FundaçÃo educacional lucas machado – feluma faculdade de ciências médicas de minas gerais – fcmmg centro de pesquisa e pós-graduaçÃO – cpg centro interdisciplinar de assistência e pesquisa em envelhecimento ciape



Baixar 308.31 Kb.
Página1/6
Encontro24.07.2016
Tamanho308.31 Kb.
  1   2   3   4   5   6


FUNDAÇÃO EDUCACIONAL LUCAS MACHADO – FELUMA

FACULDADE DE CIÊNCIAS MÉDICAS DE MINAS GERAIS – FCMMG

CENTRO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO – CPG

CENTRO INTERDISCIPLINAR DE ASSISTÊNCIA E PESQUISA EM ENVELHECIMENTO - CIAPE




Centro Interdisciplinar de Assistência e

Pesquisa em Envelhecimento


MANUAL DO ALUNO DE PÓS-GRADUAÇÃO

BELO HORIZONTE, 2004


Diretor Geral da Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais


Prof. Ludércio Rocha de Oliveira

Coordenador do CPG e da Pós-graduação Lato Sensu

Prof. Cirênio de Almeida Barbosa




Coordenador dos Cursos de Pós-graduação em Medicina do Trabalho


Prof. Augusto Alves Amorim

Coordenador do Stricto Sensu

Prof. Júlio Dias Valadares



Coordenador do Núcleo de Pesquisa

Prof. Ricardo Simões



Coordenador Científico do Curso de Especialização em

Saúde do Idoso – Geriatria e Gerontologia

Profª. Maria Aparecida Ferreira de Mello



Secretária Geral do CPG


Rosângela Caldeira Dias Oliveira

Secretária da Residência e Especialização Médica


Mírtes Americo Pereira

Secretaria dos Cursos Lato Sensu


Daniele de Paula Rodrigues

Helen Rose Cidade

Rosângela Bessades

Mário Luiz Brito Marques



Secretária do Stricto Sensu e Pesquisa

Selma Martins Pedrosa

O presente Manual do aluno visa fornecer aos alunos dos Cursos de Pós-Graduação “Lato Sensu” informações técnicas que os orientem no exercício de suas atividades discentes.


Inscrições:

O candidato a aluno da especialização deverá inscrever-se na Secretaria do CIAPE no período delineado na publicidade do mesmo.


Processo de seleção:

O processo de seleção dos candidatos à especialização será realizado através de análise curricular, podendo também, a critério do coordenador, ser ministrado prova escrita e entrevista.


Documentos para matrícula/inscrições:

A matrícula está sujeita ao cumprimento de normas administrativa, legais e pedagógicas. Para o ingresso nos cursos de Especialização Lato Sensu o candidato deverá apresentar: Cópia do Diploma de Graduação, Curriculum Vitae, Carteira de Identidade e CPF.


Processo de avaliação:

O processo de avaliação é definido pelo coordenador científico e pelo professor responsável de cada disciplina, considerando-se os critérios de assiduidade:



  • Freqüência mínima de 75% (setenta e cinco por cento) nas atividades de cada disciplina; o não atendimento a este mínimo implica em reprovação na disciplina. (Res. CNE/CES nº 1, de 03/04/2001).

  • Para computar a freqüência não serão considerados atestados por ventura apresentados uma vez que não existe abono de faltas em qualquer situação.

  • É de responsabilidade de cada aluno administrar suas faltas, desde que não ultrapasse os 25%(vinte e cinco por cento) do total de carga horária de cada disciplina).



Trancamento de Matrícula


Por não estarem os cursos de Pós-graduação Lato Sensu sujeitos a ciclos de oferta obrigatória, fica vedado o trancamento de matrícula.
Pedido de declarações/documentos diversos:

O aluno que necessitar de declaração/documento, deverá solicitá-lo na secretária do CIAPE que terá 3 (três) dias úteis após a solicitação para entregá-lo.


Trabalho de Conclusão do Curso (Monografia)

Todos os cursos de Especialização deverão ter ao final, um trabalho de conclusão (Monografia) que será feito individualmente, e obedecerá as normas constantes deste manual.



Certificados


Os certificados de conclusão de curso serão entregues após o encerramento do mesmo, tendo direito ao seu recebimento o aluno considerado aprovado (freqüência, aproveitamento, aprovação da monografia final) e que tenha quitado todas os débitos do curso (financeiro, biblioteca e outros).
Observa-se:

  • Aproveitamento mínimo de 70% (setenta por cento) dos pontos distribuídos sobre 100% (cem por cento) em cada disciplina.

  • Cada professor, em seu módulo/disciplina, é responsável pela avaliação do desempenho discente, tanto na forma quanto no número de avaliações.

  • Independente do número de atividades avaliativas realizadas, o professor registra apenas a nota total expressa em valores numéricos de 0 (zero) a 100 (cem) que serão convertidos em conceitos conforme escala abaixo:

A – de 90 a 100

B – de 80 a 90

C – de 70 a 79

D – abaixo de 70



Reprovação


Será reprovado o aluno que não atender aos critérios de assiduidade e aproveitamento já explicitados no corpo deste manual.
Qualquer reprovação implicará no não recebimento do certificado, exceto se cursar a disciplina em débito e ser aprovado.
É importante ressaltar que o CPG/FCMMG/CIAPE não se obrigará a oferecer disciplinas isoladas. O aluno reprovado ficará pendente até que seja realizado um novo curso que ofereça a mesma disciplina.


Atendimento aos alunos:

Centro de Pesquisa e Pós-graduação – CPG CIAPE

Segunda-feira a Sexta-feira – 8h as 20hs Segunda a sexta-feira 9h as 17:30h

Alameda Ezequiel Dias, 275 – 1º andar Av. Coronel José Dias Bicalho, 348

Centro - Belo Horizonte - MG – 30130-110 Loja 7 – São Luís

Telefones: 31-3248-7156 – 3248-7157 Belo Horizonte-MG – 31275-050

Telefax: 31- 3248-7155 Telefone: 31-3443-2200

www.feluma.org.br Fax: 31- 3443-2200

e-mail: posgraduacao@feluma.org.br www.ciape.org.br

e-mail: cursos@ciape.org.br

ELABORAÇÃO E APRESENTAÇÃO DO TRABALHO FINAL DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO
Este manual tem como objetivo orientar o pós-graduando quanto a elaboração do Trabalho Final dos Cursos de Pós-graduação desta Instituição.
Os Cursos de Pós-graduação “Lato Sensu” têm como objetivo aprimorar a qualificação profissional de docentes ou não, proporcionando-lhes recursos humanos nas diversas áreas do conhecimento.
A ABNT

A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) é o órgão responsável pela normalização técnica no País, tendo sido fundada em 1940 para fornecer a base necessária ao desenvolvimento tecnológico brasileiro. A ABNT é uma entidade privada, sem fins lucrativos, e tem como objetivos elaborar e fomentar o uso de normas técnicas, conceder certificados de qualidade e representar o Brasil em entidades internacionais de normalização técnica, como ISO e IEC.



Formatação do trabalho

Definições gerais

  • Papel: branco, tamanho A4 (210 x 297 mm)

  • Margens: esquerda 3,0 cm; direita 2,0 cm; superior 3,0 cm; inferior 2,0 cm.

  • Parágrafo: espaçamento 1,5, justificado. As citações longas, as notas, as referências e os resumos devem ser digitados em espaçamento simples.

  • Fonte: Times New Roman ou Arial, tamanho 12.

  • Paginação: as páginas devem ser numeradas no canto superior direito. Segundo a NBR 10719, os números das páginas devem ser todos em algarismos arábicos (1, 2, 3, etc.), iniciando-se a numeração a partir da parte textual (na Introdução). Opcionalmente, poderá ser paginado o pré-texto em algarismos romanos (i, ii, iii, etc.).



Dica do MS-Word



Para definir as margens e o tamanho do papel, use o menu Arquivo e Configurar página... .Para paginar o documento, use o menu Inserir e Números de páginas... . Para que o programa possa paginar de maneira diferente (i, ii, iii, ... e 1, 2, 3, ...), você deverá dividir o seu trabalho em seções ou em arquivos diferentes (veja adiante como fazê-lo).



Encadernação

Deve-se escolher uma encadernação que facilite o arquivamento do trabalho na biblioteca. Assim, apesar de facilitar a manipulação, deve ser evitada a encadernação com espiral, pois o trabalho encadernado desta forma não apresenta a mesma firmeza que a encadernação com lombada para seu armazenamento na posição vertical, em prateleiras. Além disso, a ausência de lombada dificulta a identificação da obra na prateleira. A ABNT define, através da NBR 12225, normas para a elaboração dos títulos de lombadas.

Assim, deverá ser entregue o trabalho final, corrigido pelo Orientador e entregue ao Coordenador do Curso, que será impresso 01 exemplar em papel A4, encadernado em capa dura azul marinho, escrito em letra termogravura grotesca normal, corpo 14, cor dourada. Deverá constar da lombada do exemplar: ano e título da monografia, e da folha de rosto da capa: nome da Instituição, título da monografia, Autor, Cidade e Ano (distribuídos proporcionalmente, conforme exemplo anexo).

Quantidade de exemplares:

01 exemplar para correção em espiral

01 exemplar definitivo – capa dura

Estrutura

A estrutura aqui apresentada segue as recomendações que constam na NBR 14724:2001, sobre apresentação de trabalhos acadêmicos.



Pré-texto:

Capa


Folha de rosto

Ficha catalográfica

Folha de aprovação

Dedicatórias e agradecimentos (opcional)

Resumo em português

Resumo em inglês

Sumário

Listas de figuras, tabelas, abreviaturas e símbolos (opcional)


Texto:

Introdução

Desenvolvimento

Conclusão


Pós-texto:

Referências bibliográficas

Anexos (opcional)

Contra capa


Capa

As margens da capa serão diferentes do texto, assumindo os seguintes parâmetros:

Margem superior: 2 cm

Margem inferior: 1,49 cm

Margem esquerda: 3,0 cm

Margem direita: 3,0 cm

A capa deve conter o nome do autor, o título, o local (cidade) da instituição e o ano do depósito (da entrega), conforme o formato abaixo:


 

CARLOS ALMEIDA LIMA

Impacto da diminuição do ritmo industrial nos
índices de poluição

 

 



 

SÃO PAULO


2005





Dica do MS-Word

Considerando que você deverá assumir diferentes formatações para as páginas, você deve dividir seu trabalho em três arquivos: um para a capa e contra-capa, um para o pré-texto e outro para o texto e pós-texto. Se você já possui intimidade com o MS-Word, você poderá manter todo o texto em um único arquivo, dividindo-o em seções, através do menu Inserir e Quebra..., definindo em seguida Quebra de seção / Próxima página

Folha de rosto

As normas NBR 10524 e NBR 14724 definem os procedimentos para elaboração da folha de rosto. Ela segue o formato da capa, com a inclusão da natureza, do objetivo e do orientador do trabalho. Exemplos:

Exemplos:

Monografia apresentada para a conclusão do Curso de Graduação de Licenciatura em Biologia pela Universidade XYZ.


Orientador: Prof. Dr. Pedro Carlos Conceição

Dissertação apresentada para obtenção do título de Mestre em Direito Ambiental Constitucional pela Universidade XYZ.


Orientadora: Profa. Dra. Silvana Penha de Almeida

Tese apresentada para obtenção do título de Doutor em Biomecânica do Movimento pela Universidade XYZ.


Orientador: Prof. Dr. Igor Straws

Ficha catalográfica

A ficha catalográfica reúne informações importantes para a catalogação da publicação, facilitando inclusive a sua indexação em bases de dados. Assim, para sua elaboração deve ser consultado um bibliotecário, que irá utilizar as informações da página de rosto, com indicação dos unitermos pelo autor e/ou orientador, conforme o Código de Catalogação Anglo-Americano - CCAA2.

Exemplo:


Appolinaro, Carlos de Almeida
       Impacto da diminuição do ritmo industrial nos índices de poluição / Carlos de Almeida Appolinaro.
       145 f.
       Dissertação (mestrado) - Universidade XYZ. Centro de Ciências Biológicas e da Saúde. São Paulo, 2005.
       Área de concentração: Ciências Biológicas
       Orientador: Pedro Carlos Conceição.

1. Poluição 2. Ambiente 3.Indústria


  1   2   3   4   5   6


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal