Oferta turística e relação Turismo ambiente Na Região Autónoma da Madeira



Baixar 0.5 Mb.
Página3/17
Encontro18.07.2016
Tamanho0.5 Mb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   17

1.2. Objectivos e Hipóteses de Investigação


A investigação desenvolvida neste trabalho tem três objectivos principais, nomeadamente o conhecimento da oferta turística da RAM, a avaliação do ambiente na Região e a análise da relação existente entre o turismo e o ambiente na RAM, tentando propor actuações para o futuro.

No que diz respeito ao conhecimento da oferta turística da RAM, pretende-se efectuar um levantamento dos elementos que a constituem, por forma a caracterizar a situação actual e detectar eventuais falhas e pontos fortes da mesma.

Relativamente à situação actual do ambiente na RAM, pretende-se fazer uma caracterização geral da mesma, tentando abranger as componentes económica, social, cultural e natural do ambiente, com o objectivo de se conhecer o que se pretende salvaguardar.

Uma relação saudável entre o turismo e o ambiente é essencial para a sustentabilidade do sector pelo que um dos objectivos do estudo é a análise do estado actual desta relação, de forma a identificar as acções a planear e desenvolver futuramente.

Com base nos objectivos do trabalho foram delineadas algumas hipóteses de investigação, as quais se apresentam a seguir:


  • Hipótese 1 - O ambiente é um dos principais recursos do turismo na RAM.

  • Hipótese 2 - A falta de diversidade notada no sector do turismo da RAM deve-se a deficiências da oferta turística.

  • Hipótese 3 - A RAM é um destino turístico de qualidade.

  • Hipótese 4 - O turismo produz impactos sobre o ambiente da RAM.

  • Hipótese 5 - O ambiente influencia o turismo na RAM.


1.4. Metodologia


O trabalho “Oferta Turística e Relação Turismo-Ambiente na Região Autónoma da Madeira” foi elaborado com o recurso a informação secundária disponível sobre os diversos temas abordados, quer seja através de monografias, revistas, estudos, livros, manuais e jornais editados, como através de pesquisas na internet. Nestas pesquisas recorreu-se geralmente ao motor de busca da Google1. Na consulta de informação através da internet foi tomado o devido cuidado em consultar apenas as páginas web oficiais das organizações ou de publicações de reconhecida idoneidade, de forma a minimizar o risco de utilização de informações erróneas, que se sabem estar disponíveis.

Para o levantamento dos elementos constituintes da oferta turística da RAM, foram efectuadas algumas visitas a diversos locais da Região, durante as quais se conversou com elementos da população local e com pessoas ligadas a várias instituições, tendo daqui resultado uma listagem inicial dos recursos turísticos. A informação foi completada com base na lista telefónica da Região e com o recurso à internet, consultando as páginas das instituições entretanto identificadas, as quais estão referenciadas nos diversos anexos do trabalho.

Na análise da relação entre o turismo e o ambiente na Região foi integrada a opinião de algumas entidades ligadas ao sector do turismo e ao ambiente, a qual foi obtida mediante a realização de entrevistas.

1.5. Descrição Sumária da Estrutura do Trabalho


Esta dissertação assenta em seis capítulos, através dos quais se pretende analisar a situação actual do ambiente e da oferta turística na RAM e a relação entre o turismo e o ambiente na Região, bem como propor acções e estudos futuros que se integrem numa visão de desenvolvimento sustentado do sector do turismo na RAM.

O primeiro capítulo é constituído por uma introdução que engloba o enquadramento do estudo e sua fundamentação, os objectivos da investigação e a descrição da estrutura do trabalho.

No segundo capítulo é apresentado o enquadramento teórico do trabalho, através da revisão da principal bibliografia consultada, sendo abordados os diversos temas considerados relevantes para o estudo, nomeadamente a importância do sector do turismo e os seus diversos impactos, a relação entre o turismo e o ambiente, o desenvolvimento sustentável do turismo e a importância do seu planeamento.

No terceiro capítulo é feito um levantamento da situação da Região Autónoma da Madeira em termos de ambiente, não só do ambiente natural, como também dos ambientes socio-cultural e socio-económico.

O quarto capítulo inicia-se com um pequeno resumo da evolução do sector do turismo na Região Autónoma da Madeira, sendo de seguida identificados os diversos tipos de intervenientes na oferta turística.

O quinto capítulo da dissertação analisa a relação entre o sector do turismo e o ambiente na Região Autónoma da Madeira, identificando potenciais problemas e propondo possibilidades de solução para os mesmos.

No sexto capítulo são apresentadas as conclusões finais, que incluem um modelo que sugere processos de actuação, assim como são também apresentadas propostas para investigações futuras.

“A sustentabilidade é um requisito fundamental para os países que queiram desenvolver os sectores turístico e hoteleiro.”


(Costa, Rita e Águas. 2001: 57)

2. Revisão Bibliográfica



2.1. A Importância do Turismo


O turismo tornou-se um facto inegável da vida moderna, constituindo-se um indicador de desenvolvimento económico por todo o mundo. A actividade turística mostra tendências para aumentar, abrangendo hoje mais do que a pequena e restrita elite a quem estava inicialmente reservada, tendo-se tornado a maior indústria da Europa e do
mundo (CE, 1997: 3).

Com efeito, a importância do turismo é hoje reconhecida a nível mundial, sendo um dos principais sectores económicos, ou mesmo o principal, em muitas regiões e países receptores de turismo. Tendo em conta sua a contribuição para a criação de emprego e riqueza, bem como os seus efeitos multiplicadores ao longo dos outros sectores da economia, a indústria turística toma um papel cada vez mais importante no desenvolvimento socio-económico dos diferentes países e regiões receptores de turismo.

Em Portugal, o turismo é considerado como correspondendo a um dos vectores do novo paradigma de desenvolvimento económico do País, tendo-se decidido elegê-lo como um dos eixos centrais do modelo de desenvolvimento económico do País (Conselho de Ministros, 2003).

Ao nível da Região Autónoma da Madeira (RAM), o turismo é “o sector de actividade mais relevante na economia regional, tanto em termos de Valor Acrescentado Bruto (VAB), como de emprego, contribuindo para o Produto Interno Bruto (PIB) regional com mais de 20%, animando as actividades comerciais, transportes e o escoamento dos produtos regionais” (ACIF, 2003: 4).


1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   17


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal