DuraçÃo do período do reino milenar



Baixar 3.83 Kb.
Encontro19.07.2016
Tamanho3.83 Kb.
Profecia 66
DURAÇÃO DO PERÍODO DO REINO MILENAR
As Escrituras ensinam que o reino sobre o qual Cristo reinará tem a duração de MIL ANOS (Ap 20.1-6).

Mesmo os que negam a literalidade do período de MIL ANOS afirmam que os elementos anjo, céu, abismo, Satanás, nações, são literais. Seria um engano aceitar a literalidade desses e negar a literalidade do elemento tempo. É estranho ver hoje expositores da Bíblia que estão dentre os primeiros a reverenciar à antiguidade, abraçando o método literal de interpretação, que era comum no período de 300 anos após a partida de Cristo.

Seis vezes na passagem em questão se declara que o reino milenar de Cristo terá MIL ANOS. Não se pode metaforizar uma expressão bíblica de forma consistente e literal.

O amilenista vê um conflito aqui e insiste em que a eternidade do reino de Cristo não permite espaço para um reinado de MIL ANOS na terra. Basta alguém pesquisar com interesse e verá que os premilenistas não descartam o reino eterno de Cristo. A questão é que o reino messiânico, terrestre vem consumar todas as promessas dos profetas que não poderiam acontecer numa dimensão essencialmente celestial.



Paulo ao escrever aos coríntios dá a contribuição correta para o desenlace desse possível conflito de interpretação. Vejamos:

O Pai colocou tudo debaixo dos pés de Cristo, mas quando o Pai afirma isso, é evidente que o próprio Pai é omitido dessa sujeição. Esse é o período da obra de Cristo que termina com a Era Milenar. Todavia a realidade do reino eterno é realçada na pessoa do Pai para que ele seja tudo em todos. (1 Co 15.24-28).


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal