Departamento de história programa de disciplina



Baixar 16.19 Kb.
Encontro02.08.2016
Tamanho16.19 Kb.




UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA

CENTRO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS
DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA
PROGRAMA DE DISCIPLINA
DISCIPLINA: Memória e Identidade

CÓDIGO: HST 7930

NÚMERO DE CRÉDITOS: 04 - 72 horas/aula

EMENTA

Diferentes concepções sobre memória e identidades. Identidades, memória e patrimônio. A oralidade, os acervos orais e a ética na metodologia da História Oral. Memória, identidades e o papel dos Centros de Memória na construção da cidadania: museus, monumentos e arquivos.



CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

- História Oral e Memória: ética e métodos

- Mecanismos da memória

- Patrimônio cultural e identidades em evidência

BIBLIOGRAFIA BÁSICA

ACHARD, Pierre et al. Papel da memória. Tradução e introdução José Horta Nunes. Campinas, SP: Pontes, 1999.


ALBERTI, Verena. Tradição oral e história oral: proximidades e fronteiras. História Oral. São Paulo, v. 8, n.1, p. 11-28, jan./jun. 2005.
BOSI, Ecléa. Memória e sociedade: lembranças de velhos. 4. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.
BRESCIANNI, Maria Stella M.; NAXARA, Márcia (Orgs.) Memória e [re]sentimento: indagações sobre uma questão sensível. Campinas: UNICAMP, 2001.

CATROGA, Fernando. Memória e história. In: PESAVENTO, Sandra Jatahy (Org.) Fronteiras do milênio. Porto Alegre: UFRGS, 2001. p. 43-69.


FERREIRA, Lucia M. A.; ORRICO, Evelyn G. D. Linguagem, identidade e memória social: novas fronteiras, novas articulações. Rio de Janeiro: DP&A, 2002.
HALBWACHS, Maurice. A memória coletiva. São Paulo: Vértice, Revista dos Tribunais, 1990.
HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Tradução Tomaz Tadeu da Silva; Guacira Lopes Louro. 7. ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2003.
HALL, Stuart. Quem precisa de identidade? In: SILVA, Tomaz Tadeu da Silva (Org.) Identidade e diferença: a perspectiva dos Estudos Culturais. Petrópolis, RJ: Vozes, 2000. p. 103-133.
MAGALHÃES, Fernando. Museus, patrimônio e identidade. Porto/Portugal: Predileções, Lda., 2005.
NORA, Pierre. Entre memória e história. A problemática dos lugares. Tradução Yara Aun Khoury. Projeto História, São Paulo, n. 10, p. 7-28, dez. 1993.
POLLAK, Michael. Memória e identidade social, Estudos Históricos, Rio de Janeiro, v. 5, n. 10, p. 200-212, 1992.
PORTELLI, Alessandro. Tentando aprender um pouquinho: algumas reflexões sobre a ética na História Oral, Projeto História, São Paulo, v. 15, p. 33-49, abr. 1997.
THOMSON, Alistair. Recompondo a memória: questões sobre a relação entre a História Oral e as memórias, Projeto História, São Paulo, v. 15, p. 51-71, abr. 1997.

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR

BERND, Zilá. Literatura e identidade nacional. 2 ed. Porto Alegre: Ed. UFRGS, 2003.


BOM MEIHY, José Carlos Sebe. Manual de História oral. 4ª ed. Revista e Ampliada. São Paulo: Loyola, 2004.
BRESCIANI, Stella. “Identidades Inconclusas no Brasil do século XX – Fundamentos de um lugar comum”. In: BRESCIANI, Stella e NAXARA, Márcia (org). Memória e (res)sentimento: indagações sobre uma questão sensível. Campinas: Ed da UNICAMP, 2001, pp. 403-429.
CADERNOS DO CEOM – Arquivos e tecnologias digitais. n. 34- jun. 2011.
EWALD, Ariane P. Identidade e construção do sujeito numa era de incerteza. In: ZUGUEIB NETO, Jamil (org). Identidades s Crises Sociais na Contemporaneidade. Curitiba. Ed. UFPR, 2005, pp. 215-231.
FELIX, Loiva Otero. História e Memória. Cap.II. Memória e memória histórica. Passo

Fundo: Editora Universitária, 1998, pp. 35-104.


FROTSCHER, Méri. Imagens de si e do outro: interpretação de fotografias e fontes orais em estudos migratórios. In: LAVERDI et alli. História oral, desigualdades e diferenças. Recife: ed. Universitária da UFPE: Florianópolis: ed. Da UFSC, 2012. Pp.259-286.
GIUST-DESPRAIRIES, Florence. A identidade como processo, entre ligação e desprendimento. In: ZUGUEIB NETO, Jamil (org). Identidades s Crises Sociais na Contemporaneidade. Curitiba. Ed. UFPR, 2005, pp. 199-213.
GOMES, Alexandre Oliveira. Ação educativa em museus do Ceará. In: : Cadernos do CEOM – Políticas Públicas: memória e experiências: Chapecó: Argos, 2009. n.30. pp. 399-409.

HISTÓRIA ORAL: Revista da Associação Brasileira de História Oral, v.9, n.1, janjun.2006. – Rio de Janeiro: Associação Brasileira de História Oral.

LAVERDI et alli. História oral, desigualdades e diferenças. Recife: ed. Universitária da UFPE: Florianópolis: ed. Da UFSC, 2012.

NIETHAMMER, Lutz. Conjunturas de identidade coletiva. In: Ética e História oral. Projeto História. Revista do Programa de Estudos Pós-Graduados em História e do Departamento de História da PUC-SP. São Paulo, vol. 15, 1997, pp. 119-144.
OLIVEIRA, Ana Amélia Rodrigues de. Política cultural, museus e turismo. In: Cadernos do CEOM – Políticas Públicas: memória e experiências: Chapecó: Argos, 2009. n.30. pp. 39-53.

POLLAK, Michael. Memória, esquecimento, silêncio. In: Estudos Históricos. Rio de Janeiro: Edições Vértice, vol. 2, n.3, 1989, pp. 3-15.


SEIXAS, Jacy Alves de. Percursos de memórias em terras de história: problemáticas atuais. In: BRESCIANI, Stella e NAXARA, Márcia (org) .Memória e (res)sentimento: indagações sobre uma questão sensível. Campinas: Editora da UNICAMP, 2001, pp. 37-58.
SILVA, Haike Roselane Kleber da. “Considerações e confusões em torno de história oral, história de vida e biografia”. In: Métis: história & cultura. Universidade de Caxias do Sul – v.1. n.1. jan/jun. 2002. Caxias do sul: EDUCS, 2002, pp.25-38.

THOMSON, Alistar. Histórias (co)movedoras. História oral estudos de migração. In: Revista Brasileira de História. Viagens e viajantes. São Paulo: ANPUH/Humanitas Publicações, vol. 22, nº44, 2002, pp.341-364..










©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal