundários. Imediatamente antes do impacto, são ativadas as medidas antecipatórias de proteção de ocupantes do PRE-SAFE®, principalmente o dispositivo de pré-tensão dos cintos de segurança.

  • Com o PRE-SAFE® Impulse, o condutor e o passageiro da frente são afastados da direção do impacto pelos cintos de segurança, logo na primeira fase da colisão e antes de ter lugar a desaceleração resultante da mesma. Esta ação pode reduzir substancialmente o risco e a gravidade de ferimentos numa colisão frontal.

Uma referência em segurança nos lugares traseiros: novas características do Classe S

A Mercedes-Benz reforçou substancialmente os sistemas de segurança para os ocupantes dos lugares traseiros, com a adoção do extensor do ponto de fixação do cinto de segurança, o airbag de cinto (beltbag) e o airbag de assento (cushionbag). Os dois primeiros sistemas estão incluídos no pack PRE-SAFE® para os lugares traseiros. Além de possuir iluminação própria, o novo extensor do ponto de fixação dos cintos de segurança conta com um motor elétrico para a extensão ou retenção automática do ponto de fixação do cinto. Desta forma, é possível reduzir qualquer folga do cinto de segurança na zona pélvica ou torácica, e a eficácia de retenção dos ocupantes é muito mais firme, tanto lateralmente como longitudinalmente.

O airbag de cinto (beltbag) consiste numa precinta insuflável do cinto de segurança que tem a capacidade de reduzir o risco de ferimento nos passageiros traseiros durante uma colisão frontal, pois alivia a tensão exercida nas costelas. Os bancos reclináveis estão equipados de série com um airbag de assento (cushionbag) colocado debaixo do estofamento do assento. Quando o banco se encontra reclinado, este dispositivo evita que o ocupante escorregue por baixo do cinto de segurança (o chamado afundamento) durante um acidente. Este sistema permitiu à Mercedes-Benz conceber um banco reclinável altamente confortável e capaz de oferecer um nível de segurança mais elevado em caso de acidente.

Condução Inteligente: todos os sentidos ligados em rede

Evitar acidentes e mitigar as suas consequências – esta é a abordagem do departamento de Pesquisa de Acidentes da Mercedes-Benz (Mercedes-Benz Accident Research) no âmbito da rubrica “Segurança na Vida Real” ("Real Life Safety"). A Mercedes-Benz prossegue sistematicamente esta estratégia no Classe S com numerosos novos sistemas de assistência e funções amplamente melhoradas. O conforto e a segurança foram reforçados em simultâneo. A Mercedes-Benz define este conceito como Condução Inteligente (Intelligent Drive). Todas as novas funções dependem do mesmo sistema de sensores, incluindo uma nova câmara estereofónica e sensores de radar de fases múltiplas.

Como explica o Prof. Thomas Weber, membro do Conselho Diretivo da Daimler responsável pela Investigação do Grupo Daimler, e Diretor-geral de Desenvolvimento dos Automóveis Mercedes-Benz, "os sistemas de assistência inteligentes analisam situações complexas e reconhecem eficazmente os potenciais perigos na estrada, graças à intervenção de aperfeiçoados sistemas de sensores que analisam o ambiente em redor do veículo. Falando no sentido figurativo, o novo Classe S não tem apenas ‘olhos’ à frente, pois possui uma visão total de 360º ".
Um dos fatores chave é o funcionamento em rede de todos os sistemas, algo a que os especialistas em segurança chamam de "fusão de sensores". O objetivo é assegurar uma proteção total, não apenas aos ocupantes de um Mercedes-Benz, mas também a todos os outros utentes da estrada.

As funções de apoio vão do alívio da pressão sobre o condutor (melhorando o conforto), até à emissão de avisos visuais, acústicos e/ou táteis, tudo para auxiliar as reações do condutor. Alguns dos sistemas são mesmo capazes de executar ações de correção, tais como a aplicação autónoma dos travões de forma a evitar um acidente ou a diminuir a sua severidade. Eis um resumo dos novos sistemas de assistência que apresentam significativas melhorias nas suas funcionalidades:



  • O sistema DISTRONIC PLUS com Assistência à Direção (Steering Assist) e Stop&Go Pilot alivia o esforço do condutor no que respeita à manutenção na faixa de rodagem e tem também a capacidade de seguir automaticamente os veículos que seguem em fila à sua frente.

  • Pela primeira vez, graças à câmara estereofónica, o Sistema de Assistência à Travagem (Brake Assist) BAS PLUS com Assistência nos Cruzamentos (Cross-Traffic Assist) consegue detetar os veículos e os peões que se cruzam com o Classe S, e, de acordo com cada situação, aumentar a potência de travagem aplicada pelo condutor.

  • Se as marcações no piso forem traços descontínuos, o Sistema Ativo de Assitência à Manutenção na Faixa de Rodagem (Active Lane Keeping Assist) consegue detetar quando a faixa adjacente está ocupada, principalmente pelo trânsito em sentido contrário, e reduzir o risco de o veículo deixar a sua faixa involuntariamente ao aplicar os travões de um dos lados.

  • O Sistema de Assistência Adaptativa às Luzes de Máximos Plus (Adaptive Highbeam Assist Plus) permite que as luzes de máximos estejam sempre ligadas sem encandear o trânsito à sua frente, pois consegue dissimular os outros veículos no seu cone de luz.

  • O Sistema de Assistência à Visão Noturna Plus (Night View Assist Plus) foi substancialmente melhorado e complementado por uma câmara de imagem Este sistema consegue alertar o condutor para o potencial perigo colocado por peões ou animais em zonas não iluminadas à frente do veículo; para tal desativa o velocímetro e aciona um monitor onde é apresentada detalhadamente uma imagem de visão noturna que destaca as fontes de perigo. A função de projetor (spotlight) reforça todas estas capacidades ao eliminar fortemente quaisquer peões ou animais à frente do veículo. Esta função chama a atenção do condutor para o perigo iminente e, simultaneamente, alerta a pessoa que circula na berma da estrada.

  • O Sistema de Assistência à Atenção (ATTENTION ASSIST) consegue alertar para a inatividade e sonolência durante uma amplitude fixa de velocidade, avisando o condutor do seu estado corrente de fadiga e mostrando o tempo de condução desde a última paragem. Este sistema dispõe de uma função de regulação da sensibilidade e, se for emitido um aviso, indica no sistema de navegação COMAND as áreas de serviço mais próximas.

Novo Classe S preços para Portugal:


Modelo

Cilindrada

Potência

CO2

PVP

S 350 BlueTEC

2.987 cc

258 cv

153 g

111.900 €

S 500

4.663 cc

435 cv

210 g

146.150 €

S 350 BlueTEC Longo

2.987 cc

258 cv

156 g

114.500 €

S 500 Longo

4.663 cc

435 cv

210 g

148.900 €



1 Comprimento/largura/altura da versão “curta”: 5116/1899/1483, distância entre eixos 3035 mm
Comprimento/largura/altura da versão “longa”: 5246/1899/1483, distância entre eixos 3165 mm

Mercedes-Benz Portugal S.A., Direção de Marketing e Comunicação de Automóveis

Abrunheira – Apartado 1, 2726-901 Mem Martins  Uma empresa do Grupo Daimler






©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal