Coordenadoria do curso de letras colet plano de ensino



Baixar 24.41 Kb.
Encontro31.07.2016
Tamanho24.41 Kb.



UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI – UFSJ

Instituída pela Lei no 10.425, de 19/04/2002 – D.O.U. DE 22/04/2002

PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO – PROEN

COORDENADORIA DO CURSO DE LETRAS – COLET






PLANO DE ENSINO


LETRAS

Turno: Noturno

Currículo: 2003

INFORMAÇÕES BÁSICAS

Unidade curricular

Nome da disciplina

IELIN: Iniciação aos Estudos Linguísticos


Departamento

DELAC


Professor: Cláudio Márcio do Carmo

Período

1º/2015

Carga Horária

Teórica

60

Prática

-


Total

60

Natureza

(Optativa)



Grau acadêmico / Habilitação

(Bacharelado ou Licenciatura )



Pré-requisito

(código da UC no CONTAC)



EMENTA

1. Conceito de Filologia

2. Filologia Românica e Lingüística Românica

3. A latinização do Império Romano

4. Latim vulgar e latim clássico: conceituação e características gerais

5. Diacronia das Línguas Românicas: sua classificação

6. Fenômenos variacionistas



OBJETIVOS

  • Identificar a história da própria Filologia Românica, seus representantes mais importantes, as escolas que fundaram ou representam, assim como os métodos que desenvolveram.

  • Trabalhar na matéria de que trata a Filologia Românica: caracterização sincrônica das principais línguas românicas; caracterização diacrônica de alguns elementos na língua portuguesa especificamente.

  • Propiciar subsídios para uma pesquisa filológica, mediante o enfoque de aspectos linguísticos relativos às línguas românicas.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

  • conceito de Filologia Romântica;

  • caracterização da Filologia Românica e de seu papel no estudo das línguas;

  • a Filologia e sua relação com a continuidade da mudança bem como a importância das variedades linguísticas;

  • latim vulgar e latim clássico: conceituação, caracterização e influência na formação do português.

  • conceito e importância dos romanços (romances).

  • relação entre a Linguística Histórica/Linguística Românica e a Filologia Românica para o estudo e desenvolvimento das habilidades do profissional do ensino, em especial, do ensino de Língua Portuguesa;

  • conceitos e tipos de metaplasmos que culminaram com o Português: fenômenos variacionistas e diacronia das línguas românicas.

  • panorama do Português do Brasil desde o processo de romanização.

METODOLOGIA

Aulas expositivas e dialogadas, debates e aulas práticas de análise linguística.

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

Avaliações teóricas, prática de análise e resenhas.

BIBLIOGRAFIA BÁSICA

NASCENTES, Antenor. Elementos de filologia românica. Rio de Janeiro: Organização Simões, 1954.

COUTINHO, Ismael de Lima. Pontos de gramática histórica. 5 ed. Rio de Janeiro: Acadêmica, 1962. 


CÂMARA, J. Mattoso. História e estrutura da língua portuguesa. 2 ed. Rio de Janeiro: Padrão, 1976.

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR

ALI, M. Said. Gramática secundária e gramática histórica da língua portuguesa. Brasília: UnB, 1964.

MELO, Gladstone Chaves de. Iniciação a filologia portuguesa. 2 ed. Rio de Janeiro: Acadêmica, 1957.

HAUY, Amini Boainain. História da língua portuguesa I: séculos XII, XIII e XIV. São Paulo: Ática, 1989.



NUNES, José Joaquim. Compêndio de gramática histórica portuguesa: fonética e morfologia. 6 ed. Lisboa: Liv. Clássica, 1960. 

Aprovado pelo Colegiado em ____ /_____/_____




Prof. Cláudio Márcio do Carmo

______________________________

Coordenador(a)

Prof. Dr. Dylia Lysardo-Dias











/


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal