Ninguém perde por entender



Baixar 8.29 Kb.
Encontro05.08.2016
Tamanho8.29 Kb.
NINGUÉM PERDE POR ENTENDER

A - Serás tu, porventura, o juiz do Princípio, Deus ou Pai Divino, Senhor do Infinito e da Eternidade, das Leis Regentes Fundamentais, dos Mundos e das Humanidades?

B - Serás tu, porventura, o juiz da Lei de Deus?

C - Serás tu, porventura, o juiz da Promessa de Deus, de algum dia generalizar ou derramar sobre toda a carne os dons mediúnicos, os carismas?

D - Serás tu, porventura, o juiz de Jesus, o Cristo Modelo, que foi o encarregado de cumprir a Promessa Divina?

Leitor, a Humanidade vai entrar agora para aquele NOVO CÉU e para aquela NOVA TERRA, que estão prometidos no Apocalipse. É apenas um fato histórico-transitivo na escalada evolutiva do Planeta e da Humanidade. Será totalmente melhor, para ti, não deixar de lado a Lei de Deus, o Cristo Divino Molde e o Consolador por Ele generalizado. Porque os inimigos da MORAL, do Amor e da REVELAÇÃO, terão de experimentar o pranto e o ranger dos dentes. As gerações têm passado, como tu passarás, mas os DESÍGNIOS DIVINOS não passarão jamais. Usa a Inteligência e a Moral.

Transformar as VERDADES DIVINAS OU FUNDAMENTAIS em instrumentos de domínio, perseguição, trustes e monopólios, igrejas, conchavos e outras tantas formas de "cabresto", tem sido o lema dos religiosismos, das clerezias, dos sectarismos, de todos os indivíduos e agrupamentos, com intenções despóticas ou de explorações capciosas, cujo fim tem sido e é usufruir vantagens ou posições indevidas, aparências de sabedoria e bondade. Por esses motivos fraudulentos, vergonhosos, mistificadores, o número dos escravos de "preconceitos" é infinitamente maior do que o número dos que VIVEM PRINCÍPIOS DIVINOS. A falsidade tem estado e está no lugar da VERDADE, e, por isso, enquanto falam na Lei de Deus e no Cristo Divino Molde, fazem precisamente o contrário...

Por Deus, ou pelo Princípio, nenhum homem ou espírito, é juiz da CONSCIÊNCIA alheia. O máximo de poder, de uma consciência sobre outra, é no sentido de persuasão, de influência vinda do exterior. O Templo Interior é, por Deus, RESERVA E DOMÍNIO DE CADA CENTELHA ESPIRITUAL, DE CADA FILHO DE DEUS. Esta realidade essencial tem manifestação total no chamado Plano Crístico, ou dos Espíritos Unos, em que o título de CONSCIÊNCIAS UNAS OU CRÍSTICAS prevalecem. São os VERBOS DIVINOS, OS QUE FALAM EM NOME DA DIVINDADE, OS CONDUTORES DE MUNDOS E HUMANIDADES. O mais nobre a fazer, por parte de um espírito, é ajudar o outro no sentido da CONSCIENTIZAÇÃO DIVINISTA, DO PRÓPRIO DESABROCHAMENTO. Os religiosismos e os sectarismos têm feito outra coisa, em benefício do bolso, do orgulho, da vaidade e do despotismo de seus donos ou manipuladores...

Existem espíritos de todas as idades, hierarquias e poderes, na Ordem dos Escalões que Regem Mundos e Humanidades, mas não existem PROPRIETÁRIOS PARTICULARES DA VERDADE... Quando muito, por delegação ou função messiânica, existem REPRESENTANTES DA VERDADE... A Humanidade lotada na Terra teve uns dez, não mais, até ao presente... Eles não vieram fundar religiões ou sectarismos, mas sim ensinar o que puderam, no seio do tempo em que viveram e daquilo que os contemporâneos puderam assimilar.

O problema do espírito não é de purificação, mas sim de DESABROCHAMENTO DAS VIRTUDES LATENTES, pois saiu do PRINCÍPIO com todas as VIRTUDES DIVINAS em potencial, para as DESABROCHAR e voltar a ser DEUS EM DEUS. Quem erra deve reparar, mas o objetivo da vida é VOLTAR A SER DEUS EM DEUS, ESPÍRITO E VERDADE. Aos ignorantes e aos capciosos é dado negar esta realidade fundamental, mas nunca lhes será dado poder ALTERAR O DESÍGNIO DIVINO.



O aviso da VERDADE é sempre o mesmo: O ESPÍRITO RESPONDERÁ SEMPRE POR SEU COMPORTAMENTO PARA COM O PRINCÍPIO E PARA COM O PRÓXIMO. Quanto mais o espírito crescer em hierarquia, tanto mais é responsável pelo seu COMPORTAMENTO. O resto é apenas resto, pasto onde indivíduos e agrupamentos maliciosos refestelam suas explorações, prejudicando a evolução dos menos cautos.

Para encarnados e desencarnados, permanecem da parte do PRINCÍPIO, como TESTEMUNHAS FUNDAMENTAIS, a Lei Moral ou de Deus, o Cristo Divino Molde e o Consolador que o mesmo Cristo Divino Molde veio generalizar. Porque toda CONSCIÊNCIA, que agir fora da MORAL, do AMOR e da REVELAÇÃO, terrivelmente pagará.


Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal