História da matemática: incas, maias e astecas



Baixar 8.22 Kb.
Encontro29.07.2016
Tamanho8.22 Kb.



Pôster

HISTÓRIA DA MATEMÁTICA: INCAS, MAIAS E ASTECAS



GT 03 – História da Matemática e Etnomatemática
Luiz Henrique Pereira da Silva, Universidade de Passo Fundo, lhp@upf.br1

Tauana Bianchetti, Universidade de Passo Fundo, 102118@upf.br²

Caroline Saúgo, Universidade de Passo Fundo, 98516@upf.br²

Elizete Scartazzini, Universidade de Passo Fundo, 102113@upf.br2

Resumo
Conhecendo a História da Matemática em determinada época, as diversidades e culturas de um povo diferente do nosso, abre a possibilidade para um novo olhar para a matemática como ciência que nos fascina. O trabalho, feito através de pesquisas, buscou maiores informações sobre como era e como se deu a Matemática dos povos Incas, Maias e Astecas. Estes povos contribuíram para uma página da Matemática da humanidade, pois os incas com o seu sistema de contagem através de cordéis, os maias com o desenvolvimento do conceito de zero e usando um sistema de numeração de base 20 e contribuição na astronomia constituindo elementos a serem considerados na História da Matemática. A Matemática Asteca, por sua vez era impressionante por ser mais exata que a Romana, sendo que, ao contrário desta, tinha a noção do zero. O impressionante é que, com apenas três símbolos (uma concha, um ponto e um traço), conseguiam representar quaisquer números, desde o zero até o infinito. A base da matemática Asteca, assim como a maia era o número vinte. A pesquisa obteve resultados satisfatórios, mostrando curiosidades sobre a Matemática inca, maia e asteca. Também despertou o interesse em conhecer as descobertas, raciocínios e construções matemáticas de outros povos e civilizações, para possíveis outras pesquisas.
Palavras-chaves: História da matemática; Curiosidades; Sistema de contagem; Formação de professores
Referências
Maias – disponível em http://pt.wikipedia.org/wiki/Maias
Astecas – disponível em http://pt.wikipedia.org/wiki/Astecas
Incas – disponível em < http://pt.wikipedia.org/wiki/Astecas>


2 Acadêmicos


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal