Pronunciamento do deputado manato, pdt/ES, na tribuna da câmara, em sessão do dia 22 de outubro de 2003



Baixar 9.46 Kb.
Encontro19.07.2016
Tamanho9.46 Kb.
PRONUNCIAMENTO DO DEPUTADO MANATO, PDT/ES, NA TRIBUNA DA CÂMARA, EM SESSÃO DO DIA 22 DE OUTUBRO DE 2003.
Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados;
Estou orgulhoso de poder no dia de hoje, subir à essa tribuna para tratar do apoio financeiro que o estado do Espírito Santo vem dando ao País nesses últimos anos.
Há mais de um século, existiam em Vitória apenas dois estabelecimentos bancários: O Banco Espírito Santense e o Banco da Vitória.
No ano de 1910, o Banco Inglês foi instalado na Rua da Alfândega, tornando-se o primeiro banco europeu do meu estado.
Aos poucos, grandes empresários e banqueiros perceberam a oportunidade que o estado do Espírito Santo poderia lhes proporcionar, pois se tratava de um estado com uma população bastante ativa, com uma economia promissora, e principalmente localizada na região sudeste, região mais próspera do País.
Em 1937, foi criado o Banestes, tornando-se rapidamente uma referência no sistema bancário e na economia de todo estado.
Vale ressaltar que o Banestes é um dos poucos bancos estaduais que resistiram ao processo avassalador de privatizações que aconteceram no Brasil nos últimos oito anos, e um dos motivos é o lucro que o banco gera, com uma aceitação bastante positiva por parte dos capixabas.
Entretanto, no ano de 2002, a Assembléia Legislativa aprovara uma emenda à Constituição autorizando a venda do Banestes, lançando dois editais para escolher a empresa que faria a avaliação quanto ao preço do banco. Contudo, protestos de diversos setores da sociedade levou o Executivo estadual a revogar ambos os editais. Vencia a pressão popular!
Inconformado, o Governo contratou sem licitação uma empresa ligada à Universidade de Brasília, a fim de estipular o modelo de venda a ser implantado.
Mais uma vez devido à pressões sociais e de autoridades, a Justiça Federal concedeu liminar suspendendo o processo de venda, e por fim, o TRF negou recurso do Governo estadual mantendo a suspensão da venda do Banco do Estado do Espírito Santo.
Com a Lei Estadual n° 2.413, o Bandes direcionou suas atenções na instalação de indústrias, preferencialmente para as que usassem matéria-prima do estado do Espírito Santo.
O Bandes contribuiu de forma direta para criação de 150 mil empregos, realizando cerca de 7.770 operações de crédito, correspondendo a desembolsos da ordem de 931 milhões de reais...
Portanto, Sr. Presidente, acredito que o Espírito Santo tem tudo para ser um estado de ponta na economia brasileira, e acredito também que num futuro bem próximo, mais investimentos e grandes empresas se fixarão em solo capixaba, sob a perspectiva de não só obterem lucros, mas também de ajudar no crescimento do próprio estado através do pagamento de impostos e da criação de empregos.
Era o que eu tinha a dizer.

Muito obrigado.


Deputado Manato PDT-ES


.
Catálogo: sileg -> integras
integras -> Pronunciamento do Deputado Edinho Bez (pmdb-sc), em de abril de 2011 na Câmara dos Deputados sobre Reforma Tributária dando ênfase, nesta oportunidade, sobre a desoneração da folha de pagamentos
integras -> O sr. José pimentel – pt-ce (Pronuncia o seguinte discurso)
integras -> CÂmara dos deputados projeto de lei n.º 502, de 2003
integras -> Pronunciamento do deputado luiz moreira na sessão ordinária da câmara, em 24 de abril de 2002
integras -> A diversidade cultural brasileira sob o olhar de um deputado federal
integras -> Discurso proferido pelo deputado Sérgio Caiado
integras -> SR. carlos de souza
integras -> SR. giacobo (bloco pl/ pr) pronuncia o seguinte discurso Sr. Presidente, Sras e Srs. Deputados
integras -> Deputado vitor penido
integras -> Discurso proferido pelo Deputado regis cavalcante(pps/AL), em sessão no dia / /2002


Compartilhe com seus amigos:


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal