Põe, ó senhor, uma guarda à minha boca; guarda a porta dos meus lábios



Baixar 10.68 Kb.
Encontro02.08.2016
Tamanho10.68 Kb.

- -

A LÍNGUA PECAMINOSA DE JUDITE
Versículo para decorar:

"Põe, ó SENHOR, uma guarda à minha boca;

guarda a porta dos meus lábios." (SL 141:3)
[Rosto 1] : Judite estava muito alegre! Tinha ido passar as férias na fazenda do vovô. Foram dias encantadores passados entre os animais, especialmente entre os coelhinhos. Era bem divertido alimentá-los e ver como eles moviam os focinhos cor-de-rosa. Havia somente uma coisa que diminuía sua alegria: Jaime morava na fazenda e implicava sempre com ela.

  • Os coelhos gostam mais de mim do que de você – dizia Jaime para importuná-la.

  • Isso é que não – gritava Judite.

E antes que se apercebesse, punha a língua para fora [Rosto 2], sua língua pecaminosa, como dizia sua mãe. A última coisa que sua mãe lhe disse foi:

- “Por favor, filhinha, experimente lembrar-se de guardar sua língua pecaminosa no seu verdadeiro lugar”. Judite não sabia porque, mas toda vez alguma coisa a forçava a pôr de fora a língua pecaminosa.


[Rosto 3] – Oh! Agora fiz outra vez... para de implicar comigo, Jaime. Jaime já ia começar novamente quando vovó chegou apressada ao jardim.

- Judite, eu tenho uma surpresa maravilhosa para você. Seu pai chamou-me pelo telefone e disse que quando você for para casa, encontrará alguém muito importante esperando por você.


[Rosto 3] - Ohhh...! Quem é vovó? Diga vovó quem é?

- Você agora tem uma irmãzinha!

- Um nenê de verdade com quem eu posso brincar?

- Sim, uma nenezinha com quem você poderá brincar e de quem você ajudará a tomar conta.

- Como Míriam tomava conta de Moisés?

- Sim, assim mesmo. Somente Judite, eu me alegraria se você quisesse ser uma verdadeira ajudadora de Deus como Míriam foi.

- Mas eu quero vovó, eu quero! Eu farei tudo quanto mamãe disser porque eu quero ajudar minha irmãzinha.

- Mas sabe de uma coisa Judite: Se você tomar conta direitinho ela a amará, crescerá exatamente como você. Diga-me agora: você gostaria que ela tivesse uma língua pecaminosa como a sua?


[Rosto 3] - Não vovó. Não! Eu não quero Ter uma língua assim... ela mesma sai e eu não consigo segurá-la. Eu prometo que não vou mostrá-la, mas sempre esqueço.

- Judite, você sabe como segurá-la.

- Sim, eu não quero uma língua tão pecaminosa como eu tenho.

- Você quer saber de um segredo? Conheço alguém que pode mudar todas as coisas más em coisas boas.



[Rosto 4] - É mesmo, vovó? Quem é?

- É o Senhor Jesus Cristo, o Filho de Deus. Deus sabia que nós todos éramos pecadores e segundo a sua lei, todos deveríamos ser castigados por causa dos nossos pecados. Então ELE (Deus) mandou Seu filho, o Senhor Jesus, morrer na cruz; Jesus tomou sobre si o castigo que você merece, Judite, o meu castigo, e o castigo de todo mundo.

- Então Jesus morreu. Ele porém, não permanece morto. Em certa manhã de Páscoa, há muito tempo. ELE ressuscitou e foi depois para o céu para estar com Deus, Agora ELE está orando por você e, assim, você crerá que ELE poderá salvá-la dos seus pecados. Desta forma, Jesus transformará seu coração sujo, em um coração limpo, sua língua suja, em uma língua limpa.

- Jesus pode mesmo fazer uma coisa dessa vovó?

- Certamente, Judite, se você crer que ELE morreu e está vivo hoje por você é só pedir-Lhe para ser seu Salvador.
[Rosto 5] - Agora eu não vou Ter uma língua pecaminosa, vou vovó?

- Não, se você se lembrar de pedir a Deus, cada dia, para guardá-la sempre boa.

- Assim, minha irmãzinha não poderá Ter uma língua pecaminosa, não é vovó?

- Não, se ela crescer igual a sua irmã Judite, e pedir a Jesus para ser seu Salvador do pecado, também – respondeu vovó, sorrindo.

Neste momento Jaime veio correndo.

- Eu vou dar comida aos coelhinhos agora e você não pode ir.

Ele olhou para ver a língua pecaminosa aparecer. Mas, nada! A língua não saiu.

Ela somente disse:



- Não me importa mais. Achei uma coisa melhor do que os coelhos. Achei JESUS.
Catálogo: documents
documents -> Comité Económico e Social Europeu
documents -> Almirante Giampaolo Di Paola
documents -> Documento de Projeto
documents -> Discurso do papa bento XVI por ocasião da inauguraçÃo do ano judiciário do tribunal da rota romana
documents -> Regulamento dos Mestrados e Doutoramentos
documents -> A pertinência da Completude da Rede de Segurança Financeira a experiência moçambicana na concepção de
documents -> Rue Belliard/Belliardstraat 99 1040 Bruxelles/Brussel belgique/belgië
documents -> Acordo de planeamento estratégico para o desenvolvimento Timor-Leste – Austrália
documents -> Contencioso administrativo exame de Contencioso Administrativo
documents -> Convenio fenipe/asgo/fatefina promoção dos 300. 000 Cursos 90% Grátis Pelo Sistema de Ensino a Distancia – sed cnpj º 21. 221. 528/0001-60 Registro Civil das Pessoas Jurídicas nº 333 do Livro a-l das Fls


Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal