Origem do mundo e da humanidade a criaçÃo gênesis 1 a humanidade, ponto alto da criaçÃO


Os que sabem falar bem, tornam-se sábios e derramam como chuva provérbios refinados. AUTODOMÍNIO E SOBRIEDADE



Baixar 5.7 Mb.
Página103/197
Encontro29.07.2016
Tamanho5.7 Mb.
1   ...   99   100   101   102   103   104   105   106   ...   197

29. Os que sabem falar bem, tornam-se sábios e derramam como chuva provérbios refinados.

AUTODOMÍNIO E SOBRIEDADE
30. Não siga suas paixões. Coloque freio nos seus desejos.
31. Se você permite satisfazer a paixão, ela tornará você motivo de zombaria para seus inimigos.
32. Não se entregue a uma vida de prazeres, para não se empobrecer com os gastos.
33. Não se empobreça banqueteando com dinheiro emprestado, quando você não tem nada no bolso.

[Eclesiástico 19]Eclesiástico 19



1. Operário beberrão nunca ficará rico, e quem despreza o pouco, cairá logo na miséria.
2. Vinhos e mulheres fazem perder o bom senso, e quem anda com prostitutas torna-se cada vez mais imprudente.
3. Podridão e vermes tomarão conta dele, porque sua imprudência provocará sua ruína.

O PERIGO DOS BOATOS
4. Quem confia muito depressa, é porque não tem juízo; e quem peca, prejudica a si mesmo.
5. Quem sente prazer na maldade, será condenado,
6. e quem detesta a tagarelice, escapa do mal.
7. Nunca repita um boato, e você não perderá nada.
8. Não conte nada para o seu amigo ou inimigo; só o faça quando o silêncio se torna cumplicidade.
9. Caso contrário, quem ouvir, não confiará mais em você, e quando ele tiver oportunidade, lhe mostrará ódio.
10. Você ouviu alguma coisa? Que ela morra com você. Agüente firme, não receie explodir.
11. O insensato se abala por causa de um segredo, como a mulher grávida no momento de dar à luz.
12. O segredo no peito do insensato é como flecha fincada na coxa.
13. Pergunte ao seu amigo: talvez ele não tenha feito o que estão dizendo dele; ou, se fez, não continuará fazendo.
14. Pergunte ao próximo: talvez ele não tenha falado o que estão dizendo; ou, se falou, não o repetirá mais.
15. Pergunte ao amigo; porque muitas vezes se trata de calúnia. Não acredite em tudo o que se diz.
16. Às vezes, a pessoa escorrega sem querer. Quem nunca pecou com a língua?
17. Pergunte ao seu próximo, antes de ameaçá-lo, e assim você estará observando a lei do Altíssimo.

A VERDADEIRA E A FALSA SABEDORIA
18. Toda a sabedoria consiste em temer ao Senhor, e em toda a sabedoria existe a prática da Lei.
19. Conhecer o mal não é sabedoria, e o conselho dos pecadores não é prudência.
20. Existe habilidade que é abominável, e quem não tem sabedoria é insensato.
21. É melhor ter pouca inteligência com temor, do que ser muito inteligente, mas transgressor da Lei.
22. Existe uma astúcia hábil, no entanto injusta, e há quem use meios fraudulentos para aparentar retidão.
23. Existe malvado que anda curvado pela tristeza, mas por dentro está cheio de falsidade:
24. ele abaixa a cabeça e se faz de surdo, mas quando ninguém está vendo ataca você de surpresa.
25. Se ele não prejudica você, é porque não tem força, mas na primeira ocasião lhe fará o mal.
26. Pode-se conhecer o homem pelo semblante, e pelo aspecto do rosto se conhece a pessoa sensata.
27. A roupa de um homem, seu modo de sorrir e seu jeito de andar revelam quem ele é.

[Eclesiástico 20]Eclesiástico 20



NINGUÉM É DONO DE NINGUÉM
1. Há repreensões inoportunas, e há quem se cala por prudência.
2. É melhor repreender do que se irritar,
3. mas quem admite a própria culpa evita o castigo.
4. Como eunuco que tenta violar uma jovem, assim é aquele que quer fazer justiça com violência.
5. Há quem se cala e é reconhecido como sábio, e há quem é odiado porque fala demais.
6. Há quem se cala por não saber o que responder, e há quem se cala porque sabe qual é o momento certo.
7. O homem sábio fica em silêncio até a hora oportuna, mas o falador e o insensato a deixam passar.
8. Quem fala demais torna-se detestável, e quem procura se impor acaba sendo odiado.

O BARATO SAI CARO
9. Na desgraça, um homem pode encontrar a salvação, enquanto que a fortuna pode provocar a ruína.
10. Há presentes que não servem para nada, e há presentes que rendem o dobro.
11. Há quem procura glória e encontra humilhação, e quem foi humilhado, mas levanta a cabeça.
12. Há quem compra barato muitas coisas, e acaba pagando sete vezes mais.

EXIGÊNCIA INTERESSEIRA
13. Com suas palavras o sábio se torna amável, mas o insensato derrama suas gentilezas inutilmente.
14. O presente do insensato não ajudará você em nada, porque ele espera avidamente receber sete vezes mais.
15. Ele dá pouco e reclama muito, gritando alto como leiloeiro; hoje faz um empréstimo, e amanhã já quer a restituição. Esse tipo de homem é sempre odioso.
16. O insensato diz: "Não tenho amigos. Ninguém reconhece os benefícios que eu faço".
17. Até os que comem do seu pão falam mal dele, e quantos muitas vezes não zombam dele!

É IMPOSSÍVEL AGRADAR A TODOS
18. É melhor escorregar no chão do que no falar, pois a queda dos maus chega depressa.
19. Do homem grosseiro saem palavras fora de hora, que se multiplicam na boca dos insensatos.
20. Ninguém aceita provérbio dito por um insensato, porque ele não sabe dizê-lo na hora certa.
21. Há quem não pode pecar, só por causa da pobreza, e ainda consegue descansar sem remorso.
22. Há quem se destrói por causa do respeito humano, e há quem se perde por respeito ao insensato.
23. Há quem por timidez faz promessas a um amigo, e sem necessidade o transforma em inimigo.

A MENTIRA
24. A mentira é mancha infame para o homem, e está sempre na boca dos insensatos.
25. Um ladrão vale mais do que um mentiroso incorrigível, mas os dois terão como herança a perdição.
26. O vício do mentiroso é uma desonra, e a vergonha sempre o acompanha.

CONSEGUIR JUSTIÇA E SABEDORIA
27. O sábio se promove com a palavra, e o homem de bom senso agrada aos poderosos.
28. Quem cultiva a terra consegue boa colheita, e quem agrada os poderosos consegue perdão para a injustiça.
29. Favores e presentes cegam o sábio: são mordaça na boca, porque impedem a repreensão.
30. Sabedoria escondida e tesouro oculto são coisas inúteis.
31. É melhor um homem que esconde a sua loucura, do que um homem que esconde a própria sabedoria.

[Eclesiástico 21]Eclesiástico 21



O PECADO DESTRÓI VIDAS HUMANAS
1. Meu filho, você pecou? Não torne a pecar, e peça perdão das culpas passadas.
2. Fuja do pecado como de uma serpente, porque, se você se aproximar, ele o morderá. Os dentes dele são dentes de leão, capazes de destruir vidas humanas.
3. Toda desobediência é como espada de dois gumes, e sua ferida não tem cura.
4. Crueldade e arrogância destroem a riqueza, e por isso a casa do soberbo será devastada.
5. A súplica do pobre sai de sua boca e vai direto aos ouvidos de Deus, que lhe faz justiça imediatamente.
6. Quem despreza a correção segue o caminho do pecador, mas quem teme ao Senhor se arrepende sinceramente.
7. De longe se conhece o falador, mas quem reflete sabe reconhecer quando tropeça.
8. Quem constrói a própria casa com dinheiro de outros, ajunta pedras para sua própria sepultura.
9. A reunião dos injustos é monte de estopa, que acabará em chamas de fogo.
10. O caminho dos pecadores é bem pavimentado, mas desemboca nas profundezas da mansão dos mortos.

O SÁBIO E O INSENSATO
11. Quem observa a Lei torna-se capaz de controlar seu próprio pensamento, e a sabedoria é a perfeição do temor ao Senhor.
12. Quem não tem capacidade não consegue ficar instruído, mas existe capacidade que aumenta a amargura.
13. A ciência do sábio é vasta como inundação, e o seu conselho é como fonte de vida.
14. A mente do insensato é como vaso quebrado: não guarda nenhum conhecimento.
15. Quando o inteligente ouve uma palavra sábia, ele a recebe e a enriquece. Quando o folgazão ouve uma palavra sábia, ele a despreza e a joga para trás.
16. A explicação dada pelo insensato é como fardo de viagem, mas na boca do inteligente encontra-se a graça.
17. A assembléia solicita o discurso do sensato, e reflete seriamente em suas palavras.
18. Para o imbecil a sabedoria é como casa em ruínas, e sua ciência é um discurso que não se entende.
19. Para o imbecil a instrução é como corrente nos pés e algema na mão direita.
20. O insensato ri alto, fazendo barulho; o sábio sorri discretamente.
21. Para o sábio a instrução é jóia de ouro, um bracelete no braço direito.
22. O imbecil entra numa casa apressadamente, mas o homem experiente mostra-se respeitoso.
23. O imbecil espia da porta o que há dentro da casa, mas a pessoa educada fica do lado de fora.
24. O mal-educado fica ouvindo atrás da porta, mas o homem prudente se envergonha de fazer isso.
25. Os faladores repetem o que os outros dizem, porém os sábios pesam suas próprias palavras na balança.
26. Os imbecis têm a mente na língua; os sábios têm a língua na mente.
27. Quando o injusto amaldiçoa Satanás, está amaldiçoando a si próprio.
28. O maledicente prejudica a si mesmo, e acaba sendo detestado pela vizinhança.

[Eclesiástico 22]Eclesiástico 22



O PREGUIÇOSO
1. O preguiçoso é como pedra cheia de lodo, e todos zombam dele com desprezo.
2. O preguiçoso parece monte de esterco: quem toca nele, logo sacode a mão.

EDUCAÇÃO DOS FILHOS
3. Filho mal-educado é vergonha para o pai, e se for uma filha, a desgraça é ainda maior.
4. Filha sensata arranja marido; filha sem-vergonha é desgraça para os pais.
5. Filha insolente envergonha o pai e o marido, e é desprezada pelos dois.
6. Advertência fora de hora é como festa em velório, mas vara e disciplina é sabedoria em qualquer tempo.

É INÚTIL ENSINAR O IMBECIL
7. Ensinar o imbecil é como emendar cacos, ou acordar alguém que dorme sono profundo.
8. Falar ao imbecil é como falar a quem está dormindo; no fim ele pergunta: "O que é que foi mesmo?"
9. Chore pelo morto, porque ele perdeu a luz; chore pelo imbecil, porque ele perdeu o bom-senso.
10. É menos triste chorar pelo morto que agora descansa, porque a vida do imbecil é pior que a morte.
11. O luto pelo morto dura sete dias, mas para o imbecil e para o injusto dura a vida inteira.
12. Não gaste palavras com o insensato, e evite andar com o estúpido.
13. Fique longe dele, para não se aborrecer e não se sujar lidando com ele. Afaste-se dele e ficará tranqüilo, e a insensatez dele não irritará você.
14. O que é mais pesado que o chumbo? Qual é o seu nome, senão "insensato"?
15. Areia, sal e barra de ferro são mais fáceis de carregar do que um insensato.

REFLETIR PARA DECIDIR
16. Casas travadas com viga de madeira não virão abaixo por ocasião de um terremoto; da mesma forma, a mente que decide após muito refletir não se deixará abalar no momento do perigo.
17. Mente apoiada em reflexão prudente é como enfeite de estuque em muro polido.
18. Cascalho no alto do muro não resiste ao vento, e mente que vacila diante de opiniões insensatas também não resiste diante de ameaças.

A AMIZADE
19. Quem machuca os olhos faz cair lágrimas, e quem fere um coração revela os sentimentos dele.
20. Quem atira pedra nos pássaros acaba por afugentá-los, e quem ofende um amigo perde a amizade.
21. Embora já tenha empunhado a espada contra o amigo, não se desespere, porque ainda há remédio.
22. Ainda que já tenha aberto a boca contra o amigo, não se apavore, porque pode haver reconciliação. Mas o ultraje, a arrogância, a violação de segredos e a traição são coisas que fazem o amigo fugir.
23. Conquiste a confiança do próximo quando ele está na pobreza, para desfrutar junto, quando ele estiver na prosperidade. Faça-lhe companhia quando ele estiver na dificuldade, para que você possa ter parte na herança dele.
24. Antes que o fogo se acenda, a chaminé solta fumaça e vapor, e antes do sangue vêm os insultos.
25. Não me envergonho de defender um amigo, e nem me escondo da sua presença;
26. mas, se algum mal por culpa dele me acontecer, quem ficar sabendo tomará cuidado com ele.

ORAÇÃO PARA TER O DISCERNIMENTO
27. Quem irá colocar um guarda na minha boca e um selo de prudência nos meus lábios, para eu não cair por culpa deles e a minha língua não me arruinar?

[Eclesiástico 23]Eclesiástico 23



1. Senhor, pai e soberano da minha vida, não me abandones ao capricho deles, e por culpa deles não me deixes cair.
2. Quem irá dar chicotadas em meus pensamentos e disciplinar a minha mente com a sabedoria, para que os meus erros não sejam poupados e as culpas deles não sejam toleradas?
3. Dessa forma os meus erros não se multiplicarão, e os meus pecados não se avolumarão; não cairei diante dos meus adversários, e o meu inimigo não se alegrará às minhas custas.
4. Senhor, pai e Deus da minha vida, não permitas que o meu olhar seja altivo.
5. Afasta de mim os maus desejos.
6. Que a sensualidade e a luxúria não me dominem. Não me entregues ao desejo vergonhoso.

DEUS NÃO É CÚMPLICE DA NOSSA INJUSTIÇA
7. Meus filhos, escutem como disciplinar a boca. Quem assim fizer nunca será surpreendido.
8. O pecador será apanhado por seus próprios lábios, e o maldizente e o orgulhoso tropeçarão neles.
9. Não se acostume a fazer juramentos, nem se habitue a repetir o Nome Santo.
10. O escravo está sempre sob controle, e não escapa de ficar marcado pelos golpes. O mesmo acontece com quem jura e repete o nome de Deus por qualquer coisa: nunca ficará livre de pecar.
11. O homem que vive fazendo juramentos acaba cometendo muitos pecados, e o chicote não se afastará da sua casa. Se ele erra, cai em pecado. Se não cumpre o juramento, peca duas vezes. Se jura em falso, não será perdoado, e sua casa ficará cheia de desgraças.

A PALAVRA MORTÍFERA
12. Há um modo de falar que é comparável à morte, e que não deveria ser encontrado entre os descendentes de Jacó. Os homens fiéis ficam longe de tais coisas, e assim não se afundam em pecados.
13. Não se acostume a dizer vulgaridades grosseiras, pois nelas há sempre motivo de pecado.
14. Lembre-se de seu pai e sua mãe, quando você se sentar entre os grandes. Não esqueça seus pais, quando estiver diante dos grandes; você se tornaria tão imbecil no seu comportamento que desejaria não ter nascido, e amaldiçoaria o seu próprio nascimento.
15. O homem acostumado à linguagem inconveniente ficará incorrigível até o fim da vida.

O PERIGO DO ADULTÉRIO
16. Há duas espécies de coisas que multiplicam os pecados, e uma terceira que provoca a ira:
17. a paixão que arde como fogo aceso e que não se apaga enquanto não se consumar; o homem entregue à sensualidade, que não cessa enquanto o fogo não o devorar; o homem sensual, para o qual todo alimento é doce, e não se satisfaz enquanto não morrer;
18. o homem que trai o leito matrimonial, dizendo: "Quem me vê? As trevas me envolvem e as paredes me escondem. Ninguém me vê. O que tenho a temer? O Altíssimo não se lembrará dos meus pecados".
19. Ele só tem medo do que os homens vêem, e não sabe que os olhos do Senhor são mil vezes mais luminosos que o sol, porque vêem todos os caminhos dos homens e penetram os lugares mais escondidos.
20. Deus conhecia as coisas, ainda antes de criar o universo, e o mesmo acontece depois que as criou.
21. Tal homem será castigado na praça da cidade e será preso onde não espera.
22. O mesmo acontece com a mulher que abandona o marido e gera um herdeiro com outro homem.
23. Em primeiro lugar, ela desobedece à lei do Altíssimo; em segundo, ofende o seu marido; em terceiro, se prostitui com o adultério e gera filhos de um estranho.
24. Ela será arrastada diante da assembléia, e sobre os seus filhos se fará uma pesquisa.
25. Seus filhos não criarão raízes e seus ramos não darão frutos.
26. A memória dela será amaldiçoada, e sua infâmia nunca será apagada.
27. Os sobreviventes saberão que nada é melhor do que o temor do Senhor, e nada é mais doce do que observar os seus mandamentos.

[Eclesiástico 24]Eclesiástico 24



ISRAEL É A MORADA DA SABEDORIA
1. A Sabedoria louva a si mesma e se gloria no meio do seu povo.
2. Ela abre a boca na assembléia do Altíssimo e se glorifica diante do poder dele:
3. "Eu saí da boca do Altíssimo e recobri a terra como névoa.
4. Armei a minha tenda nas alturas, e o meu trono ficava sobre uma coluna de nuvens.
5. Percorri sozinha a abóbada do céu e passei pelas profundezas dos abismos.
6. Estendi o meu poder sobre as ondas do mar, sobre a terra inteira e sobre todos os povos e nações.
7. Em todos eles procurei um lugar para repousar e uma propriedade onde pudesse me estabelecer.
8. Então o Criador do universo me deu uma ordem. Aquele que me criou armou a minha tenda, e disse: 'Instale-se em Jacó e tome Israel como herança'.
9. Ele me criou desde o princípio, antes dos séculos, e eu nunca deixarei de existir.
10. Oficiei na Tenda santa, na presença dele, e desse modo me estabeleci em Sião.
11. Ele me fez habitar na cidade amada, e em Jerusalém exerço o meu poder.
12. Coloquei raízes no meio de um povo glorioso, na porção do Senhor, seu patrimônio.
13. Cresci como cedro no Líbano e como cipreste nos montes do Hermon.
14. Cresci como palmeira de Engadi e como roseira em Jericó. Cresci como oliveira majestosa na planície, e fiquei alta como plátano.
15. Espalhei o meu perfume como canela, bálsamo e mirra escolhida, como gálbano, ônix, estoraque e vapor de incenso na Tenda.
16. Estendi os meus ramos como terebinto, e a minha ramagem é bela e frondosa.
17. Como videira produzi brotos graciosos, e as minhas flores e frutos são belos e abundantes.
18. Venham a mim vocês todos que me desejam, e fiquem saciados com os meus frutos.
19. Pensar em mim é mais doce que o mel, e possuir-me é mais doce que o favo de mel.
20. Os que se alimentam de mim terão ainda mais fome, e os que bebem de mim terão ainda mais sede.
21. Quem me obedece não ficará envergonhado, e os que trabalham comigo não pecarão".

A SABEDORIA É A LEI
22. Tudo isso é o livro da Aliança do Deus Altíssimo, a Lei que Moisés nos deu como herança para as comunidades de Jacó.
23. A Lei transborda de Sabedoria como o Fison, e como o rio Tigre no tempo dos primeiros frutos.
24. Ela inunda de inteligência como o rio Eufrates e como o rio Jordão nos dias da colheita.
25. Ela espalha instrução como o rio Nilo e como o Geon no tempo da vindima.
26. O primeiro homem não esgota o conhecimento dela, e o último também não conseguirá investigá-la completamente.
27. De fato, o pensamento dela é maior do que o mar, e o seu conselho é maior do que o oceano.
28. Eu sou como o canal de um rio, um curso d'água que rega o paraíso.
29. Eu disse: "Vou regar meu jardim e empapar os meus canteiros". Mas o meu canal se tornou um rio, e o meu rio se transformou em mar.
30. Farei que a minha instrução resplandeça como aurora, para que ilumine os lugares mais distantes.
31. Derramarei o ensinamento como profecia e o transmitirei para as gerações futuras.
32. Vejam: Não trabalhei apenas para mim, mas para todos os que procuram a sabedoria.

[Eclesiástico 25]Eclesiástico 25



A MAIOR FELICIDADE
1. Três coisas me satisfazem e agradam ao Senhor e aos homens: concórdia entre irmãos, amizade entre vizinhos e mulher vivendo em harmonia com o marido.
2. Há também três tipos de pessoas que eu detesto e cujo comportamento me irrita profundamente: o pobre orgulhoso, o rico mentiroso e o ancião adúltero e sem bom senso.
3. Se você não acumulou na juventude, como poderia encontrar alguma coisa na velhice?
4. Como é belo para os cabelos brancos saber julgar, e para os anciãos saber dar conselhos!
5. Como fica bem a sabedoria para os anciãos e o discernimento sábio para as pessoas honradas!
6. A coroa dos anciãos é uma grande experiência, e o orgulho deles é temer ao Senhor.
7. Há nove coisas que, no meu íntimo, considero felizes, e a décima eu proclamo com a minha boca: o homem que se alegra com seus filhos; aquele que vive para ver a ruína de seus inimigos;
8. feliz aquele que vive com mulher de bom senso; aquele que não faz trabalhar juntos o boi e o burro; aquele que não peca por palavra; aquele que não serve a um patrão indigno;
9. feliz aquele que encontrou a prudência; e aquele que fala para quem escuta.
10. Como é grande aquele que encontrou a sabedoria! Mas ninguém ultrapassa aquele que teme ao Senhor.
11. O temor do Senhor ultrapassa tudo, e a quem será comparado aquele que o possui?

MULHER: ANJO OU DEMÔNIO?
12. Nenhuma ferida é como a do coração, e maldade nenhuma é como a da mulher!
13. Nenhuma desgraça é como a causada pelos adversários, e nenhuma vingança é como a dos inimigos.
14. Não há veneno pior do que o veneno da serpente, nem ira pior do que a do inimigo.
15. Prefiro morar com um leão ou dragão a morar com mulher maldosa.
16. A maldade da mulher muda a sua fisionomia, e seu rosto fica tenebroso como o de um urso.
17. Seu marido vai sentar-se no meio dos vizinhos e, constrangido, suspira amargamente.
18. Qualquer maldade é um nada diante da maldade da mulher: caia sobre ela a sorte dos pecadores!
19. Como ladeira de areia para os pés de um velho, assim é a mulher faladeira para um marido pacífico.
20. Não se deixe prender pela beleza de uma mulher, nem se apaixone por ela.
21. Motivo de irritação, desprezo e grande vergonha é a mulher sustentar o marido.
22. Coração abatido, rosto triste e coração ferido, é a obra da mulher má.
23. Mãos inertes e joelhos vacilantes, é a mulher que não torna feliz o próprio marido.
24. Foi pela mulher que começou o pecado, e é por culpa dela que todos morremos.
25. Não deixe a água escapar, nem dê liberdade de falar para a mulher má.
26. Se ela não obedece às ordens que você lhe dá, separe-se dela.

[Eclesiástico 26]Eclesiástico 26



1. Feliz o marido que tem mulher virtuosa; a duração de sua vida será o dobro.


Compartilhe com seus amigos:
1   ...   99   100   101   102   103   104   105   106   ...   197


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal