Últimas notícias



Baixar 62.59 Kb.
Encontro20.07.2016
Tamanho62.59 Kb.



ÚLTIMAS NOTÍCIAS

212

P.le M. Champagnat, 2 - C.P. 10250 - 00144 Roma www.champagnat.org


Tel. (39) 06 545 171 - Fax (39) 06 545 17 217 – Email: publica@fms.it

05-04-2006



SELEÇÃO DE Notícias aparecidas na web
01 – 31 março 2006

Argentina – 03/03/3006

ANIMAÇÃO COMUNITÁRIA E CRESCIMENTO HUMANO E ESPIRITUAL

Primeiro encontro de Superiores de comunidade - Cruz del Sur

Com a presença da grande maioria das 31 comunidades da Província de Cruz del Sur (comunidades da Argentina e Uruguai), foi realizado o primeiro encontro de Superiores de comunidades deste ano, em Sagrada Família – Buenos Aires – 24 e 25 de fevereiro de 2006.

O encontro foi motivado a partir da prioridade provincial: “Promover uma animação comunitária que possibilite o discernimento e os processos de crescimento humano e espiritual”.

Respondendo a alguns encantos e desencantos percebidos durante a última Assembléia provincial, se trabalhou com o objetivo de se alcançar, a partir do acompanhamento da Equipe de Animação de irmãos e comunidades: 1) superiores como “animadores do crescimento humano e espiritual dos irmãos”; 2) comunidades geradoras de vida; 3) irmãos felizes e abertos ao Espírito.

Isto implica não somente na contribuição de subsídios para o trabalho dos Superiores, como também em um trabalho profundo a partir do projeto comunitário, da Pastoral vocacional, das reuniões de comunidade, momentos de recoleção ou retiros, e encontros entre comunidades por regiões. No que se refere aos irmãos, dá-se importância ao projeto de vida pessoal, aos retiros provinciais, aos encontros por faixas de idade, ao acompanhamento dos irmãos temporários, à Assembléia e ao Capítulo provinciais, como também aos encontros com o Superior geral em sua visita à Província.

Com estes e outros elementos foi possível trabalhar estes dois dias com o objetivo de elaborar um plano estratégico para a revitalização dos irmãos e comunidades.

Que o Senhor, Maria, Marcelino e nossos irmãos modelos de santidade nos encorajem nesta tarefa que é comunitária, porém profundamente dependente da contribuição generosa de cada um de nós.
Casa Geral - 06/03/2006

ATIVIDADES MAIS IMPORTANTES DENTRO E FORA DE ROMA

Calendário do Conselho geral para os meses de março e abril

Eis aqui em resumo da agenda do Conselho geral para os próximos meses:



Atividades mais importantes em Roma:

* Conselho regular, 17 de março e 11 de abril.

* Visita à Comunidade da Administração geral: irmãos Luis Sobrado e Pedro Herreros: de 1 a 7 de março.

* Visita ao Colégio Internacional: irmãos Luis Sobrado e Emili Turú, de 8 a 11 de março.



Atividades mais importantes fora de Roma:

* Ir. Seán: de 27 de fevereiro a 10 de março, participação no curso de Formadores que está acontecendo em Nairobi. A seguir, visita à Província de África Centro-Leste, até 19 de março.

* Ir. Luis G. Sobrado: de 18 a 25 de março, participação no curso de Formadores de Nairobi.

* Ir. Antonio Ramalho: de 28 de fevereiro a 4 de abril, visita aos noviciados e pós-noviciados da África. De 19 a 25 de abril, participação do encontro da rede de Espiritualidade Apostólica Marista da América Latina.

* Irs. Maurice Berquet e Théoneste Kalisa: de 6 de março a 13 de abril, visita à Província de África Centro-Leste e participação em seu Capítulo provincial.

* Ir. Pedro Herreros: de 24 al 30 de março, encontro com os Conselhos provinciais do Cone Sul.

* Ir. Peter Rodney: de 10 a 14 de abril, participação no curso de formadores de Nairobi. De 17 a 23 de abril, participação no Capítulo provincial da Província Europa Centro-Oeste.

* Ir. Emili Turú: 1 de março, na Espanha, inicio da equipe para a beatificação de nossos irmãos mártires deste país. 15 e 16 de março, encontro em Genebra para a implantação de uma comunidade marista nesta cidade. De 22 a 25 de março, visita à Grécia. De 13 a 20 de abril, retiro com os irmãos do Líbano-Síria.

* Irs. Peter Rodney e Emili Turú: encontro com o Conselho provincial das Filipinas e com o Conselho do Distrito da Coréia, durante a primeira semana de abril.

* De 17 a 22 de abril, reunião da Comissão internacional que preparará um documento sobre a Vocação do Leigo marista.


Casa Geral - 07/03/2006

NOVOS DIRETORES E NOVOS SECRETÁRIOS

Reestruturação na organização do Conselho geral

No novo funcionamento do Conselho geral, reorganizado durante as reuniões plenárias do Conselho, chamadas “de inverno”, ficou decidido que as Comissões com as quais o Conselho geral deseja dinamizar a vida do Instituto nos próximos anos são as Missão, Vida religiosa e Uso evangélico dos bens, as quais terão a assistência de um irmão Conselheiro geral como Presidente, e um irmão que assumirá a responsabilidade de secretário executivo.

A comissão de Missão terá como Presidente o irmão Emili Turú e como secretário executivo o irmão Juan Miguel Anaya. A comissão de Uso evangélico dos bens será presidida pelo irmão Maurice Berquet, tendo como secretário executivo o irmão Guy Palandre. A comissão de Vida religiosa estará presidida pelo irmão Peter Rodney. Seu secretário executivo ainda não foi nomeado. Os demais membros do Conselho geral se integrarão como membros de alguma destas três comissões para apoiar a reflexão.

Também foi criada a Secretaria do irmão Vigário geral, que se ocupará do Governo do Instituto em estreita relação com a Secretaria do irmão Superior geral. Além disso foram criados três novos secretariados: Secretariado para os leigos, com o irmão Pau Fornells como Diretor; Secretariado de pastoral vocacional, com o irmão Ernesto Sánchez como diretor, e o secretariado para o uso evangélico dos bens, cujo diretor ainda não foi nomeado.

A nova organização do Conselho geral e dos seus colaboradores será a seguinte:

Secretaria do Superior geral

Seán Sammon

Don Neary (Secretário)

Secretaria do Vigário geral

Luis García Sobrado

Michael Flanigan (Delegado do Superior Geral - Missão Ad Gentes)

Renee Reyes Delegado do Superior Geral - Missão Ad Gentes)



Comissões do Conselho geral

Comissão de missão

Emili Turú (Presidente)

Pedro Herreros, César Enríquez, Juan Miguel Anaya (Secretário executivo), Pau Fornells (Diretor da Secretariado para os leigos).

Comissão de vida religiosa

Meter Rodney (Presidente), Théoneste Kalisa, Antonio Ramalho, um irmão ainda a ser nomeado (Secretário executivo), Ernesto Sánchez (Diretor Secretariado para as vocações)

Comissão para Uso evangélico dos bens

Maurice Berquet (Presidente), Antonio Martínez Fernández, Dominick Pujia, Guy Palandre (Secretário executivo). Ainda não foi nomeado o irmão como Diretor do Secretariado dessa Comissão.



Secretariados:

Secretariado dos leigos

Pau Fornells (Diretor)

Secretariado das vocações

Ernesto Sánchez (Diretor)

Secretariado para o Uso evangélico dos bens

Um irmão ainda a ser nomeado (Diretor)

Delegações

MIC - Antonio Ramalho

MAPAC - Peter Rodney

Meia idade Espanhol Português - Antonio Ramalho

Terceira idade Espanhol Português - Pedro Herreros

Meia idade, Terceira idade Inglés - Peter Rodney

Meia idade, Terceira idade Francês - Théonestes Kalisa

Cuba - Antonio Ramalho

Irmãzinhas - Pedro Herreros

Link

África, Pacífico - Théoneste Kalisa e Maurice Berquet

Europa e Ásia - Emili Turú e Peter Rodney

América - Pedro Herreros e Antonio Ramalho

Comunidade da Administração geral - Luis García Sobrado

Colégio Internacional - Luis García Sobrado

Projeto Hermitage - Luis García Sobrado ( Presidente), Antonio Martínez Fernández, Onorino Rota, Michel Flanigan, Albert Andre
Casa Geral - 08/03/2006

NOVAS ESTRUTURAS DE ANIMAÇÃO DO CONSELHO GERAL

O Conselho Geral explica as mudanças realizadas nas Comissões do Conselho

No dia 17 de fevereiro o Conselho geral teve um encontro com o pessoal que trabalha na Administração geral, irmãos e leigos, durante o qual apresentou as mudanças realizadas nas Comissões do Conselho geral, com também o calendário de atividades que os Conselheiros gerais irão realizar nos próximos meses.

O irmão Seán Sammon destacou durante sua intervenção os grandes esforços de animação do Instituto realizados durante seus quatro anos de governo, como pro exemplo, o ano vocacional marista, o qual tem dado muitos frutos com o surgimento de alguns jovens mesmo nas Províncias onde há anos não surgiam vocações. Falou sobre a animação dos Leigos, do trabalho realizado pela Comissão para o uso evangélico dos bens, os preparativos e lançamento da reflexão que concluirá com a I Assembléia Internacional da Missão Marista, em Mendes, Brasil, o projeto Missão ad Gentes, que pretende enviar cerca de 200 irmãos à Ásia nos próximos anos, o esforço realizado no campo da formação e na elaboração do documento sobre a espiritualidade marista.

Com relação ao governo do Instituto, ele se referiu ao processo da reestruturação que foi iniciado há 10 anos, um esforço para conseguir a autonomia administrativa naquelas regiões onde a economia é instável, a avaliação do programa de formação e a necessidade de revisão do Guia de Formação em vista do aumento do número de jovens em formação depois do Ano vocacional marista, a necessidade de revisar o funcionamento das Comissões e a criação de novos secretariados.



Recordou, ainda, que as novas estruturas que foram criadas respondem às recomendações do Capítulo Geral que previam a criação de novos mecanismos de animação e de governo, e destacou a importância dos novos secretariados, dos diretores e secretários executivos.

O irmão Emili Turú convidou os irmãos e leigos da Casa geral para iniciar o processo de preparação da I Assembléia Internacional da Missão, que acontecerá de 3 a 12 de setembro de 2007, em Mendes (Brasil), da qual participarão cerca de 100 irmãos e leigos de todo o Instituto.

Esta Assembléia constitui-se um evento significativo na história do Instituto e um privilégio poder participar da preparação desse acontecimento, no qual irmãos e leigos refletirão juntos sobre a identidade e a missão maristas. Dois anos depois, em 2009, se reunirá o novo Capítulo Geral.

A leitura do documento “Missão Educativa Marista” ajudará a aprofundar o apelo que fez o 20º Capítulo Geral aos irmãos e laicos, contribuirá para delinear o futuro do mundo marista e reforçará a estrutura internacional redimensionada depois da reestruturação do Instituto.

Na segunda parte da reunião, o irmão Luis García Sobrado, Vigário geral, falou sobre a situação atual do projeto “Missão ad gentes”. Começou recordando que o desenvolvimento da missão no Instituto aconteceu em três grandes etapas históricas que marcaram seu processo.

A primeira etapa foi definida com a saída providencial de mais de 1000 irmãos maristas da França, obrigados pela lei Combes contra as Congregações ensinantes, obrigando-os a dispersarem-se pelo mundo. Este processo foi reforçado com a criação de casas internacionais de formação de irmãos que se preparavam par ir a qualquer parte do mundo onde fosse necessária sua presença.

A segunda etapa começou depois do Concilio Vaticano II, quando o XVI Capítulo Geral delegou esta responsabilidade às Províncias. Assim nasceram os Distritos do Paraguai, Bolívia, África do Leste, Coréia.

Finalmente, em 2001, se iniciava a terceira etapa. Durante o XX Capítulo geral, reunido sob o lema “Escolhamos a vida”, a missão ad gentes adquire novas perspectivas interculturais e se questiona sobre a necessidade de responder a um mundo globalizado com uma colaboração muito estreita entre as Províncias maristas.

O espírito do projeto “Missão ad gentes” propicia o nascimento de uma nova presença do Instituto a serviço da missão na Ásia, onde vivem dois terços da humanidade e somente cerca de 200 irmãos maristas. As novas presenças evangelizadoras estarão orientadas a projetos educativos e de solidariedade, fazendo com que a presença do Instituto seja assim mais internacional e mais intercultural.

O encontro foi concluído com um fórum aberto, durante o qual irmãos e leigos puderam expressar a importância desses encontros que mostram como estamos todos comprometidos ao serviço de um projeto comum, e ajuda a entender a complexidade e a amplitude dos horizontes em relação àqueles aos quais somos enviados.

O irmão Seán encerrou a reunião afirmando que o mundo hoje tem um maior número de jovens que necessitam que alguém lhes ajude a ter esperança em um mundo melhor. Este era o desejo do nosso Fundador. Hoje, irmãos e leigos estamos unidos nesta missão.


Sri Lanka – 13/03/2006

PRIMEIRA PROFISSÃO EM TUDELLA

A primeira profissão religiosa de cinco novos irmãos maristas

No sábado 18 de fevereiro, o noviciado de Tudella foi lugar da primeira profissão de cinco novos irmãos maristas.

Foi durante uma celebração eucarística simples e comovente durante a qual Antony Adaikalam, Adnan Asif, Albert Younas, Jesudoss e Nilupul Lukshan pronunciaram seus primeiros votos diante do Ir. Michael de Waas, Provincial.

Os novos irmãos pertencem a três países que formam agora uma nova Província: Sri Lanka, Índia e Paquistão. Somente no final do último ano passado o Setor da Índia foi agregado ao Sri Lanka e ao Paquistão. Nós podíamos sentir uma bênção especial no fato de que os jovens expressavam tão bem a diversidade da Província. Ao final da cerimônia Jesudoss agradeceu os formadores e os participantes em nome do grupo. Para surpresa de todos, ele se expressou nas quatro línguas da região: cingalês, tamul, urdu e inglês, e as pessoas presentes manifestaram seu contentamento e aplaudiram efusivamente.

Os irmãos retornaram aos seus países respectivos para reencontrar seu meio cultural, trabalhar com seus coirmãos, rever seus pais e amigos antes de partirem, em junho, para o pós-noviciado do MAPAC de Manilha, a fim de iniciar aí outros estudos.

Todos são chamados a enfrentar numerosos desafios. Em seus países os cristãos não são que uma minoria e, por vezes, devem enfrentar a oposição de grupos dominantes. A situação geral dos jovens é com freqüência desesperadora. Ao nos congratularmos com os novos professos, felicitamo-os por sua generosidade e seu engajamento na obra de Marcelino e rezaremos por sua perseverança.


Casa Geral - 14/03/2006

NOVA VERSÃO DO DOCUMENTO SOBRE ESPIRITUALIDADE APOSTÓLICA MARISTA

Reunião em Roma da Comissão Internacional de Espiritualidade apostólica Marista

De 22 a 25 de fevereiro, a Comissão Internacional de Espiritualidade Apostólica Marista se reuniu em Roma para estudar um primeiro rascunho do documento “Espiritualidade Apostólica Marista”, para o qual está previsto um minucioso trabalho de elaboração antes de ser entregue a todos os irmãos e leigos. Esta é a terceira vez que a Comissão se reúne desde que foi nomeada.

O Conselho geral recebeu como missão do Capítulo Geral o trabalho de elaborar um documento pastoral de fácil uso sobre a Espiritualidade apostólica Marista. Para iniciar esse trabalho o conselho geral nomeou uma Comissão internacional, a qual deveria supervisionar o projeto que tem como objetivo: aprofundar o conhecimento e a vivência da Espiritualidade Apostólica Marista por parte dos irmãos e leigos maristas que vivem a espiritualidade nascida de Marcelino

.

Uma parte decisiva deste projeto é a realização de um documento pastoral de fácil uso e que responda às diferentes culturas, experiências de vida e espiritualidade de irmãos e leigos maristas.



Os conteúdos do texto têm uma estrutura semelhante a do documento Missão Educativa Marista, porém serão agrupados em quatro capítulos. Cada destes capítulos desenvolve um tópico sintetizado em figuras simbólicas: Água (Gier), rocha (a rocha de l’Hermitage), mesa (a mesa de La Valla) e fogo (o Espírito que guia a missão). Na sua quinta versão, os enunciados dos capítulos dizem assim: Capítulo 1: Irmãos e leigos maristas peregrinos da vida e da fé. Capítulo 2: Em busca de Deus e de sentido de Vida. Capítulo 3: Companheiros de viagem no coração do mundo e da história. Capítulo 4: Corações ardentes pela missão.

Entre as características que devem ter o documento pede-se à Comissão que ele seja “preciso em seu conteúdo e atrativo em sua apresentação”. Para colaborar nas previsões do formato que o documento deverá ter, o encontro da Comissão foi auxiliado por um grupo de quatro irmãos, ao qual foi solicitada a elaboração de diversas propostas para divulgar o documento.



Os membros da Comissão são: Agnes Reyes (Filipinas) Bernice Reintjens (Holanda), a irmã marista Vivienne Goldstein (membro do Conselho geral das irmãs maristas), os irmãos Maurice Goutagny (França), Benito Arbués (Espanha), Bernard Beaudin (Canadá), Vanderley Soela (Brasil), Miguel Ángel Santos (México), Spiridion Ndanga (Ruanda), Lawrence Ndawala (Malawi), Nicholas Fernando (Sri Lanka) e Graham Neist (Austrália). Por parte do Conselho geral estiveram presentes os irmãos Luis García Sobrado e Peter Rodney.

O “Grupo de comunicação” está composto pelos irmãos Antonio Martínez Estaún (Diretor de Comunicações do Instituto), Joadir Foresti (Brasil), Jean Pierre Destombes (França), Diogene Musine (Ruanda) e Andrés Carpintero (Espanha).

A próxima reunião está prevista para novembro de 2006, quando se pretende entregar um trabalho já elabora ao Conselho geral para que possa estudar em suas reuniões plenárias de janeiro-fevereiro de 2007.


Casa Geral - 16/03/2006

OS IRMÃOS E LEIGOS DA CASA GERAL TAMBÉM SE PREPARAM

I Assembléia internacional da missão marista

As Comissões de Missão e dos Leigos do Conselho geral enviaram às Províncias, já algum tempo, os materiais para começar a preparação da I Assembléia Internacional da Missão Marista. Temos recebido notícias de que as 32 Unidades administrativas e Distritos do Instituto já iniciaram o processo em sua fase local, com uma participação de cerca de 5 mil irmãos e leigos.

Os irmãos e leigos da Casa geral que voluntariamente manifestaram o desejo de participar desse processo tiveram uma primeira reunião preparatória no dia 3 de março para receber os materiais e definir o calendário das reuniões. Foi previsto um total de seis reuniões, uma a cada mês, exceto os meses de julho e agosto. Também foram escolhidos os temas que serão estudados de acordo com a metodologia proposta pela Comissão

Vários leigos e irmãos manifestaram a sua satisfação em participar dessa primeira reunião, e ficaram surpresos ao conhecer a extensão da missão marista através do mundo. Eles podem, assim, se sentirem parte desse impressionante trabalho institucional em favor de crianças e jovens do mundo, especialmente dos mais necessitados.

A Assembléia internacional constitui um nov passo na vida do Instituto marista, que oferecer aos irmãos e leigos a oportunidade de refletir juntos, em igualdade de condições, a respeito da missão do Instituto no presente e para o futuro, assim como sobre sua própria identidade.
Casa Geral - 24/03/2006

TESTEMUNHAS DE RECONCILIAÇÃO

Próxima beatificação de 47 irmãos

Do total de 173 irmãos mártires na Espanha cuja causa foi iniciada, um grupo de 47 vai ser beatificado dentro de alguns meses, em data ainda desconhecida, porém tanto poderá ser no outono 2006 como na primavera de 2007, seguramente em Roma. Trata-se da causa conhecida como: Bernardo, Laurentino, Virgilio e outros 44 irmãos.

Dado o grande número de causas introduzidas na mesma época, a Congregação para a causa dos Santos, a pedido dos postuladores correspondentes, decidiu agrupá-las. As duas causas das quais nos ocupamos (Bernardo, Laurentino) fazem parte de um grupo de 23 causas, isto é: 495 pessoas que serão beatificadas no mesmo dia.

Para preparar esse acontecimento de graça para o Instituto marista, o Ir. Superior geral constituiu, em Roma, uma Comissão formada pelos irmãos Emili Turú (coordenador), Onorino Rota e Iván Buenfil. A pedido do Ir. Superior geral, os provinciais com comunidades na Espanha designaram o Ir. Santiago Fernández para que tome parte também dessa comissão. Esta equipe, que trabalhará em estreita colaboração com o Ir. Postulador geral, será responsável por tudo quanto for organizado em Roma, assim como pela divulgação das informações para todo o Instituto.


Tanzânia - 27/03/2006

VIDA E MISSÃO MARISTA NA ÁFRICA

Ecos do postulantado marista de Nyakato

Em fevereiro e março nossa comunidade do postulantado composta por 21 membros – três formadores e dezoito postulantes – viu seu número aumentar com a chegada dos Superiores maiores para a visita canônica à Província da África Centro-Oeste, os irmãos das comunidade de Roo e Orore (Kênia), e os da comunidade de Masonga, (Tanzânia).

O primeiro que chegou foi o Ir. Antonio Ramalho, Conselheiro geral responsável pela formação, que esteve presente de 27 de fevereiro a 4 de março. Ele nos brindou com uma excelente ocasião para dialogar sobre as características da vida e missão maristas na África. Também partilhamos os aspectos positivos do nosso trabalho e os desafios que vamos encontrando. Junto com os encontros formais desfrutamos de muitos momentos juntos na oração e nas celebrações.

O sábado 11 de março chegaram dezoito irmãos procedentes do Quênia e Tanzânia, para participar de uma reunião com o Ir. Seán Sammon, que estava conosco, acompanhado do irmão Eugene Kabanguka, nosso Provincial recentemente nomeado.

Na assembléia nos centramos sobre os temas da missão, identidade e laicato maristas. Nas palestras, bem ilustradas através de esquemas apresentados em power-point, nos fizeram refletir e nos ajudaram a partilhar as idéias e experiências. Sentimo-nos muito animados a viver nossa vida religiosa como “memória viva” e “elemento purificador” na Igreja e no mundo, a serviço do Reino de Deus.

Também nos alegrou as notícias sobre a Administração geral, nossas causas de beatificação, as vocações, documentos e cartas que vamos receber, e outras questões de interesse.

Por último, porém não menos importante, na quinta-feira 14 de março nos visitou o Ir. Maurice Berquet, que também se manifestou interessado por nossos trabalhos e, mesmo não tendo estado todo o dia, manifestou muita energia.

Damos graças a nossos Superiores por sua fraternal atenção e afetuosa preocupação para conosco. Karibuni tena! (volte outra vez!).


Bélgica - 30/03/2006

A BÉLGICA MARISTA EM FESTA

150 anos de presença dos Irmãos Maristas na Bélgica

A Província da Europa Centro-Oeste desejou celebrar o 150o aniversário da chegada dos primeiros Irmãos Maristas à Bélgica com uma festa, rica de ação de graças, vivenciada através de uma Eucaristia, celebrada em Couvin, Bélgica, e de uma refeição fraterna.

Em torno ao bispo Namur, reuniram-se padres da região, inclusive um Padre Jesuíta, missionário na África, Irmãos da Bélgica, da Alemanha, da Irlanda, da Inglaterra e da França, membros das fraternidades maristas, antigos alunos, diretores das escolas e a comunidade paroquial de Couvin.

No início da eucaristia, o Provincial, Ir. Jacques Scholte, relembrou algumas etapas desta presença marista na Bélgica a partir de 1856, presença querida pelo Ir. Francisco, sucessor de São Marcelino

.

Esta introdução à história marista belga foi seguida de uma apresentação de algumas etapas históricas da fundação dos Irmãos Marista e da sua presença na Bélgica.



A Eucaristia pôde, então, ser vivida em “conhecimento de causa”. A ação de graças assumiu toda sua dimensão ao traduzir-se em um agradecimento ao Senhor por todas as graças recebidas e vividas com coragem, e por vezes com heroísmo, pelos Irmãos da Província de Beaucamps primeiramente, depois pelos Irmãos da Alemanha, da Bélgica e da Holanda. Nós pudemos também render graças pela vida marista fiel que nos faz tocar de perto a santidade de nos Irmãos na África, no Congo e em Ruanda. A Bélgica marista também pagou um tributo à história da Igreja e àquela da nossa Congregação, dando generosamente seu tempo e seus talentos e, por vezes, derramando seu sangue em terras africanas.

A celebração foi realçada por cantos interpretados pelo coral dos Troubadours de Água Negra, dirigido pelo Ir. André Rousseaux, de Couvin.

Uma refeição amigável e festiva permitiu não somente restaurar as forças, mas também aos Irmãos da Alemanha e aos antigos alunos de Zele, de mostrar seu reconhecimento através de uma palavra de uma recordação. Foi assim que a Alemanha quis marcar este aniversário através de um presente muito precioso: uma cruz plena de simbolismo, idealizada pelo Irmão Bernward Gerlitzki. Os antigos alunos de Zele, por sua vez, ofereceram um quadro representando sua escola e um livro centenário que conta sua história. Nessa escola não existe mais Irmãos, mas o espírito marista tem sido mantido de maneira preciosa.

Este espírito verdadeiramente marista de fraternidade e de convivialidade reinou sobre toda a assembléia. Provavelmente, será com este mesmo espírito e com grande confiança que o 3o. Capítulo provincial da Província da Europa Centro-Oeste abrirá suas portas no próximo mês de abril.


Boletim marista

Internet


  • Boletim Marista234 - 09.02.2005
    A reestruturação apenas começou - Entrevista com Ir. Roque Ari Salet

  • Boletim Marista235 - 16.02.2005
    Visita de Esperanza Aguirre à comunidade marista de Bucarest

  • Boletim Marista236 - 23.02.2006
    Venerável Irmão Alfano Vaser (1873 – 1943)

  • Boletim Marista237 - 02.03.2006
    Mensagem de Bento XVI para a Quaresma de 2006

  • Boletim Marista238 – 09.03.2006
    Fundo marista para o tsunami e suas atividades do 1o ano

  • Boletim Marista239 – 16.03.2006
    Entrevista com o irmão Alfredo Herrera, vice-diretor do Programa de Orientação para os missionários do Projeto Missionário Ad Gentes

  • Boletim Marista240 – 23.03.2006
    Entrevista com o Irmão José Manuel Acal Frances

  • Boletim Marista241 – 30.03.2006
    A Assembléia Internacional da Missão Marista dá seus primeiros passos






©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal