Fafi faculdade estadual de filosofia, ciências e letras curso de Pós-Graduação Especialização em Línguas Estrangeiras Modernas



Baixar 17.46 Kb.
Encontro29.07.2016
Tamanho17.46 Kb.

FAFI - FACULDADE ESTADUAL DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS

Curso de Pós-Graduação

Especialização em Línguas Estrangeiras Modernas

Língua Inglesa e Língua Espanhola


materiais interculturais


ALUNAS ALESSANDRA BERNARDES E JULIANA DE CARVALHO

MATERIAL

Título do Filme:

Hotel Rwanda

FONTE








Diretor:

Terry George

Ano:

2004

Roteiro:

Terry George e Keir Pearson

Gênero:

Drama

Atores principais:

Don Cheadle, Sophie Okonedo, Nick Nolte, Joaquim Phoenix, Desmond Dube e Hakeem Kae-Kazim.


SINOPSE


A história acontece em Kigali, capital de Ruanda, no ano de 1994 e retrata o conflito entre dois grupos étnicos dessa região: os Hutus e os Tutsis. O filme explica que essa divisão foi feita pelos colonizadores belgas e que se baseava em características físicas tais como tamanho do nariz e clareza da pele. Nessa época os Tutsis se aliaram aos belgas contra os Hutus, fato que alimenta o ódio entre grupos extremistas e resulta na guerra civil apresentada no filme. O personagem principal é Paul Rusesabagina – Hutu – gerente de um hotel de luxo e casado com uma Tutsi. No início do conflito, Paul se preocupa em proteger somente a sua família, mas ao decorrer do filme ele envolve-se de tal maneira com os Tutsis que estão sendo perseguidos que em um momento, ao pensar que sua família estaria a salvo e ao perceber que o resto do mundo não se preocupava com a África, decide ficar ao lado daqueles que estavam em perigo.

O filme promove uma reflexão sobre os polêmicos temas do preconceito e da guerra, sendo uma ótima ferramenta para um rico debate intercultural.




PÚBLICO ALVO

Alunos de: (idioma)

Qualquer idioma

Nível:

Ensino Médio

OBJETIVOS




  • Discutir sobre a situação da África, aproveitando para fazer um estudo interdisciplinar com os professores de História e Geografia;

  • Abordar a falta de inconsistência dos argumentos em que se baseiam preconceitos (como quando, na definição das diferenças entre Hutus e Tutsis, o jornalista repara que duas garotas representantes de tais grupos étnicos parecem irmãs gêmeas);

  • Analisar as razões históricas da intolerância mostrada no filme e traçar paralelos com os preconceitos existentes em nossa sociedade.



ATIVIDADES PROPOSTAS

Aquecimento:

Fazer um breve levantamento a respeito do que os alunos conhecem sobre a África, tendo em vista que os professores de História e Geografia já tenham introduzido o tema e que nesse momento os alunos ressaltem o que lhes chamou a atenção.


SUGESTÃO DE ATIVIDADE:

Pedir aos alunos que, durante a exibição do filme, observem a mudança que ocorre com o personagem Paul Rusesabagina e também o comportamento da ONU perante o conflito civil.

Extensão do Tema:

Propor que os alunos comparem suas observações durante o filme e discutam os seguintes tópicos:

  • Aqui no Brasil, onde percebemos uma espécie de guerra civil? (FAVELAS) Quais as semelhanças e diferenças com a realidade apresentada no filme?

  • O que vocês acham da atitude inicial do personagem principal de não se envolver com a situação de preconceito sofrida pelos seus vizinhos? É comum as pessoas omitirem-se ao presenciarem situações como essa?

  • Que tipos de preconceitos encontramos em nossa sociedade? O que podemos fazer em nosso dia-a-dia para mudar tais visões?





©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal