RenovaçÃo carismática católica secretaria ágape manual de Evangelização da Família introduçÃo projeto da Ofensiva Nacional para a Família Coord. Nacional



Baixar 240.82 Kb.
Página4/6
Encontro19.07.2016
Tamanho240.82 Kb.
1   2   3   4   5   6

KASUN, Jacqueline. The War Against Population - The Economics and Ideology of Population Control.




  1. MARTINO, Renato R. Palestra proferida no Congresso Internacional Teológico - Pastoral. Rio de Janeiro. Outubro de 1997.(Observador Permanente da Santa Sé, na ONU).




  1. TOPFER, Klaus. Ministro Alemão Meio Ambiente. Revista Deutchland, Dezembro de 1994. p43.




  1. “Clinton Signs Family Planning Aid Legislation”. Internet Doc. De 1/3/97.


  1. GTPOS (Grupo Trabalho e Pesquisa em Orientação Sexual). “Guia de Orientação Sexual”. Tradução do Guidelines for Comprehensive Sexuality Education, ... SIECUS - (Sex Information and Education Council US) FORUM NAC. DE EDUC. E SEXUALIDADE. Casa do Psicólogo Livraria e Ed. 1994.




  1. CLOWES. Brian. Os Fatos da Vida. PROVIDAFAMÍLIA. Brasília. 1997.



PROJETOS ESPECÍFICOS


  1. O QUE É SECRETÁRIA ÁGAPE?

É o organismo dentro da Renovação Carismática Católica, responsável pela evangelização, acompanhamento e formação das famílias.

Não somos apenas um grupo de pessoas que participa de Grupos de Oração e realiza encontros para evangelização de casais. Queremos ser um trabalho pastoral que leva a vocação de ser família de Deus muito a sério. Nosso olhar está sobre a família como um todo e de qualquer maneira que ela se apresente, oferecendo caminhos para sua santificação para que tenha vida espiritual e social digna.



  1. COMO SURGIU?

Surgiu diante da urgência da evangelização do homem em seu contexto na vida social. A família é a primeira célula da sociedade, é o santuário da vida, é onde nasce e cresce a vida humana salva por Jesus na Cruz. É onde o amor floresce e encontra sua mais simples, completa, e profunda forma de se manifestar. É “esperança e alegria” para o homem, como diz João Paulo II.

  1. POR QUE FORMAR ESTA SECRETARIA EM SEU ESTADO, DIOCESE, CIDADE OU GRUPO DE ORAÇÃO?

Para, através de um trabalho alinhado à Ofensiva Nacional, trazer a família para o projeto de DEUS. Este desafio envolve desde a restauração completa das famílias já constituídas, com ou sem problemas, orientação a jovens, preparando-os para se tornarem nova sementeiras da verdade e da luz, até a proteção das crianças, para que estas possam desenvolver o potencial do amor de Deus recebido na sua criação.

  1. COMO FORMAR A SECRETARIA?

NA DIOCESE - Através de um casal coordenador Diocesano da Secretária Ágape, nomeado pela coordenação Diocesana da Renovação. Este casal manterá contato com os coordenadores foraniais, vicariatos, decanatos e se for o caso Paroquiais dando todo apoio e informações necessárias sobre os rumos da secretaria ÁGAPE, de acordo com a Ofensiva Nacional da RCC.

NA FORANIA, VICARIATO, DECANATO - Através de um casal escolhido pela coordenação Diocesana da Secretaria ÁGAPE, em conjunto com os coordenadores Diocesanos da RCC. Este casal ficará responsável pela implantação e pastoreio da ÁGAPE na forania, decanato, vicariato.

NAS CIDADES/PARÓQUIAS - O coordenador Diocesano escolherá um casal para animar ou ser o coordenador Paroquial da Secretaria, que fará com que retiros de primeiro anúncio, seminários de vida no espírito e formação com conteúdo dirigido às famílias aconteçam conforme orientação Nacional, Estadual, Diocesana.

5- COMO FAZÊ-LA ACONTECER?

De acordo com a realidade de cada local, em comunhão com o Bispo e com o Pároco. Procurar desenvolver, conforme orientações contidas no projeto nacional para a secretaria, atividades específicas dando atenção especial aos cônjuges, jovens vocacionados à vida familiar na sua preparação para o casamento, às crianças, aos viúvos e às famílias incompletas.



Devemos procurar, no que depender de nós, a comunhão com o clero e outros movimentos da igreja para fortalecer o trabalho de pastoral, sem no entanto perder a vocação a que fomos chamados como Renovação Carismática Católica (“RCC seja a renovação carismática para igreja.” J. Paulo II, discurso às lideranças da RCC- encontro mundial, Fiuggi, 1998)


METAS DE TRABALHO DE EVANGELIZAÇÃO

Encontros de Primeira Experiência de oração para casais:




  1. Esses encontros deverão contar os temas do primeiro anúncio, o KerigmaAmor de Deus, o pecado, Jesus solução, etc... - .com as pregações voltadas para a realidade de casal e familiar, além de temas específicos para a vida conjugal e familiar - matrimônio, filhos e igreja.

  2. Todo o anúncio deve ser feito direcionado ao casal, pois além dos participantes serem levados a um encontro pessoal com Jesus, o casal deverá fazer também esta experiência de salvação em seu relacionamento conjugal. Podem ser desenvolvidos dinâmicas próprias para fortalecer o conteúdo do anúncio.

  3. Local, nº. De participantes, horários, ficam de acordo com cada realidade Diocesana.

  4. Pregadores: “Casais” que já tenham feito a experiência do Senhorio de Jesus em seu relacionamento conjugal e dêem testemunho desta vivência.

  5. Ver anexo com sugestão de palestras e conteúdo.


Encontros de Aprofundamento de oração para casais:




  1. Deverão ser realizados sempre após a Primeira Experiência, ou quando se fizer necessário.

  2. Os temas poderão ser eleitos conforme a realidade do grupo (Paróquia, Decanato ou Diocese). No entanto, sugerimos algumas temas que parecem ser os mais críticos nos dias de hoje:

  • Relacionamento Conjugal;

  • Sexualidade e Afetividade;

  • Educação e formação dos Filhos;

  • Relacionamento Pais e Filhos;

  • Economia e finanças no lar Cristão.

  • Santidade e vida de oração na família;

  • Relacionamento Social - quem somos e quem é nossa comunidade;

  • Diálogos conjugal e de sentimentos;

  • Espiritualidade na família;

  • Cura e libertação da família.



  1. Exigência: Pregadores com grande vivência no relacionamento conjugal e espiritual. Os coordenadores da Secretaria, em qualquer nível - Diocesano, Estadual, etc. -, devem observar os seguintes aspectos na formação dos pregadores dos encontros:

  • Pessoas que tenham um bom testemunho familiar ou que possam demonstrar como superaram seus problemas.

  • Devem ter o conteúdo da doutrina católica a respeito do tema família.

  • Terem o carisma e a formação para pregadores, agindo em unidade com a secretária Pedro de pregadores.

  • Que tenham a espiritualidade da RCC e que tenham vida de oração e busca de santidade de vida. Mesmo que estes pontos pareçam ser subjetivos devemos procurar zelar pela obra que é de Deus.


1   2   3   4   5   6


©principo.org 2016
enviar mensagem

    Página principal