DefiniçÃO 2 a ergonomia estuda a situaçÃo de trabalho 2



Baixar 48.62 Kb.
Encontro05.08.2016
Tamanho48.62 Kb.




INDÍCE:


1. QUANDO SURGIU A ERGONOMIA. 2

    1. DEFINIÇÃO 2

    2. A ERGONOMIA ESTUDA A SITUAÇÃO DE TRABALHO 2

    3. ONDE PODEMOS APLICAR UM ESTUDO ERGÔNOMICO 2


2. TIPOS DE ERGONOMIA 3
3. DESLOCAR, LEVANTAR E TRANSPORTAR CARAS MANUAIS 4

3.1 DEFINIÇÃO 4

3.2 OBJETIVO 5

3.3 LEGISLAÇÃO 5
4. CAPACIDADE INDIVIDUAL DE CARGA 5
5. RISCOS COMTEMPLADOS 6

5.1 ANATOMIA HUMANA 6
6. PROCEDIMENTOS BÁSICOS QUANDO LEVANTAR CAIXAS 7
7. PROCEDIMENTOS BÁSICOS QUANDO LEVANTAR SACOS 8

7.1 LESÕES 8

7.2 INCAPACIDADE 8

7.3 EXEMPLOS 9
8. PROCEDIMENTOS BÁSICOS 9

1. QUANDO SURGIU A ERGONOMIA

A ergonomia surgiu junto com o homem primitivo. Com a necessidade de se proteger e sobreviver, o homem primitivo, sem querer começou aplicar os princípios de ergonomia, ao fazer seus utensílios de barro para tirar água de cacimbas e cozinhar alimentos.



1.1. DEFINIÇÃO



ERGO = trabalho

NOMOS = regras
Estudo entre o Homem e o seu trabalho, equipamento e meio ambiente.

1.2 - A ERGONOMIA ESTUDA A SITUAÇÃO DE TRABALHO:





  • Atividade

  • Ambiente (iluminação, ruído e calor)

  • Posto de trabalho

  • Dimensões, formas e concepção e etc...




Busca dar o máximo de conforto , segurança, eficiência e melhoria das condições de trabalho existentes.


1.3. ONDE PODEMOS APLICAR UM ESTUDO ERGONÔMICO





  • No lar

  • No transporte

  • No lazer

  • Na escola

  • Principalmente, no trabalho


Menos esforço físico e mental

Ergonomia



2. TIPOS DE ERGONOMIA




  • De correção.

Atua de maneira restrita modificando os elementos parciais do posto de trabalho, como:



  • Dimensões

  • Iluminação

  • Ruído

  • Temperatura, etc...


Tem eficicácia limitada.



  • De concepção.

Ao contrário, interfere amplamente no projeto do posto de trabalho, do instrumento e máquina do sistema de produção, organização do trabalho e formação de pessoal.



  • Boa postura

  • Uso adequado de equipamento

  • Implantação


  • De conscientização:




  • Capacitação das Pessoas.



3. DESLOCAR, LEVANTAR E TRANSPORTAR CARGAS MANUAIS


FORMA, PESO E VOLUME DAS CARGAS MANUAIS, DETERMINAM CUIDADOS DIFERENCIADOS

3.1. - DEFINIÇÃO


Deslocar, levantar e transportar cargas define-se como sendo os movimentos e esforços desprendidos por uma ou mais pessoas, objetivando movimentar cargas dos mais diversos tipos, formas ou tamanhos, pelo processo manual.


3.2 - OBJETIVO


Informar procedimentos básicos a serem seguidos quando no deslocamento, levantamento e transporte de cargas manuais, objetivando evitar acidentes e conseqüentes lesões.




3.3 - LEGISLAÇÃO

Portaria 3.214 do Ministério do Trabalho

NR-09 - Programa de Prevenção de Riscos Ambientais

NR-11 - Transporte, movimentação, armazenagem e manuseio de materiais.

NR-17 - Ergonomia

4
.

CAPACIDADE INDIVIDUAL DE CARGA




5. RISCOS CONTEMPLADOS

Esforço físico intenso;

Levantamento e Transporte de peso;

Postura Inadequada;

Rítmos excessivos;

Trabalhos em turnos e noturnos;

Monotonia;

Repetitividade;

Jornada de Trabalho prolongada, etc.

5.1 - ANATOMIA HUMANA


- CABEÇA

- TRONCO


  • MEMBROS


COLUNA VERTEBRAL



A única estrutura óssea do tronco

6. PROCEDIMENTOS BÁSICOS QUANDO LEVANTAR CAIXAS:




1


3


Usar o esforço das pernas deixando-as com abertura adequada...

Centralizar a carga...




Centralizar a carga...




Estender os braços...

Mantê-la próxima ao corpo.



2

4


7. PROCEDIMENTOS BÁSICOS QUANDO LEVANTAR SACOS:




3

Manter a cabeça e costas em linha reta;



Segurar o saco com a palma da mão;

1


Apoiar o saco sobre o ombro, e;


2

Levantar com esforço das pernas, deixando-as com abertura adequada;

Segurar com firmeza e iniciar o transporte com as costas reta.


4


7.2 -INCAPACIDADE


•Parcial

•Total


•Temporária

•Permanente

•Morte




7.1 - LESÕES


•Cortes/ Perfurações;

•Dores lombares (lombalgias);

•Entorse;

•Distensões musculares;

•Hérnias, ETC.


7.3 - Exemplos:



8. PROCEDIMENTOS BÁSICOS



OBSERVAR:
•Peso

•Forma


•Volume

•Tipo


•Condições gerais

•Trajetos: Distâncias, Adversidade, Portas, Escadas, Local da reposição


•Posicionar-se sempre próximo a carga;

•Não torcer o corpo para pegar ou movimentar cargas;

•Usar sempre a musculatura das pernas;

•Aproximar bem a carga do corpo;

•Centralizar a carga em relação as pernas;

•Observar quais Equipamentos de Proteção Individual que a carga exige;

•Jamais tentar transportar quando a carga tiver peso, tamanho ou forma adversa;

•Lembre-se que outros colegas de trabalho, poderão auxiliá-lo quando necessário, e;

•Existem limites para o deslocamento, levantamento e transporte de CARGAS MANUAIS. Existem outros meios e máquinas disponibilizadas para o transporte de cargas.


Estender os braços...



Mantê-la próxima ao corpo.





Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal