Economia monetária II 0) 60hs Pré-Requisito: 202. 0311-0 ementa



Baixar 18.07 Kb.
Encontro20.07.2016
Tamanho18.07 Kb.
202.0313-8 - ECONOMIA MONETÁRIA II - (4.0) - 60hs

Pré-Requisito: 202.0311-0



EMENTA

Conceitos Básicos. Origem, evolução e funções da moeda. Origem, evolução e funções dos bancos. Sistema financeiro nacional, instituições financeiras não monetárias. Meios de pagamentos. Multiplicador dos meios de pagamento. Instrumentos de controle da expansão dos meios de pagamento. Quase moeda. Valor da moeda. Moeda e riqueza.


OBJETIVO
Desenvolver habilidades na conceituação dos fenômenos monetários. Expor os fundamentos teóricos e os instrumentos operacionais da política monetária. Explicar o papel da política monetária como auxiliar da política econômica global. Demonstrar as relações de interdependência entre a política monetária e as demais políticas.
PROGRAMA
1 - Origem, Evolução e Funções da Moeda.

1.1 - Visão neoclássica (dentre outras)


1.2 - Origens e conceito de moeda.
1.3 - As funções da moeda e sua importância
1.4 - Características essenciais da moeda
1.5 - A evolução histórica da moeda: um esboço
1.6 - A moeda e a atividade econômica.
1.7 - A demanda da moeda: Uma síntese de algumas versões
1.8 - A versão clássica da demanda da moeda
1.9 - A versão Keynesiana e a contribuição de Tobim
1.10- O modelo de Baumal: As hipóteses e a realidade
1.11- A abordagem de Friedman: uma síntese.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO

CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS

DEPARTAMENTO DE ECONOMIA

1.12- A oferta de moeda
1.13- A moeda e outros ativos
1.14- O conceito e a medição da oferta monetária
1.15- A criação da moeda pelos bancos comerciais
1.16- O multiplicador dos meios de pagamento
1.17- Teoria monetária
1.18- A teoria quantitativa da moeda
1.19- Política monetária
1.20- Definição e objetivos da política monetária
1.21- Os instrumentos da política monetária
1.22- A política monetária no modelo clássico

1.23- A política monetária no modelo keynesiano


1.24- A eficácia da política monetária
1.25- O sistema financeiro brasileiro
1.26- A evolução do sistema financeiro brasileiro
1.27- A estrutura atual do sistema financeiro brasileiro
1.28- Teoria da inflação
1.29- Inflação de demanda
1.30- Inflação de custos
1.31- Inflação mista
1.32- Inflação de preços administrativos
1.33- Enfoque estruturalista
1.34- Políticas anti-inflacionárias compatíveis com cada uma das abordagens teóricas.

B I B L I O G R A F I A

ROSSETTI, T. P. & LOPES, J. C. - Moedas e bancos. Ed. atlas, 2(a) edição, cap. 1.


_________________________________. - Já citada cap. 2.
_________________________________. - Já citada cap. 3.
SIMONSEN, M. H. - Macroeconomia. APEC, vol. II, cap. X.
KEYNES, J. M. - Keynes. Ed. ática, Coleção grandes cientistas sociais. Texto n(o) 08 (Considerações sobre o padrão ouro).
ROSSETTI, T. P. - Moedas e bancos. Ed. Atlas, segunda edição, cap. 4 (itens 4.2., 4.3 e 4.4)
_______________. - Já citado, cap.4 (item 4.5.1).
_______________. - Já citada, cap. 5.
_______________. - Já citada, cap. 6.
_______________. - Já citada, cap. 7.

ROBINSON, J. - Introdução à teoria do emprego. Forense Universitária, segunda edição, apêndice do cap. 10.



SIMONSEN, M. H. - Macroeconomia. APEC, vol. 1, cap. VI, (item 1)
TAVARES, M. C. - Natureza e contradições do desenvolvimento financeiro recente em da substituição de importações ao capitalismo financeiro. Rio de Janeiro, Editora Zahar.
_________________. - O sistema financeiro brasileiro e o ciclo da expansão recente em desenvolvimento capitalista no Brasil. N(o) 2, Brasiliense, São Paulo, 1985.
TEIXEIRA, N. G. - Os bancos de desenvolvimento no Brasil. Coleção técnica ABDE/CEBRAE/BNDES, Rio de Janeiro, 1979.
ACKLEY, G. - Teoria macroeconômica. São Paulo, livraria, pioneira, 1978, segundo volume, cap. XVI.


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal