Fazendo Visível o invisível Os Processos de Institucionalização de



Baixar 139.23 Kb.
Página1/6
Encontro21.07.2016
Tamanho139.23 Kb.
  1   2   3   4   5   6





Estudo de Caso No. 4

Novembro/2002


Fazendo Visível O Invisível

Os Processos de Institucionalização de

Gênero da Fundação Arcoiris, EcoCiência

e do Instituto Quichua de Biotecnologia, Equador

Paulina Arroyo M. e Susan V. Poats

com Bolívar Tello, Rosa Vacacela

e Rocío Alarcón

Publicação:





Apoio:



THE WILLIAM AND FLORA HEWLETT FOUNDATION


GÊNERO, PARTICIPAÇÃO COMUNITÁRIA E MANEJO DE RECURSOS NATURAIS

Série Estudos de Caso





Publicação


Merge (Manejo de Ecossistemas e Recursos com Ênfase em Gênero) ,

Tropical Conservation and Development Program

Center for Latin American Studies

University of Florida

P.O. Box 115531

Gainesville, FL 32611

E-mail: tcd@tcd.ufl.edu

Apoio Financeiro:


Fundação William e Flora Hewlett

WIDTECH


Universidade da Flórida

Editora da Série:


Marianne Schmink (Universidade da Flórida)

Conselho Editorial:


Constance Campbell (The Nature Conservancy)

Avecita Chicchón (MacArthur Foundation)

Maria Cristina Espinosa (IUCN)

Denise Garrafiel (Secretaria do Producion, Estado du Acre, Brazil)

Susan V. Poats (GRR - Equador)

Mary Rojas (WIDTECH)


Assistentes Editoriais:


Elena Bastidas

David Salisbury

Rutecleia Zarin

Amanda Wolfe


Instituições Colaboradoras:


Universidade da Flórida

Pesacre - Grupo de Pesquisa e Extensão em Sistemas Agroflorestais do Acre

WIDTECH - A Women in Development

Technical Assistance Project

USAID/Brasil - Agência Americana para o Desenvolvimento Internacional

Fundação John D. e Catherine T. MacArthur

ECOCIENCIA , Equator

GRR, Equator

Arcoiris, Equador

Instituto Quichua de Biotecnología, Equador



A Série de Estudos de Caso do Merge sobre Gênero, Participação Comunitária e Manejo de Recursos Naturais, apoiada por doações da Fundação John D. e Catherine T. MacArthur, e do Widtech, foi planejada para mostrar como um foco em gênero tem sido relevante e útil em projetos de manejo dos recursos naturais. Os casos enfocam exemplos concretos de extensão, pesquisa aplicada, e atividades de planejamento participativo envolvendo comunidades rurais, especialmente aquelas dentro e no entorno de áreas protegidas na Améria Latina com as quais o programa Merge tem colaborado. O formato serve para aplicações práticas assim como para o treinamento em gênero e manejo dos recursos naturais. Os casos são publicados em três idiomas (inglês, português e espanhol), e estão disponíveis na Internet (http://www.tcd.ufl.edu).
A seguir, são apresentados os primeiros Estudos de Caso da Série:


  1. Modelo Conceitual sobre Gênero e Conservação com Base Comunitária, por Marianne Schmink, 1999.




  1. Gênero, Conservação e Participação Comunitária: o Caso do Parque do Jaú, Brasil, por Regina Oliveira e Suely Anderson, 1999.




  1. Trabalhando com Conservação com Base Comunitária e Enfoque de Gênero: Um Guia, por Mary Hill Rojas, 2000.




  1. Fazendo Visível O Invisível. Os Processos de Institucionalização de Gênero da Fundação Arcoiris, EcoCiência e do Instituto Quichua de Biotecnologia, Equador, por Paulina Arroyo M. e Susan V. Poats com Bolívar Tello, Rosa Vacacela e Rocío Alarcón, 2002.



Série Estudos de Caso sobre Gênero,

Participação Communitária e Manejo de Recursos Naturais, No. 4


Fazendo Visível O Invisível

Os Processos de Institucionalização de Gênero da Fundação Arcoiris, EcoCiência e do Instituto Quichua de Biotecnologia, Equador

Paulina Arroyo M. e Susan V. Poats

com Bolívar Tello, Rosa Vacacela e Rocío Alarcón

Tradução

Rutecleia Zarin

Novembro / 2002

Fazendo Visível O Invisível Os Processos de Institucionalização de Gênero da Fundação Arcoiris, EcoCiência e do Instituto Quichua de Biotecnologia, Equador



Paulina Arroyo M. e Susan V. Poats1

com Bolívar Tello, Rosa Vacacela e Rocío Alarcón2

Contexto institucional


O
Uma das lições mais destacadas desses casos é que o êxito da institucionalização do gênero depende muito do compromisso e interesse pessoal que cada pessoa tem com o tema, e da receptividade dos integrantes da instituição para com o tema.

programa MERGE (Manejando Ecosistemas e Recursos com Ênfase em Gênero) - coordenado pela Universidade da Florida - promove projetos colaborativos entre instituições de pesquisa, capacitação e de intervenção no campo. Durante 1995-1997, MERGE/UF - um programa financiado pela Fundação MacArthur - foi parte de um programa compreensivo entre Brasil, Peru e Equador para desenvolver tecnologia de capacitação e pesquisa sobre análise de gênero e participação comunitária no manejo de recursos naturais. No Equador, a Faculdade Latinoamericana de Ciências Sociais (FLACSO) foi um dos sócios de MERGE nesse programa, que objetivava desenvolver tecnologias inovadoras de pesquisa e capacitação na análise de gênero. Em outubro e novembro de 1996, FLACSO e MERGE/UF em colaboração com a Fundação Antisana (FUNAN) Equador organizou o curso regional de especialização "Comunidade, Gênero e Manejo sustentável de Recursos Naturais". Através desse curso, capacitou-se um grupo heterogêneo de profissionais que se desempenhariam como agentes de promoção e replicação da importância da análise de gênero na conservação e manejo de recursos naturais.

O propósito desse documento é analisar e comparar três casos de organizações não-governamentais de conservação ambiental, que iniciaram processos para incorporar o enfoque de gênero em seus programas de conservação de recursos naturais e desenvolvimento comunitário. As lições aprendidas nesses casos enriquecem nossas experiências na institucionalização de gênero e nos demonstram maneiras de fazê-lo, de acordo com nossas diferentes necessidades e contextos.

As três instituições analisadas são a Fundação Arcoiris, Fundação EcoCiência e o Instituto Quichua de Biotecnologia. Esses três casos foram escolhidos por quatro razões: 1) cada instituição concordou na elaboração dessa análise comparativa, 2) cada instituição contava com um pessoal capacitado no tema, 3) cada instituição havia iniciado um processo de incorporação de gênero em suas políticas e programas de trabalho, e 4) as pessoas que estavam promovendo esses processos - Bolívar Tello, Rocío Alarcon e Rosa Vacacela - foram capacitadas através do curso de especialização FLACSO/MERGE. Esse documento se baseia em entrevistas realizadas com essas pessoas em 1999, e suas contribuições ao texto. Depois que os casos foram escritos e revisados, elaborou-se a análise comparativa.

Uma das lições mais destacadas desses casos é que o êxito da institucionalização do gênero depende muito do compromisso e interesse pessoal que cada pessoa tem com o tema, e da receptividade dos integrantes da instituição para com o tema.




Catálogo: Data -> Sites
Data -> Convenio fenipe/asgo/fatefina promoção dos 300. 000 Cursos 90% Grátis Pelo Sistema de Ensino a Distancia – sed cnpj º 21. 221. 528/0001-60 Registro Civil das Pessoas Jurídicas nº 333 do Livro a-l das Fls
Data -> A importância da família na escola para o desenvolvimento do ensino aprendizagem
Data -> Regulamento do concurso escolar
Sites -> GÊnero, conservaçÃo e participaçÃo comunitária: o caso do Parque Nacional do Jaú
Sites -> Fortalecendo a Participação de Mulheres nos Planos de Desenvolvimento de Reservas Extrativistas e Saúde da Mulher de Rondônia, Brasil
Sites -> Trabalhando com conservação com base comunitária e en­foque de gênero: um guia
Sites -> Marco Conceitual sobre Gênero e Conservação com Base Comunitária
Sites -> Anfup- associação Nacional dos Funcionários das Universidades Portuguesas
Sites -> Anfup- associação Nacional dos Funcionários das Universidades Portuguesas
Sites -> Curso de formaçÃo em gestão académica objectivos


Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal