Protocolo sugerido para consulta com nefrologista



Baixar 367.83 Kb.
Página5/5
Encontro29.07.2016
Tamanho367.83 Kb.
1   2   3   4   5

USG DO APARELHO URINÁRIO

Código SAI/SUS: 1401405-0
INDICAÇÕES:

  • Tumores,

  • Litíase,

  • Más formações,

  • Rim policístico,

  • Insuficiência Renal,

  • Hipertensão Arterial Sistêmica Renovascular (suspeita),

  • Disfunção miccional.


PRÉ-REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico,

  • EAS,

  • Função renal,

  • Raio X simples (conforme o caso),

  • USG de abdome prévia (se houver).

PRIORIDADE:



  • História clínica compatível com as indicações acima.

  • Passado de litíase de vias urinárias

  • Crianças e recém nascidos com infecções urinárias,comprovadas por urocultura ou internação prévia por sepse ou pielonefrite.


PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

  • Urologista,

  • Cirurgião Geral,

  • Cirurgião pediátrico

  • Clinico Geral,

  • Nefrologista,

  • Oncologista,

  • Pediatra,

  • Médico PSF.




  • USG DO HIPOCONDRIO DIREITO

CODIGO SIA/SUS 140N1910-8
INDICAÇÕES:

  • Colelitíase,

  • Hepatopatias,

  • Tumores.


PRÉ-REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico,

  • Transaminases hepaticas

  • Raio X simples (conforme o caso),

  • USG prévio (se houver).


PRIORIDADES

  • Histórico compatível com cólica biliar,

  • Portadores de hepatite B e C,

  • Acompanhamento de doenças crônicas de recém nascidos,


BREVIDADES

  • Suspeita de câncer e sinais de obstrução das vias biliares.


PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

- Geriatra,

- Cirurgião Geral,

- Clinico Geral,

- Gastroenterologista,

- Cirurgião Pediátrico,

- Pediatra,

- Médico do PSF.




  • ULTRASSONOGRAFIA DAS ARTICULAÇÕES (osteomuscular)

CODIGO SIA/SUS 1401901-9
INDICAÇÕES:

  • Artrite séptica

  • Tendinites,

  • Cistos Sinoviais,

  • Lesão por esforço repetido (LER),

  • Disfunção da Articulação temporomandibular,

  • Derrames Articulares,

  • Bursites,

  • Espessamento de Bainha Tendinosa de qualquer natureza.

  • Lesão muscular e tendinosa


PRÉ-REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico,

  • Raio X simples (conforme o caso).


PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

  • Ortopedista,

  • Reumatologista.


PRIORIDADES

  • Artrite séptica




  • USG DO GLOBO OCULAR

CODIGO SAI/SUS 1401501-3
INDICAÇÕES:

  • Avaliação do olho indevassável (catarata madura)

  • Tumores intra – oculares

  • Traumas oculares

  • Patologias coroídeas

  • Patologias vitrais e retinianas

  • Doenças do nervo óptico e da órbita


PRÉ-REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico.


PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

  • Oftalmologista.


PRIORIDADES

  • Traumatismo

  • Suspeita de câncer




  • USG TRANSFONTANELA

CODIGO SAI/SUS 1401301-0

INDICAÇÕES:

  • Hidrocefalia,

  • Estenose dos vasos intracranianos de maior calibre,

  • Avaliar efeitos hemodinâmicos e repercussão de doença obstrutiva das carótidas extracranianas,

  • Avaliar roubo da subclávia,

  • Monitorar vasoespasmo,

  • Rastrear comprometimento da circulação cerebral na Anemia Falciforme.


PRÉ-REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico,

  • Raio X simples (conforme o caso).


PRIORIDADES

  • Menores de 01 ano,

  • Portadores de válvulas de derivação ventrículo-peritoneal

  • Pacientes falcemicos SS


PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

  • Neurologista

  • Neurocirurgião

  • Pediatras

  • Neonatologistas




  • USG DO TÓRAX

CODIGO SAI/SUS 1401013-2
INDICAÇÕES:

  • Derrame Pleural,

  • Pleuropatias,

  • Patologias do diafragma,

  • Patologias do mediastino.


PRÉ-REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico,

  • Raio X do tórax PA / Perfil.


PRIORIDADES

Histórico clinico compatível com os indicadores acima.


PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

  • Cirurgião Torácico,

  • Pneumologista.

  • Cirurgião geral

  • Pediatra




CODIGO SIA/SUS 14011401- 7
INDICAÇÕES:

  • Aumento da bolsa escrotal,

  • Tumores,

  • Varicocele,

  • Cistos de cordão,

  • Infecções,

  • Torções.


PRÉ-REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico,

  • Raio X simples (conforme o caso).

Obs: Médicos generalistas devem encaminha para os especialistas
PRIORIDADES

  • Crianças

  • Adolescentes


BREVIDADES

  • Suspeita de câncer


PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

  • Urologista,

  • Pediatra,

  • Cirurgião Geral,

  • Cirurgião Pediátrico.




  • USG DA TIREÓIDE

CODIGO SAI/SUS 1401404-1
INDICAÇÕES:

  • Hipotireoidismo,

  • Hipertireoidismo,

  • Cistos,

  • Tumores.


PRÉ-REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico,

  • Exames de laboratório (TSH, T4, T3).


PRIORIDADES

  • Nódulo de tireóide


PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

  • Endocrinologista,

  • Oncologista,

  • Cirurgião Geral,

  • Cirurgião de Cabeça e Pescoço,

  • Cirurgião Torácico,

  • Cirurgião Pediátrico.




  • USG PÉLVICA GINECOLÓGICA

CODIGO SAI/SUS 1401101-8

  • USG TRANSVAGINAL

CODIGO SAI/SUS 1401202-2
INDICAÇÕES:

  • Dor pélvica aguda,

  • Dor pélvica crônica,

  • Anexites,

  • Investigação de massa abdominal,

  • Diagnóstico diferencial de tumores pélvicos,

  • Sangramento genital pós-menopausa,

  • Sangramento genital anormal no menacme,

  • Seguimento periódico de climatério,

  • Amenorréia primária,

  • Amenorréia secundária não relacionada à gravidez,

  • Tumores e cistos ovarianos pré e pós menoapausa.

  • Inicio de gravidez,

  • Gestação de 1º. Trimestre,


PRÉ REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico,

  • Preventivo recente

  • EAS

  • RX simples, conforme o caso,

  • USG prévio, se houver.

OBS: O exame não devera ser repetido com menos de 01 ano. O médico do PSF somente devera solicitar estes exames para determinação de idade gestacional em caso de DUM desconhecido. Em outros caso encaminhar ao especialista.
PRIORIDADES


PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

  • Ginecologista,

  • Cirurgião Geral,

  • Cirurgião Pediátrico,

  • Obstetra,

  • Médico do PSF,

  • Clínico Geral.

  • Dermatologista




  • USG OBSTÉTRICA

CODIGO SAI/SUS 1401201-4
INDICAÇÕES:

  • Doença hipertensiva da gravidez (DHEG),

  • Seguimento de desenvolvimento fetal,

  • Medida de espessura do colo uterino,

  • Localização da placenta, nos casos de suspeita de Placenta Prévia,

  • Acretismo placentário (suspeita),

  • Oligodrâmnio e Polidrâmnio,

  • Gestante obesa grau 3,

  • Erro provável de data do parto,

  • Amniorrexe prematura confirmada,

  • Gravidez múltipla,

  • Ausência de BCF,

  • Sofrimento fetal,

  • Circular de cordão,

  • Crescimento Intra-Uterino Retardado (CIUR).


PRÉ REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico,

  • Teste de Gravidez

  • Cartão de pré- natal

PRIORIDADES



  • Gestante com cartão de pré- natal do SUS e numero do SIS pré- natal


PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

  • Ginecologista,

  • Obstetra,

  • Enfermeiro na gestação de baixo risco para avaliação do médico

  • Médico do PSF,

  • Clínico Geral que atua no pré-natal


PROTOCOLO SUGERIDO PARA USG BI-DIMENSIONAL COM OU SEM DOPPLER (ECOCARDIOGRAMA) - CODIGO SAI/SUS 1401501-3
INDICAÇÕES:

  • Lesão valvular,

  • Disfunção ventricular esquerda de qualquer etiologia,

  • Cardiopatias congênitas.


PRÉ-REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico,

  • Raio X simples (conforme o caso),

  • ECG,

  • Teste Ergométrico (se houver).

Obs: em caso de exames com menos de 01 ano deve ser acompanhado relatório médico para avaliação do médico regulador.
PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

  • Cardiologista,

  • Cirurgião Cardiovascular


Obs: O Ecocardiograma fetal somente poderá ser solicitado pelo médico obstetra no ambulatório de alto risco.
PRIORIDADES

  • ECG alterado,

  • Uso de medicações cardiotônicas,

  • Pacientes pós-infarto,

  • Pós-cirurgia cardíaca,

  • Menores de 05 anos e maiores de 65 anos.




CODIGO SIA/SUS 1401906-0

  • USG OBSTETRICA COM DOPPLER COLORIDO

CODIGO SIA/SUS 1401911-6
INDICAÇÕES

  • Retardo de crescimento intra uterino,

  • Gestante diabética e/ou hipertensa


PRÉ-REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico,

  • USG obstétrica


PRIORIDADES
PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

  • Obstetra do programa de pré- natal de alto risco




  • USG DE PARTES MOLES

CODIGO SIA/SUS

INDICAÇÕES



  • Avaliação e acompanhamento da profundidade de tumores cutâneos e subcutâneos.


PRÉ-REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico,


PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

  • Dermatologista


PROTOCOLO PARA SOLICITAÇÃO DE MAMOGRAFIA

CODIGO SIA/SUS 1309202- 2
INDICAÇÕES:

  • Mulheres com idade igual ou superior a 40 anos anualmente,

  • Mulheres com idade igual ou superior a 35 anos, com fator de risco,

  • Nódulos,

  • Alterações da pele das mamas,

  • Fluxo papilar,

  • Linfonodo axilar suspeito,

  • Mulheres em Tratamento de Reposição Hormonal,

  • Achado anormal em mamografia anterior.


PRÉ-REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico,

  • USG ou mamografia prévia (se houver).


PRIORIDADE

  • Pacientes acima de 40 anos de idade e pedidos de mastologistas


PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

- Médico PSF,

- Mastologista,

- Oncologista,

- Ginecologista.
PROTOCOLO SUGERIDO PARA ESTUDO URODINÂMICO


  • Cistometria com cistômetro - CODIGO SIA/SUS 1710102

  • Cistometria simples - CODIGO SIA/SUS 1710103

  • Perfil de pressão uretral- CODIGO SIA/SUS 1710106

  • Urofluxometria - CODIGO SIA/SUS 1710109

  • Urodinâmica completa - CODIGO SIA/SUS 1710201


INDICAÇÕES

  • Bexiga neurogênica

  • Prostatismo

  • Incontinência urinária


PROFISSIONAIS SOLICITANTES

  • Urologista

  • Nefrologista

  • Ginecologista

  • Cirurgia pediátrica

  • Neurologista


PRIORIDADES

  • Paciente prostático com insuficiência renal

  • Sequelados de AVC e TRM com insuficiência renal (creatinina > ou = 1,5mg/dl


PROTOCOLO SUGERIDO PARA UROGRAFIA EXCRETORA

CÓDIGO SIA/SUS: 1307103-3


INDICAÇÕES:

  • Lesões Uretrais e Renais duvidosas,

  • Avaliar alterações na face póstero-lateral da bexiga,

  • Avaliar obstruções altas ou baixas,

  • Hidronefrose,

  • Calculose (diagnóstico e planejamento terapêutico),

  • Avaliar Anomalias Congênitas do trato urinário,

  • Tumores Intraluminares: Piélicos ou Uretrais,

  • Avaliar Hematúria Macro e Microscópica.

CONTRA-INDICAÇÕES:



  • Hipotensão,

  • Desequilíbrio do Cálcio ou Tetânia,

  • Descompensação Cardíaca,

  • Diabete Mellito descompensada,

  • Mieloma Múltiplo,

  • Desidratação,

  • Insuficiência Renal descompensada,

  • Pielonefrite Aguda.

  • Alergia ao contraste iodado


PRÉ-REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico,

  • RX simples Abdome com Laudo,

  • US Rim/vias urinárias.


PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

  • Clínico Geral,

  • Médico do PSF,

  • Urologista,

  • Nefrologista,

  • Cirurgião Geral e Pediátrico.


PRIORIDADE

  • Seguimento pós litotripsia extra- corpórea

  • Calculose renal



PROTOCOLO SUGERIDO PARA MAPEAMENTO DE RETINA

código SIA/SUS : 1707306
Indicações:

  • Deslocamento da retina

  • Doenças da retina

  • Glaucoma

  • Altas miopias

  • Traumas

  • Pré- operatórios de cirurgias oculares


PRIORIDADES:

  • Diabetes,

  • Hipertensos,

  • Pacientes com hemoglobinopatias,

  • Míopes com acima de (6:00 SPH),

  • Co- morbidades graves


Profissionais solicitantes:

  • oftalmologistas


PROTOCOLO SUGERIDO PARA Biometria (código SIA/SUS: 1707306)
Indicações:

  • Pré- operatório de cirurgia de catarata

  • Controle do glaucoma congênito

  • Refração em crianças


PRIORIDADES:

  • Diabetes,

  • Hipertensos,

  • Pacientes com hemoglobinopatias,

  • Míopes com acima de (6:00 SPH),

  • Co- morbidades graves


Profissionais solicitantes:

  • oftalmologistas


PROTOCOLO SUGERIDO PARA CAPIMETRIA (código SIA/SUS: 1707307)

Indicações:

  • Controle do glaucoma

  • Doenças de mácula

  • Doenças retiniana

  • Doenças neurológicas de vias ópticas

  • Para emissão de laudos


PRIORIDADES:

  • Diabetes,

  • Hipertensos,

  • Pacientes com hemoglobinopatias,

  • Míopes com acima de (6:00 SPH),

  • Co- morbidades graves


Profissionais solicitantes:

  • oftalmologistas




  • DENSITOMETRIA OSSEA

CODIGO SIA/SUS
INDICAÇÕES

  • Osteoporose

  • Tumores

  • Patologias metabólicas

  • Doença de Paget

  • Controle de osteopenia e osteoporose em pacientes com uso crônico de corticóides, em doenças auto- imunes e hanseníase.


PRÉ-REQUISITOS:

  • História Clínica,

  • Exame Físico,

  • Rx da coluna com laudo


PROFISSIONAIS SOLICITANTES:

  • Ortopedista

  • Endocrinologista

  • Ginecologista

  • Oncologista

  • Reumatologista

  • Dermatologista


PRIORIDADES

  • Osteoporose

  • Tumores

  • Patologias metabólicas


Observações a serem consideradas no preenchimento de todas as solicitações de Exames


  • Toda solicitação de exame/procedimento deve ser feita em documento próprio normatizado e regulado.

  • Os exames/procedimentos a serem solicitados são aqueles aceitos e consolidados pelo Ministério da Saúde, pela tabela do Sistema de Informações Ambulatoriais – SIA/SUS;

  • Toda solicitação de exame/procedimento para ser autorizada deve estar preenchida corretamente, de maneira legível e em todos os campos: nome completo, idade, número do prontuário, sexo e origem do paciente;

  • Descrever o quadro clínico (anamnese e exame físico) que justifique o pedido, principalmente se for indicado prioridade, descrevendo ou anexando também resultados de exames prévios, relacionados ao quadro, se realizados;

  • Cada requisição de Exame deve conter apenas 1 (um) pedido de Exame, preenchido de maneira legível de acordo coma descrição da “Tabela de Procedimentos do SIA/SUS” ;

  • É necessário data da solicitação e identificação do médico assistente, com carimbo e assinatura;

  • O formulário de Requisição de Exames deve estar identificado, com o carimbo da Unidade de Saúde, onde o paciente foi atendido.


ATENÇÃO: O preenchimento adequado é importante para que o exame/procedimento seja autorizado e no caso de exames com pouca oferta possa ser avaliada a ordem de prioridade.

Não preenchimento adequado determinará a devolução da solicitação para que seja refeita pelo profissional.



REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

1. FORMIGA et al. Protocolo de acesso a exames/procedimentos ambulatoriais de média e alta complexidade. Secretaria Municipal de Saúde de São Carlos, SP, 2006.

2. Ministério da Saúde – Protocolos Clínicos. Central Nacional de Regulação de Alta Complexidade. Disponível em Http:// portal.saude.gov.br/portal/saúde/gestor, acessado em 20 de maio de 2008.

3. Ministério da Saúde – Protocolos Clínicos para exames de media e alta complexidade. Disponível em Http:// portal.saúde.gov.br/portal/saúde/gestor, acessado em 20 de maio de 2008.

4. ROCHA et al. Protocolo de acesso a exames/procedimentos ambulatoriais de média complexidade. Secretaria Municipal de Santo Antônio de Jesus, BA, 2007.

5. VILAR et al. Protocolos de Acesso às Consultas Especializadas. Secretaria de Saúde de Recife. Central de regulação do Recife, manual vol. 1, Recife – PE, 2006.



6. ZANON et al. Protocolo de acesso a exames/procedimentos ambulatoriais de média e alta complexidade. Secretaria Municipal de Saúde de Joinville, SC, 2002.
Catálogo: Eventos -> encontro%20de%20regulacao -> protocolos
Eventos -> Características aerogeofísicas da Folha Luz (se 23 y d V) Interpretação e dados preliminares
Eventos -> Gestão compartilhada e democrática – pratica escolar que ensina a todos: um estudo sobre o centro de educaçÃo basica da universidade estadual de feira de santana. Sandra Maria Cerqueira da Silva Mattos1 José Raimundo Oliveira lima2
Eventos -> ContribuiçÕes da psicomotricidade no desenvolvimento global das crianças do ensino fundamental
Eventos -> Ilmenita em seropédica?
protocolos -> Protocolo sugerido para solicitaçÃo de ultrassonografia de mama
protocolos -> Protocolo sugerido para ressonância magnética nuclear de crânio e encéfalo
protocolos -> Protocolo sugerido para solicitaçÃo de doppler de carótidas e vertebrais
protocolos -> Protocolo sugerido para solicitaçÃo de cintilografia do sistema cardio-vascular
protocolos -> Protocolo sugerido para solicitaçÃo de densitometria óssea
protocolos -> Ginecológica e obstétrica


Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5


©principo.org 2019
enviar mensagem

    Página principal