Origem do mundo e da humanidade a criaçÃo gênesis 1 a humanidade, ponto alto da criaçÃO


Suas ações não permitem que eles se convertam ao seu Deus. Um espírito de prostituição está dentro deles e, por isso, não conhecem a Javé. 5



Baixar 5.7 Mb.
Página140/197
Encontro29.07.2016
Tamanho5.7 Mb.
1   ...   136   137   138   139   140   141   142   143   ...   197

4. Suas ações não permitem que eles se convertam ao seu Deus. Um espírito de prostituição está dentro deles e, por isso, não conhecem a Javé.
5. O orgulho de Israel o condena; Israel e Efraim tropeçam na sua própria maldade; e também Judá acaba tropeçando com eles.
6. Irão procurar a Javé, levando carneiros e bezerros, mas não poderão encontrá-lo, porque se afastou deles.
7. Eles enganaram Javé, gerando filhos bastardos: agora um conquistador os devorará junto com seus campos.

GUERRA ENTRE IRMÃOS
8. Toquem a trombeta em Gabaá, toquem a corneta em Ramá, soem o alarma em Bet-Áven. Estão atrás de você, Benjamim!
9. Efraim será uma ruína no dia do castigo. É uma coisa certa que eu estou proclamando contra as tribos de Israel.
10. Os chefes de Judá são como aqueles que roubam terras: sobre eles eu derramo a água da minha ira.
11. Efraim é um opressor, passa por cima do direito, corre atrás da mentira.
12. Pois eu vou ser uma traça para Efraim; como cárie, vou roer a casa de Judá.
13. Efraim percebeu a sua doença, Judá viu a sua ferida. Efraim foi procurar a Assíria, Judá enviou mensageiros ao grande rei. Mas não é este quem lhes dará saúde, não é ele quem vai curar as feridas de vocês.
14. Pois eu serei um leão para Efraim, um filhote de leão para a casa de Judá. Estraçalho tudo e vou-me embora, carrego minha presa e ninguém vai tirá-la de mim.
15. Vou-me embora, volto para a minha casa, até que reconheçam a sua culpa e venham procur

ar a minha face. Na hora do aperto, eles vão me procurar.

[Oséias 6]Oséias 6

DEUS NÃO SE DEIXA ENGANAR
1. Venham, voltemos a Javé: ele nos despedaçou, mas ele nos vai curar; ele nos feriu, mas ele vai atar nossa ferida.
2. Em dois dias ele nos fará reviver, e no terceiro dia nos fará levantar, e passaremos a viver na sua presença.
3. Esforcemo-nos para conhecer a Javé; sua chegada é certa como a aurora, ele virá a nós como a chuva, como o aguaceiro que ensopa a terra.
4. Que farei com você, Efraim? Que farei com você, Judá? O amor de vocês é como a neblina da manhã, como o orvalho que logo cedo se evapora.
5. Por isso eu os castiguei por meio dos profetas e os matei com as palavras da minha boca, e a minha sentença brotou como a luz.
6. Pois eu quero amor e não sacrifícios, conhecimento de Deus mais do que holocaustos.

CORRUPÇÃO DIRIGIDA
7. Em Adam eles violaram a aliança; aí eles me traíram.
8. Galaad é uma cidade de malfeitores, cheia de rastros de sangue.
9. Como bandidos na emboscada, um bando de sacerdotes assassinam pelo caminho de Siquém e cometem horrores.
10. Em Betel também vi coisas horríveis: foi aí que Efraim se prostituiu e Israel se contaminou.
11. Quanto a você, Judá, eu reservo uma colheita, quando eu mudar a sorte do meu povo.

[Oséias 7]Oséias 7



1. Quando eu estou para curar Israel, aparece a culpa de Efraim e a maldade de Samaria, pois essa gente só pratica a mentira. O ladrão invade a casa, enquanto, do lado de fora, uma quadrilha assalta.
2. E nem lhes passa pela cabeça que eu vou me lembrar de toda a sua maldade. Agora mesmo os rodeiam seus crimes, que estão todos bem diante dos meus olhos.

GOLPES DE ESTADO
3. Com sua maldade, alegram o rei e com suas mentiras divertem os chefes.
4. São todos adúlteros, ardem como forno aceso, quando o padeiro atiça o fogo, depois que amassou o pão e espera que ele cresça.
5. Na festa do nosso rei, os chefes o afogam no calor do vinho e ele se compromete com os rebeldes.
6. A cabeça deles está cheia de tramóias: é como um forno. De noite, sua ira dorme, de manhã ela se incendeia como fogueira.
7. Todos eles ficam acesos como um forno e acabam queimando seus próprios governantes. Foi assim que caíram todos os seus reis e não há ninguém que me invoque.

NOVA FORMA DE IDOLATRIA
8. Efraim se mistura com os povos. Efraim é um bolo que não foi virado.
9. Os estrangeiros acabam com a força dele, e ele nem percebe; seus cabelos brancos vão aumentando, e ele não nota.
10. O orgulho de Israel testemunha contra ele mesmo, e nem assim eles se convertem a Javé, seu Deus; apesar de tudo, não o procuram.
11. Efraim é uma pomba ingênua, sem inteligência: pedem ajuda ao Egito, vão à Assíria.
12. Enquanto forem, atirarei sobre eles a minha rede, e os derrubarei como passarinhos, castigando-os pela sua maldade.

CLAMORES INÚTEIS
13. Ai deles, fugiram de mim! Infelizes, por se revoltarem contra mim! Eu os libertaria, mas eles dizem mentiras contra mim.
14. Eles não clamam por mim de coração, quando gemem nos seus leitos. São devotos de Dagã e Tiros, e se afastam de mim.
15. Fui eu quem lhes renovou as forças, mas eles tramam contra mim.
16. Eles não se voltam para o alto, são como arco frouxo. Seus príncipes morrerão pela espada, por causa do veneno de suas línguas. E isso é motivo de caçoada na terra do Egito.

[Oséias 8]Oséias 8



JAVÉ É O ÚNICO SENHOR
1. Ponha a trombeta na boca! A desgraça mergulha como águia sobre a casa de Javé. Eles quebraram a minha aliança, rejeitaram a minha lei.
2. Eles gritam: "Deus de Israel, nós te conhecemos!"
3. No entanto, Israel recusou o bem, e o inimigo o perseguirá.
4. Nomearam reis sem o meu consentimento, escolheram príncipes sem eu ficar sabendo; com sua prata e ouro fizeram ídolos para a sua perdição.
5. Eu odeio o seu bezerro, ó Samaria; a minha ira se inflamou contra ele. Até quando vocês serão incapazes de inocência, ó filhos de Israel?
6. Esse bezerro foi fabricado por um escultor; ele não é Deus. O bezerro de Samaria será feito em pedaços.
7. Semeiam ventos, colherão tempestades; talo sem espiga não pode dar farinha e, mesmo se desse, os estrangeiros é que iriam comer.
8. Israel foi devorado. Entre as nações ele agora é objeto sem valor.
9. Quando foram pedir socorro à Assíria, então Efraim, jumento solitário, tentou contratar amantes para si.
10. Mesmo que os contratem dentre as nações, eu agora os reunirei, e eles tremerão sob o peso do rei soberano.
11. Efraim multiplicou seus altares para pecar; só para pecar lhe serviram.
12. Escrevi muitas leis para ele, mas elas foram consideradas como coisa estranha.
13. Ainda que ofereçam sacrifícios e comam a carne, não agradarão a Javé. Ele se lembrará das culpas deles, castigará os seus pecados e os mandará de volta para o Egito.
14. Israel se esqueceu de Deus, seu criador, e passou a construir palácios. Judá, de sua parte, construiu fortalezas. Pois eu porei fogo nas cidades fortificadas e queimarei todos os seus quartéis.

[Oséias 9]Oséias 9



VOLTA À ESCRAVIDÃO
1. Não se alegre, Israel, não faça festa como os outros povos. Traindo o seu Deus, você agiu como prostituta. Você gostava de receber a paga de prostituta em qualquer terreiro de trigo.
2. Mas o terreiro e o tanque de pisar uvas não vão mais garantir o alimento para eles, e até o próprio vinho lhes faltará.
3. Eles não habitarão mais na terra de Javé; ao contrário, Efraim voltará para o Egito ou comerão coisas impuras na Assíria.
4. Não farão libações de vinho a Javé, nem lhe oferecerão seus sacrifícios. Seu pão será igual ao que servem nos velórios: quem dele come é considerado impuro. Seu pão só servirá para matar a fome, não poderá ser oferecido no Templo de Javé.
5. O que farão vocês nos dias da solenidade, nos dias da festa de Javé?
6. Pois, se vocês escaparem da catástrofe, o Egito os recolherá e Mênfis os há de sepultar. O mato será dono de seus tesouros de prata; os espinhos crescerão em suas tendas.

O MÁXIMO DA CORRUPÇÃO
7. Chegaram os dias do castigo, chegou a hora do acerto de contas! Que Israel fique sabendo! (O profeta é um louco, o homem inspirado é um maluco). Tudo por causa da grande falta que você cometeu, e pela grave ofensa que você fez.
8. O profeta com seu Deus é a sentinela de Efraim, mas contra o profeta estendem uma armadilha em todos os caminhos e até na casa do seu Deus ele encontra hostilidade.
9. Eles se corromperam profundamente, como nos dias de Gabaá. Deus, porém, lembra da culpa deles e castigará a sua falta.

INFIDELIDADE EM BAAL FEGOR
10. Encontrei Israel como uva no deserto, descobri seus pais como figos temporões, mas eles foram até Baal Fegor, se consagraram à Vergonha e se tornaram nojentos como a coisa de que gostavam.
11. A honra de Efraim voará como pássaro, sem nascimento, sem gravidez, sem concepção.
12. Ainda que criem filhos, eu os deixarei sem descendência. Ai deles, quando eu os abandonar!
13. Eu vi que Efraim fez de seus filhos uma caça em lugares verdejantes. Mas Efraim entregará seus filhos ao carrasco.
14. Dá-lhes, Javé. O que darás? Dá-lhes ventres murchos e peitos secos.

INFIDELIDADE EM GUILGAL
15. Toda a maldade apareceu em Guilgal. Foi aí que comecei a detestá-los. Pela maldade que eles colocam em tudo o que fazem, eu os expulsarei de minha casa. Não vou manifestar-lhes o meu carinho, pois seus chefes são todos desobedientes.
16. Efraim está ferido, suas raízes já secaram; não dará mais frutos. E, mesmo que ainda venham a ter filhos, eu farei morrer o querido fruto do seu ventre.
17. Meu Deus vai rejeitá-los, porque eles não lhe obedeceram; andarão errantes entre as nações.

[Oséias 10]Oséias 10



PROSPERIDADE E DUPLICIDADE
1. Israel era uma parreira exuberante que produzia uvas com fartura. Quanto mais frutos produzia, mais multiplicava seus altares; quanto mais rico se tornava o país, mais enriqueciam os monumentos pagãos.
2. O coração deles está dividido. Mas, agora, eles vão pagar: o próprio Deus derrubará seus altares e arrasará seus monumentos pagãos.
3. Então eles vão dizer: "Nós não temos um rei, porque não tememos a Javé. Mesmo que tivéssemos um rei, o que ele poderia fazer por nós?"
4. Fazem discursos, falsas promessas, assinam acordos e, enquanto isso, crescem os processos como erva venenosa nos sulcos dos campos.
5. Os moradores de Samaria tremem por causa do bezerro de Bet-Áven. O povo e o sacerdote fazem luto por seu deus; e se lamentam porque sua honra foi para o exílio.
6. Sua honra será levada para a Assíria, com tributo ao grande rei. Efraim terá vergonha e Israel se envergonhará de seu plano.
7. Samaria desaparece com seu rei, como graveto arrastado pela água.
8. Serão destruídos os lugares altos da idolatria, o pecado de Israel. Espinhos e mato crescerão sobre seus altares. Então eles gritarão às montanhas: "Cubram-nos"; e às colinas: "Caiam sobre nós".

O CRIME DE GABAÁ
9. Desde os dias de Gabaá você pecou, Israel, e aí permaneceu. Você pensa que a guerra contra os filhos da injustiça não os atingirá em Gabaá?
10. Eu mesmo vou castigá-los. Os povos se unirão em guerra contra eles para cobrar-lhes o enorme pecado.

SEMEIEM CONFORME A JUSTIÇA
11. Efraim é uma novilha mansa, que gosta de bater o trigo no terreiro, mas eu farei a canga pesar sobre o seu belo pescoço. Atrelarei Efraim para lavrar e Jacó para gradear a terra.
12. Semeiem conforme a justiça e colham o fruto do amor. Cultivem um campo novo, porque é tempo de procurar a Javé, até que ele venha e faça chover sobre vocês a justiça.
13. Vocês cultivaram a impiedade e por isso colheram a injustiça e comeram o fruto da mentira. Porque você confiou em seus carros e na multidão de seus guerreiros,
14. um clamor de guerra se levantará contra suas cidades, e suas fortalezas serão todas destruídas. Como Sálmana arrasou Bet-Arbel, no dia da guerra, em que a mãe foi esmagada por cima dos filhos,
15. assim farei com vocês, ó casa de Israel, por causa da sua imensa maldade. Ao amanhecer, o rei de Israel será totalmente destruído.

[Oséias 11]Oséias 11



DEUS É PAI
1. Quando Israel era menino, eu o amei. Do Egito chamei o meu filho;
2. e no entanto, quanto mais eu chamava, mais eles se afastavam de mim: ofereciam sacrifícios aos baais, queimavam incenso aos ídolos.
3. E não há dúvida, fui eu que ensinei Efraim a andar, segurando-o pela mão. Mas eles não perceberam que era eu quem cuidava deles.
4. Eu os atraí com laços de bondade, com cordas de amor. Fazia com eles como quem levanta até seu rosto uma criança; para dar-lhes de comer, eu me abaixava até eles.
5. Voltarão para a terra do Egito, a Assíria será o seu rei, porque não quiseram converter-se.
6. A espada devastará suas cidades, exterminará seus filhos e demolirá suas fortalezas.
7. O meu povo é difícil de se converter: é chamado a olhar para o alto, mas ninguém levanta os olhos.
8. Como poderia eu abandoná-lo, Efraim? Como haveria de entregar você a outros, Israel? Será que eu poderia tratá-lo como a Adama? Eu poderia tratá-lo como a Seboim? O meu coração salta no meu peito, as minhas entranhas se comovem dentro de mim.
9. Não me deixarei levar pelo ardor da minha ira, não vou destruir Efraim. Eu sou Deus, e não um homem. Eu sou o Santo no meio de você, e não um inimigo devastador.
10. Eles seguirão a Javé. E Javé rugirá como um leão. E quando ele rugir, seus filhos virão do Ocidente,
11. lá do Egito; eles virão voando como pássaros; como pombos, eles virão do país da Assíria. Então eu os farei morar nas suas próprias casas - oráculo de Javé.

[Oséias 12]Oséias 12



PERVERSÃO POLÍTICA E RELIGIOSA
1. Efraim me cerca de mentiras, a casa de Israel me rodeia de falsidades. (Mas Judá ainda está com Deus e é fiel ao Santo).
2. Efraim se alimenta de vento: está o tempo todo procurando os ventos do Oriente e só aumenta a mentira e a violência. Fazem aliança com a Assíria, levam óleo para o Egito.
3. Javé move processo contra Israel, e tratará Jacó conforme a sua conduta, e lhe devolverá conforme suas ações.
4. No ventre da mãe, Jacó superou seu irmão e como adulto lutou com Deus;
5. lutou com o anjo e o venceu; chorou e pediu piedade. Reencontrou Deus em Betel e aí falou com ele.
6. Javé, Deus dos exércitos, seu nome é Javé.
7. Quanto a você, converta-se ao seu Deus. Observe o amor e o direito e coloque sempre a confiança no seu Deus.
8. Canaã tem nas mãos balanças falsas; gosta de tapear.
9. Efraim disse: "Eu sou rico, ajuntei uma fortuna!" Mas nada restará de tudo o que ganhou, por causa da falta que cometeu.
10. Eu sou Javé, seu Deus, desde a terra do Egito. Eu farei você morar novamente em tendas, como nos dias do Encontro.
11. Falarei aos profetas, multiplicarei as visões e, pela boca dos profetas, falarei em parábolas.
12. Se Galaad é uma culpa, eles são apenas mentira; em Guilgal sacrificaram touros e por isso seus altares serão transformados em montes de pedras nas baixadas do campo.
13. Jacó fugiu para os campos de Aram, Israel trabalhou por causa de uma mulher; para ganhar uma esposa, ele foi guarda de rebanhos.
14. Por meio de um profeta, Javé tirou Israel do Egito e o protegeu.
15. Efraim irritou Javé amargamente, e seu Senhor descarregará sobre ele o sangue derramado e lhe retribuirá o ultraje.

[Oséias 13]Oséias 13



IDOLATRIA DE EFRAIM
1. Quando Efraim falava, era um terror, era o príncipe em Israel, mas depois começou a pecar com Baal e decaiu.
2. Apesar disso, continuam pecando, e com sua prata fazem estátuas fundidas, ídolos que eles inventam, todos trabalho de artesãos. Depois dizem: "Ofereçam-lhes sacrifícios", e beijam bezerros.
3. Por isso, eles se tornarão como neblina da manhã, como orvalho que logo cedo se evapora; ou como palha que a gente varre do terreiro ou fumaça que sai pela janela.

"NÃO TERÁS OUTROS DEUSES"
4. Eu sou Javé, o seu Deus, desde a terra do Egito. Você não deve conhecer outro Deus além de mim e nem outro salvador além de mim.
5. Eu conheci você no deserto, em lugares secos.
6. Eu os apascentei e eles se saciaram; ficaram saciados, e seu coração se encheu de orgulho; e, por isso, se esqueceram de mim.
7. Eu serei para eles como leão, e como pantera os espiarei no caminho;
8. vou atacá-los como a ursa da qual roubaram os filhotes, e vou rasgar-lhes o peito, devorando-os como leoa, e as feras vão despedaçá-los.
9. Eu o destruirei, Israel, e quem poderá socorrê-lo?
10. Onde está agora o seu rei, para que possa salvar você, e onde estão os juízes de suas cidades? Você me pediu: "Dá-me um rei e príncipes".
11. Na minha ira eu lhe dei um rei e, no meu furor, eu o retomo.

NÃO HÁ MAIS ESPERANÇA
12. A culpa de Efraim está guardada, seu pecado está conservado.
13. Chegam-lhe as dores do parto, mas o filho é um imbecil: ao chegar a hora de nascer, ele não sai do seio materno.
14. Será que eu devo resgatá-los das garras da mansão dos mortos? Será que eu os redimiria do poder da morte? Onde está, ó morte, a sua praga? Onde está, ó mansão dos mortos, a sua peste? A compaixão foge do meu olhar.
15. Mesmo que Efraim prospere entre seus irmãos, um vento virá do Oriente, um vento de Javé subirá do deserto, para secar sua mina de água e esgotar sua fonte. Ele vem para levar o tesouro e todos os objetos de valor.

[Oséias 14]Oséias 14



1. Samaria vai pagar, pois revoltou-se contra o seu Deus: cairão sob a espada, os seus filhos serão esmagados e suas mulheres grávidas terão seus ventres rasgados.

CONVERTAM-SE!
2. Israel, converta-se para Javé, seu Deus, pois você tropeçou na sua própria culpa.
3. Preparem as palavras e convertam-se a Javé. Digam-lhe: "Perdoa toda a nossa culpa, aceita o que é bom, e te ofereceremos o fruto de nossos lábios.
4. Não é a Assíria que nos salvará, não montaremos mais cavalos, jamais chamaremos novamente de nosso Deus a um objeto feito por nossas próprias mãos, pois é em ti, só junto de ti, que o órfão encontra compaixão".
5. Eu vou curar a sua apostasia, vou amá-los de todo o coração, pois a minha ira se apartou deles.
6. Serei como orvalho para Israel; ele florescerá como lírio e estenderá raízes como o cedro do Líbano.
7. Seus galhos crescerão, seu esplendor será como da oliveira e seu perfume será como do cedro do Líbano.
8. Voltarão a sentar-se à minha sombra, farão reviver o trigo, florescerão como videiras e serão famosos como o vinho do Líbano.
9. Efraim, que tenho eu ainda a ver com os ídolos? Sou eu que tenho uma resposta e olho para você. Sou como cipreste frondoso: o fruto de você, é de mim que ele nasce.

PARA ENTENDER O LIVRO
10. Quem é sábio, entenda essas coisas; quem é inteligente que as compreenda, porque os caminhos de Javé são retos; os justos caminham por eles e os maus neles tropeçam.

[Joel 1]Joel 1



TÍTULO
1. Palavra de Javé dirigida a Joel, filho de Fatuel.

I. A PRAGA DOS GAFANHOTOS

A DESOLAÇÃO DO PAÍS
2. Ouçam isto, chefes; prestem atenção, moradores do país! Já terá acontecido coisa igual no tempo de vocês ou no tempo de seus antepassados?
3. Contem a seus filhos tudo isto; depois eles contarão para os filhos deles, e estes irão contar para a geração seguinte.
4. Aquilo que o gafanhoto cortador deixou, o gafanhoto destruidor comeu; aquilo que o destruidor deixou, o gafanhoto saltador comeu; aquilo que o saltador deixou, o gafanhoto descascador comeu.
5. Acordem, bêbados, e chorem! Gemam, beberrões, porque lhes tiraram o vinho da boca.
6. Pois uma nação poderosa e sem conta invadiu o meu país; seus dentes são como de leão e sua goela como de leoa.
7. Deixou minha vinha arrasada e as figueiras reduzidas a galhos secos; comeu-lhes até a casca e os galhos ficaram brancos.
8. Suspira como jovem vestida de luto pelo noivo de sua juventude!
9. No Templo de Javé, não há mais ofertas nem libação de vinho; os sacerdotes, ministros de Javé, estão todos de luto.
10. A roça foi devastada, a terra está de luto, o trigo se perdeu, o vinho secou, o azeite sumiu.
11. Fiquem tristes, lavradores; gemam, cultivadores da vinha, por causa do trigo e da cevada, pois está perdida a colheita dos campos.
12. A parreira secou, a figueira murchou. Romã, tâmara, maçã, todas as árvores frutíferas secaram. E até a alegria dos homens desapareceu!

A DESGRAÇA SE TRANSFORMA EM SÚPLICA
13. Vistam-se de luto e chorem, sacerdotes! Gemam, ministros do altar! Venham dormir em panos de saco, ministros de Deus! Pois não há mais ofertas e libação de vinho no Templo do Deus de vocês.
14. Proclamem um jejum, convoquem uma assembléia, reúnam na casa de Javé, Deus de vocês, os chefes com todos os moradores da região. E gritem a Javé.
15. Ah! Que dia! De fato, o Dia de Javé está próximo e vem como devastação do Todo-poderoso.
16. Por acaso, o alimento não desapareceu da nossa vista, e a alegria e o contentamento da casa do nosso Deus?
17. A semente secou debaixo da terra, os silos estão vazios, as tulhas estão limpas, pois a colheita se perdeu.
18. O rebanho está mugindo e o gado está inquieto, pois não há mais pastos, e as ovelhas morrem de fome.
19. A ti, Javé, eu invoco, pois o fogo devorou a invernada e a chama consumiu todas as árvores do campo.
20. Até as feras gritam a ti, pois secou a água dos córregos e o fogo devorou a invernada.

[Joel 2]Joel 2



O DIA DE JAVÉ
1. Toquem a trombeta em Sião; dêem o alarme no meu santo monte. Tremam todos os moradores do país, pois o Dia de Javé está chegando e já está perto.
2. Será dia de trevas e escuridão, dia de nuvens e de negrume. Como o escurecer, estende-se sobre os montes um povo numeroso e forte; nunca houve povo igual a esse e nunca mais haverá por muitas gerações.
3. Diante dele vai um fogo que devora; atrás dele uma chama que incendeia. Diante dele a terra é um jardim do paraíso; atrás dele é um deserto arrasado. Nada se salva!
4. Seu aspecto é como de cavalos e como cavaleiros que correm.
5. Seu ruído é como de carros que vêm saltando pelos cumes dos montes, estalando como chama que devora a palha, como poderoso exército em ordem de batalha.
6. Os povos se assustam na presença dele, ficam todos pálidos de medo.
7. Avançam como soldados valentes, como guerreiros escalam a muralha; cada um vai no seu caminho, sem se desviar da fileira.
8. Uns não estorvam os outros: cada um segue o seu rumo; mesmo que as lanças caiam ao seu lado, eles não se detêm no caminho.
9. Invadem a cidade, escalam a muralha, sobem nas casas, entram pelas janelas como ladrão.


Compartilhe com seus amigos:
1   ...   136   137   138   139   140   141   142   143   ...   197


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal