Dia de honra dos açores na expo'98 Lisboa, 4 de Agosto de 1998



Baixar 9.1 Kb.
Encontro20.07.2016
Tamanho9.1 Kb.


DIA DE HONRA DOS AÇORES NA EXPO'98
Lisboa, 4 de Agosto de 1998

Discurso do presidente do Governo Regional dos Açores, Carlos César
Permitam-me que inicie esta breve alocução enfatizando o alto significado da presença de Sua Excelência o Presidente da República nesta manifestação de Açorianidade, confirmando, desta forma, o brilho e a notoriedade nacional que a história da vivência açoriana e a sua contribuição para a portugalidade bem merecem.
Pela primeira vez, a Região Autónoma dos Açores está representada formalmente na Exposição Mundial que, na sua edição de 1998, é dedicada aos "Oceanos, Um Património de Futuro".
O facto da Expo'98 ter lugar em Portugal e se inserir naquela temática, constitui, para nós portugueses, uma homenagem universal, que se afigurava inadiável, à nossa História Marítima, e o reconhecimento da projecção oceânica do nosso país, face à qual as suas regiões insulares conferem toda a profundidade.
Por outras palavras, se esta Exposição Mundial não pode deixar de evocar a epopeia portuguesa dos séculos XV e XVI - que nos glorifica - neste dia, não podemos deixar de celebrar a continuidade dessas raízes estóicas e edificadoras, que florescem, hoje, sobre nove pedaços do Mundo em pleno Atlântico.
Lugar de Mito e de Espiritualidade, mas também de labor e de modernidade, os Açores sentem-se nesta Exposição Mundial "como se estivessem em casa". Estão na Expo como no Atlântico, em convívio com o Mundo, testemunhando a permuta entre povos, nações e continentes, como sempre o fizeram ao longo da sua História.
Somos nove ilhas, unidas nas profundezas do mar, separadas à superfície por seiscentos quilómetros de pequenas grandes histórias que as voltam a unir numa diversidade identificadora. Os Açores constroem, nos dias de hoje, solidamente, o seu progresso, reagindo contra o estatuto passivo que lhe parecia pressagiar a sua ultra-periferia geográfica e o prolongamento da sua inteira dependência de um poder político egocêntrico. Estamos, agora, suficientemente longe para continuarmos a sermos nós próprios, e, simultaneamente mais perto para edificarmos solidariamente o nosso destino.
Os açorianos - durante muitos séculos longe dos mercados e das concentrações demográficas - habituaram-se a viver com a Natureza e a defendê-la como um familiar confidente.
Os Açores são um espaço ecológico - um, entre os que mais escasseiam na Europa e no mundo.
É essa condição que persistimos em preservar - que nos faz representar como uma região viva em múltiplos lugares desta Exposição Mundial, com a nossa flora endémica, com a nossa fauna marítima, com o nosso cosmopolitismo, com a nossa criação cultural e com o nosso Pavilhão que trouxemos do Mar que também é nosso.
Para os Açores, o Mar é referência da sua geografia. Uma referência para a qual reclamamos protecção, em nome do nosso direito e do património do futuro.
Só a consciência mundial organizada pode assegurar a perenidade desse bem tão vasto e comunicante que é ameaçado a todo o tempo e em cada uma das suas partes, às vezes à distância que cobre o nosso olhar pela imprevidência egoísta e usurpadora, mas também pela fragilidade dos que, isoladamente, como nós, não o podem defender. É tempo de o fazer.
Neste 4 de Agosto, Dia dos Açores na Exposição Mundial, celebramos, genuinamente, o Homem e o Mar.





Catálogo: rdonlyres -> D195ADAD-416E-41AC-820D-75A8DBD06991
D195ADAD-416E-41AC-820D-75A8DBD06991 -> ComemoraçÕes do dia da região autónoma dos açores horta, 24 de Maio de 1999
D195ADAD-416E-41AC-820D-75A8DBD06991 -> Cerimónia de abertura da expo am-meer
D195ADAD-416E-41AC-820D-75A8DBD06991 -> Angra do Heroísmo, 28 de Março de 2000 Intervenção do presidente do Governo Regional dos Açores, Carlos César
D195ADAD-416E-41AC-820D-75A8DBD06991 -> Sessão de homenagem ao escritor josé saramago ponta Delgada, 10 de Dezembro de 1998
D195ADAD-416E-41AC-820D-75A8DBD06991 -> Dois anos da nova autonomia
D195ADAD-416E-41AC-820D-75A8DBD06991 -> Sessão de abertura da XIX semana das pescas dos açores horta, 27 de Março de 2000
D195ADAD-416E-41AC-820D-75A8DBD06991 -> Ponta Delgada, 19 de Maio de 2000
D195ADAD-416E-41AC-820D-75A8DBD06991 -> Intervenção presidente do Governo Regional dos Açores, Carlos César
D195ADAD-416E-41AC-820D-75A8DBD06991 -> InauguraçÃo do novo lar para crianças e jovens do patronato de são miguel ponta Delgada, 8 de Junho de 2000
D195ADAD-416E-41AC-820D-75A8DBD06991 -> Sessão de abertura das II jornadas de psiquiatria da casa de saúde de s. Miguel ponta Delgada, 30 de Outubro de 1997


Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal