Instituto de Medicina Preventiva



Baixar 11.6 Kb.
Encontro26.07.2016
Tamanho11.6 Kb.



Instituto de Medicina Preventiva
(Director: Prof. Doutor J. Pereira Miguel)


Universidade de Lisboa



Faculdade de Medicina






Grande Oficial da Ordem de S. Tiago de Espada




Ex.mo Senhor

Professor Doutor Virgílio Durão

Fundação Merck, Sharp & Dohme

Quinta Fonte Edifício Vasco Gama

2770-192 PAÇO DE ARCOS


Data: Lisboa, 15 de Setembro de 2009

Assunto:Estudo ATAR-VIH, Adesão à Terapêutica Anti-Retrovírica em doentes seropositivos para o VIH: prevalência e factores associados” – pedido de patrocínio

Ex.mos Sr. Professor Doutor Virgílio Durão


Agradecendo a oportunidade que nos concede, apresentamos em anexo o protocolo do estudo de “Estudo ATAR-VIH, Adesão à Terapêutica Anti-Retrovírica em doentes seropositivos para o VIH: prevalência e factores associados” desenvolvido pelo Instituto de Medicina Preventiva da Faculdade de Medicina de Lisboa.

É reconhecido que a não-adesão à terapêutica anti-retrovírica é uma das principais causas de progressão da infecção VIH/SIDA, com custos significativos em saúde, para o indivíduo e para o sistema de saúde, pelo que identificar a prevalência deste fenómeno e caracterizar factores associados reveste-se assim de elevado interesse para a prática clínica e saúde pública nacional.

Para tal, e dado o carácter dinâmico da adesão à terapêutica e aos seus determinantes, propomos um estudo longitudinal que acompanhe doentes seropositivos para o VIH sob terapêutica anti-retrovírica. A par destes objectivos, pretendemos estudar a mudança no regime terapêutico anti-retrovírico, como um determinante do sucesso da terapêutica anti-retrovírica e factor associado à não-adesão à terapêutica. O alcance destes objectivos trará informação necessária para a construção de um modelo explicativo da evolução da incidência de SIDA em Portugal, que permitirá estruturar intervenções ajustadas à realidade portuguesa.
Pensamos que os objectivos deste estudo vão ao encontro da missão da Fundação, pelo que vimos por este meio solicitar uma reunião de apresentação do estudo, tendo em vista o possível apoio financeiro da Fundação no mesmo.
Certos da V. melhor atenção, estamos ao dispor para esclarecer qualquer questão que queiram colocar.

Com os nossos melhores cumprimentos,

________________________________________________

Prof. Doutor Vasco Maria



Coordenador da Unidade de Farmacoepidemiologia

Instituto de Medicina Preventiva da Faculdade de Medicina de Lisboa

Faculdade de Medicina de Lisboa – Edifício Egas Moniz – Instituto de Medicina Preventiva

Av. Prof. Egas Moniz – 1649-028 Lisboa – Telef. 21.7985100/30 – 21.7999422 – Fax 217999421



Home page: http://www.fm.ul.pt/medpreventiva



Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal