Programação e Planificação na Educação Pré-Escolar Uma Proposta



Baixar 10.01 Kb.
Encontro04.08.2016
Tamanho10.01 Kb.

Programação e Planificação na Educação Pré-Escolar – Uma Proposta –Série A


ÍNDICE

 INTRODUÇÃO 2


 CALENDÁRIO ESCOLAR 4
 ÁREAS DE CONTEÚDO 6
PLANIFICAÇÃO ANUAL- TEMAS AGLUTINADORES DOS

PROJECTOS POR PERÍODOS 9


 ESTRUTURAÇÃO DOS TEMAS AGLUTINADORES- POR PERÍODOS E DOS TEMAS GLOBALIZANTES POR MESES 10
 OUTRA CONCEPÇÃO PEDAGÓGICA 11
 PRINCIPAIS EFEMÉRIDES 12
 RELÓGIO DAS EFEMÉRIDES 13
1º PERÍODO
 Projecto À DESCOBERTA DE SI MESMO 14

 CALENDARIZAÇÃO 15

 PLANIFICAÇÃO MENSAL 16
2º PERÍODO

 Projecto À DESCOBERTA DOS OUTROS E DAS

INSTITUIÇÕES 30

 CALENDARIZAÇÃO 31

 PLANIFICAÇÃO MENSAL 32
3º PERÍODO

 Projecto À DESCOBERTA DO AMBIENTE NATURAL 52

 CALENDARIZAÇÃO 53

 PLANIFICAÇÃO MENSAL 54


 BIBLIOGRAFIA 66
INTRODUÇÃO
As Orientações Curriculares não são um Programa. Constituem antes um conjunto de princípios destinados a apoiar os educadores nas decisões sobre a sua prática, ou seja a conduzir o processo educativo a desenvolver com as crianças.

Os referidos princípios constituem uma referência comum para todos os educadores da Rede Nacional de Educação Pré-Escolar, destinando-se à organização da componente educativa.

O livro por nós editado, Projecto Curricular no Jardim de Infância, vai ao encontro desta linha de pensamento. É apenas uma proposta, uma vez que adopta uma perspectiva mais centrada em indicações para o educador do que na previsão de aprendizagens a realizar pelas crianças e dá possibilidade de fundamentar diversas opções educativas e, portanto, vários currículos.

Como é sabido, o desenvolvimento curricular é da responsabilidade do educador. É ele o principal gestor do currículo.

Para atender aos Princípios Gerais e Objectivos Pedagógicos enunciados na Lei de quadro da Educação Pré-Escolar, lançamos esta nova publicação – Programação e Planificação na Educação Pré-Escolar.

É um precioso contributo para a planificação do trabalho do educador. Pensamos que as actividades a desenvolver no Jardim de Infância alcançarão melhores resultados se estiverem ligadas a unidades de experiência, unidades de trabalho ou projectos. E é assim que o nosso livro se encontra organizado.

Estamos conscientes de que a metodologia na Educação Pré-Escolar não deve adoptar os princípios rígidos do ensino formal, mas também não pode sujeitar-se ao mero improviso, à atitude de deixar que as coisas simplesmente aconteçam. E é por isso que esta publicação, Programação e Planificação na Educação Pré-Escolar, deve ser entendida como um suporte para a organização do ambiente educativo pelo educador.

É importante não esquecer que na planificação do trabalho não deverão ser ignorados os seguintes aspectos:







  • intencionalidade educativa – processo reflexivo de observação, planeamento, acção e avaliação desenvolvido pelo educador, de forma a adequar a sua prática às necessidades da criança.

Por outro lado, a planificação do trabalho deve ser entendida como uma actividade conjunta entre os educadores em exercício no estabelecimento, com a participação das crianças, dos pais e da comunidade envolvente; deverá ter em consideração o resultado da observação de cada criança e do grupo, o sentido de permitir uma diferenciação pedagógica e de garantir a adequação do trabalho a realizar ao grupo de crianças envolvidas.







©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal