Deputado proponente: roberto carlos formalidades iniciais mestre de cerim



Baixar 30.64 Kb.
Encontro24.07.2016
Tamanho30.64 Kb.




ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA

ESTADO DO ESPÍRITO SANTO

CERIMONIAL


SESSÃO SOLENE

HOMENAGEM AOS 164 ANOS DA REVOLTA DO QUEIMADO



DIA: 19 DE MARÇO DE 2013

HORA: 19 HORAS

LOCAL: PLENÁRIO DIRCEU CARDOSO

DEPUTADO PROPONENTE: ROBERTO CARLOS

FORMALIDADES INICIAIS


MESTRE DE CERIMÔNIA:
SENHORAS E SENHORES, DEPUTADOS PRESENTES, TELESPECTADORES DA TV ASSEMBLEIA, BOA NOITE!
É COM SATISFAÇÃO QUE A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO RECEBE A TODOS PARA SESSÃO­­­­­­­­­­­ SOLENE EM HOMENAGEM AOS 164 ANOS DA REVOLTA DO QUEIMADO.

MESTRE DE CERIMÔNIA:

Um sonho de liberdade com mais de 160 anos de história. No dia 19 de março de 1849, o Espírito Santo foi o cenário de um dos maiores levantes de escravos que já ocorreram no Brasil: a Revolta do Queimado. cansados de todo sofrimento, o povo negro se organizou e lutou em busca da sonhada liberdade. vÁrios movimentos organizados vinham sendo planejados, até que uma suposta promessa não cumprida, de concessão da alforria, feita pelo frei italiano Gregório Maria de Bene, tornou-se o estopim para a rebelião dos escravos da região.

A Revolta do Queimado imortalizou a inteligência, a força e a coragem dos escravos. Entre eles, destacaram-se: Elisiário Rangel, Francisco de São José, O Chico Prego, e João Monteiro, O João da Viúva.

Chico Prego morreu enforcado na Serra-sede, e João da Viúva, no Distrito do Queimado. Atualmente, Queimado é um distrito do município da Serra. no local, ainda permanecem as ruinas da igreja de são josé do queimado, um importante sítio histórico e cultural do nosso estado.

A IMPORTÃNCIA DA REVOLTA DO QUEIMADO, COMO UMA MANIFESTAÇÃO DE LUTA E RESISTÊNCIA DO POVO NEGRO, ATRAVESSA A HISTÓRIA E SE ATUALIZA NO VIGOR DA PRESENÇA E DA EXPRESSÃO DO NEGRO EM DIVERSOS SETORES DA NOSSA SOCIEDADE. NO CAMPO DA ARTE E DA CULTURA TEMOS, DENTRE MUITOS EXEMPLOS, O SAMBA, O CONGO, O TICUMBI, A CAPOEIRA, O HIP-HOP.

Tamanho foi o significado daquele momento histórico para a Serra e PARA o ESTADO DO Espírito Santo, que hoje a Assembleia Legislativa presta a devida homenagem, por meio desta Sessão Solene, proposta pelo SENHOR Deputado Estadual Roberto Carlos.

MESTRE DE CERIMÔNIA:
NESTE INSTANTE O PROPONENTE DESTA SESSÃO, SENHOR DEPUTADO ROBERTO CARLOS, FARÁ A ABERTURA DOS TRABALHOS CONFORME É REGIMENTAL.
O SENHOR RESIDENTE DA SESSÃO:
 INVOCANDO A PROTEÇÃO DE DEUS, DECLARO ABERTA A SESSÃO E PROCEDEREI À LEITURA DE UM VERSÍCULO DA BÍBLIA.
E exultarei em Jerusalém e me alegrarei no meu povo; e nunca mais se ouvirá nela voz de choro nem voz de clamor.

NÃO EDIFICARÃO PARA QUE OUTROS HABITEM, NÃO PLANTARÃO PARA QUE OUTROS COMAM, porque os dias do meu povo serão como os dias da árvore, e os meus eleitos gozarão das obras das suas mãos ATÉ À VELHICE”
(Isaías, 65, 19 E 22)
PRESIDENTE DA SESSÃO:
DISPENSO A LEITURA DA ATA DA SESSÃO ANTERIOR.
 INFORMO AOS SENHORES DEPUTADOS E DEMAIS PRESENTES QUE ESTA SESSÃO É SOLENE, ALUSIVA AOS 164 ANOS DA REVOLTA DO QUEIMADO, CONFORME REQUERIMENTO DE MINHA AUTORIA, APROVADO EM PLENÁRIO.

COMPOSIÇÃO DA MESA


MESTRE DE CERIMÔNIA:

- PROPONENTE DA SESSÃO, SENHOR DEPUTADO ROBERTO CARLOS
- VICE-GOVERNADOR DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO, SENHOR GIVALDO VIEIRA
- SECRETÁRIO DE ESTADO DO TURISMO, SENHOR ALEXANDRE PASSOS
- SECRETÁRIO DE CULTURA ESPORTES E LAZER DO MUNICÍPIO DA SERRA – SENHOR FLÁVIO SERRI
-SUB-SECRETÁRIA DE MOVIMENTOS SOCIAIS – LEONOR ARAUJO

CERIMONIAL



MESTRE DE CERIMÔNIA:
NESTE INSTANTE SERÃO EXECUTADOS O HINO NACIONAL BRASILEIRO E HINO OFICIAL DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO.
MESTRE DE CERIMÔNIA:

- FARÁ USO DA PALAVRA O PROPONENTE DESTA SESSÃO, SENHOR DEPUTADO ROBERTO CARLOS.

- FARÁ USO DA PALAVRA
- FARÁ USO DA PALAVRA

MOMENTO DAS HOMENAGENS



MESTRE DE CERIMÔNIA:
NESTE MOMENTO, ACENTECERÁ O ATO DE MAIOR IMPORTÂNCIA DESTA SESSÃO, O SENHOR DEPUTADO ROBERTO CARLOS DARÁ INÍCIO À ENTREGA DA COMENDA CHICO PREGO AOS SEUS HOMENAGEADOS.
“DE ACORDO COM A RESOLUÇÃO 2.080, DE 2003, A COMENDA CHICO PREGO É Concedida a personalidades ou entidades que se destacarAM nas lutas contra a discriminação racial e em defesa da causa do povo negro.”
1 -ARABELO DO ROSÁRIO (RES. 3.370)

é educador, esportista, administrador e político. Natural de Vitória. Como educador, destacou-se por suas atividades no Colégio Estadual do Espírito Santo, onde foi inspetor de alunos, chefe de disciplinas, secretário e coordenador geral. Foi ainda diretor regional do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial – SENAC. Trabalhou na Escola Técnica Federal do Espírito Santo (atual IFES), onde ocupou as funções de secretário geral, diretor de relações públicas e diretor administrativo, e na Escola Técnica de Comércio Domingos Martins, onde foi secretário e diretor financeiro. Fundador do ensino municipal em Vitória, tendo sido presidente do Conselho Municipal de Educação da Capital e secretário Estadual de Educação e Cultura. Como administrador, atuou no cargo de conselheiro e vice-presidente do Conselho Regional de Administração. Na vida desportiva, destacou-se por ter sido presidente do Clube Náutico Brasil durante 4 anos e vice-presidente do Conselho Deliberativo pelo mesmo período. Já no Rio Branco Futebol Clube, Arabelo foi presidente do Conselho Deliberativo por 2 anos e presidente do clube pelo mesmo período. Tendo uma forte atuação também na área de ação social, Arabelo do Rosário foi membro fundador da Comissão Estadual de Amparo ao Menor, membro da Comissão Estadual do Instituto Estadual do Bem-Estar do Menor (IESBEM), presidente da Fundação Cidade do Garoto no município da Serra, vice-presidente do Lar da Menina e membro atuante do Lions Clube de Vitória e Guarapari. Ocupou, ainda, o cargo de Conselheiro do Tribunal de Contas do Espírito Santo, onde ocupou a vice-presidência e a presidência.
2- SEBASTIÃO SABINO DE SOUZA (RES. 3.374)

Começou a trabalhar aos 14 anos de idade. Em 1988, foi candidato a vereador a partir dos movimentos de base eclesiástica e da militância no Partido dos Trabalhadores (PT), sendo novamente candidato em 1992. Quatro anos depois, foi candidato a vice-prefeito da Serra na chapa da então candidata à prefeita Lourência Riani. Sabino também foi assessor do então vereador Givaldo Vieira, hoje vice-governador, de 1997 a 2000. No ano seguinte, foi convidado por Givaldo - à época secretário de Direitos Humanos e Cidadania da Serra (SEDIR) - a atuar na secretaria. Com a implementação da SEDIR, foi Coordenador da Defesa Civil, cargo que ocupou por 12 anos. Em 2012, Sabino lançou-se como candidato a vereador, e com o apoio de familiares, amigos e companheiros de militância, conquistou 1.471 votos. Isso lhe garantiu a primeira suplência da coligação partidária. No comando da Defesa Civil no município da Serra, Sabino ganhou reconhecimento por sua dedicação e profissionalismo. Tudo isso lhe rendeu uma importante homenagem em Brasília: a medalha da Defesa Civil Nacional, que é recebida por todos aqueles que contribuíram para o fortalecimento do Sistema Nacional de Defesa Civil, bem como prestaram serviços relevantes aos afetados por desastres.
3- NELMA GOMES MONTEIRO (RES. 3.373)

Natural de Campos, Rio de Janeiro. Cursou o magistério e passou a ser professora alfabetizadora. Ingressou na vida religiosa, na Congregação das Filhas de Maria, no Rio de Janeiro, oportunidade em que estudou Teologia e Filosofia. mudou-se para a Grande Vitória E concluiu o curso de Pedagogia. Anos depois ingressou por concurso público na Prefeitura de Vitória, como orientadora educacional Exerceu trabalhos de funções educativas junto aos menores de rua, ensinando atividades manuais, com isso, passou a trabalhar no Instituto de Bem Estar do Menor – IESBEM. Desenvolve trabalhos junto ao Movimento Negro estadual e nacionalmente, começando a militar de encontros realizados ora pelo PT, pelo sindicato e ora pelo Centro de Cultura Negra – CECUN.


4- GILMAR CARLOS DA SILVA (RES. 3.371)

Reside no município da Serra. Começou sua atuação pública no meio popular e nas Comunidades Eclesiais de Base (CEB’S). Atuou como coordenador de equipe de liturgia, coordenador da pastoral da juventude e atualmente é ministro da palavra. Como Presidente da Associação de Moradores de Central Carapina, entre 2005 e 2009, pode viabilizar, junto ao poder executivo, a construção da unidade de saúde, a pavimentação de ruas, a reforma do campo de futebol e a estruturação da galeria de drenagem. Além disso, liderou o movimento “Tarifa Social” que barateou a conta de energia da população de baixa renda. Foi eleito vereador em 2012, com 2530 votos. O seu trabalho como parlamentar municipal prioriza a luta por um sistema habitacional de qualidade, a regularização fundiária, o acesso aos direitos do cidadão e a criação de políticas públicas de promoção social e igualdade racial.
5- AÉCIO LEITE (RES. 3.369)
Tornou-se diretor do Sindicato da Construção Civil – SINTRACONST e com muita luta ajudou na criação da FETRACONMAG, que hoje reúne seis sindicatos de trabalhadores do Mármore, do Cal, Cerâmica e Gesso e o Sindicato da Construção Civil de Linhares, Cachoeiro, São Mateus e Vitória, com mais de 150 mil trabalhadores e se tornou o primeiro Presidente eleito desta entidade, e após 3 anos foi reeleito para mais um mandato. É também Secretário de Comunicação da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil do Brasil. Viajou até a Itália para conhecer a realidade dos Trabalhadores da construção civil daquele País e trouxe grandes experiências, esteve a frente de grandes debates como “Trabalho Decente” nas grandes obras da Copa do Mundo de 2014 com a Presidenta Dilma Rousseff. Por três vezes, Aécio Leite foi eleito presidente da Associação de Moradores de Laranjeiras Velha, onde conseguiu várias melhorias para o bairro. Em seu mandato estará sempre a disposição das Comunidades e da Classe Operária.


MESTRE DE CERIMÔNIA:
NESTE MOMENTO, FARÁ USO DA PALAVRA EM NOME DOS HOMENAGEADOS NELMA GOMES MONTEIRO

PRESIDENTE DA SESSÃO:
FALA FINAL DO PRESIDENTE DA SESSÃO SENHOR DEPUTADO ROBERTO CARLOS
PRESIDENTE DA SESSÃO:
 NADA MAIS HAVENDO A TRATAR, VOU ENCERRAR A PRESENTE SESSÃO. ANTES, PORÉM, CONVOCO OS SENHORES DEPUTADOS, PARA A PRÓXIMA, ORDINÁRIA, DIA 20 DE MARÇO DE 2013, À HORA REGIMENTAL, PARA A QUAL DESIGNO:
EXPEDIENTE O QUE OCORRER.
ESTA ENCERRADA A SESSÃO





©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal