Reitor da uemg lança livro na universidade de aveiro



Baixar 11.36 Kb.
Encontro23.07.2016
Tamanho11.36 Kb.


Você leitor que tem informações, notícias e artigos que deseja ver publicados através deste boletim envie-os para a PROPPG por e.mail

(naiade.fonseca@uemg.br, ) - Os artigos enviados pelos leitores são de sua inteira responsabilidade, não devem ser maiores que uma folha A4.



  1. R

    EITOR DA UEMG LANÇA LIVRO NA UNIVERSIDADE DE AVEIRO


«Metaprojeto: o design do design» livro de autoria do designer, escritor, conferencista e Reitor da UEMG, professor Dijon Moraes Júnior, será apresentado no auditório da livraria da Universidade de Aveiro.

O professor Dijon Moraes Junior, reitor da Universidade do Estado de Minas Gerais – UEMG, coordenador do Centro de Estudos Teoria, Cultura e Pesquisa em Design e editor dos Cadernos de Estudos Avançados em Design da instituição,e Ph.D em Design, pelo Politecnico di Milano, Itália. Pelo conjunto da sua obra prática e teórica, obteve reconhecimento no Brasil e no exterior. É autor dos premiados livros «Limites do design» e «Análise do design brasileiro», entre outros. Está participando, na Universidade de Aveiro, em Portugal do Congresso Internacional de Design, promovido pela Associação Nacional de Designers e do Fórum Internacional Design como Processo. Nesta quarta-feira, lança seu livro Metaprojeto: o design do design. Espaço de reflexão disciplinar e de elaboração dos conteúdos da cultura do projeto, esta obra nasce da necessidade de uma plataforma de conhecimentos que sustente e oriente a atividade de design num cenário fluído e em constante mutação. Pelo seu caráter dinâmico, o metaprojeto desponta como um modelo que considera todas as hipóteses possíveis dentro da potencialidade do design, mas que não produz out puts como modelo projetual único e soluções técnicas preestabelecidas. O metaprojeto, como observado neste livro, é uma alternativa posta ao design, contrapondo os limites da metodologia convencional, ao se colocar como etapa prévia de reflexão e suporte ao desenvolvimento do projeto num cenário mutante e complexo. Nesse sentido, o metaprojeto, enquanto metodologia da complexidade pode ser considerado o projeto do projeto, ou melhor, o design do design.

(http://www.uemg.br/eventos.php?id=3435)

2. ANPOCS MONTA CIRCUITO DE C&T EM CIDADE MINEIRA

A Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais (Anpocs), em parceria com MCT, realiza de 24 a 28 deste mês, em Caxambu (MG), o TEM Circuito de Ciência e Tecnologia. O objetivo do evento, que terá 12 estações em diferentes pontos da cidade, é aproximar a população da ciência. Estão previstas exposições, palestras, filmes, e shows. As atividades contemplam, principalmente, as áreas de exatas, humanas e biológicas. A abertura será às 20h30, da segunda-feira (24). Informações sobre o evento bem como a programação completa podem ser obtidas neste link. (http://www.gestaoct.org.br/)



3. PRÊMIO ÁLVARO ALBERTO 2010 É LANÇADO

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) lançou a edição 2010 do Prêmio Almirante Álvaro Alberto para Ciência e Tecnologia. A premiação é concedida a pesquisadores que se destaquem pela realização de obra científica ou tecnológica de reconhecido valor para o progresso da sua área de atuação. A premiação consiste de diploma, medalha e R$ 150 mil. Resultado de uma parceria entre o Ministério da Ciência e Tecnologia, o CNPq e a Fundação Conrado Wessel, o prêmio é concedido anualmente em sistema de rodízio. A cada ano o prêmio contempla uma grande área do conhecimento. A área contemplada nessa edição será a das Ciências da Vida. Uma comissão de especialistas será designada para indicar os nomes dos candidatos e encaminhar a lista, contendo de quatro a seis nomes, ao CNPq. A comissão será composta por nove integrantes, incluindo um presidente designado pelo ministro da Ciência e Tecnologia. Os outros membros serão indicados por instituições como a Academia Brasileira de Ciências (ABC), a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), a Associação Nacional dos Docentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), o Conselho Nacional de Secretários Estaduais para Assuntos de Ciência, Tecnologia e Inovação (Consecti) e o Conselho Nacional das Fundações de Amparo à Pesquisa dos Estados (Confap). Os ganhadores das últimas edições foram: o físico Luiz Davidovich (2009), o historiador José Murilo de Carvalho (2008) – ambos professores titulares da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) –, o médico e farmacologista Sérgio Henrique Ferreira (2007), professor titular da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (USP), e o químico Fernando Galembeck (2006), professor titular do Instituto de Química da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Instituído em 1981 e restaurado pelo Decreto 5.924, de 4 de outubro de 2006, o Prêmio Almirante Álvaro Alberto para Ciência e Tecnologia é considerado uma das mais importantes premiações do país, entregue anualmente pelo presidente da República. Idealizador e primeiro presidente do CNPq, então Conselho Nacional de Pesquisas, o almirante Álvaro Alberto também foi o representante brasileiro na Comissão de Energia Atômica das Nações Unidas e presidiu a Academia Brasileira de Ciências. Mais informações: www.cnpq.br/premios/2010/paa


Se você não tem mais interesse em receber este Boletim, gentileza mandar a solicitação de cancelamento do seu endereço eletrônico para naiade.fonseca@uemg.br


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal