Manual de diagramaçÃo de artigos para a revista ensaios de história



Baixar 19.64 Kb.
Encontro29.07.2016
Tamanho19.64 Kb.
MANUAL DE DIAGRAMAÇÃO DE ARTIGOS PARA A REVISTA ENSAIOS DE HISTÓRIA
Quantidade mínima de páginas por artigo: 7.

Quantidade máxima de páginas por artigo: 10.


Medidas da página
Caminho (método): Menu Arquivo – Configurar página

Margens:


Superior: 2,5

Inferior: 2,5

Esquerda: 3

Direita: 3

Cabeçalho: 1,5

Rodapé: 1,5

Tamanho da página: A4

Tamanho do papel: A4

Origem do papel: Padrão (papel em branco)

Parágrafo: 1,25 Na primeira linha
Fonte: Arial Narrow – 15

Citação com até 3 linhas - dentro próprio texto
Fonte: Arial Narrow 15

Citação com mais de 3 linhas – separadas do texto
Alinhamento: justificado

Notas de rodapé e referencias no final: alinhado a esquerda

Fonte: Arial Narrow – 13
OBS: Entre o corpo do texto e a citação, deve-se dar um Enter como espaçamento antes e depois com o mesmo tamanho da fonte da citação..
REFERENCIAS (no final do artigo): todas alinhadas a esquerda

Arial Narrow 15

Espaçamento Simples 0 antes; 6 Depois.
Citação de Rodapé: Arial Narrow 13, alinhado a esquerda
Exemplo: 1

TÍTULO
FONTE: Arial Narrow - 15 em negrito e maiúsculas - centralizado
NOME DO AUTOR
Fonte: Arial Narrow – 15 em itálico – alinhado a direita.

Sobrenome MAIÚSCULAS também em itálico.


ESPAÇOS ENTRE OS TÓPICOS – “ENTERS” ¶
TÍTULO



NOME DO AUTOR





RESUMO



PALAVRAS-CHAVE







TEXTO

EXEMPLO A SER SEGUIDO:
ALIANÇA POPULAR: JACOBINOS E SANS CULOTTES NA REVOLUÇÃO FRANCESA.
Amanda Cristina STEFAN*

RESUMO: A Revolução Francesa foi um dos acontecimentos mais marcantes do século XVIII, tanto por sua influência em outras revoluções, quanto pela grande participação popular. Dentro daquilo que consideramos participação popular, destaca-se a aliança formada entre jacobinos e sans culottes, aliança esta que possibilitou a extensão da Revolução num momento em que setores revolucionários de classe média haviam decidido que chegara a hora do conservadorismo. Assim sendo, este artigo tem por objetivo analisar esta relação que se deu entre jacobinos e sans culottes e a sua posterior ruptura por divergências de posições políticas.
PALAVRAS - CHAVE: Jacobinos – Sans Culottes – Revolução Francesa

Em 1794, Robespierre, considerado líder da Revolução Francesa no período jacobino, presencia a queda de sua popularidade que se encerraria no dia 9 do Termidor. A derrocada do líder revolucionário e do seu apoio popular pode ser explicada pela divergência política com os sans culottes ao longo do processo revolucionário. Para compreendermos esta crise, é necessário entender esta contradição entre os ideais jacobinos e dos sans culottes, e para isso traçaremos um paralelo entre o nascimento do jacobinismo e a aliança com o movimento secionário sans culotte.



O Clube dos Jacobinos (que recebeu este nome pois transferiu-se para a biblioteca dos monges dessa ordem: jacobinos) ou Sociedade dos Amigos da Constituição, inicialmente Clube Bretão,
Congregava todos os partidários da nova ordem revolucionária, desde Mirabeau e La Fayette, até Robespierre e Marat. A maior parte das questões discutidas na Assembleia Constituinte eram primeiramente examinadas no Clube dos Jacobinos. Sociedades filiadas foram abertas nas províncias, e o Clube dos Jacobinos não cessou em crescer em importância
Dessa forma, o objetivo da sociedade era, então,
discutir as questões que deveriam ser debatidas na Assembleia Nacional; trabalhar para o estabelecimento e a Consolidação da Constituição; corresponder-se com outras sociedades do mesmo tipo que viessem a se formar no reino
O Clube começou a crescer e agrupar cada vez mais adeptos, o que significava uma diversidade de opções políticas. Com o aumento do número de membros, as tendências do clube começavam a se delinear em direita, esquerda e de centro. À direita, ficavam os nobres liberais, à esquerda, constavam alguns patriotas declarados (como Robespierre) e o grupo de centro, defensor de uma monarquia liberal, mas não democrática, que manteve uma certa influência dominante dentro do Clube. Somente os patriotas declarados lutavam contra o sufrágio censitário.


1 Os trabalhos confeccionados aqui descritos seguem as opções da linha Microsoft Word.

* Aluna do 4º ano de graduação em História, FCHS/UNESP – Franca/SP, sob orientação da Prof. Pedro Geraldo Tosi. Bolsista PET/MEC/SESu.


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal