Prof. Vicente Dobroruka



Baixar 25.99 Kb.
Encontro22.07.2016
Tamanho25.99 Kb.

Prof. Vicente Dobroruka


webmaster@middlepersian.org





Universidade de Brasília

IHD - Dpto. de História

Brasília -DF-

70910-900



História Medieval 3 (cód.: 139866)

O mundo bizantino

Período: 2015.2

Horário: seg qua 10:00-11:50 (sala: PAT AT 060)






O mundo bizantino

O curso abordará os principais aspectos da história do mundo bizantino, ou do “Império Romano do Oriente”, desde a fundação de Constantinopla (330 d.C.) até sua conquista pelos Cruzados em 1204 d.C.. Serão abordadas, tematicamente, quatro grandes unidades relativas ao período abrangido; noções dos grandes problemas dos estudos bizantinos serão dadas até a época da queda de Constantinopla em 1453.


Este curso está disponível on-line, na homepage do Middle Persian Studies - MPS (Grupo de Estudos Persas) (http://www.middlepersian.org/lectures.htm). Aulas, programa, bibliografia básica, suplementar e de fontes, bem como atualizações sobre mudança de horário ou de sala, arquivos para download, notas e links encontram-se no mesmo endereço. Há ainda um blog mantido pelo PEJ que pode ser utilizado pelos alunos para comentários, dúvidas, acréscimos ou sugestões relativos ao curso, cujo link se encontra na mesma página.

Introdução

Caráter do curso

Fontes e edições usadas

Necessidade do inglês para acompanhamento das aulas

Disponibilização do curso on-line

Avaliação
1. A fundação do Império Bizantino

1.1. As origens de Bizâncio

1.2. A crise do Império Romano

1.3. Bizâncio e a Idade Média ocidental


2. A história política

2.1. As dinastias

2.2. A expansão sob Justiniano

2.3. As retrações sucessivas

2.4. O contato com as culturas em torno do Império
3. A cultura bizantina

3.1. A historiografia

3.2. A hagiografia

3.3. A educação


4. As questões religiosas

4.1. O cisma de 1054

4.2. Os iconoclastas

4.3. A evangelização do mundo eslavo

4.4. As heresias
Conclusão

Bibliografia


-Ahrweiler, Helene. Studies on the Internal Diaspora of the Byzantine Empire. Harvard University Press, 1998.

-Angold, Michael. Bizâncio: a ponte da Antigüidade para a Idade Média. Rio de Janeiro: Imago, 2002.

-Baynes, Norman H. El Imperio Bizantino. México: Fondo de Cultura Economica, 1949.

-Beck, Hans G. Kirche und theologische Literatur im byzantinischen Reich. München: C. H. Beck, 1959.

-Brehier, Louis. Le monde byzantin. Paris: Albin Michel, 1947. 3 vols.

-Byron, Robert. The Byzantine Achievement: an Historical Perspective, AD 330-1453. London: Routledge & Kegan Paul, 1987.

-Diehl, Charles e Marcais, Georges. Le monde oriental de 395 a 1081. Paris: P.U.F, 1936.

-Diehl, Charles. Os grandes problemas da história bizantina. São Paulo: Editora das Américas, 1961.

-Fenner, Julian. “To what extent were economic factors to blame for the deterioration of the Roman Empire in the Third Century A.D?” (http://www.roman-empire.net/articles/article-018.html)

-Foss, Clive. “The Persians in Asia Minor and the End of Antiquity”. The English Historical Review 90: 721-47. 1975.

-Fox, Clifton R. “What, if anything, is a Byzantine” (http://www.romanity.org/htm/fox.01.en.what_if_anything_is_a_byzantine.01.htm)

-Giordani, Mario C. História do Império Bizantino. Petrópolis: Vozes, 1992.

-Jenkins, James H. Byzantium: the Imperial Centuries, AD 610-1071. London: Weidenfeld & Nicolson, 1966.

-Markham, Paul. “The Battle of Manzikert: military disaster or political failure?” (http://www.deremilitari.org/resources/articles/markham.htm)

-Monnier, Jean. Histoire: L’Orient, la Grèce. Paris: F. Nathan, 1962.

-Rice, David T. The Byzantines. London: Thames & Hudson, 1962.

-Runciman, Steven. A civilizacao bizantina. Rio de Janeiro: Zahar, 1977.

-Treadgold, Warren. The Byzantine Revival 780–842. Stanford University Press, 1991.

Bibliografia de referência
-Kinder, Herrmann e Hilgemann, Werner. The Penguin Atlas of World History, volume one. From the Beginning to the Eve of the French Revolution. London: Penguin Books, 1974.


Fontes

Para os textos clássicos serão usadas, sempre que possível, as edições da Loeb Classical Library [abreviado como LCL].


As fontes específicas utilizadas ao longo do curso serão listadas ao final de cada aula, conforme a organização da disciplina na página da Web correspondente.

Recomendações suplementares

Como se pode ver pela bibliografia anexa, o conhecimento básico de inglês é importante para o acompanhamento do curso.


Os alunos que assim o desejarem podem receber o curso (ou as aulas já concluídas, caso o mesmo esteja em fase de construção) por outros meios que não a página da Web (i.e. como arquivos .html em disquete, CD, correio eletrônico ou ainda a versão impressa - deve-se ter em mente que nesta última opção os recursos de hipertexto, quando existirem, estarão ausentes).


Avaliação

Os alunos farão 2 (duas) provas com consulta ao longo do período letivo, a primeira valendo 5 (cinco) e a segunda 5 (cinco), totalizando 10 (dez) pontos. A nota final será, portanto, a soma da nota 1 com a da nota 2, perfazendo um total de 10 (dez) pontos possíveis.





©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal