Lembranças de metodologias em salas de aula nos diversos contextos de formação1



Baixar 7.38 Kb.
Encontro02.08.2016
Tamanho7.38 Kb.
Lembranças de metodologias em salas de aula nos diversos contextos de formação1
Esta atividade contribuirá para reflexões de sua vida profissional como facilitador do conhecimento em diversos papeis, seja como líder de equipe, como instrutor de treinamentos, professor (docente)... enfim, em contextos onde você esteja diante do processo ensino-aprendizagem.

Neste trabalho, especificamente, vamos trata de sua aprendizagem pessoal e profissional como memória escrita relatada e de suas relações com a experiência de formação vivenciada e refletida.

Em vista disso, queremos dizer que a historia da sua formação é um fenômeno social vivo, que você constrói em seu contexto sociocultural.

Estamos falando de memórias, essa produção que pode ser elaborada ao longo do processo de formação no qual o profissional é o sujeito que busca conhecer-se à medida que se reconhece na sua experiência refletida.

O que são memórias no âmbito da formação?

São as lembranças e reminiscências de profissionais que pertencem a uma comunidade escolar e de formação (curso-pos-graduação)

A concepção lexicográfica do termo memória, ou seja, a sua função psicológica consiste em reviver experiências passadas com maior ou menor consciência do momento presente, carregada de revivescimento auditivo, visual, gustativo e sensorial – Ver Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (2001:1890).

O autor de memória toma por base lembranças de um tempo e de um lugar vivido em variadas circunstâncias – razão pela qual necessariamente recorre à história -, mas procura escrever essas reminiscências de modo agradável para o leitor, de forma que prenda a sua atenção e o estímulo a gostar desse gênero textual. Na palavra Marcuschi (1999, p. 17), “o escrevente sempre desenha um leitor para seu texto, mesmo que seja genérico”.

Podemos dizer também que a memória é um meio de articular o passado ao presente, uma vez que a história de cada individuo traz em si a memória do grupo social ao qual pertence. Ela projeta também o futuro.

No nosso caso, cada atividade de profissional no papel de facilitador, instrutor e/ou professor, será uma alavanca para você se remontar ao passado de outras salas de aula, refletindo sempre sua aprendizagem dos processos vividos. Mas recriando novas perspectivas em relação a cada tema que emerge, tanto do ponto de vista da sua condição de aluno, da sua atuação como professor e do modo como o conhecimento é visto, interpretado e trabalhado pelos alunos e professor.



Para mais informações, consultar: LIMA M. E. M. de et al. As memórias na formação de professores e professoras. IN: FREITAS, A. S. de Formação continuada de professores: questões para reflexão. Belo Horizonte: Autentica, 2005, pp. 79-95.


1 Proposta de atividade adaptada a partir da avaliação formativa apresentada pela Professora Dra. Eliana Matos em disciplina Metodologia do Ensino Superior.



Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal