Equipe proex



Baixar 355.26 Kb.
Página1/2
Encontro23.07.2016
Tamanho355.26 Kb.
  1   2



RELATÓRIO DE GESTÃO
PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO - PROEX
2011

FORTALEZA – CEARÁ

Prof. Francisco de Assis Moura Araripe

Reitor
Prof. Antonio de Oliveira Gomes Neto

Vice-Reitor
Profa. Celina Magalhães Ellery

Pró-Reitora de Extensão

EQUIPE PROEX
Celina Magalhães Ellery, Pró-reitora
ASSESSORIA

Lúcia Helena Fonseca Grangeiro Rosamaria Medeiros Arnt

Rosângela Sales Barreto Maria Zeudimar Pinheiro

Maria de Lourdes Rodrigues de Oliveira Valdir Gomes Rodrigues

Rejane Mary Moreira Sebastião Wellington Veras
SECRETÁRIA

Maria Eufrasia Arrais Pinheiro


ASSISTÊNCIA TÉCNICA
Darlene Maria Martins dos Santos

Inês Ângela Oliveira Monteiro

Francisca Leilane de Queiroz Sousa
APOIO ADMINISTRATIVO

José Evando Lemos

Margarida Júlia de Albuquerque Medeiros
BOLSISTAS

BALCÃO DE ESTÁGIO

Cosme Thiago Alves dos Santos Xavier

Fabíola Soares Guerra Mário Rodrigues Cavalcante

Juliana Carla de Oliveira Moura Carlos Dias Chaim

Roberto Firmiano da Silva
ESCRITÓRIO DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL – ECINT

Coordenadora: Profa. Celina Magalhães Ellery

Emanuella Lustosa Bandeira

Joyce Santana

Juliana Ferreira Osterne

Rachel Gradvohl de Macedo

Gediel Brito dos Santos
SECRETÁRIO

D’Mari Sanca


SERVIÇOS GERAIS

Raimunda Moura Costa

Francisco José Pontes


SUMÁRIO

ITEM

DESCRIÇÃO


PÁG

1

APRESENTAÇÃO


05

2

RESUMO EXECUTIVO

08

3

PROGRAMAS E PROJETOS Coordenados e Acompanhados pela PROEX

11

4



QUADRO DE RESULTADOS QUANTITATIVOS DOS PROGRAMAS E PROJETOS DA PROEX

20


5

POSSIBILIDADES E PROPOSTAS PARA 2012

24

6

ANEXOS

ANEXO I - ATIVIDADES CERTIFICADAS PELA PROEX (CURSOS, MINICURSOS E SEMINÁRIOS)

ANEXO II – RESOLUÇÕES E PORTARIAS

ANEXO III - PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS



27

32



33


1. APRESENTAÇÃO
O Relatório de Gestão consiste em um instrumento que contempla, de forma descritiva e analítica, os resultados alcançados na execução de um Plano de Ação em um período determinado. O presente documento consubstancia as ações desenvolvidas pela PROEX no exercício de 2011.

Houve uma preocupação desde o início da gestão de trabalhar de forma planejada e integrada, a partir de uma proposta de ação elaborada para o período 2008-2012, sintonizada com o Plano de Ação da Universidade, aprovado pelo Governo Estadual. Foram estabelecidas diretrizes e conceitos, essenciais para a afirmação da extensão como uma atividade fundamental à vida acadêmica, intrinsecamente ligada ao ensino e à pesquisa.

A extensão atua no sentido de realimentação do processo ensino/aprendizagem, bem como de estimular o desenvolvimento da pesquisa e o intercâmbio e mobilidade de discentes e docentes em níveis regional, nacional e internacional. A articulação e a proximidade com a cooperação internacional, também sob a responsabilidade do gestor da extensão, constituíram fatores fundamentais para incrementar a realização de eventos de grande porte e a mobilidade acadêmica, especialmente nas atividades de extensão e imersão lingüística e cultural.

A extensão universitária, de acordo com o Regimento da UECE SEÇÃO IV Art. 63 perpassa cursos e grupos de pesquisa, e em articulação com seus respectivos programas, projetos e eventos busca alcançar a coletividade e envolver instituições públicas ou privadas, no cumprimento de planos específicos.

Trata-se então de uma atividade acadêmica capaz de imprimir um novo rumo à universidade e de contribuir significativamente para a transformação da sociedade. Pensar a extensão universitária na UECE e no contexto de uma necessária redefinição do papel da universidade pública implica, dentre outros aspectos, que os interesses sociais sejam articulados, prioritariamente, com os grupos sociais que não têm poder para colocar o conhecimento técnico e especializado a seu serviço. Significa dialogar criticamente com as comunidades, valorizando seus saberes e incorporando seus problemas e demandas a processos de produção de conhecimento e de intervenção socialmente referenciados, a fim de garantir o acesso das populações, principalmente das excluídas, a bens culturais, científicos, econômicos, artísticos e tecnológicos.

Com base nestes pressupostos, buscou-se desenvolver as ações extensionistas da Universidade enquanto processos educativos, culturais e científicos que articulam, de forma indissociável, o ensino e a pesquisa e viabilizam a relação transformadora entre Universidade e Sociedade. A ação extensionista possibilita assegurar o cumprimento da missão de responsabilidade social e, ao mesmo tempo, propiciar à comunidade acadêmica a oportunidade de elaboração da práxis a partir da realidade social.

São utilizadas distintas modalidades de ações extensionistas na UECE, assim definidas:

Programa
O Programa de Extensão abrange o universo de ações extensionistas similares que são agrupadas sob um mesmo título, caracterizando-se por serem mais abrangentes e reunirem projetos com o mesmo objetivo.

Projeto
Os Projetos de Extensão Universitária são caracterizados por um conjunto de atividades sistemáticas e bem definidas, organizados em uma sequência clara e lógica, contendo objetivos concretos, específicos e operacionais O projeto se refere sempre à produção de determinado bem ou serviço.

Cursos
Conjunto de ações pedagógicas, de caráter teórico e/ou prático, ofertados nas modalidades presencial ou a distância, com carga horária e processo de avaliação formal. (inclui: oficina, workshop, laboratório e treinamentos).

Eventos
São ações que envolvem organização, promoção ou atuação, implicando em apresentação pública, livre ou para clientela definida, objetivando a difusão do conhecimento, envolvendo sempre parcerias. Os principais tipos de eventos desenvolvidos abrangem congressos, conferências, Seminários, Palestras, Oficinas, Simpósios, Jornadas, dentre outros.

Prestação de Serviços Institucionais
A prestação de serviços refere-se à realização de trabalho nos próprios campi da UECE, em hospitais, clínicas, laboratórios, ambulatórios, hospitais veterinários, de cidadania, na orientação e acesso à documentação, de forma sistemática ou a partir de campanhas.

Incluem-se também nesta modalidade os serviços prestados sob forma de consultoria e assessoria oferecidas ou contratadas por terceiros ou desenvolvidos, em parceria, com organizações governamentais ou não governamentais.



Produção e Publicação

Essa modalidade reporta-se à elaboração de produtos acadêmicos que instrumentalizam ou que são resultantes das ações de ensino, pesquisa e extensão, tais como cartilhas, boletins informativos, vídeos, filmes, softwares, CD´s, dentre outros



Outros

São aqui consideradas aquelas atividades que não se adequam às anteriormente citadas, dentre as quais se destacam: concertos, apresentações artísticas e culturais, conclave, espetáculo, exibição pública, exposições, feiras, mostras, recitais, reunião, semanas de estudos.

Com o presente Relatório a equipe - gestora, técnica e de apoio – que integra a PROEX objetiva, não apenas prestar contas das ações realizadas no período, mas também fomentar debates e contribuições para o aperfeiçoamento da prática extensionista e para a sedimentação de uma política de extensão universitária na UECE capaz de responder às reais demandas da comunidade acadêmica, do estado e da sociedade em geral.

2 - RESUMO EXECUTIVO
A PROEX, no exercício de 2011, envolveu em suas inúmeras ações 109.214 pessoas de distintos segmentos populacionais, da capital e do interior do Ceará, além de beneficiar um expressivo número de jovens de outros 10 estados da federação, assim distribuídos:


Descrição

Beneficiados

Programas

29.505

Projetos

76.479

Prestação de serviços

3.230

Total

109.214

Com base nos pressupostos referidos na apresentação do presente documento, a extensão universitária na UECE apresentou avanços significativos decorrentes de um processo gradativo de intervenção implantado desde o início desta gestão, a partir de um Plano de Ação norteador de suas ações, com destaque para os seguintes pontos:



Regulamentação do Estágio - A questão do Estágio – obrigatório e não obrigatório - na UECE avançou decisivamente no exercício de 2011 na sua normatização, envolvendo uma ação conjunta entre as Pró-Reitorias de Graduação (PROGRAD) e Extensão (PROEX), as Coordenações de Curso e o apoio da Comissão Permanente de Estágio Curricular (COPEC) discutindo e sistematizando a questão do estágio e suas múltiplas expressões, de forma a conferir um alinhamento teórico e metodológico e integrar as ações entre esses distintos setores em torno de uma questão comum significativa para a formação do aluno da UECE.

O Estágio extracurricular é uma oportunidade estabelecida através da cooperação mútua entre a UECE e a Empresa no sentido de propiciar ao aluno/estagiário aprofundar conhecimentos e desenvolver habilidades significativas para a formação a um só tempo teórico e prático, possibilitando a UECE mais um caminho para obtenção de subsídios necessários à permanente atualização das ações extensionistas. Por outro lado, oportuniza à empresa mais um canal de informação indispensável a sua constante aproximação das fontes do conhecimento técnico, científico e cultural.



A nova Lei de Estágio, sancionada pelo Governo Federal em 25 de setembro de 2008, sob o nº 11.788, requereu a adoção de novos procedimentos pela PROEX para se adaptar à nova orientação, sendo elaborado um modelo de formulário de Termos de Convênio, Compromisso e Aditivo, devidamente apreciados pela PROJUR, com o objetivo de formular parcerias com instituições públicas e privadas, e assim, colaborar com os estudantes no acesso a ofertas de estágio oferecidas pelas empresas. O encaminhamento e acompanhamento aos estágios possibilitou uma maior integração universidade-empresa e o cumprimento do papel da Universidade de prover acesso do aluno a oportunidades de estágio extracurricular com qualidade, impactando positivamente na sua formação.

Criação da Câmara de Extensão - criada em fevereiro de 2011, a Câmara é um órgão consultivo e propositivo dos assuntos pertinentes às ações de extensão, autônomo, diretamente vinculado à Pró-Reitoria de Extensão – PROEX, da Universidade Estadual do Ceará. Com um mandato de 2 anos, a Câmara tem como principal objetivo principais pronunciar-se sobre a pertinência de convênios, contratos, parcerias ou quaisquer outros instrumentos que venham a ser firmados pela UECE, referentes às ações de extensão

Implantação do Programa de Bolsas de Extensão - o Programa, também criado em 2011, com recursos próprios da UECE, tem por objetivo apoiar, por meio da concessão de bolsas de extensão, o desenvolvimento de programas e/ou projetos de Extensão de forma a oportunizar a participação de alunos, regularmente matriculados nos cursos de graduação da UECE, contribuindo para a sua formação acadêmico-profissional, num processo de interação entre a Universidade e a Sociedade. Constata-se um gradativo interesse por parte dos coordenadores e alunos em apresentarem projetos, demonstrando um aumento de interesse e receptividade às atividades de extensão universitária. Em 2011 foram beneficiados 57 alunos através de 13 projetos aprovados.

Afirmação e fortalecimento do Campus Experimental de Educação Ambiental e Ecologia da UECE, em Pacoti, como atividade acadêmica de extensão, integrada ao ensino e à pesquisa, inclusive sediando o Espaço Nordeste Cidadania Instituto Nordeste e Cidadania, além da inauguração de um Orquidário, em parceria com a Associação Cearense dos Orquidófilos (ACEO).

No Campus foi também implementado o Programa de Estágio Obrigatório em Saúde da Família , envolvendo estudantes de medicina e enfermagem, por semestre, atuando no Posto de Saúde, no Hospital e em comunidades rurais do município de Pacoti.

Apoio à construção da Memória – em uma perspectiva coletiva, no município de Pacoti, em parceria com o SEMPRE e junto aos idosos do município de Itapipoca, através do projeto Histórias de Vida desenvolvido pela FACEDI.

Ampliação e qualificação da infra-estrutura e de equipamentos da PROEX – iniciação da reforma de um espaço próprio para a coordenação e realização de Cursos de Extensão na área de Direitos Humanos, no Campus do Itaperi e a aquisição de um transporte próprio, com recursos advindos de doação da COELCE, destinado prioritariamente ao Campus Experimental de Pacoti foram também importantes conquistas neste período.

A prospecção e incorporação de Parceiros – O trabalho parceiro constituiu uma marca sempre presente, a partir da prospecção de importantes instituições que se aliaram à universidade e contribuíram para a consecução de significativas ações, a partir de programas e projetos desenvolvidos junto a variados públicos. Essa tem sido uma prática que vem se ampliando e conseguido bons resultados, com destaque para o Instituto Aliança, com o desenvolvimento de 5 projetos (Com.Domínio Digital, Escola de Varejo, Catavento, Bromélia e PAIR), a Fundação Deusmar Queirós, a Coelce e o INEC, nas ações do Campus Experimental, o BNB apoiado em várias ações, dentre as quais a publicação da Edição Especial do Estatuto da Criança e do Adolescente.

Ênfase nas ações voltadas para os Direitos Humanos - Outro aspecto a destacar neste ano, se refere ao trabalho de envolvimento com ações e parceiros que lidam na área de Direitos Humanos, não só em nível local, mas também nacional, com destaque para a coordenação do Movimento ECA 20 anos e para a organização do Dia D de Direitos Humanos como integrante da programação da Caravana de Direitos Humanos capitaneada pela própria ministra-chefe da Secretaria Nacional de Direitos Humanos da Presidência da República e contando com expressiva participação da comunidade universitária e do entorno do Campus e apoio de parceiros que atuam nesta área.

Outras iniciativas, de introdução de uma disciplina sobre Transdisciplinaridade e os Direitos Humanos no Mestrado de Políticas Públicas da UECE, a partir de agosto de 2011 e de uma Disciplina optativa nos cursos de graduação sobre Transdisciplinaridade e a Cultura de Paz, como desdobramentos do Seminário Internacional sobre 7 Saberes realizado pela PROEX/ECInt, marcaram um avanço no sentido de promoção da integração da extensão com o ensino e na criação de uma cultura da paz junto à comunidade acadêmica.



Ampliação da participação docente - Ressalte-se ainda a gradativa adesão dos professores nas atividades de extensão, o que pode ser atribuída à valorização do esforço docente, assegurada na Resolução/PAD 679/CONSU, de 29/05/2009. que disciplina a participação docente em atividades de extensão equiparada às de pesquisa.

Premiação - A PROEX teve um de seus programas reconhecido nacionalmente em 2011, a exemplo de anos anteriores, pelo Ministério da Saúde, que outorgou o Prêmio Sérgio Arouca de Gestão Participativa, ao Programa Em Sintonia com a Saúde/Webradio, desenvolvido em parceria com a Associação Ajir.

Na área de Publicações, foi produzida uma Edição Especial UECE 2011 do Estatuto da Criança e do Adolescente, revisada e atualizada, com uma tiragem de 20.000 exemplares e distribuída para toda a Rede de parceiros integrantes do Movimento ECA 20 anos e do Sistema de Garantia de Direitos. Foram também elaboradas sistematizações de Estudos de Viabilidade Socioeconômico dos municípios de Salvador, Manaus e Fortaleza, sob a coordenação técnica da UECE, em parceria com a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República e Instituto Aliança.

O resumo acima apresentado traduz todo um esforço das equipes da PROEX e do ECInt, respaldadas pela Administração Superior, de promover ações qualificadas e consistentes de modo a sedimentar o trabalho da extensão e assegurar o seu reconhecimento como importante pilar da prática acadêmica.



10 – PRINCIPAIS PROGRAMAS E PROJETOS (Ação / Atividade)


PROGRAMA/PROJETO

OBJETIVOS

RESULTADOS

PARCEIROS

Coordenação de Estudo e pesquisa na Educação de Jovens e adultos – CEPEJA

Contribuir na Formação Continuada de Educadores da Educação Básica com foco na Educação de Jovens e Adultos e na implementação de Políticas Públicas, em parceria com os governos federal, estaduais e municipais.

319 participantes em 10 municípios:

Aratuba, Capistrano, Ibiapina, Madalena, Paracurru, Quixadá, São Benedito, São Gonçalo do Amarante, Uruburetama, Ererê



Articulação com mais 3 municípios: Baturité, Caucaia e Fortaleza.

Prefeituras Municipais

Ministério da Educação e Cultura(MEC)



Estágio Curricular Não-Obrigatório

Promover oportunidades de cooperação mútua entre a UECE e a empresa para propiciar ao aluno / estagiário aprofundar conhecimentos e desenvolver habilidades significativas à formação profissional numa perspectiva teórico – prática.

235 convênios celebrados com empresas privadas, públicas, ONGs e Agentes de Integração.

1071 termos de compromisso firmados

Empresas públicas e privadas

Agentes de integração; ONGs;

Instituto de Desenvolvimento do Trabalho IDT/SINE


Disseminação da Metodologia do Programa de Ações Integradas e Referenciais de Enfrentamento à Violência Sexual – PAIR

Disseminar a metodologia do Programa de Ações Integradas e Referenciais de Enfrentamento à Violência Sexual Infantojuvenil (PAIR) em escala nacional, a partir do desenvolvimento de um processo efetivo de educação à distância (EAD).

778 participantes em 4 (quatro) turmas

Secretaria Nacional de Direitos Humanos da Presidência da República

Instituto Aliança



LAPRACS – Laboratório de Práticas coletivas em Saúde

Programa em sintonia com a Saúde – Web rádio




  • Compartilhar com as Escolas do Estado Ceará, práticas em saúde coletiva, no intuito de atender as demandas dos jovens que estudam nestas instituições

  • Possibilitar trocas dialógicas de Educação Permanente em Saúde da universidade com a Rede de Serviços de saúde do SUS

  • Fortalecer a cooperação e integração institucional entre universidade e sociedade civil, através da internet pelo uso da Web Rádio AJIR

23.910 participantes através da realização de seminários, cursos, conferências, acessos e outras atividades da WEBRADIO.

Premiação na 14ª. Conferência Nacional de Saúde com o Prêmio Sergio Arouca de Participação Social e no Edital de Cultura e Saúde do Ministério da Cultura.



Associação dos Jovens de Irajá (AJIR)

Prefeitura de Fortaleza



Cursos Presenciais e a Distância

Realizar Cursos em cooperação técnica e científica educacional, através de projetos de educação a distância

45.650 inscritos

Centros, Faculdades, Centros Acadêmicos, Comunidade

Universidade Aberta do Nordeste (UANE)/Fundação Demócrito Rocha



Grupo Tubo de Ensaio: Divulgando a Química através da Arte - Educação

Divulgar de forma lúdica a Química enquanto ciência, através do teatro químico, visando despertar o interesse de alunos do ensino médio para o estudo da Química e o ingresso em cursos de Licenciatura e Bacharelado em Química e cursos afins.

Contribuir para o aprimoramento técnico-profissional dos estudantes do curso de Licenciatura Plena em Química da Faculdade de Educação de Itapipoca(FACEDI) envolvidos com o projeto.



780 espectadores

  • Interesse dos alunos do Curso de Licenciatura em Química da FACEDI em participar do grupo “Tubo de Ensaio”

  • Procura das escolas da macrorregião do município de Itapipoca por apresentações do grupo.




FACEDI

Núcleo de Teatro da FACEDI

  • Promover a educação estético-artística dos envolvidos (atores e espectadores)

  • Possibilitar pesquisas e produções teatrais

  • Produzir peças teatrais para apreciação pública.

106 participantes.

  • Curso de formação teatral financiado pela CAPES envolvendo 3 participantes

  • Produção e apresentação de 03 peças teatrais de qualidade com boa aclamação do público



  • FACEDI

  • CAPES

Serviço Social e a Comunidade da Serrinha: Troca de Saberes

Elaborar um diagnóstico com indicadores sociais da comunidade da Serrinha que sirvam de parâmetros para a implantação de políticas sociais, sendo enfatizada a realidade da Lagoa Itaperaoba


56 participantes.

Realização de reuniões com 4 movimentos sociais atuantes na comunidade do Garibaldi, com diversas instituições e órgãos públicos que prestam serviços e reúnem informações sobre a área em intervenção. Realização de oficinas com crianças e adolescentes.



Curso de Serviço Social

Escola Filantrópica Giuliana Galli

Movimento Pró–Parque da Lagoa da Itaperaoba.


Educação Ambiental e Água: da Escola Para a Comunidade

Discutir com a comunidade escolar, conhecimentos teóricos sobre ÁGUA, bem como diagnosticar seus conhecimentos prévios, e conhecer a relação destes com este recurso natural.


665 participantes


EEB Maria Mesquita Rodrigues

Histórias de Vida – as vozes da terceira idade narrando e registrando o passado da cidade

Promover o resgate da autoestima e de uma boa autoimagem dos cidadãos da terceira idade, através da prática de contação de suas histórias de vida, de forma oral e escrita, tendo como pano de fundo a história da cidade e as relações de poder existentes nos diversos momentos históricos da região.

80 participantes

Ocorrência de maior integração entre a comunidade e a faculdade, a partir do diálogo de conhecimentos acadêmicos com o saber popular; maior integração do aluno com a vida acadêmica; fundamentação para duas

pesquisas monográficas


FACEDI

Projeto de Extensão: Cine Itinerante – Leitura de Mundo por Meio do Cinema

  • Realizar estudos com mediadores(as) sobre o conteúdo fílmico a ser exibido/apresentado para docentes e discentes de escolas públicas da educação básica

  • Facilitar o acesso das pessoas à Sétima Arte a um baixo custo, na perspectiva de contribuir para a formação de cidadãos e cidadãs críticos(as) e participativos(as) em sua realidade concreta visando a transformação social das situações de opressão.

338 participantes nas diversas atividades (cursos, oficinas, exibições de filmes e documentários)



FACEDI

Projeto de Iniciação ao Estudo das Expressões Dramáticas – PIEED

Resguardar e/ou recriar os dramas, compreendendo seu contexto histórico e sua importância como cultura local percebendo-a enquanto agente de sociabilidade nas comunidades em que estão locadas e para a população acadêmica da FAFIDAM

270 participantes, sendo que 190 foram certificados.

Foram realizados oficinas e encontros envolvendo os municípios de Russas, Quixeré, Limoeiro do Norte e Tabuleiro do Norte.



Faculdade de Filosofia Dom Aureliano Matos FAFIDAM

Estudo sobre Poesia Popular

  • Conhecer os diferentes gêneros da poesia popular, envolvendo a letra e a voz como elementos constitutivos da poética da oralidade;

  • Mostrar a importância da poesia popular;

  • Analisar literalmente poemas e as obras de poetas da literatura popular.

6 (seis) integrantes

Os resultados tem se manifestado por meio do interesse e da efetiva participação dos membros do grupo nos encontros e nas atividades realizadas.



Faculdade de Educação, Ciências e Letras de Iguatu (FECLI)

Astronomia para Todos

  • Discutir o conhecimento científico no Sertão Central do Ceará e despertar o interesse pelo mesmo entre os estudantes e professores das escolas procurando atingir também a comunidade em geral, fazendo da FECLESC lugar de referência no assunto Astronomia.




312 participantes de palestras e observações.


Faculdade de Educação, Ciências e Letras do Sertão Central (Feclesc)

Projeto Educacional de Inclusão Social

  • Beneficiar alunos, reconhecidamente oriundos de classe menos favorecida, a superarem defasagem de aprendizagem do ensino médio.

  • Proporcionar aos alunos dos cursos de Graduação da UECE, oportunidade de atendimento à Resolução 3241/CEPE, ao ministrarem minicursos aos alunos de UECEVest.




350 participantes



Pró-reitoria de Políticas Estudantis (PRAE)

Escritório de Cooperação Internacional – ECInt

- Estruturar, institucionalizar e consolidar a gestão da cooperação internacional na UECE e no Sistema SECITECE;

- Fortalecer as relações internacionais da UECE e do Sistema SECITECE com centros de referências do exterior

- Estimular o intercâmbio internacional de docentes pesquisadores e discentes de graduação e pós-graduação, gestores e servidores envolvendo atividades de pesquisa, ensino e extensão.

-


3.230 participantes em seus eventos e ações de mobilidade e divulgação Realizou parcerias com instituições nacionais e internacionais; promoveu e divulgou a produção da Uece e do sistema Secitece no exterior; Realizou intercâmbio internacional com docentes e discentes de graduação e pós-graduação, gestores e servidores envolvendo atividades de pesquisa, ensino e extensão. Apoio à mobilidade de graduandos através do Programa Ciência sem Fronteiras (CSF) e de Licenciaturas Internacionais (PLI)

Universidades e centros de excelência estrangeiros

FUNCAP


Programa ESTO/

Universidade Castilla La Mancha, Toledo, Es.

PROGRAD, PROPGPq e PROPLAN.

UNESCO


Delegação da União Européia

FAUBAI




Com.Dominio Digital (CDD)

Formar jovens a partir do desenvolvimento de habilidades e competências pessoais, sociais, produtivas e cognitivas; e inseri-los econômica e socialmente, em empregos dignos e decentes, oportunizando-lhes a vivência do moderno mundo do trabalho.

1873 jovens certificados em 26 municípios.

Instituto Aliança com o Adolescente – IA

Banco Interamericano de Desenvolvimento

Secretaria de Educação do Estado (SEDUC)


Projeto de Humanização com Artes na Saúde (Humanartes)

Minimizar os problemas causados pela desgastante rotina hospitalar por meio da integração de profissionais de saúde, paciente, acompanhante e funcionários do hospital, através do uso de atividades lúdicas e integradoras.

71 participantes, alunos da UECE dos cursos de Medicina, Educação Física, Enfermagem, Psicologia e Serviço Social.


Coordenações de Cursos da UECE.

Núcleo de Danças e Lutas da UECE – NUDAL

Proporcionar a prática de modalidades de lutas e danças na proporia Uece. Oferecer a prática de atividade física de forma acessível aos alunos, professores e funcionários da Uece

100 participantes.


Curso de Educação Física da Uece

Campus de Educação Ambiental e Ecologia da UECE/Pacoti

Desenvolver estudos, pesquisas e atividades extensionistas transdisciplinares de formação teórico-práticas, focadas nos segmentos sócio-educacional-cultural-ambiental que favoreçam o intercâmbio de experiências entre instituições, profissionais e comunidade e enquanto um laboratório vivo,

1.800 beneficiários.

Desenvolveu atividades de ensino, extensão e pesquisa, de forma integrada, atuando junto à comunidade do Maciço do Baturité, através de cursos, palestras, prestação de serviços de saúde e de preservação do meio–ambiente.



COELCE

BNB/INEC


FUNCAP

Fundação Deusmar Queirós

ACEO

Prefeituras



  • Ambulatório de Saúde Mental e Coletiva

  • Ações Educativas em Saúde

Prestar assistência especializada em problemas de saúde de âmbito ambulatorial à comunidade acadêmica – discentes, docente e servidores da UECE;

Desenvolver ações de promoção prevenção da saúde e as relativas a assistência a saúde mental, social e nutricional; Integrar os cursos da UECE a outros no atendimento interdisciplinar a comunidade acadêmica;

Fomentar espaço de discussão e construção de saberes teóricos e práticos dos cursos da saúde integrantes do ambulatório; Realizar pesquisas referentes à saúde humana.

Capacitar acadêmicos de cursos da saúde e áreas afins para o atendimento interdisciplinar em saúde.



985 atendimentos nas diversas atividades realizadas pelo ambulatório (cursos, atendimento ambulatorial, camisinha card, vacinação)

Prefeitura de Maracanaú

Primeira Coordenadoria Regional de Saúde do Estado do Ceará (CRESS)

Núcleo de Integração pela Vida – NIV


Projeto BROMÉLIA Metodologia de Inserção Socioprodutiva – Educando e Inserindo adolescentes vulneráveis no mundo do trabalho

Desenvolver e consolidar uma proposta político-pedagógica para inserção socioprodutiva de adolescentes em situação de exploração sexual e tráfico para esse fim, com vistas à incorporação do direito à educação profissional desse perfil de público no contexto das políticas públicas municipais de Educação e Trabalho.

20 adolescentes envolvidos com as redes de exploração sexual, 15 certificados.

Instituto Aliança

Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR)

Secretaria de Direitos Humanos do Município de Fortaleza



Escola Social do Varejo

  • Inserir no moderno mundo do trabalho, com foco no setor do varejo, 80% dos jovens concluintes, em seis Estados das Regiões Nordeste, Sudeste e Sul do país.

  • Realizar um processo de “formação de formadores”, criando uma “massa crítica” para a disseminação do Programa.

1.866 inscritos, 1.410 certificados

Formação de 64 educadores na metodologia do Programa de forma a criar bases sólidas para a ampliação e escala do Programa



Instituto Walmart

Instituto Aliança




Coral EnCantando a FACEDI

  • Desenvolver o Canto Coral como ação promovedora da Educação Musical na formação docente na Faculdade de educação de Itapipoca, em parceria com as escolas do ensino Básico da Região.

  • Estimular as relações interpessoais pelo Canto coletivo na comunidade acadêmica.

  • Desenvolver atividades formativas em parceria com outros projetos.

105 participantes: professores, alunos e funcionários do campus; professores e alunos das escolas públicas, interessados da comunidade em geral ;

Organização de corais nas escolas parceiras. O trabalho com o coral é desenvolvido em articulação com o ensino e a pesquisa, imprimindo um cunho acadêmico /investigativo à educação musical na formação para a docência.



FACEDI

Difusão e transferência de tecnologia para melhoramento genético de galinhas caipiras

  • Contribuir para o aumento da renda familiar e melhoria do padrão nutricional das famílias, do interior do Estado, envolvidas com a seleção e multiplicação de aves nativas, através de manejo, profilaxia, nutrição e cruzamento com reprodutores de linhagens com características mistas (carnes e ovos), promovendo a difusão do material genético de linhagens superiores.

360 participantes certificados

Os projetos têm repercutido na melhoria da qualidade da alimentação da população e na criação de alternativas de geração de renda.




COELCE

BNB


Prefeituras Municipais de Nova Jaguaribara, Pacoti, Porteiras e Sobral, Massapê e Meruoca

Reflorestamento da Região Serrana de Itapipoca

Realizar um plantio na localidade de São Daniel. Garantir o desenvolvimento vegetativo das plantas nascidas, sem a interferência do grupo, a partir da sensibilização da comunidade. Coletar sementes; preparar os viveiros de São Daniel e Quandu para preparação de outras mudas;

718 participantes das comunidades de Quandu e São Daniel, especialmente das escolas.



FACEDI

Projeto Catavento Programa de ação de monitoramento dos beneficiários diretos do projeto de cooperação técnica “apoio aos esforços nacionais em prol de um estado livre de trabalho infantil”, Bahia-Brasil

-Contribuir para fazer do Território de Identidade Semiárido Nordeste II do Estado da Bahia, uma zona livre de trabalho infantil.

-Ao final do programa de ação, crianças e adolescentes terão sido retirados e prevenidos do trabalho infantil, atendidos no Sistema de Garantia de Direitos e incluídos nos serviços de assistência social e educacional nos 18 municípios do Território de Identidade Semiárido Nordeste II



11.173, sendo 11.083 crianças atendidas, 90 profissionais em processo de formação em serviço para o monitoramento de crianças e adolescentes retirados do Trabalho Infantil, integrantes das redes de proteção dos 18 municípios do Território de Identidade Nordeste II do estado da Bahia.

Organização Internacional do Trabalho (OIT)
Instituto Aliança

Programa de Profissionalização em Informática - PROINFO

Os cursos são focados na aprendizagem prática dos alunos. Situação em que os mesmos poderão ficar habilitados a realização de tarefas básicas em Informática,

1380 inscritos, 845 certificados


Centro de Ciência e Tecnologia (CCT)

Programa de Formação Continuada em Educação Matemática

-Apreender os conteúdos e os pressupostos teórico-metodológicos e de aprendizagem propostos para o ensino da Matemática na Educação Infantil.



29 inscritos

23 certificados


Secretaria da Educação de Quixadá (SMEQ)
Faculdade de Educação, Ciências e Letras do Sertão Central – FECLESC

Laboratório de Cultura

Introduzir o saber paleográfico nos cursos de Extensão trabalhando expertises ou temáticas específicas.


211 inscritos e

11 certificados em

Seminários e Cursos de Extensão.

Realização de Exposição com o acervo de fotos da FECLESC


Faculdade de Educação, Ciências e Letras do Sertão Central – FECLESC

Curso de Línguas/CH

Visa qualificar o aluno do Curso de Letras no que se refere a sua prática pedagógico-profissional, por meio da promoção de cursos e outros eventos educativo-culturais no campo do ensino de Línguas , além da oferta de cursos disponibilizados para comunidade.

1200 participantes

Centro de Humanidades – CH

Laboratório de Cultura

Os cursos de Extensão objetivam trabalhar expertises ou temáticas específicas, sendo introduzido o saber paleográfico.

A Exposição de Fotografias teve por objetivo organizar o acervo de fotos da FECLESC



211 inscritos e

11 certificados em

Seminários e Cursos de Extensão.




Faculdade de Educação, Ciências e Letras do Sertão Central – FECLESC

Programa Geração da Paz

Promover uma articulação de instituições com o objetivo de sensibilizar a sociedade para o compromisso de promover ações educativas e sociais voltadas para a valorização da vida e geração da paz

1465 participantes envolvendo gestores de escolas públicas, pessoas da comunidade escolar do projeto-piloto Geração da Paz e participantes das comunidades capacitados

Secretaria de Educação do Estado (SEDUC)

UNESCO


Orquestra Contemporânea do Ceará

Criar e manter um conjunto musical, com o fim de viabilizar a produção dos estudantes do curso de Música da UECE, seja composicional ou interpretativa, além de desenvolver intercâmbios com outras instituições artísticas e universitárias

8.400 espectadores

(28 apresentações)



Coordenação do Curso de Música – CH






QUADRO DE RESULTADOS QUANTITATIVOS DOS PROGRAMAS E PROJETOS DA PROEX


PROGRAMAS/PROJETOS/PRESTAÇÃO DE
SERVIÇOS


ORIGEM



ATIVIDADES


N° PARTICIPANTES

01

Estágio Curricular Não-Obrigatório


PROEX

Estágio

235 convênios

1071 Termos de Compromisso/Aditivo






Lapracs – Web rádio AJIR – PROGRAMAS: Em sintonia com a Saúde(S@S), diálogos itinerantes, Irajá Esporte e InterAJIR..

CCS/Cursos de Enfermagem/Medicina/Serviço Social/Administração/Ensino MédiO

web aulas/seminários

eventos/programas




23.910 participantes


02

Lapracs – Laboratório de Práticas Coletivas em Saúde:

- Ambulatório de Saúde Mental e Coletiva



- Ações Educativas em Saúde

CCS/Cursos de Enfermagem/Educ. Física/ Medicina/Serviço Social

Cursos, atendimentos ambulatoriais, camisinha card e vacinação

985 atendimentos

03

Programa de Profissionalização em Informática - PROINFO

CCT / PROEX

Cursos

845 certificados

04

Programa de Formação Continuada em Educação Matemática/Núcleo de ensino, Pesquisa e Extensão em Educação Matemática - NEPEEM

FECLESC

Cursos


29 prticipantes


05

Núcleo de Línguas Estrangeiras da UECE

CH/PROEX

Cursos

1.200 participantes

06

Programa Geração da Paz







1.465 participantes

07

Coordenação de Estudos e Pesquisa na Educação de Jovens e Adultos – CEPEJA

PROEX/CEPEJA

10 Atividades

391 participantes

08

Difusão e Transferência de Tecnologia para o Melhoramento Genético de Galinhas Caipiras

PROEX

Cursos

360 participantes

09

Projeto de Humanização com Artes na Saúde (Humanartes)

CCS/PROEX

Aatividades lúdicas

71 participantes


10

Núcleo de Danças e Lutas da UECE – NUDAL

CCS/PROEX

modalidades de lutas e danças

100 participantes


11

Astronomia para Todos - FECLESC

FECLESC/PROEX

Atividades diversas participação em eventos/palestras observações astronômicas e reuniões

312 participantes


12

Reflorestamento da Região Serrana de Itapipoca







718 participantes

13

Histórias de Vida – as vozes da terceira idade narrando e registrando o passado da cidade

FACEDI

Minicurso/Oficina

80 participantes

14

Coral Encantando a FACEDI

FACEDI

Ensaios/apresentação do Coral

105 participantes


15

Núcleo de Teatro da FACEDI

FACEDI

Curso/ensaios/apresentações/reuniões e outros

106 participantes


16

Grupo TuBo de Ensaio: Divulgando a Química através da Arte-Educação

FACEDI

Ensaios e apresentações de atividades teatrais

780 espectadores

17

Educação Ambiental e Água: da escola para comunidade

FACEDI

Apresentações/palestras/Atividade de investigação sobre água

665 participantes

18

Projeto Bromélia – Metodologia de Inserção Socioprodutiva – Educando e Inserindo adolescentes vulneráveis no mundo do trabalho

Instituto Aliança




20 jovens/adolescentes

19

Com.Domínio Digital

Instituto Aliança




1.873 jovens




Escola Social do Varejo

Instituto Aliança




1.866 participantes

20

Programa de ação de monitoramento dos beneficiários diretos do projeto de cooperação técnica “apoio aos esforços nacionais em prol de um estado livre de trabalho infantil”, Bahia-Brasil-Projeto Catavento







11.173 participantes

21

Projeto de Disseminação da Metodologia do Programa de Ações Integradas e Referenciais de Enfrentamento à Violência Sexual Infanto Juvenil no Território Brasileiro (PAIR)

Instituto Aliança

Curso de Formação = 04 turmas

778 inscritos


22

Serviço Social/Uece e a Comunidade da Serrinha: troca de saberes

UECE

Vistas de campo

/reuniões/oficinas/



56 participantes

23

Cursos Presenciais e a Distância

Universidade Aberta do Nordeste (UANE) /Fundação Demócrito Rocha

Centros, Faculdades, Instituto, CAs e comunidade



Cursos a distância


45.650 participantes


24

Campus de Educação Ambiental e Ecologia da Uece/ Pacoti

UECE/Parceiros

Eventos diversos

1800 participantes

25

Projeto Educacional de Inclusão Social

PRAE

Minicursos

350 participantes

26

Projeto de Iniciação ao Estudo das Expressões Dramáticas-PIEED

FAFIDAM

Encontros/Oficinas de teatro

270 participantes


27

Projeto de Extensão Cine Itinerante – leitura de mundo por meio do cinema

FACEDI

Cursos, oficinas, exibições de filmes e documentários

338 participantes

28

Estudo sobre Poesia Popular

FECLI

Encontros Semanais e Ciclo de ações Culturais – mesa redonda

6 participantes

29

Laboratório de Cultura

FECLESC

Exposições/cursos

211 participantes

30

Orquestra Contemporânea da UECE

UECE

Apresentações

8400 espectadores

31

Escritório de cooperação Internacional – ECInt

ECInt

11 atividades

3.230 participantes




TOTAL GERAL








109.214



5. POSSIBILIDADES E PROPOSTAS
5.1. PROJETOS A SEREM INICIADOS EM 2012


  • “Formação de uma rede de Agentes da Cidadania” com caráter de universalidade, projeto-piloto a ser implantado no município de Horizonte e posterior disseminação a outros municípios.

  • Assinatura do Termo de Comodato com vigência de 20 anos, pela Fundação Educacional Deusmar Queirós, com o objetivo de apoiar à UECE “no estabelecimento de programas de cooperação técnico-científico, desenvolvimento de projetos de ensino, pesquisa e extensão, viabilizar o acesso e o uso à infraestrutura disponível, promover o intercâmbio de pessoal docente, técnico e de estudantes e atender a programas e projetos de interesse social”.

  • “Voluntariado e Cidadania” e “Assistência ao Egresso do Sistema Penal”, projetos em parceria com a Fundação Educacional Deusmar Queirós.

  • “Desidratação de frutas da Região do Maciço”, no Campus Experimental de Educação Ambiental e Ecologia, em Pacoti, em convênio com a Coelce e Curso de Nutrição/Centro de Ciências da Saúde/UECE.

  • “Projeto Barra do Ceará/Programa Infância Ideal – Proteção dos Direitos da Primeira Infância”, em parceria com o Instituto Aliança, Instituto Camargo Corrêa; Secretaria de Direitos Humanos/Secretaria de Assistência Social/Secretaria de Educação e Secretaria de Saúde da Prefeitura Municipal de Fortaleza.

  • Projetos encaminhados ao PROEXT 2013 (Edital no 2/2012, MEC/SESU):

    • Formação da Rede dos Agentes de Cidadania do Horizonte/CE: caminhos para a vivência dos direitos humanos e a geração da paz;

    • Aprendendo, ensinando e criando com a arte: desenvolvimento de um sistema de capacitação musical e difusão cultural integrando capital e cidades do interior no Estado do Ceará;

    • O canto coral como foco integrador da educação musical na formação docente;

    • Em Sintonia com a Saúde (S@S) nas Escolas: dialogando com a juventude do mar ao sertão;

    • Consolidação do Núcleo de Estudos e Práticas Permaculturais do Semiárido – NEPPPSA para a Implementação da Permacultura em Processos de Produção Agroecológica no estado do Ceará;

    • Racismo e Sexismo: impactos na vida das mulheres negras acompanhadas pela Coordenadoria Especial de Políticas para as mulheres de Fortaleza.


5.2. Resultados da Jornada de Avaliação e Integração da PROEX e ECInt 1

5.2.1.Potencialidades identificadas/reconhecidas

Realizações conquistadas nesta gestão:




  • Institucionalização dos projetos de extensão

  • Criação da Câmara de Extensão

  • Regulamentação e Implementação do Fluxo de Processos

  • Regulamentação do Estágio curricular não obrigatório, em parceria com a PROGRAD

  • Formação de professores para a EJA (alfabetização/ensino fundamental e médio) CEPEJA

  • Equipe interdisciplinar/integração, reunião de diferentes conhecimentos

  • Ampliação das parcerias institucionais

  • Avaliação permanente das ações e resultados

  • Maior participação da PROEX nesta gestão

  • Coordenação e acolhida

  • Planejamento e gestão participativos

  • Pequena equipe, mas grandes resultados

  • Facilidade de acesso à pró-reitora

  • Autonomia da equipe

  • Firmeza x flexibilidade

  • Bom clima de trabalho

  • Preocupação com o individual/pessoal



5.2.2.Potencialidades estruturais


  • Recursos tecnológicos

  • Estrutura física

  • Material de consumo

5.2.3.Desafios


Em relação aos projetos de extensão:

Ausência de custeio de projetos

Elaboração de um Cronograma da Câmara de Extensão

Criação de novos projetos e parcerias

Realizar atividades sem recursos

Em relação à comunicação interna e externa:

Falta de divulgação das atividades realizadas para a UECE à comunidade

Dar visibilidade à imagem da PROEX e suas realizações

Encontros contínuos de socialização de projetos e ações

Dar prosseguimento à avaliação sistemática

Continuidade à sistematização/registro



Em relação às equipes e aspectos gerais do trabalho

Maior dedicação e comprometimento dos funcionários

Melhor desempenho de tarefas

Aumentar a equipe, principalmente com professores

Atividades/trabalho mais coordenado/integrado

Maior envolvimento e organização para maior contribuição no trabalho do outro

Maior investimento pessoal e profissional

Falta de tempo e de equipe para realização de ações estratégicas



Em relação à nova gestão

Acolhimento das ideias e políticas da nova gestão



Continuidade, ampliação e inovação de projetos




Compartilhe com seus amigos:
  1   2


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal