Eduardo nazareth paiva



Baixar 4.22 Kb.
Encontro29.07.2016
Tamanho4.22 Kb.
A Fábrica Nacional de Motores (FNM) e a pré-história da implantação da indústria automobilística no Brasil do ponto de vista da Teoria Ator-Rede
EDUARDO NAZARETH PAIVA

Programa de Engenharia de Sistemas e Computação, COPPE/UFRJ, fnm@ufrj.br



A data de início da implantação da indústria automobilística no Brasil é, geralmente, aceita como sendo 16 de junho de 1956, quando o presidente Juscelino Kubitschek assinou o Decreto 39.412, criando o GEIA (Grupo Executivo da Indústria Automobilística). Antes disso, considera-se que havia apenas algumas empresas estrangeiras que então montavam seus produtos automotivos a partir de componentes, predominantemente, importados. Durante a II Guerra Mundial foi construída a FNM – Fábrica Nacional de Motores – originalmente para produzir motores para a aviação, mas que a partir de 1949 iniciou a fabricação de caminhões de origem italiana, que ficaram famosos nacionalmente, em sua época, pelo codinome popular de Fenemê.
Diante disto, pode-se considerar que o início da FNM pertence à pré-história da indústria automobilística no Brasil.
Neste estudo, desenvolvido a partir do arcabouço das metodologias oriundas da denominada Teoria Ator-Rede, se procurará reconstruir as complexidades que diziam respeito à FNM durante este período sui generis da história da tecnologia nacional brasileira no setor automotivo. Com isto espera-se elaborar antíteses às teses que consideram que a FNM tenha sido, simplesmente, um empreendimento anacrônico e fadado ao fracasso.
Catálogo: esocite -> esocite2004 -> docs
esocite -> O movimento da matemática moderna: uma rede internacional científica-pedagógica no período da Guerra Fria
esocite -> Chovendo no molhado
esocite -> Activist-Driven Innovation a interação comunidade-mercado na produção do software livre Maria Caramez Carlotto Pablo Ortellado
esocite -> A globalização da ciência e a soberania nacional revisitada
esocite -> Biodiesel o “óleo filosofal”: Desafios para a educação ambiental no caldeirão do “desenvolvimento sustentável”
esocite -> O diálogo Bohr e Wheeler-Everett sobre fundamentos da quântica e relações de poder na ciência
esocite -> Biodiversidade e diversidade cultural: empreendedorismo, ambiente e arte entre mulheres ceramistas fluminenses
esocite -> Política de ciência e tecnologia no Estado do Rio de Janeiro: a constituição de institutos virtuais Viviane Gonzalez Dias ufrj, rj, Brasil
docs -> Uma história respeitável de novos espaços de possibilidade para a inovação tecnológica na América Latina
docs -> Da História e do conceito da 'Cúpula Mundial sobre a Sociedade da Informação'


Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal