InauguraçÃo do centro comunitário e de juventude da ribeira grande ponta Delgada, 29 de Junho de 2008



Baixar 12.14 Kb.
Encontro19.07.2016
Tamanho12.14 Kb.
INAUGURAÇÃO DO CENTRO COMUNITÁRIO E DE JUVENTUDE DA RIBEIRA GRANDE
Ponta Delgada, 29 de Junho de 2008
Intervenção do presidente do Governo Regional dos Açores, Carlos César
Acabámos de inaugurar o primeiro Centro Comunitário e de Juventude dos Açores. Um projecto inovador que, assim o esperamos, deverá constituir um ponto de encontro privilegiado da população de Rabo de Peixe, em particular dos jovens.
Mercê de uma parceria – que agrega a Câmara Municipal da Ribeira Grande, como detentora do equipamento, a Direcção Regional da Juventude e a Rede RIAC criada pelo Governo –, esta infra-estrutura integra um conjunto de funcionalidades que a torna única, salientando-se os espaços destinados aos movimentos e associações locais, à Rede Integrada de Apoio ao Cidadão, à expressão museológica, ao gabinete de informação turística e de venda de artesanato, bem como às valências próprias de um centro de juventude.
Hoje, com esta inauguração, damos mais um passo na estratégia, que vem sendo implementada, de capacitar os jovens e criar condições favoráveis para que estes possam desenvolver as suas aptidões, trabalhar e participar activamente na sociedade, particularmente nesta Vila de Rabo de Peixe. É precisamente este o objectivo da presente parceria.
O Governo dos Açores considera este Centro Comunitário e de Juventude de Rabo de Peixe como um passo importante na implementação de uma nova dimensão na área de informação ao jovem, a qual se afigura determinante para o desenvolvimento do potencial individual dos jovens e para a ampliação e aproveitamento de oportunidades. Com esse objectivo, assumiu especial relevo a criação, em 1998, da Rede Regional de Informação Juvenil, cuja ênfase era dada ao combate à info-exclusão. Todavia, hoje, graças ao sucesso alcançado na última década na concretização desse objectivo, o desafio é o de, através de novos suportes de informação e apoio ao jovem, bem como de equipas multidisciplinares, potenciar a utilização desses meios na perspectiva do acesso e da orientação para uma informação útil e de qualidade. O Centro Comunitário e de Juventude de Rabo de Peixe acompanha, sem dúvida, essa nova dinâmica inclusiva, salientando-se as colaborações que gerará com instituições tão diversas como o centro de saúde, as escolas básica e profissional e outras entidades e associações locais, assegurando a dinamização deste espaço como factor de desenvolvimento humano e de relações sociais saudáveis. Neste Centro, por exemplo, será prestado um atendimento devidamente estruturado e personalizado em áreas diferentes, como a Emergência, o Trabalho em Rede, a Consulta Psicológica e a Orientação Vocacional.
A Vila de Rabo de Peixe está hoje dotada de recursos e infra-estruturas que lhe permitem encarar o futuro com esperança e optimismo, graças a um esforço de investimento do Governo Regional nesta última década, durante a qual procurámos recuperar o tempo perdido.
Na área da educação, em que os Açores têm desenvolvido um investimento excepcional, estamos a proceder à substituição quase integral dos edifícios escolares. Inaugurámos, em Setembro do ano passado, a Escola Básica Luísa Constantina, cuja construção e equipamento correspondeu a um investimento de cerca de três milhões de euros e tornou possível a construção do novo edifício da escola D. Paulo José Tavares, no âmbito do projecto financiado pelo Instrumento Financeiro Europeu. Estamos agora a proceder à requalificação global das instalações escolares dos 2º e 3º ciclos, através de obras que se estimam em dez milhões de euros. Trata-se de um investimento necessário, mas que cumpre relevar pelo esforço que representa, por parte do Governo Regional, no desenvolvimento integral de Rabo de Peixe.
A população da Vila sabe bem como, de forma continuada, temos mudado a sua vida para melhor, tomando medidas benéficas para as famílias e concretizando múltiplos empreendimentos: construímos e apetrechámos o porto de pesca; remodelámos a lota, entregámos casas de aprestos e agora estamos empenhados na renovação e modernização da frota; na habitação, realizámos um investimento sem precedentes, resolvendo centenas de casos, e continuamos a fazê-lo também em parceria com o Município; reconstruímos totalmente o Cine Teatro Miramar e colocámo-lo, de novo, ao serviço da comunidade; instalámos equipamentos dedicados às crianças, melhorando, substancialmente, a abrangência e a qualidade do apoio prestado, e vamos ainda aumentar o número de valências.
No âmbito do projecto “Velhos Guetos, Novas Centralidades”, assumimos a necessidade da construção de uma Piscina coberta e aquecida e da requalificação do Pavilhão Desportivo do complexo escolar desta Vila, que ficará integrado no Parque Desportivo da ilha de S. Miguel e cujo funcionamento será integralmente assegurado pelo Governo dos Açores. Investimos nestes equipamentos um milhão de euros, de modo a complementar a dotação financeira disponível no âmbito do Projecto dos fundos EFTA.
Estaremos neste Centro Comunitário e de Juventude com o espaço RIAC e com o Centro de Juventude; e garantimos o funcionamento do Centro Familiar, mediante acordo de cooperação com o Instituto de Acção Social.
Verificamos, assim, que, com o vultuoso investimento aqui realizado, pelo Governo dos Açores, desde 1997, e com o importante complemento a esse investimento por parte deste projecto financiado pelo Instrumento Financeiro do Espaço Económico Europeu, a Vila de Rabo de Peixe fica dotada de excepcionais condições para consolidar a mudança social e cultural que tem ocorrido. Neste contexto, manifesto ao Reino da Noruega, enquanto principal financiador do Instrumento Financeiro, o nosso reconhecimento, bem como ao Governo da República, pela sua contribuição, a qual, ainda que mais pequena, comporta um forte capital de sensibilidade e de solidariedade.
Quando, pela primeira vez, assumi funções como Presidente do Governo dos Açores, em 1996, defini como uma das minhas prioridades a melhoria das condições de vida dos habitantes desta Vila. Posso hoje afirmar que foi um desafio que valeu a pena abraçar e que estamos a cumprir esse compromisso com resultados muito positivos.
Rabo de Peixe está, mais uma vez, de parabéns, especialmente todos quantos vão usufruir e beneficiar deste equipamento.

Fico também muito satisfeito com esta inauguração, porque é outro sinal de que, em cada dia que passa, fazemos mais e fazemos melhor. É assim que temos de continuar – como costumo dizer, sempre com uma nova ambição. Vamos vencer. Vamos vencer também aqui os desafios que colocam os Açores num patamar superior de desenvolvimento e de qualidade de vida.



Parabéns. Obrigado.




Catálogo: rdonlyres -> C16C75E4-1DD8-4689-879E-4DEF34BB8319
C16C75E4-1DD8-4689-879E-4DEF34BB8319 -> Hintze ribeiro: da regeneraçÃo ao crepúsculo da monarquia
C16C75E4-1DD8-4689-879E-4DEF34BB8319 -> ApresentaçÃo do projecto de requalificaçÃo da reserva florestal de recreio do mistério de são joão lajes do Pico, 11 de Fevereiro de 2008
C16C75E4-1DD8-4689-879E-4DEF34BB8319 -> Seminário sobre política europeia de juventude ponta Delgada, 13 de Julho de 2006
C16C75E4-1DD8-4689-879E-4DEF34BB8319 -> InauguraçÃo da morada da escrita – casa armando côrtes-rodrigues ponta Delgada, 12 de Janeiro de 2007
C16C75E4-1DD8-4689-879E-4DEF34BB8319 -> DeclaraçÃo final da XIII conferência de presidentes das rup funchal, 4 de Outubro de 2007
C16C75E4-1DD8-4689-879E-4DEF34BB8319 -> Abertura do seminário de telecomunicaçÕes dos açores ponta Delgada, 22 de Abril de 2005
C16C75E4-1DD8-4689-879E-4DEF34BB8319 -> As relaçÕes transatlânticas na opinião pública europeia e americana
C16C75E4-1DD8-4689-879E-4DEF34BB8319 -> ConsignaçÃo e lançamento da primeira pedra da obra do centro de interpretaçÃo do farol dos capelinhos faial, 18 de Agosto de 2006
C16C75E4-1DD8-4689-879E-4DEF34BB8319 -> Sessão de abertura oficial do ano lectivo 2005/06 Horta, 12 de Setembro de 2005
C16C75E4-1DD8-4689-879E-4DEF34BB8319 -> Sessão comemorativa do º aniversário da concessão de honras de panteão nacional a manuel de arriaga horta, 17 de Setembro de 2005


Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal