No tmg nos dias 18, 19 e 20 de Novembro Encontros Cinematográficos trazem filmes, cinéfilos e realizadores ao tmg



Baixar 15 Kb.
Encontro25.07.2016
Tamanho15 Kb.

Nota à Imprensa | Segunda-feira, 14 de Novembro de 2011


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
No TMG nos dias 18, 19 e 20 de Novembro
Encontros Cinematográficos trazem filmes, cinéfilos e realizadores ao TMG

Pelo segundo ano consecutivo, o TMG e a Associação Luzlinar organizam no TMG os Encontros Cinematográficos. A iniciativa decorrerá nos próximos dias 18, 19 e 20 de Novembro no Teatro Municipal da Guarda. À semelhança do encontro anterior, a organização pretende reunir um grupo heterogéneo de cineastas, críticos e programadores, «persistindo em revelar um conjunto de cinematografias singulares na perspectiva de explorar as suas relações e diferenças». E nesse sentido, Manuela Serra, Boris Lehman, José Nascimento, Manuel Mozos, Regina Guimarães, Saguenail, Carlos Melo Ferreira, Maria João Madeira e Luís Miguel Oliveira são os convidados desta edição.


Durante três dias, num ambiente informal, a organização convida o público a assistir à projecção de 11 filmes, distribuídos por três blocos constituídos por duas projecções e um encontro entre convidados e público, e por um quarto bloco que inclui uma retrospectiva integral da obra de ficção do realizador Manuel Mozos.

Os encontros começam na Sexta, dia 18, com o filme “O movimento das coisas”, de Manuela Serra, às 21h00, no Pequeno Auditório. Seguir-se-á, às 22h30, o encontro com a realizadora e ainda com Manuel Mozos. O primeiro dia termina com o filme “Freedom”, de Sharunas Bartas.

No sábado, dia 19, os encontros iniciam-se com master class de Boris Lehman sobre “A Auto-ficção”, que contará com a participação de Regina Guimarães e Saguenail, às 11h00. O segundo dia dos encontros prossegue às 14h30 com o filme “Homme Portant”, de Boris Lehman, e às 15h45 com o encontro do mesmo realizador e de Regina Guimarães com o público dos encontros. Seguem-se logo depois “Dernière Scène” e “Couple Regards Positions”, também de Boris Lehman.
À noite, ainda no Sábado, às 21h00, será visionado o filme “Tarde demais”, de José Nascimento, e após o filme seguir-se-á o encontro com o realizador e Carlos Melo Ferreira. O segundo dia dos Encontros termina com o fime “Jaime”, de António Reis.

No Domingo, dia 20, os Encontros estão dedicados em exclusivo à exibição da obra integral de Manuel Mozos. A saber: “Um passo outro passo e depois”, às 14h30; “Xavier”, às 15h45; “…Quando troveja”, às 21h00 e “4Copas”, às 21h00. O encontro com o cineasta será a meio da tarde às 17h30 e contará com a participação de Luís Miguel Oliveira e de Maria João Madeira.

O Bilhete Geral dos encontros é de 7,5€ euros (não inclui a Master Class, cujo bilhete é de 5 euros)

De referir ainda que a organização servirá jantares no TMG no Sábado e Domingo, numa ementa que inclui também a possibilidade de optar por um menu vegetariano. Cada refeição custa 10 euros e inclui sopa, prato principal, salada e fruta.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Tango no Café Concerto, na quinta-feira, dia 17

Szabo-Silvera Tango

“Szabo-Silvera Tango" é uma formação de músicos galegos que surge com o objectivo de difundir essencialmente o novo tango contemporâneo e a música de novos compositores, mostrando um tango de futuro apoiado nas novas correntes renovadoras, que não alteram em nada a sua essência mas que nos transporta a novos tempos e novas formas.

Na Quinta-feira, dia 17 de Novembro, actuam no Café Concerto do TMG, no âmbito do Outonalidades – Circuito Português de Música ao Vivo, o trio Szabo-Silvera Tango, de Espanha. O concerto está marcado para as 22 e tem entrada livre.
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

No sábado, dia 19

Clubbing no Café Concerto: música electrónica para dançar

No sábado, dia 19 de Novembro, a Associação 30porumalinha apresenta no Café Concerto, com o apoio do TMG, uma sessão de Clubbing. A partir das 23h e madrugada dentro, os ritmos dançáveis da música do DJ set Mike Stellar e Old Blood Mechanic vão invadir o Café Concerto do TMG, transformando-o em pista por uma noite.

A procura da batida perfeita é a missão de Miguel Belo (DJ Mike Stellar), coleccionador de discos, DJ, Mr. X da RedBull Music em Portugal e impulsionador da música electrónica produzida no nosso país desde o mais recente Dubstep e Drum n’Bass às pérolas perdidas de Funk e Soul dos anos 60 e 70! Promoveu bandas e artistas como Buraka Som Sistema e Alice Russell dentro e fora de fronteiras, sendo presença habitual na “cabine” do Musicbox.

Para além de Mike Stellar, o Clubbing contará também com os DJ Sets de Old Blood Mechanic e de H30H, e ainda com o VJ Set de Mecca.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
No Café Concerto, na terça-feira, dia 22

Rádio TMG volta a debater a Guarda

Na próxima terça-feira, dia 22 de Novembro, o TMG e a Rádio Altitude organizam novo debate no Café Concerto às 21h30. Uma vez mais, a Guarda é o ponto de partida para o debate de ideias, procurando responder à questão “Que cidade queremos?”.

A organização entende que a Guarda só se renderá perante a interioridade, a incerteza e a melancolia se os seus cidadãos desistirem de intervir em defesa de causas colectivas. A Rádio e o Teatro associam-se naquilo que já é habitual fazerem: pensar a Guarda, promover a Guarda. O objectivo é organizar conversas informais mas empenhadas, à vista de todos e a contar com todos.

Esta iniciativa tem entrada livre.

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Na Galeria de Arte até 31 de Dezembro

Exposição “À luz do sol”, de Ana Pimentel
Até 31 de Dezembro, a Galeria de Arte do TMG tem patente a exposição: “À luz do sol” de Ana Pimentel.

A artista plástica vive e trabalha no Porto. É Licenciada em Artes Plásticas/Pintura, pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, e foi Bolseira da Fundação Noesis de Barcelona em Teruel / Espanha. O Espaço, o Tempo e a Identidade são 3 factores importantes para a compreensão da sua obra. As suas pinturas cooperam com colagens de cores alegres e com efeitos de calor e luz. São obras que reaproveitam matérias num estilo de “artesanalidade” urbana e em cruzamento de culturas e de memórias (viagens, lugares e até cheiros). A referência à cultura tradicional portuguesa está patente na sua obra.

Entre 2004/2006, uma exposição itinerante do seu trabalho foi apresentada no Brasil em locais como o Museu Histórico Nacional do Rio de Janeiro, o Museu do Pará, o Museu de Arte da Bahia e o Palácio das Artes de Belo Horizonte. Realizou mais de 30 exposições individuais, com destaque para as do Centro Cultural Calouste Gulbenkian (Paris, 2003), do Museu Amadeo de Souza-Cardoso (2010) e da Fundação Oriente (Macau, 2011).

A exposição tem entrada livre e pode ser visitada e pode ser visitada de terça à sexta das 16h às 19h e das 20h30 às 23h, aos sábados das 14h às 19h e das 20h30 às 23h e aos domingos das 14h às 19h.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Para mais informações, contactar:

Gabinete de Comunicação e Imagem

Teatro Municipal da Guarda

Rua Batalha Reis, 12, 6300-668, GUARDA, PORTUGAL



Tel. 271 205 240 • Fax. 271 205 248

gci@tmg.com.pt

www.tmg.com.pt


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal