Coordenadoria especial de artes curso de cinema plano de ensino



Baixar 16.7 Kb.
Encontro29.07.2016
Tamanho16.7 Kb.
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA

CENTRO DE COMUNICAÇÃO E EXPRESSÃO

COORDENADORIA ESPECIAL DE ARTES

CURSO DE CINEMA



PLANO DE ENSINO




I – DISCIPLINA
Disciplina: Trilha sonora – Código: CMA5010 – Turma: T.06450A

Horário: quartas, das 08h20min às 11h50min

Semestre: 2010/2 – Aulas semanais: 4

Professor(a): José Cláudio Siqueira Castanheira e-mail: jcscastanheira@gmail.com



II – EMENTA
A representação do som no cinema. A sincronização som/imagem. Elementos da trilha sonora: voz, ruídos, música. A audição do espectador. Aspectos técnicos da captação e reprodução dos sons.


III – OBJETIVO(S)
O aluno deverá ser capaz de dominar os conceitos básicos do som, suas propriedades físicas, bem como as especificidades dos modelos analógico e digital. Deverá ser capaz de compreender os procedimentos básicos de captação e edição de som de modo a construir um discurso sonoro coerente e criativo dentro da narrativa cinematográfica. Também deverá se familiarizar com as principais correntes de pensamento a respeito do som e seus diferentes usos no cinema.

IV – CONTEÚDO (S) PROGRAMÁTICO (S)
Som teórico


  • O advento do som no cinema. Práticas sonoras do pré-cinema

  • Décadas de 30 e 40. O cinema clássico narrativo. Os talkies.

  • Década de 50. Modelos de som europeus Vanguardas.

  • Década de 60. Teorias estruturalistas: Noel Burch, Christian Metz.

  • Funções dos elementos da banda sonora. Ruído X Música.

  • Anos 80 e 90.Teorias recentes. Michel Chion, Rick Altman.

  • Aspectos da música no cinema.

Som prático




  • Fundamentos de acústica. Som analógico.

  • Som digital.

  • Microfones. Tipos e funções. Captação. Posicionamento.

  • Análise de som direto e pós-produzido em filmes.

  • Dublagem.

  • Exercícios com gravador digital.

  • Exercícios com câmera.

  • Exercícios de edição de som



V – METODOLOGIA
O curso será ministrado através de aulas expositivas, com discussões de exemplos e exibição de filmes. A parte prática do curso será ministrada parcialmente em sala de aula e parcialmente em atividades externas de captação sonora.


VI – AVALIAÇÃO
A avaliação do curso será feita através de duas notas. A média das duas será a nota final do aluno.

A primeira nota será dividida em duas partes:

Parte 1: trabalho de elaboração de projeto de som para cena a ser gravada e editada pelos alunos. (valor 8)

Parte 2: quatro pequenos relatórios sobre filmes exibidos em sala. (valor 0,5 cada)


A segunda nota também será dividida em duas partes:

Parte 1: texto analisando a construção sonora de filme à escolha do aluno, utilizando os conceitos utilizados ao longo do curso. (valor 5)



Parte 2: prova escrita sobre a matéria teórica do semestre. (valor 5)


VII – ATENDIMENTO AOS ALUNOS
Os alunos serão atendidos em sala de aula e terão o acompanhamento do professor em suas tarefas externas a partir de combinação prévia. Qualquer atividade fora do horário de aula pode ser marcada, caso haja o interessa da turma e a disponibilidade do professor.


VIII – REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
ALTMAN, Rick.The evolution of sound technology. In: WEIS, Elisabeth (Ed.); BELTON, John (Ed.). Film sound: theory and practice. New York: Columbia University Press, 1985.
AUMONT, Jacques. A estética do filme. Campinas: Papirus, 1995.
BURCH, Noël. Práxis do cinema. São Paulo: Perspectiva. 1992.
CHION, Michel. Film, a sound art. New York: Columbia University Press, 2009.
LOBRUTTO, Vincent. Sound-on-film: interviews with creators of film sound. Westport: Praeger, 1994
MACHADO, Arlindo. Pré-cinemas & pós-cinemas. Campinas: Papirus, 1997.
MATTOS, A. C. Gomes de. Do cinematoscópio ao cinema digital: breve história do cinema americano. Rio de Janeiro: Rocco, 2006.
MÁXIMO, João. A música no cinema: os 100 primeiros anos. Rio de Janeiro: Rocco, 2003.
METZ, Christian. Aural objects. In: WEIS, Elisabeth (Ed.); BELTON, John (Ed.). Film sound: theory and practice. New York: Columbia University Press, 1985, p. 154-161.
SERGI, Gianluca. The Dolby Era: film sound in contemporary Hollywood. Manchester: Manchester University Press, 2004.


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal